Your SlideShare is downloading. ×
Relatório anual de atividades 2010
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Relatório anual de atividades 2010

783

Published on

Relatório de atividades do PET Engenharia de Pesca - UFC no ano de 2010

Relatório de atividades do PET Engenharia de Pesca - UFC no ano de 2010

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
783
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
4
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DA REDE IFES Relatório Anual de Atividades – 2010 (01 de janeiro de 2010 a 31 de dezembro de 2010)1. IDENTIFICAÇÃO1.1. Instituição de Ensino Superior: Universidade Federal do Ceará1.2. Grupo: PET – Engenharia de Pesca1.3. Home Page do Grupo: http:petengpesca.blogspot.com1.4. Data da Criação do Grupo: agosto de 19941.5. Tema (somente para os grupos criados a partir dos lotes temáticos):1.6. Curso de graduação ao qual o grupo está vinculado: Engenharia de Pesca1.7. Habilitação oferecida pelo curso de graduação ao qual o grupo está vinculado: ( ) Licenciatura ( X ) Bacharelado ( ) Licenciatura e Bacharelado1.8. Nome do Tutor: Rosemeiry Melo Carvalho1.9. E-Mail do Tutor: rmelo@ufc.br1.10. Titulação e área:Doutora em Economia1.11. Data de ingresso do Tutor (mês/ano): fevereiro de 20061.12. Interlocutor do PET na IES: Custódio Luis Silva de Almeida1.13. E-Mail do Interlocutor : prograd@ufc.br1.14. Pró-Reitor de Graduação: Custódio Luis Silva de Almeida1.15. E-Mail do Pró-Reitor de Graduação: prograd@ufc.br
  • 2. 2. INFORMAÇÕES SOBRE OS BOLSISTAS E NÃO BOLSISTAS:a) Quadro de identificação:Especificar o mês/ano de ingresso no curso de graduação da IES e no programa PET, o período letivo que está cursado e ocoeficiente de rendimento escolar relativo ao último período letivo cursado, conforme quadro abaixo. Nome dos bolsistas Ingresso Ingresso no PET Período letivo Coeficiente na IES atual Atual de Rendimento Escolar Ana Caroline da Silva 2007.1 2009 9º Arthur Alves de Melo 2007.1 2008 9º 8789 Carolina Coelho Campos 2006.1 2009 Formada 8054 Filipe Brasil Mariano 2007.2 2010 8º 7710 Francisco Marcelo de Lima 2008.1 2009 7º 7636Francisco Regivânio Nascimento Andrade 2008.2 2009 6º 8989 Germano Fonseca Praxedes 2006.1 2008 Formado Igor Gabriel Rodrigues Ferreira 2009.1 2010 5º semestre 7218 Gomes Maria Tarciana Vieira Fortaleza 2006.1 2009 Formada 8578 Mirgon Conde Outeiral 2007.1 2010 9º semestre 7890 Nara Rúbia da Assunção Nunes 2007.1 2009 9º semestre 7634 Rômulo Farias Carneiro 2007.1 2008 9º semestre 8457 Sandra Vieira Paiva 2008.1 2010 7º semestre 8572 o Vanessa Tomaz Rebouças 2007.1 2009 9 semestre 8727 Nome dos não bolsistas Ingresso Ingresso no PET Período letivo Coeficiente na IES atual Atual de Rendimento Escolar Jamille Martins Forte 2008.1 2010 7º semestre 8108b) Em caso de declínio no rendimento acadêmico do grupo e/ou de um bolsista ou não-bolsista emparticular, justifique.Não ocorreu declínio do rendimento do grupo ou dos bolsistas.
  • 3. 3. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELO GRUPO3.1. Ensino/Pesquisa e Extensão3.1.1. Ensino(1) Natureza da Atividade Realizada: SeminárioTema: Elaboração e apresentação de trabalhos científicosCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez XPúblico Alvo:Direcionada aos estudantes recém ingressos do curso de graduação em Engenharia dePesca.Descrição da Atividade:A atividade consistiu em explanar noções de elaboração de relatórios e trabalhos de cunhocientífico, nos moldes exigidos pela instituição. O seminário foi realizado por dois bolsistas(Francisco Regivânio Nascimento Andrade, Germano Fonseca Praxedes).Promotores da atividade:A atividade foi realizada pelo grupo PET-Engenharia de Pesca.Parceiros ou colaboradores da atividade:Departamento de Engenharia de Pesca.Justificativa para realização da atividade:Esta atividade estava prevista no Planejamento do ano de 2010, pois foi observada pelospróprios alunos bolsistas uma grande dificuldade na elaboração de trabalhos científicos, suaadequação as normas exigidas e apresentação em público por parte dos alunos dagraduação. Formando alunos melhor capacitados, na elaboração de trabalhos acadêmicos.Resultados esperados com a atividade:Melhorar a qualidade da elaboração e apresentação de relatórios, seminários e trabalhosacadêmicos desenvolvidos pelos recém ingressos, reduzir o índice de evasão do curso nossemestres iniciais.Resultados alcançados com a atividade:Após uma análise de fichas de avaliação da atividade, foi observada uma maior segurançados alunos com relação à elaboração de trabalhos de cunho científico assim comoapresentações em público.Comentário geral:
  • 4. (2) Natureza da Atividade Realizada: SeminárioTema: Engenheiro de Pesca: atuação, mercado de trabalho e linhas de pesquisaCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez XPúblico Alvo:Atividade destinada aos alunos do curso de graduação em Engenharia de PescaDescrição da Atividade:A atividade consistiu em ilustrar para os alunos as áreas de atuação de um Engenheiro dePesca dentro do mercado de trabalho, bem como explanações sobre a grade curricular atéentão vigente.Promotores da atividade:PET- Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Departamento de Engenharia de PescaJustificativa para realização da atividade:Esta ação estava prevista no de planejamento de atividades do grupo. O objetivo da atividadefoi de proporcionar para os alunos do curso de graduação em Engenharia de Pesca ummelhor entendimento de suas possibilidades no mercado de trabalho, dando-lhes a chancede um melhor entendimento das extensões de seu aprendizado par um melhordirecionamento.Resultados esperados com a atividade:Ampliar a visão crítica e informativa dos estudantes do curso em relação ao mercado detrabalho, às novas tecnologias empregadas nos diversos ramos de atuação e aos direitos edeveres do profissional difundindo para os alunos recém ingressos o conhecimentoadequado do curso e suas possibilidades como um profissional.Resultados alcançados com a atividade:Através de uma visão mais ampla e crítica os alunos obtiveram uma melhor interação com ocurso, mostrando um maior exercício da cidadania.Comentário geral:
  • 5. (3) Natureza da Atividade Realizada: Grupo de EstudosTema: Máquinas e Motores marítimos, Álgebra linear e geometria analítica, Físico-química,Topografia Construções para Aquicultura, Economia Pesqueira, Tecnologia do Frio e Calor,Microbiologia do Pescado, Processamento do Pescado ICronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Alunos do curso de graduação em Engenharia de PescaDescrição da Atividade:Os grupos de estudos consistem em reuniões de alunos do curso e um ou mais bolsistas doPET que coordena cada grupo de estudo. Nesses encontros, o conteúdo abordado em salade aula é discutido; em alguns casos, são resolvidos exercícios.Participação dos bolsistas: atividade coletiva. Os bolsistas do grupo participam comomembro do grupo e/ou coordenador da atividade. Periodicamente, ocorre uma realocaçãodos bolsistas entre os grupos e dos temas de estudo a serem tratados.Promotores da atividade:Atividade promovida pelo grupo PET-Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade: Departamento de Engenharia de PescaJustificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo. A iniciativa para a realização da atividade foiauxiliar os alunos do curso de graduação no aprendizado do conteúdo das disciplinasconsideradas como “de elevado grau de dificuldade”. Essa atividade contribui para odesenvolvimento de novas práticas e experiências pedagógicas, desde que todos osparticipantes atuam de maneira participativa na construção do conhecimento.
  • 6. (4) Natureza da Atividade Realizada: Monitorias Voluntárias do PETTema: Planctologia, Economia Pesqueira I, Limnologia, Metereologia e Climatologia,Tecnologia Pesqueira, Química Analítica, Biologia Aquática III, Navegação I.Cronograma de Execução da Atividade:Marque com X os meses de execução da atividade até a elaboração deste relatório.Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Direcionado aos alunos do curso de graduação em Engenharia de Pesca. .Descrição da Atividade:O programa de monitoria voluntária pelos bolsistas do PET-Engenharia de Pesca consiste deum auxílio voluntário dado pelos bolsistas aos professores e alunos nas aulas práticas edemais atividades didáticas das disciplinas: Planctologia, Economia Pesqueira I, Limnologia,Metereologia e Climatologia, Tecnologia Pesqueira, Química Analítica, Biologia Aquática III.Participação dos bolsistas: atividade coletiva. Os bolsistas foram divididos em grupos paraatender aos alunos de cada disciplina. Em cada semestre os grupos são redefinidos de modoa capacitar todos os bolsistas nessas áreas de conhecimento.Promotores da atividade:Atividade promovida pelo grupo PET-Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Professores das disciplinas: Planctologia, Economia Pesqueira I, Limnologia, Metereologia eClimatologia, Tecnologia Pesqueira, Química Analítica, Biologia Aquática III, Navegação I.Justificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo. Essa iniciativa visa complementar o apoioinstitucional oferecido pela UFC referente ao programa de Monitoria. A contribuição dessaatividade para o desenvolvimento de novas práticas e experiências pedagógicas no curso dizrespeito à maior interação entre os estudantes. Os benefícios acadêmicos obtidos são osganhos intelectuais adquiridos pelo grupo de alunos envolvido nessa prática.Resultados esperados com a atividade:Espera-se que os Bolsistas possam: contribuir com o aprendizado dos alunos que cursam asdisciplinas citadas; que auxiliem os professores na realização de aulas práticas e atividadescorrelatas; e, que os bolsistas recebam capacitação para desenvolver tarefas em sala deaula.Resultados alcançados com a atividade:Com a realização dessa atividade foi possível auxiliar os alunos e professores dasdisciplinas mencionadas; e, os bolsistas receberam capacitação para desenvolver tarefas emsala de aula.Comentário geral:A execução dessa atividade foi favorecida pela disponibilidade dos professores e alunos dasdisciplinas para as quais essa atividade foi direcionada.
  • 7. (5) Natureza da Atividade Realizada: CursoTema: AquarismoCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez XPúblico Alvo:Alunos do curso de Engenharia de Pesca e áreas afinsDescrição da Atividade:Dentre os aspectos a serem abordados constam: manuseio de materiais utilizados naconstrução e a observação de seus mecanismos de funcionamento, possibilitando um maiorconhecimento sobre a tecnologia pesqueira regional.Promotores da atividade:PET-Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Erivaldo Luiz NascimentoJustificativa para realização da atividade:A atividade seguiu a previsão do planejamento das atividades do grupo, a iniciativa foitomada pela necessidade de expor aos alunos uma das diferentes áreas de atuação doprofissional. Possibilitar o manuseio de materiais utilizados na construção e a observação deseus mecanismos de funcionamento, possibilitando um maior conhecimento sobre atecnologia pesqueira regional.Resultados esperados com a atividade:Trazer informações extracurriculares; capacitar os participantes com novas técnicas quepoderão ser utilizadas nesse campo profissional; e, gerar um intercâmbio entre estudantes,pescadores e engenheiros de pesca.Resultados alcançados com a atividade:Integração entre os alunos bolsistas e voluntários do PET- Engenharia de Pesca e os demaisalunos do curso. Preparação dos alunos para o campo profissional de atividadesrelacionadas a aquariofilia.Comentário geral:A execução dessa atividade foi favorecida pela disponibilidade do aluno e interesse dosbolsistas e dos alunos do curso foi fundamental para o desenvolvimento dessa atividade.
