• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Métodos registo pressão arterial
 

Métodos registo pressão arterial

on

  • 18,843 views

Apresentação de Fisiologia II sobre os métodos de registo da pressão arterial

Apresentação de Fisiologia II sobre os métodos de registo da pressão arterial

Statistics

Views

Total Views
18,843
Views on SlideShare
18,784
Embed Views
59

Actions

Likes
1
Downloads
162
Comments
0

1 Embed 59

http://www.slideshare.net 59

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Métodos registo pressão arterial Métodos registo pressão arterial Presentation Transcript

    • Métodos de registo da pressão arterial Fisiologia II – 2007/2008 Ana Rita Antunes Carolina Correia Cátia Barão Fernando Azevedo Francisco Santos Joana Curado Telma Calado Vânia Caldeira
    • Medida da pressão arterial
      • Pode ser medida com um esfigomanómetro ou um oscilógrafo programado para registar directamente os resultados numa fita de papel em movimento
      • Vários métodos:
      • - auscultatório
      • - palpatório
    • Unidades da pressão arterial
      • Quase sempre medida em milímetros de mercúrio
      • Pressão sanguínea – força exercida pelo sangue contra qualquer área unitária de parede vascular
      • Pode ser medida em centímetros de água
      • 1mmHg = 1,36 cm água
    • Determinação da pressão sanguínea pelo esfigmomanómetro de Mercúrio
      • Insere-se uma cânula na artéria, veia ou mesmo no coração
      • A pressão é transmitida para
      • o lado esquerdo empurrando
      • o Hg para baixo, elevando
      • a coluna do lado direito
      • A diferença entre os 2 níveis
      • de Hg igual à pressão na
      • circulação
    • Método auscultatório
      • Uma manga insuflável – manga de Riva-Rocci – fixada a um esfigmomanómetro
      • A manga é colocada à volta do braço e o estetoscópio sobre a artéria
      • braquial no
      • cotovelo
      • Pressão normal:
      • 120/80 mmHg
      • HTA: +140/90mmHG
      • Insufla-se a manga até que a pressão fique bem acima da pressão sistólica esperada na artéria braquial (cerca de 150mmHg)
      • Nada se ouve com o estetoscópio
      • Seguidamente baixa-se a pressão na manga lentamente
      • No ponto em que a pressão sistólica excede a pressão da manga um jacto de sangue passa a cada batimento cardíaco - ouve-se um som de batida no estetoscópio
      • A pressão a que os sons são primeiramente ouvidos é a pressão sistólica
      • À medida que a pressão na manga é reduzida, os sons ficam mais altos, depois abafados e finalmente surdos
      • Desaparecem na maioria dos indivíduos – sons de Korotkoff
      • A pressão no qual o som desaparece – pressão diastólica
      • Nos adultos após exercício, crianças, hipertiroidismo e insuficiência cardíaca, os sons surdos correspondem à pressão diastólica
    • Sons de Korotkoff
      • Produzidos pelo fluxo turbulento na artéria braquial
      • O fluxo laminar na artéria não contraída é silencioso
      • Quando a artéria é estreitada, a velocidade do fluxo excede a velocidade crítica e ocorre fluxo turbulento
      • Pressão na manga abaixo da sistólica - o fluxo através da artéria ocorre apenas no pico da sístole e a turbulência produz um som de batida
      • Pressão na manga acima da diastólica – o fluxo é interrompido e os sons apresentam uma qualidade de staccato
      • Pressão na manga próxima da diastólica – o vaso mantém-se contraído e o fluxo turbulento é contínuo, os sons são surdos
    • Precauções com o método auscultatório
      • A manga deve ficar ao nível do coração para que não seja influenciada pela gravidade
      • A pressão arterial pode ser medida nas coxas com a manga envolta da coxa e o estetoscópio na artéria popliteia
      • Mas como existe mais tecido na perna que no braço, parte da pressão da manga é dissipada (o mesmo acontece com indivíduos obesos nos braços) – assim podemos dizer que as pressões de braço-padrão são falsamente altas
      • Para estas situações a pressão exacta pode ser obtida utilizando uma manga mais larga
      • Comparar a pressão nos dois braços – grandes diferenças indicam obstrução vascular
      • Utilização de máquinas para monitorização contínua nos hospitais e de esfigmomanómetros
      • electrónicos
    • Método Palpatório
      • Insuflar a manga e deixar a pressão cair determinando a pressão a que o pulso
      • radial é palpável
      • Pressões 2 a 5 mmHg mais baixas
      • Criar o hábito de palpar o pulso –
      • quando a pressão da manga baixa, os
      • sons de Korotkoff podem desaparecer
      • a pressões acima da diastólica (hiato
      • auscultatório)
      • Manga for insuflada até o pulso radial
      • desaparecer, o médico tem certeza que
      • a pressão da manga está acima da pressão sistólica