Projeto "Bullying: Somos todos iguais nas próprias diferenças"
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Projeto "Bullying: Somos todos iguais nas próprias diferenças"

on

  • 48,141 views

 

Statistics

Views

Total Views
48,141
Views on SlideShare
48,141
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
337
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Projeto "Bullying: Somos todos iguais nas próprias diferenças" Projeto "Bullying: Somos todos iguais nas próprias diferenças" Presentation Transcript

    • Universidade do Estado do Rio de Janeiro Projeto Educativo 2012 Bullying: somos todos iguais nas próprias diferenças Tema: BullyingOrganização:Profª Giselle DiasProfª Mariana BastosProfª Mariana ElenaProfª Rafaela BarrosProfª Viviane Teixeira
    • Introdução A relevância do tema de estudo para a sociedade atual; Brincadeiras X Agressão verbal, física e moral; A celeuma entre teoria e prática; O respeito às diferenças; A elaboração do Projeto Educativo “Bullying: somos todos iguais nas próprias diferenças”.
    • Problemática: Bullying Trata-se de uma forma de violência de caráter verbal, físico e/ou psicológico; As principais características do Bullying são hostilidade, crueldade, difamação, invenção de apelidos depreciativos e exclusão; As consequências para a vítima; Este tipo de violência pode se fazer presente em diversos âmbitos sociais: local de trabalho, vizinhança, família e, principalmente, na escola; Pode, inclusive, ocorrer no meio virtual – Cyberbullying; Atualmente é um tema recorrente e amplamente discutido;
    • Questões de EstudoTendo em vista a urgência em se tratar atemática do bullying, algumas questões e reflexões são norteadoras nesta perspectiva: Como lidar com o bullying em sala de aula? Como orientar alunos e alunas a respeito da violência e da agressão no ambiente escolar? De que forma a família pode contribuir a esse favor?
    • JustificativaA relevância do Projeto se dá a partir da análise do modo como as crianças percebem e entendem o Bullying e a necessidade de orientação e atenção a respeito do problema;É importante, também, o estímulo à pesquisa, ao diálogo e à troca de ideias, a fim de desenvolver a capacidade de reflexão.
    • Objetivos do Projeto Promover o esclarecimento sobre o Bullying e os danos físicos e/ou morais que pode causar às vítimas dessa prática; Estimular debates quanto à prática do Bullying, sobretudo as pessoas que fazem parte de grupos minoritários; Apresentar a diferença entre tolerância e aceitação; Promover reflexões sobre diversidade cultural; Gerar nos alunos o reconhecimento de que vivem em uma sociedade plural constituída de indivíduos singulares.
    • Objetivos de Aprendizagem Conceituar o Bullying e suas diversas modalidades; Levar a conscientização da prática do Bullying e suas consequências; Promover no aluno a tolerância acerca de todos os grupos que compõem a sociedade. Propiciar ao aluno a participação em debates, geradores de reflexões, visando à autonomia de pensamento; Tornar propício o entendimento que a sociedade é composta por múltiplas identidades.
    • MetodologiaO Projeto privilegiará a realização de atividades interdisciplinares,nas quais o educador irá mediar o processo de ensino-aprendizagem,fornecendo aos alunos ferramentas e orientações por meio dosseguintes métodos:Roda de discussões;Exposição Oral;Entrevista;Dinâmica de grupo;Seminário;
    • Recursos DidáticosSite de buscas Google;Redes sociais mais utilizadas atualmente;Datashow/ TV equipada com DVD;Revistas;Mapas;Gráficos;Mural didático.
    • Conteúdos Didáticos Geografia Gráficos – Leitura e construção de gráficos Português Oralidade – Capacidade de comunicação, argumentação e Matemática senso crítico Porcentagem – Mudança de números ordinais para porcentagem Ética Respeito à Diversidade – Música Discutir e respeitar as diferençasUtilizar a música como forma de existentes na sociedade combate ao Bullying
    • Atividades:  1° Atividade: “Roda de ideias e fatos” Formaremos uma roda com os alunos e os docentes, para a discussão do tema, suas características, seus casos, a seriedade do mesmo, e as possíveis soluções para diminuir, ou melhor, acabar com a prática do bullying.