  • 8. (6) Natureza da Atividade Realizada: CursoTema: Construindo Artes de Pesca e NósCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez XPúblico Alvo:Alunos do curso de Engenharia de Pesca e áreas afinsDescrição da Atividade:Capacitação os estudantes de Engenharia de Pesca e áreas afins a montarem artes de pescacaracterísticas da nossa região. Possibilitará o manuseio de materiais utilizados naconstrução e a observação de seus mecanismos de funcionamento, possibilitando um maiorconhecimento sobre a tecnologia pesqueira regional.Promotores da atividade:PET-Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Prof. Dr. Reynaldo MarinhoJustificativa para realização da atividade:A atividade seguiu a previsão do planejamento das atividades do grupo, a iniciativa foitomada pela necessidade de capacitar e familiarizar os alunos com o manuseio de materiaisutilizados na construção das artes de pesca e a observação de seus mecanismos defuncionamento, possibilitando um maior conhecimento sobre a tecnologia pesqueiraregional.Resultados esperados com a atividade:Criar oportunidades para que os alunos recém ingressos conheçam diferentes áreas deatuação; integrar alunos bolsistas e voluntários do PET-Engenharia de Pesca e os demaisalunos da graduação; viabilizar o efeito multiplicador do PET sobre a comunidadeacadêmica; trazer informações extracurriculares; capacitar os participantes com novastécnicas que poderão ser utilizadas nesse campo profissional; e, gerar um intercâmbio entreestudantes, pescadores e engenheiros de pesca.Resultados alcançados com a atividade:Integração entre os alunos bolsistas e voluntários do PET- Engenharia de Pesca e os demaisalunos do curso. Preparação dos alunos para o campo profissional e um maiorconhecimento na área de tecnologia pesqueira.Comentário geral:A execução dessa atividade foi favorecida pela disponibilidade do Prof. Dr. Reynaldomarinho e o interesse dos bolsistas e dos alunos do curso foi fundamental para odesenvolvimento dessa atividade.
  • 9. (7) Natureza da Atividade Realizada: CursoTema: Softwares aplicados às Ciências PesqueirasCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez XPúblico Alvo:Alunos dos cursos de Engenharia de Pesca e áreas afins.Descrição da Atividade:Capacitação dos alunos na utilização de ferramentas de softwares aplicados às ciênciaspesqueiras, facilitando o entendimento e o seu emprego prático em algumas disciplinas docurso, tais como introdução a estatística, biologia pesqueira e estatística pesqueira.Promotores da atividade:Bolsistas do PET-Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Bolsistas do grupo PET-Engenharia de PescaJustificativa para realização da atividade:A atividade seguiu a previsão do planejamento das atividades do grupo, a iniciativa foitomada pela necessidade de capacitar e familiarizar os alunos com a utilização deferramentas de softwares aplicados às ciências pesqueiras, facilitando o entendimento e oseu emprego prático.Resultados esperados com a atividade:Criar oportunidades para que os alunos recém ingressos conheçam diferentes áreas deatuação; integrar alunos bolsistas e voluntários do PET-Engenharia de Pesca e os demaisalunos da graduação; viabilizar o efeito multiplicador do PET sobre a comunidadeacadêmica; trazer benefícios aos alunos, pois tornará mais rápido o tratamento dos dados, avisualização e a análise dos resultados obtidos em trabalhos científicos.Resultados alcançados com a atividade:Integração entre os alunos bolsistas e voluntários do PET- Engenharia de Pesca e os demaisalunos do curso. Preparação dos alunos para o campo profissional, visualização, análise eum maior conhecimento prático de ferramentas que podem ser aplicadas em áreas deestatística e biologia pesqueira.Comentário geral:O interesse dos bolsistas e dos alunos do curso foi fundamental para o desenvolvimentodessa atividade.
  • 10. (8) Natureza da Atividade Realizada: ProgramaTema: PROJETO PADRIN – Programa de Acompanhamento Discente aos Recém-ingressos.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Alunos recém-ingressos na graduação.Descrição da Atividade:Essa atividade teve como principais objetivos incrementar a comunicação entre PET egraduação; proporcionar uma integração dos alunos recém-ingressos entre si e com osmembros do PET; bem como motivá-los em relação ao curso.Promotores da atividade:PET- Engenharia de Pesca.Parceiros ou colaboradores da atividade:PET- Engenharia de Pesca.Justificativa para realização da atividade:Essa atividade veio a complementar as ações tratadas no âmbito do PET, contudo não foipreviamente definida no Planejamento de Atividades do Grupo. A iniciativa da atividadesurgiu com o intuito não só de ajudá-los nas disciplinas e na jornada acadêmica durante oprimeiro semestre de curso como, também, para motivá-los evitando futuras desistências nocurso. O Projeto contribuiu com o rendimento acadêmico dos alunos envolvidos.Resultados esperados com a atividade:Contribuir com o rendimento acadêmico dos alunos e diminuir o número de desistênciasdurante o curso.Resultados alcançados com a atividade:Integração entre os bolsistas e os alunos recém-ingressos. Elevação do rendimentoacadêmico do alunos.Comentário geral:
  • 11. (9) Natureza da Atividade Realizada: PalestraTema: Reuso de efluentes em piscicultura – Experiências da UFC.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez XPúblico Alvo:Alunos do curso de Engenharia de Pesca e áreas afins.Descrição da Atividade:A palestra visou ampliar a visão dos acadêmicos em realção à ampla gama de possibilidadesque existe em relação à reutilização de um dos recursos mais importantes para a vida naTerra: a água.Promotores da atividade:Bolsistas do grupo PET-Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Emanuel Soares dos SantosRafahel Marques Macedo FonteneleJustificativa para realização da atividade:Essa atividade veio a complementar as ações tratadas no âmbito do PET, contudo não foipreviamente definida no Planejamento de Atividades do Grupo. A iniciativa foi tomada pelanecessidade de expor aos alunos a realidade existente no reuso da água. A visão ampla dapiscicultura, relacionada às questões ambientais caóticas de atualmente, possibilita ao alunodesenvolver uma visão crítica em relação ao assunto, amadurecendo suas opiniões.Resultados esperados com a atividade:Trazer informações extracurriculares; capacitar os participantes com novas técnicas quepoderão ser utilizadas nesse campo profissional; e, gerar um intercâmbio entre estudantes,pescadores e engenheiros de pesca.Resultados alcançados com a atividade:Integração entre os alunos bolsistas e voluntários do PET- Engenharia de Pesca e os demaisalunos do curso. Preparação dos alunos para o campo profissional de atividadesrelacionadas à questão ambiental “água-piscicultura”.Comentário geral:A execução dessa atividade foi possível graças à disponibilidade dos palestrantes. Ointeresse tanto dos bolsistas quanto dos alunos do curso foi fundamental para odesenvolvimento dessa atividade.
  • 12. (10) Natureza da Atividade Realizada: PalestraTema: Evolução do Desempenho da Pesca da LagostaCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez XPúblico Alvo:Direcionado para os alunos dos cursos de graduação em Engenharia de Pesca e áreas afins.Descrição da Atividade:Essa atividade foi realizada através de uma palestra cujo objetivo principal foi mostrar paraos alunos o funcionamento e desempenho da pesca da lagosta;A palestra foi ministrada pelo Engenheiro de Pesca Cláudio Roberto de C. Ferreira - IBAMA.Todos os demais bolsistas participaram como ouvintes.Promotores da atividade:Atividade promovida pelo grupo PET-Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Departamento de Engenharia de PescaIBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais RenováveisJustificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, não sendo previamenteapresentada no Planejamento de Atividades do Grupo. A iniciativa para a realização daatividade foi de aprofundar os conhecimentos dos alunos sobre a atual situação da pesca dalagosta na costa do Ceará. Essa atividade contribuiu para o desenvolvimento de novaspráticas e experiências pedagógicas, tendo que os bolsistas do PET, juntamente com umprofissional competente na área, repassam aos demais alunos as informações obtidas peloIBAMA, um órgão público de grande seriedade, relacionando os conhecimentos teóricostratados em sala de aula com a realidade obtida no campo.Resultados esperados com a atividade:Ampliar os conhecimentos dos alunos de graduação sobre a atual situação da pesca dalagosta na costa do CearáResultados alcançados com a atividade:Nessa atividade verificou-se uma grande interação e interesse dos alunos, servindo assimpara ampliar seus conhecimentos sobre o assunto e denotar como ocorre a aplicação dosfundamentos teóricos obtidos em sala de aula na prática.Comentário geral:A execução dessa atividade foi favorecida pela disponibilidade do Professor ReynaldoAmorim e dos Bolsistas Diego Ribeiro e Raimundo Nonato em demonstrar de forma prática autilização dos equipamentos eletrônicos foi de grande importância para preparar os bolsistasdo PET e demais alunos do curso de Engenharia de Pesca
  • 13. 3.1.2. PesquisaPesquisas Coletivas(11) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa ColetivaTema: Levantamento das principais notícias relacionadas com a pesca, aquicultura e meioambienteCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Comunidade acadêmica em geral e ao próprio grupoDescrição da Atividade:Consistiu basicamente na manutenção das noticias pertinentes ao curso sempre atualizadas.Tornou-se possível pelo empenho do grupo na procura da informações.Promotores da atividade:PET Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Professores do curso, Tutora do grupo, Orientadores específicos.Justificativa para realização da atividade:A atividade de pesquisa é pertinente às atividades desenvolvidas no contexto do PET,complementando as ações de ensino e extensão. Vimos a necessidade de manter agraduação e pós-graduação atentos as mudanças relacionadas ao curso para que possamdesde o inicio do seu ingresso na IES visualizarem as possíveis áreas de trabalho e suasabrangências. Os benefícios acadêmicos dessa pesquisa destinaram-se não só aos bolsistase orientadores envolvidos, mas também à comunidade acadêmica e sociedade em geral, poisos conhecimentos gerados contribuem para o progresso da ciência.Resultados esperados com a atividade:Manter os alunos de graduação e pós-graduação constantemente atualizados em relação aosassuntos relevantes relacionados com a sua área profissional.Resultados alcançados com a atividade:Repasse dos resultados à comunidade através de cursos, atividades de extensão, produçãode material didático e artigos científicos divulgados em eventos e periódicos.Comentário geral:O interesse pelas noticias e pela divulgação das mesmas por parte dos alunos do cursofacilitaram o trabalho em conjunto com o grupo PET.
  • 14. (12) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa ColetivaTema: Construindo artes de pesca (rede de emalhar, tarrafa, espinhel) e nós.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Atividade destinada ao próprio grupoDescrição da Atividade:Consistiu na capacitação dos petianos por meio de grupos de estudos formados no decorrerdo 1º semestre, possibilitando a troca de informações e o acúmulo de saberes.Promotores da atividade:PET Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Profº Dr. Reynaldo Marinho (Departamento de Eng. De Pesca)Justificativa para realização da atividade:A atividade de pesquisa é pertinente às atividades desenvolvidas no contexto do PET,complementando as ações de ensino e extensão. Realizada com o intuito de capacitar osbolsistas em novas técnicas que poderão ser utilizadas nesse campo profissional.Possibilitou o manuseio de materiais utilizados na construção e a observação de seusmecanismos de funcionamento, bem como possibilitou a ampliação dos conhecimentossobre a tecnologia pesqueira regional.Resultados esperados com a atividade:Capacitar os bolsistas em novas técnicas que poderão ser utilizadas nesse campoprofissional; gerar um intercâmbio entre estudantes, pescadores e engenheiros de pesca;expor os resultados das pesquisas em feiras das profissões e atividades que envolvam acomunidade acadêmica.Resultados alcançados com a atividade:Realização de palestras e mini-cursos destinados aos estudantes do curso.Comentário geral:O interesse dos bolsistas e dos alunos do curso foi fundamental para o desenvolvimentodessa atividade.
