Teorias de Enfermagem

138,974 views
137,683 views

Published on

Trabalho de Teorias de Enfermagem

Published in: Education
3 Comments
82 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
138,974
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
24
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
3
Likes
82
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Teorias de Enfermagem

  1. 1. Teorias de enfermagem Acadêmica Savana das G.
  2. 2. TeoriaOrigem: Grego- “Visão”.Constitui a forma sistemática de olhar omundo, para descrevê-lo, explicá-lo,prevê-lo ou controlá-lo. Composta de conceitos, definições,modelos, preposições e suposições
  3. 3. Teoria“ Conjunto de conceitos inter-relacionadosque proporcionam visão sistemática deum fenômeno, que é, por sua natureza,explicativo e profético” (Kerlinger).Objetivos: Descrever, explicar, predizer, econtrolar fenômenos
  4. 4. Teoria de enfermagemForma de relacionar conceitos, através douso de definições que sejam úteis aodesenvolvimento de inter-relaçõessignificativas para a descrição ouclassificação da prática.
  5. 5. Teorias de enfermagemTeoria Ambiental: F. Nightingale (1820/1910)Teoria das Necessidades Básicas: Virginia Henderson (1897)Teoria do Autocuidado: Dorothea Orem (1914)Teoria da Adaptação:Sister Calista Roy (1939)Teoria das Relações Interpessoais em Enfermagem: Hildegard Peplau (1952)Teoria Holística: Myra E. Levine (1967)Teoria do Modelo Conceitual do Homem: Martha Rogers (1970)Teoria das Necessidades Humanas Básicas:Wanda Horta (1970)Teoria Alcance dos Objetivos:Imogenes King (1971)
  6. 6. Teoria ambientalFoco principal da Teoria: AmbienteHomem: Indivíduo cujas defesas naturais são influenciadas por um ambiente saudável ou nãoSaúde: Processo reparadorAmbiente: Condições externas capazes de prevenir doenças, suprimi-las ou contribuir para elasEnfermagem: Modificar os aspectos não- saudáveis do ambiente a fim de colocar o paciente na melhor condição para ação da natureza
  7. 7. Teoria das Necessidades BásicasFoco: Necessidades BásicasHomem: Indivíduos com necessidades humanas com significado e valor singular a cada pessoaSaúde: Capacidade para satisfazer as necessidades humanas (Físicas, Psicológicas e Sociais)Ambiente: Cenário em que o indivíduo aprende padrões singulares de vidaEnfermagem: Assistência temporária a um indivíduo que possua dificuldades para satisfazer uma ou mais necessidades básicas
  8. 8. Teoria do autocuidadoFoco:AutocuidadoHomem: Indivíduo que utiliza o autocuidadopara manter a vida e a saúde, recupera-se dadoença e consegue enfrentar seus defeitosSaúde: Resultado das práticas aprendidas pelosindivíduos para manter a vida e o bem- estarAmbiente: Os elementos externos com os quaiso homem interage em sua luta para manter oautocuidadoEnfermagem: Auxilia o indivíduo a maximizar, progressivamente, seu potencial para o autocuidado
  9. 9. Teoria da adaptaçãoFoco: Homem em adaptaçãoHomem: Ser social, mental, espirituale físico, afetado por estímulos doambiente interno e externoSaúde: Capacidade do indivíduo paraadaptar-se a mudanças no ambienteAmbiente: Forças internas e externas em um estado de contínua mudançaEnfermagem: Arte humanitária e ciência emexpansão que manipula e modifica os estímulosde modo a promover e facilitar a capacidadeadaptativa do homem
  10. 10. Teoria das relações interpessoaisFoco: Relação interpessoal Enfermeiro/ClienteHomem: Indivíduo que luta para reduzir a tensão gerada pelas necessidadesSaúde: É um símbolo que implica movimentos adiante da personalidade e outros processos humanos em curso, na direção de uma vida criativa, produtiva, pessoal e comunitáriaAmbiente: Considera cultura e costumes docliente no ambiente hospitalarEnfermagem: Processo interpessoal,significativo e terapêutico, onde o enfermeiro écapaz de reconhecer a necessidade de ajudar o cliente a reagir a ela
  11. 11. Teoria holísticaFoco: HomemHomem: Indivíduo como um todo dinâmico, emconstante interação com o ambiente dinâmicoSaúde: Resposta sistêmicas do homem ao meioambiente mantendo e defendendo o seu todoAmbiente: As alterações internas e externasestimulam fisiologicamente os níveis de respostado organismoEnfermagem: A ação da enfermeira éconservadora, procurando manter íntegros osmecanismos de defesa biológica fundamentais doindivíduo
  12. 12. Teoria modelo conceitual do homem Foco:Homem como um todo Objetivo: Elaborar um sistema conceitualcientífico . Apresenta conceitos sobre o homem, sobre aenfermagem como ciência e como prática . Apresenta postulados para fundamentar osistema teórico de enfermagem . A preparação da teoria foi motivada por umaconvicção profunda da necessidade de umacrítica da prática da enfermagem e de se estarfundamentada por conhecimentos efetivos paraprover cuidados de enfermagem seguros
  13. 13. Teoria das NHBFoco: HomemFundamentação:Teoria da motivaçãoHierarquia das NHB: Príncipios da homeostasee holismoHomem: É um ser capaz de reflexão, está em constante interação com o universo trocando energiaAmbiente: A dinâmica do universo provoca mudanças que levam o homem a estados de equilíbrio e desequilíbrio no tempo e no espaçoSaúde: É estar em equilíbrio dinâmico no tempo e espaço
  14. 14. Teoria das NHBEnfermagem: Assistir ao ser humano no atendimento das necessidades básicas, torná-lo independente dessa assistência pelo ensino do autocuidado, recuperar, manter e promover a saúde com outros profissionaisProcesso de Enfermagem
  15. 15. Teoria alcance dos objetivosFoco: Cuidado do Ser Humano/HomemHomem: O indivíduo constitui sistemas abertos, em constante interação com seu meio ambienteSaúde: Experiências dinâmicas de vida de umser humano que implicam ajustamentos contínuos a estressores, no ambiente interno e externo, através de uso adequado dos recursos próprios para alcançar o máximo potencial para a vida diáriaEnfermagem: Estabelecer relação interpessoal,intergrupal e social para alcançar objetivos desaúde ou ajustamento aos problemas de saúdedo indivíduo
  16. 16. Semana da Enfermagem
  17. 17. Parabéns !!
  18. 18. BIBLIOGRAFIABRUNNER, L. S., SUDDARTH, D. S. Tratado de Enfermagem . 7.ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2005TIMBY B.SMITH E. Enfermagem medica cirúrgica..8 ed. São Paulo Manoela saúde,2005. POTTER E PERRY,Fundamentos de Enfermagem, 6ª ed. São Paulo,2006. MONTENEGRO,Patologia e Processos Gerais,5ª ed São Paulo,2004.JOHNSON ,M.,Ligações entre Nanda,Nic e Noc. 2ª ed.Porto Alegre;Artemed,2009

×