    • 2° Atividade: Pesquisa e coleta de dados Os alunos farão uma pesquisa na sala, onde os mesmo responderão e anotarão os resultados das seguintes questões: Você já sofreu bullying? Você já praticou bullying? Diante das respostas os alunos transformarão os números obtidos em porcentagem.Ex: Nossa turma tem 20 alunos, os resultados da pesquisadivulgaram que 2 já sofreram bullying, e 4 já praticaram. Osalunos transformarão esses números em porcentagem, ou seja,10% da turma já sofreu com bullying e 20% já praticou.
    • 3° Atividade: Construção de gráficos Diante do resultado da pesquisa anterior, dividiremos a turma em grupos paraque cada grupo faça um gráfico, ilustrando a porcentagem de colegas que sofreramou/e praticaram o bullying. Essas duas atividades tem como objetivo ilustrar, a ocorrência da prática debullying na sala, para impactar os alunos, e fazer com que os mesmos queiram mudaro resultado obtido. E a pesquisa será refeita de dois em dois meses, para ver sediminui essa violência.
    • 4° Atividade: “As diferenças do mundo” Em cada semana cada grupo trará algo de diferente para mostrar para turma, podendo ser:uma religião com crenças diferentes, culturas diferentes, etnias diferentes, animais diferentes, eoutras coisas que surgirem e que evidenciem algo que não estamos acostumados a ver na nossasociedade. Podendo ser mostrado em foto, artigos, vídeos e outras formas de exibição. Ogrupo terá que explicar o que trouxe, e porque trouxe. Com essa atividade queremos clarificar no aluno, que o padrão que seguimos (estético,cultural e etc) é um fator histórico, construído (por nós) durante os anos, e que mesmo quetenham coisas fora desse padrão devemos conhecê-las e respeita-las, e não julgá-las e excluí-las.
    • 5° Atividade: “Na trilha do combate ao Bullying”Nessa atividade os alunos terão que parodiar alguma música, transformando a letraem um “hino” ao combate ao Bullying. Fazendo com que fique mais divertido eprazeroso lembrar o que fazer para acabar com essa agressão que é o Bullying. Alémdisso, os alunos terão que escolher uma música por grupo, fazendo com que osgostos musicais se misturem, e com isso que eles tenham que entrar em umconsenso musical.
    • 6° Atividade: “Somos diferentes” A proposta aqui é solicitar que os alunos realizem uma pesquisa em revistas, etragam para sala de aula pedaços de corpos de pessoas (cabeça, tronco, pernas).Eles farão esse levantamento em dois dias. Após o material ser colhido faremos ajunção das partes, com figuras diversas, adquirindo assim diversos corpos comfeições e estruturas físicas diferentes. O objetivo é que eles possam perceber que aspessoas são diferentes umas das outras e temos que conviver e respeitar essasdiferenças.
    • 7ª Atividade: Teatro Será apresentado o tema para os alunos e em seguida discutiremos afim de reconhecer seus conhecimentos prévios sobre o assunto. A partir daí, classificaremos os tipos de bullying e suas respectivas consequências. Será ensaiado uma encenação onde os alunos apresentarão um esquete teatral exibindo os diferentes tipos de bullying presente na nossa sociedade. Os textos, o modo de atuação, o cenário, o figurino, entre outros, serão de inteira responsabilidade dos alunos sendo mediados pelo professor. A direção do teatro será de total responsabilidade dos alunos. Objetivando alertar os alunos e comunidade escolar sobre a problemática esse esquete teatral terá a finalidade de desenvolver nos alunos uma reflexão sobre o tema, além de desenvolver e estimular a produção teatral, exercitar a expressão oral, corporal e escrita e o comprometimento com a construção do projeto. O local utilizado para os ensaios será a sala de aula sendo improvisada para atender suas necessidades e a apresentação acontecerá no pátio da escola. A atividade se desenvolverá em um período de dois meses, preferencialmente os dois últimos meses de aula.