  • 15. (13) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa ColetivaTema: Metodologias de Ensino de Educação Ambiental para Crianças e AdolescentesCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X XPúblico Alvo: PET Engenharia de PescaDescrição da Atividade:A atividade consistiu na busca de informações, para direcionar uma melhor forma deabordagem do público alvo, por meio de livros e via internet.Promotores da atividade:PET Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Profª Rosemeiry Melo Carvalho – Tutora do PET – Eng. PescaJustificativa para realização da atividade:A atividade de pesquisa é pertinente às atividades desenvolvidas no contexto do PET,complementando as ações de ensino e extensão. Foi realizada para obter conhecimentospedagógicos que auxiliem na realização de atividades de extensão. O desenvolvimento dessapesquisa possibilitou aos bolsistas e não bolsistas a obtenção de conhecimentospedagógicos para auxiliar na realização de atividades de extensão sobre o papel dos sereshumanos nas alterações ambientais, recursos aquáticos, espécies ameaçadas de extinção eecossistemas. Essas atividades destinam-se às crianças e adolescentes de escolas públicase particulares.Resultados esperados com a atividade:Elaborar uma atividade de extensão para ser trabalhada com crianças e jovens em escolas deensino fundamental.Resultados alcançados com a atividade:Foi realizada uma atividade intitulada “Educação Ambiental essa onda é legal”, que ocorreuem uma escola pública de Fortaleza. Os resultados foram apresentados em encontroscientíficos.Comentário geral:
  • 16. (14) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa ColetivaTema: Impacto do Programa de Educação Tutorial sobre o rendimento acadêmico dos alunosde graduação.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X XPúblico Alvo: Atividade destinada ao próprio GrupoDescrição da Atividade:Analisar o impacto do PET sobre o rendimento acadêmico dos alunos ligados diretamente eindiretamente ao programa no curso de Engenharia de Pesca da Universidade Federal doCeará.Promotores da atividade:PET Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Departamento de Engenharia de PescaJustificativa para realização da atividade:Esta atividade não estava prevista para o planejamento de 2010, porém foi realizada com ointuito de entender a influência do Programa de Educação Tutorial no índice de rendimentoacadêmico e como este pode trazer maiores benefícios para os alunos diretamente ligadosao programa.Resultados esperados com a atividade:Espera-se que os bolsistas do Programa de Educação Tutorial tenham um melhor índice derendimento acadêmico, mesmo que estes realizem atividades extracurriculares e pertinentesao programa.Resultados alcançados com a atividade:Com base em testes estatísticos para diferenças de média, o trabalho mostrou que, apesarde dedicar 20 horas semanais ao programa, os bolsistas têm melhor rendimento que osdemais alunos do curso graduação.Comentário geral:Não há diferenças estatisticamente significativas entre os dois grupos analisados em relaçãoao número de créditos cursados e ao número total de aprovações por média final.
  • 17. Pesquisas Individuais(15) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa IndividualTema: Purificação e Caracterização Parcial de Lectinas de esponjas da costa nordestina.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Comunidade AcadêmicaDescrição da Atividade:Lecitinas são proteínas ubíquas com a habilidade de reconhecer e se ligar a carboidratosespecíficos, desta forma suas aplicações biológicas são inúmeras e sua importância vemganhando ênfase na área farmacológica de maneira geral. Planeja-se, obter novas fontes depurificação de lectinas.Promotores da atividade:Prof. Alexandre Holanda Sampaio (Departamento de Engenharia de Pesca).Parceiros ou colaboradores da atividade:Rômulo Farias Carneiro – Bolsista do PET Engenharia de PescaJustificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo. O principal objetivo dessa pesquisa é desenvolvertécnicas com baixos custos para a purificação de lecitinas, bem como novas fontes naturaisdestas moléculas. Essa atividade contribui para o desenvolvimento de novas práticas eexperiências pedagógicas, desde que os participantes estão promovendo possíveisdesenvolvimentos tecnológicos baseados nos conhecimentos adquiridos no curso.Resultados esperados com a atividade:Encontrar novas fontes para obtenção de lectinas, bem como utilização de técnicas de baixocusto para purificação destas moléculas.Resultados alcançados com a atividade:Pesquisa em andamento. Foram apresentados resultados preliminares em encontroscientíficos.Comentário geral:
  • 18. (16) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa IndividualTema: Avaliação das variáveis físico-químicas e climáticas no açude Sítios Novos, Caucaia -CE.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X XPúblico Alvo:Comunidade AcadêmicaDescrição da Atividade:Este estudo pretende monitorar características físico-químicas e meteorológicas do açudeSítios Novos localizado no município de Caucaia - CE, avaliando o potencial impacto docultivo de peixes em tanques-rede na qualidade da água e as mudanças nestas variáveis nocaso de acontecer mortandade de peixes, eventos freqüentes neste corpo hídrico.Responsável direto pela atividade de pesquisa: Prof. Dr. Jorge Ivan Sanchéz Botero(Departamento de Biologia).Bolsista: Filipe Brasil MarianoPromotores da atividade:Prof. Dr. Jorge Ivan Sanchéz Botero (ECOLAB - Departamento de Biologia).Filipe Brasil Mariano – Bolsista do PET Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Companhia de Gestão de Recursos Hídricos – COGERHJustificativa para realização da atividade:O principal objetivo dessa pesquisa é monitorar a qualidade da água do açude Sítios Novos.Essa atividade contribui para o desenvolvimento de novas práticas e experiênciaspedagógicas, desde que os participantes estão promovendo possíveis desenvolvimentostecnológicos baseados nos conhecimentos adquiridos no curso.Resultados esperados com a atividade:Monitorar a qualidade da água do açude Sítios Novos e relacionar o fenômeno demortandade de peixes com impacto provocado pela piscicultura.Resultados alcançados com a atividade:Pesquisa em andamento. Foram apresentados resultados preliminares em EncontrosUniversitários - UFC.Comentário geral:
  • 19. (17) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa IndividualTema: Uso de coletores de pueruli de lagosta (Panulirus spp.) como ferramenta no manejo dapesca comercial.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Comunidade AcadêmicaDescrição da Atividade:Este trabalho teve como objetivo realizar um estudo visando à captura de pueruli e juvenis dePanulirus spp, utilizando coletores com algas marinhas.Promotores da atividade:Prof. Dr. Masayoshi Ogawa (LARAq - UFC)Parceiros ou colaboradores da atividade:Francisco Marcelo de Lima Costa – Bolsista do PET- Engenharia de Pesca.Justificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo. O principal objetivo dessa pesquisa é determinar ovolume sustentável de captura de lagostas durante a pesca comercial. Essa atividadecontribui para o desenvolvimento de novas práticas e experiências pedagógicas, desde queo participante está envolvido em possíveis desenvolvimentos tecnológicos baseados nosconhecimentos adquiridos no curso.Resultados esperados com a atividade:Apresentar de forma estatística uma proporcionalidade entre a quantidade de puerulicoletada e a produção de lagosta anual; prever a disponibilidades do estoque pesqueiro paraos próximos anos; verificar a eficiência dos coletores de pueruli quanto a precisão nasprevisões. Espera-se que o projeto contribua de forma significativa para preservar esseimportante recurso pesqueiro do Estado do Ceará e desperte nos produtores e na sociedadede forma geral uma conscientização ambiental.Resultados alcançados com a atividade:Pesquisa em andamento. Foram apresentados resultados preliminares em encontroscientíficos.Comentário geral:
  • 20. (18) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa IndividualTema: Desempenho zootécnico da tilápia vermelha (Oreochromis sp) submetido a diferentesdietas alimentaresCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Comunidade AcadêmicaDescrição da Atividade:Essa pesquisa tem como principal objetivo avaliar a influência do alimento natural em pós-larvas de tilápia vermelha submetidos a diferentes dietas.Promotores da atividade:Prof. Wladimir Ronald Lobo FariasParceiros ou colaboradores da atividade:Igor Gabriel Rodrigues Ferreira Gomes – Bolsista do PET- Engenharia de Pesca.Justificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo. O principal objetivo dessa pesquisa é desenvolverformas alternativas para suplementar, com dietas a base de microalgas, a alimentação deexemplares de Oreochromis SP com o intuito de melhorar seu desempenho zootécnico. Essaatividade contribui para o desenvolvimento de novas práticas e experiências pedagógicas,desde que o participante está envolvido em possíveis desenvolvimentos tecnológicosbaseados nos conhecimentos adquiridos no curso.Resultados esperados com a atividade:Incrementar a taxa de crescimento, quantificar e analisar o efeito da suplementação alimentarno desempenho zootécnico da tilápia vermelha, aumentando seu valor protéicoResultados alcançados com a atividade:Pesquisa em andamento.Comentário geral:
  • 21. (19) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa IndividualTema: Avaliação do rendimento de óleo de quatro espécies de microalgas sob diferentesconcentrações de nitrato.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Comunidade AcadêmicaDescrição da Atividade:Essa pesquisa tem como principal objetivo verificar o rendimento de óleo da biomassa secadas microalgas Nannochloropsis oculata, Chlorella vulgaris, Tetraselmis chui e Tetraselmistetrathele sob a influência de diferentes concentrações de nitrato.Promotores da atividade:Wladimir Ronald Lobo Farias – D. Sc., professor do Departamento de Engenharia de Pesca.Glacio Souza Araújo – aluno de doutorado em Engenharia de Pesca – DEP.Parceiros ou colaboradores da atividade:Nara Rúbia da Assunção Nunes – Bolsista do PET- Engenharia de Pesca.Justificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, contudo não foi previamentedefinida no Planejamento de Atividades do Grupo. O principal objetivo dessa pesquisa éverificar o rendimento de óleo da biomassa seca das microalgas Nannochloropsis oculata,Chlorella vulgaris, Tetraselmis chui e Tetraselmis tetrathele sob a influência de diferentesconcentrações de nitrato Essa atividade contribui para o desenvolvimento de novas práticase experiências pedagógicas, desde que os participantes estão promovendo possíveisdesenvolvimentos tecnológicos baseados nos conhecimentos adquiridos no curso.Resultados esperados com a atividade:Aprimorar as técnicas existentes; verificar a influência das diferentes concentrações denitrato nas diferentes espécies estudadas.Resultados alcançados com a atividade:Pesquisa em andamento. Foram apresentados resultados preliminares em encontroscientíficos.Comentário geral:
  • 22. (20) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa IndividualTema: Perifíton, qualidade de água e desempenho zootécnico de juvenis de tilápia do Nilo nafase de recria.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X XPúblico Alvo:Comunidade Acadêmica e comunidade externa à IESDescrição da Atividade:O projeto tem como objetivo avaliar o efeito da área de substrato para colonização porperifíton sobre a qualidade da água e o desempenho produtivo de juvenis de tilápia na fasede recria, mantidos em condições laboratoriais. Além disso, objetiva-se verificar o efeitopoupador da ração balanceada, exercido pelo perifíton, quando se realiza restrição alimentarmoderada.Responsável direto pela atividade de pesquisa: Prof. Marcelo Vinícius do Carmo e Sá(Departamento de Engenharia de Pesca, Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federaldo Ceará).Bolsista: Vanessa Tomaz Rebouças.Promotores da atividade:Laboratório de Ciência e Tecnologia Aquícola – LCTA (Departamento de Engenharia dePesca, Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Ceará. Coordenador: Prof.Marcelo Vinícius do Carmo e Sá)Parceiros ou colaboradores da atividade:Vanessa Tomaz Rebouças – Bolsista do PET Engenharia de PescaJustificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET. O principal objetivo dessapesquisa é obter tecnologias de baixo custo para produção de pescado cultivado, acessível apequenos produtores.Resultados esperados com a atividade:Demonstrar o potencial do perifíton como fonte alimentar de alta qualidade para tilápia doNilo, sendo ainda capaz de melhora a qualidade da água de cutivo.Resultados alcançados com a atividade:Pesquisa em andamento. Nesse momento, os dados obtidos estão sendo analisadosestatisticamente.Comentário geral:
  • 23. (21) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa IndividualTema: Levantamento da biologia quantitativa do Octopus Insularis coletados na praia doParacurú.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X XPúblico Alvo:Comunidade Acadêmica e SocialDescrição da Atividade:Essa pesquisa tem o objetivo avaliar a quantidade de organismos existentes na praia deParacurú. Descrevendo a densidade de indivíduos em cada coleta mensalmente e entreestações do ano, analisando a estrutura da população desses polvos, caracterizandos a artede pesca utilizada, estimar a captura por esforço (CPUE), descrever o perfil socioeconomicodo pescador de polvo na região.Promotores da atividade:Laboratório de Invertebrados Marinhos do Ceará (LIMCe) do Departamento de Biologia daUFC, coordenado pela Prof. Helena Matthews-Cascon.Parceiros ou colaboradores da atividade:Mirgon Conde Outeiral – Bolsista do PET- Engenharia de Pesca.Helena Matthews-Cascon – Doutora – Orientadora.Bruno Braulino Batista – Mestre em Engenharia de Pesca – Co-orientador.Justificativa para realização da atividade:Esta pesquisa está sendo realizada sem estar prevista no Planejamento de Atividades dogrupo. O intuito da pesquisa é observar a densidade de polvos existentes na praia doParacurú de modo evidenciar a estrutura da população e as flutuações destes entre osperíodos seco e chuvoso, já que se trata de uma espécie que foi recém descrita e já vemsofrendo com altos índices de esforço de pesca no nordeste brasileiro.Resultados esperados com a atividade:Essa vai gerar novas informações sobre a situação atual da densidade de organismos,possivelmente influenciados pelos períodos seco e chuvoso, a estrutura da populaçãoexistentes em zonas recifais no estado do Ceará e o perfil do pescador que atua nessaatividade.Resultados alcançados com a atividade:Pesquisa em andamento.Comentário geral:
  • 24. (22) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa IndividualTema: Estudo das ascídias do litoral cearense.Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Comunidade acadêmicaDescrição da Atividade:Essa pesquisa tem como principal objetivo conhecer as espécies de ascídias que ocorrem nolitoral do Ceará.Promotores da atividade:Prof. Tito Monteiro da Cruz Lotufo (Instituto de Ciências do Mar – LABOMAR)Parceiros ou colaboradores da atividade:Sandra Vieira Paiva – Bolsista do PET Engnaria de PescaRonaldo Ruy de Oliveira Filho – Doutorando em Ciências MarinhasTropicaisJustificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo. O principal objetivo dessa pesquisa é ampliar oconhecimento da fauna de ascídias do litoral cearense, através de coletas de campo edescrição detalhada da morfologia de cada espécie como um treinamento aplicado ao estudotaxonômico do grupo. Isso contribuirá para um diagnóstico adequado das espécies, embusca de se resolver problemas taxonômicos recorrentes, e permitirá que a comunidadeconheça e preserve a fauna de seus recifes costeiros.Resultados esperados com a atividade:Conhecer a diversidade de ascídias do litoral cearense. Dessa forma, espera-se que o projetocontribua de forma significativa para a preservação de nossos recifes costeiros e despertena comunidade uma conscientização ambiental.Resultados alcançados com a atividade:Pesquisa em andamento.Comentário geral:
  • 25. (23) Natureza da Atividade Realizada: Pesquisa IndividualTema: Comparação de métodos de análise computacional para quantificação das cores emguppies (poecilia reticulata sp.)Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X XPúblico Alvo:Comunidade AcadêmicaDescrição da Atividade:Essa pesquisa tem como principal objetivo testar comparativamente métodos de análisecomputacional para quantificação de proporções fenotípicas de coloração em guppies ® ®(Poecilia reticulata sp.) entre os softwares GIMP.2 , RGB colors vs. 2006 e PAINT ®(Windows )..Promotores da atividade:Prof. Rosemeiry Melo CarvalhoParceiros ou colaboradores da atividade:Jamille Martins Forte – Bolsista do PET- Engenharia de Pesca.Justificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo no âmbito de pesquisa. O principal objetivo dessapesquisa é mostrar aos alunos que trabalham com peixes ornamentais a importância daquantificação de cores, pois quanto mais pigmentação homogênea ou heterogênea podealterar o preço de venda destes organismos. Sendo esta metodologia de quantificação aindaa ser aprimorada para ser transmitida aos aquicultores de peixes ornamentais.Resultados esperados com a atividade: ® ® ®Mostrar que os softwares GIMP.2 , RGB colors vs. 2006 e PAINT (Windows ) exercemresultados relevantes para a quantificação de cor principalmente para os guppies.Resultados alcançados com a atividade: ®Apenas o software GIMP.2 mostrou ser significativo e confiável em termos estatísticos depercentagem de coloração do peixe.Comentário geral:
  • 26. 3.1.3. Extensão(24) Natureza da Atividade Realizada: exposição oral e verbalTema: Feira das profissões nas escolasCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Alunos do ensino médio de escolas públicas e particulares.Descrição da Atividade:Esta atividade é ministrado pelos bolsistas do PET-Engenharia de Pesca. São abordadosaspectos referentes ao curso Engenharia de Pesca voltando tanto para a vida acadêmicaquanto ao mercado de trabalho. È uma atividade de trabalho coletivo onde é passada aosalunos de ensino médio a experiência acadêmica e as expectativas quanto ao curso.Promotores da atividade:PET- Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Escolas públicas e particulares.Justificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo. O principal objetivo dessa atividade é contribuirpara divulgação e valorização do curso de Engenharia de Pesca na sociedade por meio decartazes, folders, demonstração de material relativo à profissão e exposição verbal. Essaatividade contribui para o desenvolvimento de novas práticas e experiências pedagógicas,desde que os participantes têm contato com os alunos do ensino médio onde podemdesenvolver práticas de ensino e divulgar os conhecimentos obtidos na graduação.Resultados esperados com a atividade:Difundir conhecimentos sobre o curso de Engenharia de Pesca entre os alunos do ensinomédio de escolas públicas e particulares.Resultados alcançados com a atividade:Esta atividade tem viabilizado a compreensão dos alunos do ensino médio sobre os cursos eas profissões através de um diálogo aberto com os estudantes de cada grupo PET.Comentário geral:As escolas e alunos têm grande interesse na realização dessa atividade, pois ela faz umaconexão entre o projeto de ensino e conhecimento sólido do curso de nível superior dandoênfase ao seguimento de uma a carreira acadêmica e/ou profissional.
  • 27. (25) Natureza da Atividade Realizada: oficinas, seminários e palestras. Tema: Projeto Educação Ambiental, Essa Onda é Legal Cronograma de Execução da Atividade: Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X Público Alvo: Alunos das escolas publicas entre 10 e 14 anos Descrição da Atividade:Esse é um projeto de educação ambiental, cujo principal objetivo é conscientizar crianças ejovens sobre o impacto da poluição. Os bolsistas do PET planejaram e desenvolveram açõesde educação ambiental nas seguintes atividades: palestras e seminários nas escolas deensino fundamental; conscientização sobre os problemas causados pelo lixo. Promotores da atividade: PET – Engenharia de Pesca Parceiros ou colaboradores da atividade: Escolas de Educação Fundamental Justificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo. O principal objetivo dessa pesquisa é ajudá-los adescobrir as causas reais dos problemas que a população vem enfrentando com a poluição ea falta de água, adotando por meio de atitudes cotidianas medidas de valorização desserecurso; mostrar a importância da reciclagem e como a reutilização de materiais pode trazerbenefícios ao meio ambiente e ao homem, através, principalmente, da redução da poluição;propiciar integração entre os participantes e conhecimentos sobre os animais em extinção eameaçados de extinção; ensinar a definição de Ecossistema de uma forma dinâmica ecriativa, ressaltando a relação do homem com ele. Essa atividade contribui para odesenvolvimento de novas práticas e experiências pedagógicas, desde que os participantesenvolvidos podem aplicar os conhecimentos adquiridos no curso e ampliar seusconhecimentos em ações conjuntas com a sociedade. Resultados esperados com a atividade: Espera-se envolver os bolsistas em atividades voltadas para a prática da cidadania e desenvolver em crianças e jovens noções básicas sobre cuidados ambientais e sobre as relações do ambiente com a qualidade de vida das pessoas. Resultados alcançados com a atividade: Os bolsistas realizaram diversas atividades junto aos alunos do ensino fundamental contribuindo para a sua formação cidadã; eles recebeu orientações sobre saúde e conservação ambiental. Comentário geral: As escolas e alunos deram um grande apoio e importância a atividade, facilitando o desenvolvimento da mesma bem como o aproveitamento do conhecimento transmitido.
  • 28. (26) Natureza da Atividade Realizada: Seminário, palestra, oficinaTema: Projeto “NAPUREZA”Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X XPúblico Alvo:Comunidades de Mundaú – distrito de Trairí - CE.Descrição da Atividade:Essa atividade foi realizada com o objetivo de conscientizar a comunidade de Mundaú quantoa importância da preservação ambiental e levar a ela formas alternativas de aproveitamentode materiais recicláveis, apresentando seus deveres como cidadãos e as vantagens obtidascom a preservação do manguezal através de contato direto com os integrantes dos gruposem palestras, oficinas e seminários.Promotores da atividade:Projeto Mangue Vivo - UFC.Parceiros ou colaboradores da atividade:Prof. Dr. Wladimir Ronald Lobo Farias do Departamento de Engenharia de PescaNara Rúbia da Assunção Nunes – Bolsista PET – Engenharia de PescaJustificativa para realização da atividade:Essa ação complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamente definidano Planejamento de Atividades do Grupo. A realização dessa atividade teve como principalobjetivo despertar na comunidade uma responsabilidade sobre os seus direitos e deverescomo cidadãos. Foi enfatizada, em todas as etapas da atividade, a importância dos impactosambientais das atividades realizadas por esses indivíduos sobre o ambiente, econseqüentemente, sobre a qualidade de vida deles mesmos e das gerações futuras. Essaatividade contribui para o desenvolvimento de novas práticas e experiências pedagógicas,desde que os participantes envolvidos formaram grupos de estudos sobre o tema tratado eutilizaram diferentes técnicas para repassar os conhecimentos de forma acessível ao públicoalvo. Além dos benefícios acadêmicos, ocorreram interações sociais e culturais entre osbolsistas e a comunidade que auxiliaram a formação cidadã dos dois grupos envolvidos.Resultados esperados com a atividade:Identificar os principais problemas ambientais associados ao ambiente manguezal no estadodo Ceará; formar grupos de estudos sobre os problemas levantados; procurar soluçõeseconomicamente e ambientalmente sustentáveis que poderiam ser implantadas nascomunidades; conscientizar a comunidade de seus direitos e deveres como cidadãos.Resultados alcançados com a atividade:Todos os resultados esperados foram alcançados, Espera-se que, com a continuidade doprojeto hajam mais investimentos que favoreçam a realização de atividades maisaprofundadas no médio e longo prazo.Comentário geral:A realização dessa atividade foi favorecida pelo grande envolvimento dos grupos e dacomunidade nas questões sociais e ambientais, que embora não tenham mudado totalmentesua postura em relação aos problemas abordados, estão conscientes da sua importânciacomo agentes modificadores.
  • 29. (27) Natureza da Atividade Realizada: Aulas de QuímicaTema: Projeto pré-vestibular 6 de marçoCronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Alunos pré-universitários.Descrição da Atividade:Essa atividade apresentou-se de forma compromissada com a educação e responsabilidadesocial, pois o projeto tem como objetivo oferecer aos estudantes advindos de escolaspúblicas condições de se prepararem adequadamente para o vestibular, possibilitando suainclusão social através da entrada em universidades. O conhecimento foi transmitido em salade aula na forma de aulas convencionais de Química, ministrada por um bolsista PET,voltada para o vestibular.Promotores da atividade:Universidade Federal do CearáPrefeitura de FortalezaParceiros ou colaboradores da atividade:Francisco Regivânio Nascimento Andrade – Bolsista PET – Engenharia de PescaJustificativa para realização da atividade:Essa atividade complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamentedefinida no Planejamento de Atividades do Grupo. A inclusão desse projeto nas atividadesdo PET deve-se ao crescimento recente do interesse de ingresso em IES por conta dosalunos das escolas da rede publica. Desse modo, a realização dessa atividade supriu anecessidade dos alunos de baixa renda se prepararem melhor para o vestibularintensificando seus estudos de forma accessível. Houve uma grande contribuição dessaatividade para o desenvolvimento de novas práticas pedagógicas para o bolsista e osbenefícios socioculturais para o grupo e para a comunidade envolvida, fortalecendo aresponsabilidade social.Resultados esperados com a atividade:Capacitar os alunos de ensino médio em um melhor nível de conhecimento para que atravésdo vestibular venha a ingressar em uma IES.Resultados alcançados com a atividade:Capacitação dos alunos de ensino médio em um melhor nível, bem como notável evoluçãodo conhecimento dos mesmos a partir do empenho neste projeto, estando aptos ao ingressoem uma IES por meio de vestibular.Comentário geral:A realização dessa atividade foi favorecida pela disponibilidade do bolsista envolvido, doapoio da UFC em parceria com a Prefeitura de Fortaleza. E, igualmente importante, foidisponibilidade dos alunos pré-universitários e o interesse de todos em obter novosconhecimentos.