    • 8ª Atividade: Informática Na aula de informática os alunos deverão construir um fórum de debates onde será colocado uma imagem, um depoimento, uma frase ou um texto que agirá como elemento norteador da discussão. O professor deve agir como mediador em todo o desenvolvimento do fórum. Os alunos deverão pesquisar os elementos que embasarão a discussão. Cada alunos postará um elemento e comentará o elemento do outro colega. O professor analisará a criação do fórum, a habilidade na procura do elemento e a troca de interações com os outros colegas via fórum. O período de duração dessa atividade será de uma aula. 
    • 9ª Atividade: Produção textual  Na aula de português a turma construirá um livro cujo título poderá ser Causos e casos de bullying na escola. Esse livro trará histórias vividas ou presenciadas pelas crianças no contexto escolar. Cada aluno ficará responsável por entrevistar colegas da escola em busca de uma história interessante para que o mesmo possa reproduzir elaborando um texto que comporá o livro Causos e casos do bullying na escola. A entrevista é de responsabilidade do aluno, portanto caberá a ele traçar a estratégia de como alcançar seu objetivo. Em sala de aula com ajuda do professor o aluno produzirá um texto dissertando o caso de um entrevistado. Todos os alunos deverão escrever um caso. Além da produção escrita, o aluno deverá ilustrar o caso escolhido. A atividade terá duração de três aulas.
    • Produtos finais: “Espaço Vamos mudar”: Será um determinado espaço da escola, onde iremos deixar exibidos o que colhemos com as atividades de porcentagens, os gráficos, os corpos humanos, e as pesquisas das diferenças do mundo. Livro Paródias Fórum Peça de Teatro
    • Avaliação A avaliação será continuada, tendo como critérios avaliativos: A participação e interesse do aluno com as atividades propostas; A evolução de comportamento apresentada pelo aluno no decorrer do processo; A elaboração das ideias para a construção da argumentação - sejam estas escritas ou orais; Sua contribuição para o desenvolvimento do tema – onde o aluno manifesta espontaneamente o desejo de pesquisa, trazendo materiais que agreguem ao tema; Sua postura perante o próximo. Os professores de cada disciplina serão responsáveis pela análise de cada aluno.
    • Considerações Finais Em um momento marcado pelo avanço das tecnologias da informação ecomunicação e a relação cada vez maior da sociedade com as mídias eletrônicas, obullying é visto como um mal aparentemente invisível que em geral só éidentificado quando se está atento aos seus sinais. Trata-se de um tema crescente,no entanto ainda pouco explorado. Este projeto foi pensado para uma abordagem atrativa, motivadora einterdisciplinar da temática, visa vincular o currículo escolar com os interesses dosalunos e suas realidades sociais, por meio de um processo que valoriza aparticipação de todos da comunidade escolar. Busca também envolver acomunidade escolar e as famílias, visto que é inegável a relação deinterdependência. Por isso é indispensável estabelecer constantemente o diálogo afim de discutir a importância e responsabilidade de cada instituição nas situações emclasse e extraclasse.
    • Referências FANTE, Cléo. Fenômeno bullying: como prevenir a violência nas escolas e educar para a paz. 2. ed. Campinas, SP: Verus, 2005. LOPES NETO, Aramis A. Bullying: comportamento agressivo entre estudantes. Jornal de Pediatria, Porto Alegre, v. 81, n. 5, 2005. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/jped/v81n5s0/v81n5Sa06.pdf. Acesso em: 05 out. 2012. MATSUMOTO, Claudio Hideo. Roda de Leitura é sucesso entre os alunos do Falcão. Tudo sobre leitura. 2010. Disponível em: http://tudosobreleitura.blogspot.com.br/2010/06/roda-de-leitura-e-sucesso- entre-os.html. Acesso em: 06 out. 2012 NOGUEIRA, R. M. C. P. de A. Violências nas escolas e juventude: um estudo sobre o bullying escolar. 2007. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/cp034154.pdf. Acesso em: 05 out. 2010. ROCHA, Telma Brito. Bullying: conceito e contextos da violência. Revista Ateliê. Colégio Módulo. Salvador, BA: 2011. Disponível em: http://telmabr.blogspot.com.br/. Acesso em: 06 out. 2012.