  • 30. (28) Natureza da Atividade Realizada: Home pageTema: Jornal “Diário de Bordo” on-line (www.petengpesca.blogspot.com)Cronograma de Execução da Atividade:Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez X X X X X X X X X X X XPúblico Alvo:Alunos da graduação do curso de Engenharia de Pesca e afins.Descrição da Atividade:A criação do jornal on-line tem como objetivo proporcionar informações sobre o Grupo PET-Engenharia de Pesca, seus integrantes e suas atividades, bem como manter a comunidadeacadêmica e os visitantes informados, através de notícias de caráter relevante, sobre osacontecimentos nas áreas abrangentes da pesca, aquicultura e meio ambiente.Promotores da atividade:PET – Engenharia de PescaParceiros ou colaboradores da atividade:Bolsistas PET – Engenharia de PescaJustificativa para realização da atividade:Essa atividade complementa os temas tratados no âmbito do PET, estando previamentedefinida no Planejamento de Atividades do Grupo. A inclusão desse Jornal on-line nasatividades do PET desperta um maior interesse nos alunos da graduação em estarem semprea par dos desenvolvimentos e acontecimentos ocorrentes na área. Desse modo, a realizaçãode tal atividade complementa e alerta os alunos para a realidade da área em difusão deconhecimento de tecnológica, necessidades sociais e tendências do mercado de trabalho.Resultados esperados com a atividade:Despertar interesse e atenção dos alunos da graduação quanto aos acontecimentosenvolvendo áreas voltadas para a Engenharia de Pesca, aumentando assim o leque deconhecimento de todos.Resultados alcançados com a atividade:Maior interesse busca pelas atividades do PET por conta dos alunos da graduação efortalecimento no apoio dos outros grupos da Engenharia de Pesca.Comentário geral:A criação e manutenção do blog do PET - Engenharia de Pesca foi favorecida peladisponibilidade dos bolsistas envolvidos, e motivada pelo interesse dos alunos da graduaçãoem acessar e estarem sempre esperando novas publicações através deste meio.
  • 31. Estágios1. Bolsista: Vanessa Tomaz Rebouças-Local: Laboratório de Ciência e Tecnologia Aquícola – LCTA, Departamento de Engenharia dePesca, Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Ceará, Campus do Pici.-Responsável: Prof. Dr. Marcelo Vinícius do Carmo e Sá (Departamento de Engenharia de Pesca)-Período: Janeiro a Dezembro de 2010 Benefícios acadêmicos da atividade para o grupo e para a comunidade acadêmica do curso ao qual está vinculado: o Laboratório de Ciência e Tecnologia Aquícola realiza estudos científicos acerca da biotecnologia aplicada à ecologia e à melhoria de vida das comunidades que usufruem direta ou indiretamente da aquicultura. Incentiva os estagiários a ingressarem em um campo científico bastante promissor, contribuindo para o incremento de pesquisas inovadoras para o grupo, para comunidade acadêmica e para a sociedade. Resultados esperados: espera-se que a bolsista realize pesquisas nas áreas exploradas pelo laboratório, expandindo-as e aplicando-as no mercado de trabalho, bem como na comunidade, trazendo melhorias ecológicas e econômicas à sociedade.2. Bolsista: Filipe Brasil Mariano-Responsável: Prof. Dr. Jorge Iván Sanchéz Botero-Local: Laboratório de Ecologia, Departamento de Biologia, Campus do Pici, Universidade Federal doCeará.-Período: Janeiro a Dezembro de 2010 Benefícios acadêmicos da atividade para o grupo e para a comunidade acadêmica do curso ao qual está vinculado: O Laboratório de Ecologia realiza trabalhos científicos Na área de ecologia e ictiologia. Incentiva os estagiários a ingressarem em um campo científico bastante promissor, contribuindo para o incremento de pesquisas inovadoras para o grupo e a comunidade acadêmica. Resultados esperados: aspira-se que os alunos possam realizar pesquisas nas áreas exploradas pelo laboratório, expandindo-as e aplicando-as no mercado de trabalho.3. Bolsista: Francisco Marcelo de Lima Costa- Local: CORAq – Empresa Júnior da Engenharia de Pesca- Responsável: Prof. Elenise Gonçalves- Período: Setembro a dezembro de 2010 Benefícios acadêmicos da atividade para o grupo e para a comunidade acadêmica do curso ao qual está vinculado: proporcionar a capacitação dos alunos através de cursos e da experiência de trabalho; proporcionar à micro, pequena e média empresa, um trabalho de qualidade a preços mais acessíveis que o mercado de trabalho. Resultados esperados: Qualificar o aluno quanto a suas habilidades, fazendo uma ligação entre os fundamentos obtidos na vida acadêmica e suas aplicações no cotidiano do profissional de Engenharia de Pesca.4. Bolsista: Igor Gabriel Rodrigues Ferreira Gomes-Local: Estação de piscicultura Profº Raimundo Saraiva da Costa-Período: Janeiro a Dezembro de 2010-Responsável: Prof. Dr. Wladimir Ronald Lobo Farias (Departamento de Engenharia de Pesca)A estação de piscicultura Profº Raimundo Saraiva da Costa está vinculada a Universidade Federal doCeará e está localizado no bloco-Local: Associação de Pesquisa e Preservação de Ecossistemas Aquáticos – AQUASIS-Período: Janeiro a dezembro de 2010
  • 32. A Associação de Pesquisa e Preservação de Ecossistemas Aquáticos - AQUASIS é uma associaçãocivil sem fins lucrativos e fica situada no SESC Iparana, Praia de Iparana s/n, Caucaia-CE-Local: Tanganyka-Responsável: Blanchard Girão Ribeiro FilhoA piscicultura ornamental Tanganyka,fica situada no município de Aquiraz5. Bolsista: Maria Tarciana V. Fortaleza-Local: Laboratório de Ecologia Marinha - Instituto de Ciências do Mar (LABOMAR)-Período: Janeiro/2010 – Dezembro/2010-Responsável: Tito Monteiro da Cruz Lotufo-Local: Coordenadoria do Desenvolvimento da Pesca - Secretaria de DesenvolvimentoAgrário (SDA)-Período: Novembro/2009 – Março/20106. Bolsista: Nara Rúbia da Assunção Nunes-Local: Centro de Biotecnologia Aplicada a Aquicultura - CEBIAQUA, Departamento de Engenhariade Pesca, Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Ceará, Campus do Pici.-Responsável: Wladimir Ronald Lobo Farias - D.Sc., professor do Departamento de Eng. de Pesca.-Período: Janeiro a Dezembro de 2010 Benefícios acadêmicos da atividade para o grupo e para a comunidade acadêmica docurso ao qual está vinculado: o Centro de Biotecnologia Aplicada a Aquicultura realiza estudoscientíficos com Microalgas buscando a melhoria de técnicas de cultivo. Incentiva os estagiários aingressarem em um campo científico bastante promissor, contribuindo para o incremento depesquisas inovadoras para o grupo, para comunidade acadêmica e para a sociedade. Resultados esperados: espera-se que a bolsista realize pesquisas nas áreas exploradas pelolaboratório, expandindo-as e aplicando-as no mercado de trabalho, bem como na comunidade,trazendo melhorias ecológicas e econômicas à sociedade.7. Bolsista: Rômulo Farias Carneiro-Local: Laboratório de Moléculas Biologicamente Ativas – BioMol-Lab, departamento de Bioquímica eBiologia Molecular, Centro de Ciências. Universidade Ferderal do ceará, Campus do Pici.Responsável: Alexandre Holanda Sampaio – Ph.D. professor do Departamento de Eng. de Pesca.-Período: Janeiro a Dezembro de 2010 Benefícios acadêmicos da atividade para o grupo e para a comunidade acadêmica docurso ao qual está vinculado: o Laboratório de Moléculas Biologicamente Ativas realiza pesquisasnas áreas de Bioquímica, Biologia Molecular e Biologia estrutural visando à purificação ecaracterização de moléculas que apresentem algum tipo de atividade biológica. O BioMol-Lab ofereceestágios para estudantes de graduação que desejem iniciar atividades de pesquisa em uma dasáreas de trabalho do grupo, objetivando a formação de alunos preparados para o campo da pesquisacientifica. Resultados esperados: espera-se que a bolsista realize pesquisas nas áreas exploradaspelo laboratório, obtendo resultados passiveis de apresentação em congressos, redação demonografia de conclusão de curso e publicação em revistas científicas.
  • 33. 8. Bolsista: Jamille Martins Forte -Local: Estação de piscicultura Profº Raimundo Saraiva da Costa -Período: Janeiro a Agosto de 2010 -Responsável: Prof. Dr. Wladimir Ronald Lobo Farias (Departamento de Engenharia de Pesca) A estação de piscicultura Profº Raimundo Saraiva da Costa está vinculada a Universidade Federal do Ceará e está localizado no bloco Benefícios acadêmicos da atividade para o grupo e para a comunidade acadêmica do curso ao qual está vinculado: proporcionar ao aluno uma experiência prática sobre as principais metodologias aprendidas teoricamente no curso. Resultados esperados: Aprimorar o aluno quanto a suas aptidões, fazendo que com ele seja um bom aluno no dia a dia acadêmico e posteriormente sendo um experiente profissional no curso de Engenharia de Pesca, mostrando à sociedade o que aprendeu na vida acadêmica e nos laboratórios. -Local: IBAMA – Instituto Brasileiro do Meio Amabiete -Período: Julho a Dezembro de 2010 -Responsável: Prof. Rosemeiry Melo Carvalho Benefícios acadêmicos da atividade para o grupo e para a comunidade acadêmica do curso ao qual está vinculado: proporcionar ao aluno uma experiência sobre os assuntos de utilidade pública lidar com leis, processos e protocolos, sobre assuntos de impacto ambiental e preservação de espécies. Resultados esperados: Mostrar ao aluno a realidade da repartição pública e ficar por dentro sobre os principais assuntos que correspondem as necessidades da sociedade. 3.2. Impacto na Graduação e Inovação na Graduação Dentre as atividades realizadas, as três de maior impacto para o curso de graduação e para os bolsistas do PET, por proporcionarem experiências e resultados inovadores foram: (1) PROJETO PADRIN – Programa de Acompanhamento Discente aos Recém-ingressos. (2) Jornal “Diário de Bordo” on-line (www.petengpesca.blogspot.com). (3) Projeto Educação Ambiental, Essa Onda é Legal. 4. CONDIÇÕES DE DESENVOLVIMENTO DAS ATIVIDADES Sugere-se que esta etapa do relatório seja discutida conjuntamente pelo grupo (tutores e alunos), de modo que as informações traduzam a compreensão de todos.4.1. A carga horária mínima de oito horas semanais para orientação dos alunos e do grupo foicumprida pelo(a) Tutor(a)? (X) Integralmente ( ) Parcialmente ( ) Não foi cumpridaJustifique: A Tutora esteve presente em todas as atividades planejadas e realizadas pelo grupo. 4.2. A carga horária de vinte horas semanais para cumprimento das atividades do PET foi cumprida pelos alunos bolsistas e não bolsistas? (X) Integralmente ( ) Parcialmente ( ) Não foi cumpridaJustifique: Os bolsistas estiveram presentes em todas as atividades planejadas e realizadas pelo grupo.
  • 34. 4.3. As atividades planejadas foram realizadas? ( ) Integralmente (X) Parcialmente ( ) Não foram realizadasJustifique: Ocorreram mudanças no planejamento devido ao ingresso de novos bolsistas que já estavam envolvidos em pesquisas ou projetos de extensão considerados de grande relevância pelo grupo.4.4. Informe sobre a participação da IES em relação ao apoio institucional para odesenvolvimento das atividades acadêmicas do grupo: (X) Integral ( ) Parcial ( ) Não houve apoioJustifique: A IES demonstra grande interesse e comprometimento com as atividades dos grupos PET.4.5. Informe sobre a interação do grupo com o projeto pedagógico do curso de graduação aoqual está vinculado: ( ) Efetiva ( ) Parcial (X) Não houve interaçãoJustifique: Durante o ano de 2009 não ocorreram reuniões abertas à participação de estudantes do curso, pois o projeto pedagógico está na sua fase final de elaboração.4.6. Informe sobre a atuação da SESu, considerando os aspectos de acompanhamento egestão do PET: (X) Excelente ( ) Regular ( ) Bom ( ) RuimJustifique: A SESu acompanha todas as ações desenvolvidas pelo PET através dos relatórios institucionais elaborados com base nas informações de cada grupo. A implantação do sistema Sigproj agilizou a interação entre os grupos PET e a SESu.4.7. Informe sobre a atuação do Comitê Local de Acompanhamento do PET quanto aoacompanhamento e orientação do grupo: ( ) Excelente ( ) Regular (X) Bom ( ) RuimJustifique: O acompanhamento destina-se, prioritariamente, aos grupos com alguma deficiência em seu desempenho. Porém, essa atividade poderia também estar voltada, com igual importância, para a definição de medidas preventivas às dificuldades de funcionamento dos grupos.
  • 35. 5. INFORMAÇÕES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES5.1. Dirigidas ao Grupo (Tutor e Alunos) 5.1.1. Considerando as atividades desenvolvidas pelo grupo, relacione, no mínimo, três atividades desenvolvidas pelo grupo PET, que caracterizem indicadores da indissociabilidade ensino, pesquisa e extensão. O grupo realiza as atividades de ensino e extensão muitas vezes integradas através decursos e palestras tendo a comunidade acadêmica e/ou as comunidades carentes comoprincipal publico alvo levando a essas comunidade os conhecimentos adquiridos pelosalunos, a pesquisa coletva e indvidual objetiva um melhor desenvolvimento acadêmico dosalunos bolsistas e a capacitação destes para aprimorar cada vez mais as ferramentas domercado de trabalho. Os conhecimentos repassados nas atividades de ensino e extensão sãoobtidos nas atividades de pesquisa, grupos de pesquisa e monitorias voluntáriasdesenvolvidas pelos bolsistas.
  • 36. 5.2. Dirigidas ao Tutor 5.2.1. Informe as atividades acadêmicas/ científicas mais relevantes que realizou/ participou no ano de 2010. (Congressos, publicações, pesquisas, etc)Disciplinas LecionadasPeríodos: 2010.1 e 2010.2Graduação: Economia Pesqueira I (Curso de Engenharia de Pesca)Graduação: Estatística Básica (Curso de Agronomia)Produção BibliográficaArtigos completos publicados em periódicos 1. Pinheiro, José César Vieira ; Carvalho, Rosemeiry Melo . Gestão dos recursos hídricos no sistema agroindustrial nordestino: uma abordagem teórica. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, v. 6, p. 52-72, 2010. 2. Carvalho, Rosemeiry Melo ; Araújo, Rochele Alves de. ; Pinheiro, José César Vieira . Vantagens comparativas e desempenho das exportações do setor pesqueiro brasileiro no mercado norte-americano. Perspectiva Econômica (São Leopoldo. Online), v. 6, p. 1-15, 2010. 3. Pinheiro, José César Vieira ; Amaral, Cecícila Reis ; Carvalho, Rosemeiry Melo . Análise da viabilidade sócio-ambiental da fruticultura irrigada no Baixo Jaguaribe, Ceará. RGSA (ANPAD), v. 4, p. 3-17, 2010. 4. Carvalho, Rosemeiry Melo ; Bezerra, Leiliana Noronha ; Pinheiro, José César Vieira . Aspectos socioeconômicos da pesca na comunidade da prainha do canto verde beberibe-ce. Sociedade e desenvolvimento rural, v. 4, p. 1-24, 2010. 5. Souza, Nydiane Costa de ; CAMPOS, Robério Telmo ; Carvalho, Rosemeiry Melo ; CABRAL, José Ednilson de Oliveira . Avaliação da rentabilidade em condições de risco do café ecológico da área de proteção ambiental da Serra de Baturité-CE. Revista Econômica do Nordeste, v. 41, p. 115-131, 2010.Trabalhos completos publicados em anais de congressosCarvalho, Rosemeiry Melo ; Pinheiro, José César Vieira . Impactos do programa de aceleração docrescimento sobre o desenvolvimento econômico no Brasil. In: XLVIII Congresso da Sober, 2010,Campo Grande. XLVIII Congresso da Sober, 2010.Aragão, Rodrigo Nunes ; Pinheiro, José César Vieira ; Carvalho, Rosemeiry Melo . Análise dademanda de água bruta para a reutilização do Canal do Trabalhador. In: XLVIII Congresso da Sober,2010, Campo Grande. XLVIII Congresso da Sober, 2010.
  • 37. 5.2.2. Considerando as atividades desenvolvidas pelo grupo e a sua ação efetiva como Tutor,relacione, no mínimo, três aspectos que caracterizem a metodologia que você utiliza na EducaçãoTutorial. A metodologia utilizada na educação tutorial do grupo PET-Engenharia de Pescafundamenta-se nas seguintes observações:(1) identificação das aptidões de cada componente do grupo;(2) acompanhamento individual dos bolsistas para o desenvolvimento dessas aptidões;(3) trabalhos em grupo, onde cada bolsista contribui com suas vantagens relativas ao desenvolvimento das atividades conjuntas. 5.2.2. Considerando as atividades desenvolvidas no grupo e a sua ação efetiva como Tutor, relacione, no mínimo, três ações que caracterizem suas contribuições ao avanço qualitativo do curso de graduação ao qual está vinculado. (1) Vinculação dos cursos, seminários e palestras ao conteúdo das disciplinas do curso de graduação; (2) Intercâmbio entre diferentes grupos de estudo e da iniciativa pública e privada com o curso de graduação; (3) Promoção regular de atividades complementares com o objetivo de estimular os estudantes e reduzir a evasão.5.2.4. Considerando as atividades desenvolvidas no âmbito do grupo e a sua ação efetiva comoTutor, relacione, no mínimo, três aspectos que tenham sido originalmente construídos no PET e queforam incorporados à sua prática docente junto aos demais alunos da graduação. (1) Orientação individual dos alunos, visando identificar seus pontos fortes e deficiências quanto ao conteúdo das disciplinas lecionadas; (2) Comprometimento com o trabalho desenvolvido em grupo; (3) Estímulo à participação, manifestação de opiniões e respeito às diferenças.5.3. Dirigida ao conjunto dos Alunos do PET 5.3.1. Informe os trabalhos apresentados/ publicados por cada um dos alunos do grupo, indicando o evento, o local e a data.Arthur Alves de MeloSILVA, A. C. B.; MELO, A. A.; CAMPOS, C. C. ; COSTA, F. M. L. ; ANDRADE, F. R. N. ; NUNES. N,R, A.; REBOUÇAS,V. T. ; CARVALHO, R. M. ; CARNEIRO, R. F. ; RIBEIRO, D. C. . Impacto doPrograma de Educação tutorial sobre o rendimento acadêmico dos alunos de graduação. 2010.PAULA, G. L.; NASCIMENTO, F. E. P.; CARNEIRO, R. F.; MELO, A. A.; SILVA, N. J.;NASCIMENTO, K. S.; NAGANO, C. S.; NASCIMENTO, A. S. F.; BENEVIDES, R. G.; SAMPAIO, A.H.; FARIAS, C. M. S. A.; CAVADA, B. S. Otimização do processo de extração de proteínas totais daalga marinha vermelha Bryothamnion triquetrum para análise proteômica. In: XIII CongressoBrasileiro de Ficologia, 2010, Paraty. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Ficologia, 2010.NASCIMENTO, F. E. P.; PAULA, G. L.; MELO, A. A.; CARNEIRO, R. F.; NASCIMENTO, K. S.;NAGANO, C. S.; NASCIMENTO, A. S. F.; BENEVIDES, R. G.; SAMPAIO, A. H.; FARIAS, C. M. S. A.;CAVADA, B. S. Extração de proteínas totais da alga marinha vermelha Hypnea musciformis paraanálise proteômica através de eletroforese bidimensional. In: XIII Congresso Brasileiro de Ficologia,2010, Paraty. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Ficologia, 2010.
  • 38. Ana Carolina Bento da SilvaSILVA, A. C. B.; CARVALHO, R. M. ; CAMPOS, C. C. ; FORTALEZA, M. T. V. ; COSTA, F. T. Aimportância do Minicurso de Aquarismo na formação complementar dos estudantes do curso deEngenharia de Pesca. 2010REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; COSTA, F. M. L.;OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B.; CARVALHO, R. M.. Impacto do programa de educação tutorialsobre o rendimento acadêmico dos alunos de graduação. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica daUniversidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.ANDRADE, F. R. N. ; PRAXEDES, G. F. ; FORTALEZA, M. T. V. ; SILVA, A. C. B. ; CAMPOS, C. C. ;OUTEIRAL, M. C. ; CARVALHO, R. M. . Educação ambiental em escolas públicas de Fortaleza comênfase na valorização da água. 2010.FORTALEZA, M. T. V.; CAMPOS, C. C.; COSTA, F. T.; REBOUÇAS, V. T. ; SILVA, A. C. B. ;ANDRADE, F. R. N. ; CARVALHO, R. M. . Reforma ortográfica da língua portuguesa: uma atividadede ensino do pet engenharia de pesca para os estudantes do de graduação da ufc. 2010.REBOUÇAS,V. T. ; CARVALHO, R. M. ; PRAXEDES, G. F. ; ANDRADE, F. R. N. ; SILVA, A. C. B. ;CAMPOS, C. C. . Importância das apresentações escritas e orais no desenvolvimento acadêmico.2010.SILVA, A. C. B.; MELO, A. A. ; CAMPOS, C. C. ; COSTA, F. M. L. ; ANDRADE, F. R. N. ; NUNES. N,R, A. ; REBOUÇAS,V. T. ; CARVALHO, R. M. ; CARNEIRO, R. F. ; RIBEIRO, D. C. . Impacto doPrograma de Educação tutorial sobre o rendimento acadêmico dos alunos de graduação. 2010.Carolina Coelho CamposSILVA, A. C. B.; CARVALHO, R. M.; CAMPOS, C. C.; FORTALEZA, M. T. V.; COSTA, F. T.. Aimportância do Minicurso de Aquarismo na formação complementar dos estudantes do curso deEngenharia de Engenharia de Pesca, 2010.REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; COSTA, F. M. L.;OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B.; CARVALHO, R. M.. Impacto do programa de educação tutorialsobre o rendimento acadêmico dos alunos de graduação. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica daUniversidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.CAMPOS, C. C.; GARCIA, T. M.. Análise preliminar da comunidade zooplanctônica costeiraadjacente ao terminal Portuário do Pecém (CE). 2010.CAMPOS, C. C.; REBOUÇAS, V. T.; NUNES. N, R, A.; SILVA, A. C. B.; ANDRADE, F. R. N.;MARIANO, F. B ; CARVALHO, R. M.. Conscientização ambiental para crianças de escolas públicasde Fortaleza: o problema dos animais aquáticos em extinção. 2010.ANDRADE, F. R. N.; PRAXEDES, G. F.; FORTALEZA, M. T. V.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C.C.;OUTEIRAL, M. C.; CARVALHO, R. M.. Educação Ambiental em Escolas Públicas de Fortaleza comÊnfase na Valorização da Água. In: Encontros Universitários - UFC, 2010, Fortaleza. XIX Encontro deExtensão, 2010.NUNES. N, R, A.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B.;GOMES, I. G. R. F.; CARVALHO, R. M.. Medidas para preservação dos ecossistemas:conscientizando os alunos de escolas públicas de Fortaleza, CE. In: Encontros Universitários - UFC,2010, Fortaleza. XIX Encontro de Extensão, 2010.FORTALEZA, M. T. V.; CAMPOS, C. C.; COSTA, F. T.; REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.;ANDRADE, F. R. N.; CARVALHO, R. M.. Reforma ortográfica da língua portuguesa: uma atividade deensino do PET Engenharia de Pesca para os estudantes de graduação da UFC.. In: EncontrosUniversitários - UFC , 2010, Fortaleza. XIX Encontro de Iniciação à Docência, 2010.
  • 39. REBOUÇAS, V. T.; PRAXEDES, G. F.; ANDRADE, F. R. N.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.; CARVALHO, R. M.. Importância das apresentações escritas e orais no desenvolvimento acadêmico.In: XIX Encontro de Iniciação à Docência da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza.Anais... 2010.REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.; MELO, A. A.; CAMPOS, C. C.; COSTA, F. M. L.; ANDRADE, F.R. N.; NUNES, N. R. A.; CARNEIRO, R. F.; RIBEIRO, D. C.; CARVALHO, R. M.. Impacto doprograma de educação tutorial sobre o rendimento acadêmico dos alunos de graduação. In: XVENAPET, 2010, Natal. Anais... 2010.Filipe Brasil marianoMARIANO, F. B., ANDRADE, F. R. N.; BOTERO, J. I. S. Avaliação das variáveis físico-químicas eclimáticas no açude Sítios Novos, Caucaia - CE. In: Encontros Universitários - UFC, 2010, Fortaleza.XXIX Encontro de Iniciação Científica, 2010.CAMPOS, C. C.; MARIANO, F. B.; ANDRADE, F. R. N.; NUNES, N. R. A.; REBOUÇAS, V. T.; SILVA,A. C. B. Conscientização ambiental para crianças de escolas públicas de Fortaleza: O problema dosanimais aquáticos em extinção. In: Encontros Universitários - UFC, 2010, Fortaleza. XIX Encontro deExtensão, 2010.NUNES, N. R. A.; ANDRADE, F. R. N.; CAMPOS, C. C.; GOMES, I. G. R. F.; MARIANO, F. B.;OUTEIRAL, M. C. Medidas para preservação dos ecossistemas: Conscientizando os alunos deescolas públicas de Fortaleza. In: Encontros Universitários - UFC, 2010, Fortaleza. XIX Encontro deExtensão, 2010.PAIVA, S. V.; ANDRADE, F. R. N.; COSTA, F. M. L.; GOMES, I. G. R. F.; MARIANO, F. B.;OUTEIRAL, M. C. Avaliação das apresentações orais realizadas pelos bolsistas do PET – Engenhariade Pesca pelos alunos recém-ingressos. In: Encontros Universitários - UFC, 2010, Fortaleza. IIIEncontro de Experiências Estudantis, 2010.Francisco Marcelo de Lima CostaPAIVA, S. V.; COSTA, F. M. L.; MARIANO, F,B.; GOMES, I, G, R, F.; OUTEIRAL, M, C.; ANDRADE,F, R, N. Avaliação das apresentações orais realizadas pelos bolsistas do pet- engenharia de pescapelos alunos recém-ingressos. In: III Encontro de Experiências Estudantis- Encontros Universitários,2010, Fortaleza. III Encontro de Experências Estudantis.REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B. ; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; COSTA, F. M. L.;OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F.B. Impacto do Programa de Educação Tutorial sobre o rendimentoacadêmico dos alunos de graduação. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica da UniversidadeFederal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.SILVA, A. C. B.; ANDRADE, F. R. N.; GOMES, I. G. R. F.; NUNES, N. R. A.; PAIVA, S. V.; COSTA, F.M. L. O lixo e a reciclagem: Educação ambiental para estudantes de escolas públicas de Fortaleza.In: XIX Encontro de Extensão da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais...2010.-Participação em congressosIII Congresso Cearense de Aquicultura – 26 e 27/11 – Camocim – CEPEC Nordeste – 2010 – 14 a 17/06Francisco Regivânio N. AndradeANDRADE, F. R. N.; NORÕES, A. K. M.; SOUSA, K. C. ; RODRIGUES, R. S. ; FARIAS, W. R. L. ;Reutilização da biomassa algal da microalga marinha Chaetoceros muelleri para extração de
  • 40. polissacarídeos sulfatados. In: XV Semana Universitária da Universidade Estadual do Ceará, 2010,Fortaleza. Anais...2010.ANDRADE, F. R. N.; MARIANO, F. B.; Avaliação Ictiológica do Açude Sítios Novos, Caucaia-Ce. In:III Encontro de Experiências Estudantis da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza.Anais...2010.ANDRADE, F. R. N.; PRAXEDES, G. F.; FORTALEZA, M. T. V.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.;OUTEIRAL, M. C.; Educação ambiental em escolas públicas de Fortaleza com ênfase na valorizaçãoda água. In: XIX Encontro de Extensão da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza.Anais...2010.MARIANO, F. B.; ANDRADE, F. R. N. ; Avaliação das variáveis físico-químicas e climáticas no açudeSítios Novos, Caucaia-Ce. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica da Universidade Federal doCeará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.SOUSA, K. C.; RODRIGUES, R.S.; NORÕES, A.K.M. ; ANDRADE, F. R. N. ; Purificação depolissacarídeos sulfatados das macroalgas marinhas pardas (Phaeophyta) Spatoglossum shroederi,Sargassum vulgare e Lobophora variegata. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica da UniversidadeFederal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; COSTA, F. M. L.;OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F.B. Impacto do Programa de Educação Tutorial sobre o rendimentoacadêmico dos alunos de graduação. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica da UniversidadeFederal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.SILVA, A. C. B.; ANDRADE, F. R. N.; GOMES, I. G. R. F.; NUNES, N. R. A.; PAIVA, S. V.; COSTA, F.M. L. O lixo e a reciclagem: Educação ambiental para estudantes de escolas públicas de Fortaleza.In: XIX Encontro de Extensão da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais...2010.CAMPOS, C. C.; REBOUÇAS, V. T.; NUNES, N. R. A.; SILVA, A. C. B.; ANDRADE, F. R. N.;MARIANO, F. B.; Conscientização ambiental para crianças de escolas públicas de Fortaleza: Oproblema dos animais aquáticos em extinção. In: XIX Encontro de Extensão da Universidade Federaldo Ceará, 2010, Fortaleza. Anais...2010.NUNES, N. R. A.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B.;GOMES, I. G. R. F.; Medidas para preservação dos ecossistemas: Conscientizando os alunos deescolas públicas de Fortaleza. In: XIX Encontro de Extensão da Universidade Federal do Ceará,2010, Fortaleza. Anais...2010.REBOUÇAS, V. T.; PRAXEDES, G. F.; ANDRADE, F. R. N.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.Importância das apresentações escritas e orais no desenvolvimento acadêmico. In: XIX Encontro deIniciação à Docência da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais...2010.BARROSO, J. C.; SOUSA, K. C.; ANDRADE, F. R. N. Aplicações práticas em Biologia Pesqueira. In:II Encontro de Docência no Ensino Superior da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza.Anais...2010.NORÕES, A. K. M.; ANDRADE, F. R. N.; SOUSA, K. C.; RODRIGUES, R. S.; FARIAS, W. R. L.Extração de polissacarídeos sulfatados da macroalga marinha Gracilaria birdiae. In: XV SemanaUniversitária da Universidade Estadual do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.-Participação em congressosXIV Semiario Nordestino de pecuária – (PECNORDESTE) Pecuáia e os Novos ParâmetrosAmbientais, de 14 a 17 de junho de 2010 – Fortaleza – CE. Participante da Galeria de InovaçõesTecnológicas no Seguimento de Aquicultura e Pesca.
  • 41. Germano Fonseca PraxedesREBOUÇAS,V. T. ; CARVALHO, R. M. ; PRAXEDES, G. F. ; ANDRADE, F. R. N. ; SILVA, A. C. B. ;CAMPOS, C. C. . Importância das apresentações escritas e orais no desenvolvimento acadêmico.2010.ANDRADE, F. R. N.; PRAXEDES, G. F.; FORTALEZA, M. T. V.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C.C.;OUTEIRAL, M. C.; CARVALHO, R. M.. Educação Ambiental em Escolas Públicas de Fortaleza comÊnfase na Valorização da Água. In: Encontros Universitários - UFC, 2010, Fortaleza. XIX Encontro deExtensão, 2010.Igor Gabriel Rodrigues Ferreira GomesSILVA, A. C. B.; ANDRADE, F. R. N.; GOMES, I. G. R. F.; NUNES, N. R. A.; PAIVA, S. V.; COSTA, F.M. L. O lixo e a reciclagem: Educação ambiental para estudantes de escolas públicas de Fortaleza.In: XIX Encontro de Extensão da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais...2010.NUNES, N. R. A.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B.;GOMES, I. G. R. F.; Medidas para preservação dos ecossistemas: Conscientizando os alunos deescolas públicas de Fortaleza. In: XIX Encontro de Extensão da Universidade Federal do Ceará,2010, Fortaleza. Anais...2010.Maria Tarciana V. FortalezaCOSTA, T. E. S.; FORTALEZA, M. T. V.; LOTUFO, T. M. C.. Composição lipídica de Eudistomavannamei MILLAR, 1977 (Tunicata: Ascidiacea).. In: IV Congresso Brasileiro de Oceanografia (CBO),2010, Rio Grande. IV Congresso Brasileiro de Oceanografia (CBO), 2010.SILVA, A. C. B. ; CAMPOS, C.C. ; FORTALEZA, M. T. V.; COSTA, F. T.. A importância do minicursoAquarismo na formação complementar dos estudantes do curso de Engenharia de Pesca. In: IXENCEPET, Juazeiro do Norte, 2010.FORTALEZA, M. T. V.; CAMPOS, C. C.; COSTA, F. T.; REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.;ANDRADE, F. R. N.; CARVALHO, R. M.. Reforma ortográfica da língua portuguesa: uma atividade deensino do PET Engenharia de Pesca para os estudantes de graduação da UFC.. In: EncontrosUniversitários - UFC , 2010, Fortaleza. XIX Encontro de Iniciação à Docência, 2010.FORTALEZA, M. T. V.; LOTUFO, T. M. C.. Contribuição para o conhecimento das ascídias do golfodo México coletadas durante os cruzeiros Hourglass (1965- 1967).. In: Encontros Universitários -UFC, 2010, Fortaleza. XXIX Encontro de Iniciação Científica, 2010.ANDRADE, F. R. N ; PRAXEDES, G. F.; FORTALEZA, M. T. V.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C.C.;OUTEIRAL. M. C.; CARVALHO, R. M.. Educação Ambiental em Escolas Públicas de Fortaleza comÊnfase na Valorização da Água. In: Encontros Universitários - UFC, 2010, Fortaleza. XIX Encontro deExtensão, 2010.Mirgon Conde OuteiralANDRADE, F. R. N.; PRAXEDES, G. F.; FORTALEZA, M. T. V.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.;OUTEIRAL, M. C.; Educação ambiental em escolas públicas de Fortaleza com ênfase na valorizaçãoda água. In: XIX Encontro de Extensão da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza.Anais...2010.REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; COSTA, F. M. L.;OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B. Impacto do Programa de Educação Tutorial sobre o rendimentoacadêmico dos alunos de graduação. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica da UniversidadeFederal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.
  • 42. NUNES, N. R. A.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B.;GOMES, I. G. R. F.; Medidas para preservação dos ecossistemas: Conscientizando os alunos deescolas públicas de Fortaleza. In: XIX Encontro de Extensão da Universidade Federal do Ceará,2010, Fortaleza. Anais... 2010.NUNES, N. R. A.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B.;GOMES, I. G. R. F.; CARVALHO, R. M.. Medidas para preservação dos ecossistemas:conscientizando os alunos de escolas públicas de Fortaleza, CE. In: Encontros Universitários - UFC,2010, Fortaleza. XIX Encontro de Extensão, 2010.Nara Rúbia da A. NunesNUNES, N. R. A.; SILVA, J. W. A.; ARAUJO, G. S.. Rendimento da biomassa seca da microalgaChlorella sp cultivada com depleção de nitrato, CE. In: Encontros Universitários - UFC, 2010,Fortaleza. XXIX Encontro de Iniciação Científica, 2010.SILVA, J. W. A.; NUNES, N. R. A.; ARAUJO, G. S.. Rendimento de óleo da microalga Chlorella sp emdois diferentes métodos de extração, CE. In: Encontros Universitários - UFC, 2010, Fortaleza. XXIXEncontro de Iniciação Científica, 2010.MACIEL, R. L.; NUNES, N. R. A.; SILVA, J. W. A.; ARAUJO, G. S.; FARIAS, W. R. L.. Teor de óleodas microalgas Tetraselmis chuii e Tetraselmis tetrathele cultivadas em duas diferentes salinidades.In: IV Congresso da Sociedade Brasileira de Aquicultura e Biologia Aquática, 2010, Recife. Anais doAquaCiência 2010.GOMES, K. H. Q.; COÊLHO, A. A. C.; NUNES, N. R. A.; SILVA, J. W. A.; MACIEL, R. L.; ARAUJO,G. S.; FARIAS, W. R. L.. Avaliação lipídica na fase estacionária de cultivo da microalga Tetraselmistetrathele. In: IV Congresso da Sociedade Brasileira de Aquicultura e Biologia Aquática, 2010, Recife.Anais do AquaCiência 2010.NUNES, N. R. A.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B.;GOMES, I. G. R. F.; CARVALHO, R. M.. Medidas para preservação dos ecossistemas:conscientizando os alunos de escolas públicas de Fortaleza, CE. In: Encontros Universitários - UFC,2010, Fortaleza. XIX Encontro de Extensão, 2010.SILVA, A. C. B.; NUNES, N. R. A.; ANDRADE, F. R. N.; GOMES, I. G. R. F.; PAIVA, S. V.; COSTA, F.M. L.; CARVALHO, R. M.. O lixo e a reciclagem: educação ambiental para estudantes de escolaspúblicas de Fortaleza, CE. In: Encontros Universitários - UFC, 2010, Fortaleza. XIX Encontro deExtensão, 2010.CAMPOS, C. C.; NUNES, N. R. A.; ANDRADE, F. R. N.; SILVA, A. C. B.; MARIANO, F. B.;REBOUÇAS, V. T.; CARVALHO, R. M.. Conscientização ambiental para crianças de escolas públicasde Fortaleza: o problema dos animais aquáticos em extinção. In: Encontros Universitários - UFC,2010, Fortaleza. XIX Encontro de Extensão, 2010.REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.; MELO, A. A.; CAMPOS, C. C.; COSTA, F. M. L.; ANDRADE, F.R. N.; NUNES, N. R. A.; CARNEIRO, R. F.; RIBEIRO, D. C.; CARVALHO, R. M.. Impacto doprograma de educação tutorial sobre o rendimento acadêmico dos alunos de graduação. In: XVENAPET, 2010, Natal. Anais... 2010.-Participação em congressosXIV Semiario Nordestino de pecuária – (PECNORDESTE) Pecuáia e os Novos ParâmetrosAmbientais, de 14 a 17 de junho de 2010 – Fortaleza – CE. Participante da Galeria de InovaçõesTecnológicas no Seguimento de Aquicultura e Pesca.Rômulo Farias Carneiro
  • 43. REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.; MELO, A. A.; CAMPOS, C. C.; COSTA, F. M. L.; ANDRADE, F.R. N.; NUNES, N. R. A.; CARNEIRO, R. F.; RIBEIRO, D. C.; CARVALHO, R. M.. Impacto doprograma de educação tutorial sobre o rendimento acadêmico dos alunos de graduação. In: XVENAPET, 2010, Natal. Anais... 2010FARIAS, R. C.; SMETANA, J. H. C. Clonagem, expressão e cristalização da proteína de levedura 0tip41. In: 20 Reunião Anual de Usuários do Laboratório Nacional de Luz Síncrontron, 2010,Campinas. Anais da XX RAU, 2010.FARIAS, R. C.; MELO, A. A. ; NASCIMENTO, F.E.P. ; MOURA, R. M. ; CAVADA, B. S. ; SAMPAIO,A. H. Identification and Partial Isolation of a Lectin from the Marine Sponge Haliclona Mammilata. In: o o3 Congresso Nacional De Biotecnologia, 2010, Fortaleza. Anais do 3 Congresso Nacional deBiotecnologia, 2010. P. 222-222.PAULA, G. L.; NASCIMENTO, F.E.P. ; FARIAS, R. C ; MELO, A. A. ; SILVA, N. J. ; NASCIMENTO, K.S.; BENEVIDES, R. G.; SAMPAIO, A. H.; CAVADA, B. S. Otimização do Processo de Extração deProteínas Totais da Alga Marinha Vermelha Bryothamnion Triquetum para Análise Proteômica. In: XIIICongresso Brasileiro de Ficologia, 2010, Paraty. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Ficologia,2010.FARIAS, R. C.; PAULA, G. L.; SIMOES, R. C.; MOURA, R. M.; SAMPAIO, A. H.; NAGANO, C. S.Purificação E Análise Preliminar Por Espectrometria De Massa De Uma Lectina Da Esponja MarinhaHaliclona Sp.. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica - Ufc, 2010, Fortaleza. Anais Do XXIXEncontro De Iniciação Científica - UFC, 2010.PEREIRA JUNIOR, F. N.; SIMOES, R. C.; FARIAS, R. C; MARINHO, E. S.; SILVA, H. C.;BENEVIDES, R. G.; ROCHA, B. A. M.; NASCIMENTO, K. S.; CAVADA, B. S.; NAGANO, C. S. Lectin oA Useful Tools In Biotechnoly: Primary Structure Of A Seed Lectin From Diocle Virgata. In: 3 oCongresso Brasileiro De Biotecnologia, 2010, Fortaleza. Anais do 3 Congresso Brasileiro DeBiotecnologia, 2010. P. 259-259.Vanessa Tomaz RebouçasDANTAS, V. P. P.; FERREIRA, V. C.; REBOUÇAS, V. T.; SARAIVA, L. F. M.. Using the APG IIclassification system and bioinformatics tools in the design of primers for catalase in angiosperms. In:3º Congresso Brasileiro de Biotecnologia, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.CAMPOS, C. C.; REBOUÇAS, V. T.; NUNES, N. R. A.; SILVA, A. C. B.; ANDRADE, F. R. N.;MARIANO, F. B.; CARVALHO, R. M.. Conscientização ambiental para crianças de escolas públicasde fortaleza: o problema dos animais aquáticos em extinção. In: XIX Encontro de Extensão daUniversidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.FORTALEZA, M. T. V.; COELHO, C. C.; CASTRO, F. T. C.; REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.;ANDRADE, F. R. N.; CARVALHO, R. M.. Reforma ortográfica da língua portuguesa: uma atividade deensino do PET Engenharia de Pesca para os estudantes de graduação da UFC. In: XIX Encontro deIniciação à Docência da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.; MELO, A. A.; CAMPOS, C. C.; COSTA, F. M. L.; ANDRADE, F.R. N.; NUNES, N. R. A.; CARNEIRO, R. F.; RIBEIRO, D. C.; CARVALHO, R. M.. Impacto doprograma de educação tutorial sobre o rendimento acadêmico dos alunos de graduação. In: XVENAPET, 2010, Natal. Anais... 2010.REBOUÇAS, V. T.; PRAXEDES, G. F.; ANDRADE, F. R. N.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.;CARVALHO, R. M.. Importância das apresentações escritas e orais no desenvolvimento acadêmico.In: XIX Encontro de Iniciação à Docência da Universidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza.Anais... 2010.REBOUÇAS, V. T.; SILVA, A. C. B.; CAMPOS, C. C.; ANDRADE, F. R. N.; COSTA, F. M. L.;OUTEIRAL, M. C.; MARIANO, F. B.; CARVALHO, R. M.. Impacto do programa de educação tutorial
  • 44. sobre o rendimento acadêmico dos alunos de graduação. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica daUniversidade Federal do Ceará, 2010, Fortaleza. Anais... 2010.-Participação em congressos62º Reunião Anual da SBPC. 25 a 30 de julho de 2010. Universidade Federal do Rio Grande doNorte. Natal, RN, Brasil.XV ENAPET – Encontro Nacional dos Grupos PET. 25 a 30 de julho de 2010. UniversidadeFederal do Rio Grande do Norte. Natal, RN, Brasil.Sandra Vieira PaivaPAIVA, S. V. ; MOREIRA, A. K. A.; GALVAO FILHO, H. C.; MEIRELLES, C. A. O. ; MATTHEWS-CASCON, Helena. Primeiro registro de diaulula greeleyi macfarland, 1909 (mollusca: nudibranchia)no litoral do ceará, nordeste do brasil.. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica - EncontrosUniversitários, 2010, Fortaleza. XXIX ENCONTROS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2010.GALVAO FILHO, H. C.; Moreira, A. K. A.; PAIVA, S. V. ; MEIRELLES, C. A. O. ; MATTHEWS-CASCON, Helena.. Moluscos opistobrânquios (mollusca: gastropoda) da costa do estado do ceará,nordeste do brasil.. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica - Encontros Universitários, 2010,Fortaleza. XXIX ENCONTROS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2010.MOREIRA, A. K. A.; GALVAO FILHO, H. C.; PAIVA, S. V.; MEIRELLES, C. A. O. ; MATTHEWS-CASCON, Helena.. Ordem anaspidea (mollusca: gastropoda: opisthobranchia) da costa do estado doceará, nordeste, BRASIL.. In: XXIX Encontro de Iniciação Científica - Encontros Universitários, 2010,Fortaleza. XXIX ENCONTROS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2010.PAIVA, S. V.; COSTA, F. M. L.; MARIANO, F. B.; GOMES, I, G, R, F.; OUTEIRAL, M, C.; ANDRADE,F, R, N.. Avaliação das apresentações orais realizadas pelos bolsistas do pet- engenharia de pescapelos alunos recém-ingressos. In: III Encontro de Experiências Estudantis- Encontros Universitários,2010, Fortaleza. III ENCONTRO DE EXPERÊNCIAS ESTUDANTIS.Jamille Martins ForteFORTE, J. M.; MOREIRA, R. L.. Comparação de métodos de análise computacional paraquantificação das cores em guppies (poecilia reticulata sp.). In: VII Simpósio Internacional decarcinicultura, 2010, Natal.-Participação em congressosVII Simpósio Internacional de carcinicultura, FENACAM 2010, Natal. 5.3.2. Considerando as atividades desenvolvidas pelo grupo e a ação efetiva do Tutor, relacione, no mínimo, três aspectos que caracterizem avanços qualitativos na formação acadêmica e na formação cidadã dos petianos.O envolvimento dos bolsistas no grupo PET tem contribuído de forma positiva para a obtençãoefetiva de avanços qualitativos referentes à: (1) Capacitação para a apresentação de trabalhos (palestras, cursos, seminários, etc), não somente como ouvintes, mas como palestrantes e/ou colaboradores; (2) Incentivo a produção científica, permitindo que os bolsistas ampliem seu campo de conhecimento; (3) Formação de mente crítica, liderança, solidariedade e ética profissional; (4) Oportunidade de melhorar a capacidade de trabalhar em conjunto, gerenciar horários, organizar e executar atividades; (5) Interação com os graduandos do curso e desenvolvimento de um papel social de modo a contribuir para a melhoria da comunidade acadêmica e da sociedade em geral.
  • 45. Local e Data: Fortaleza, 10 de janeiro de 2011.Assinatura do Tutor:Assinatura do representante dos Alunos, escolhido pelo Grupo:

×