• Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
265
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
5
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide
  • http://www.flickr.com/photos/rdamati/5129219184/sizes/l/in/photostream/

Transcript

  • 1. [email_address] TIC’s NA EDUCAÇÃO do homo sapiens ao homo virtualis
  • 2. TUDO DEPENDE DE VOCÊ BOM DIA
  • 3.
      • “ Não se trata mais de usar
      • ou não usar as tecnologias.
      • Agora se trata de “como usar” ?
      • Pierre Lévy
    PROFESSOR
  • 4.
    • LEITURA
    • ESCRITA
    • PRODUÇÃO TEXTUAL
    • VOCABULÁRIO
    • COMUNICAÇÃO ( VERBAL E NÃO VERBAL )
    • ATUALIDADES
    • IMAGEM/CRIATIVIDADE
    • RACIOCÍNIO
    • MULTIDISCIPLINARIDADE
    • SÍNTESE
    • TEMAS TRANSVERSAIS
    • DESENVOLVER COMPETÊNCIAS
    Objetivos
  • 5. CONEXÃO CONCEITUAL TIC’s EDUCAÇÃO INFORMAÇÃO CONHECIMENTO TECNOLOGIA COMUNICAÇÃO
  • 6.
    • CONFORME LÉVY, O CIBERESPAÇO “É UM DILÚVIO DE INFORMAÇÕES”, QUE VERTEM DE TODOS OS LADOS, MULTIPLICANDO-SE AOS MILHÕES, COMO UMA FANTÁSTICA FÁBRICA DE CONEXÕES MUNDIAIS, ONDE O DOMÍNIO DO SABER TORNOU-SE IMPOSSÍVEL, FICANDO PARA TRÁS, NO SÉCULO XVIII, O SÉCULO DAS LUZES, ONDE UM GRUPO DE FILÓSOFOS ILUMINISTAS, DOMINAVAM O CONHECIMENTO DENTRO DAS PÁGINAS DA ENCICLOPÉDIA DE DIDEROT E D’ALEMBERT. ESSE HOMO VIRTUALIS QUE BUSCAMOS CONHECER É O SINÔNIMO DA FLUIDEZ DA ESTRUTURA SOCIAL QUE COMPÕE A IDENTIDADE SOCIAL E CULTURAL DO SUJEITO-APRENDIZ, DO SUJEITO VIRTUAL DA PÓS-MODERNIDADE.
    • UMA ANÁLISE IDENTITÁRIA DO HOMO VIRTUALIS EM EAD: UM ESTUDO DE CASO DO PROGRAMA E-TEC SERGIPE. SUZY DAYSE VASCONCELOS BEZERRA/ EAD.UNIT.BR/SIMPOSIOREGIONAL/INDEX.PHP?LINK=ARQUIVOS
    HOMO VIRTUALIS quem sou eu?
  • 7. CIBERESPAÇO
    • O ciberespaço, interconexão dos computadores do planeta, tende a tornar-se a maior infraestrutura da produção, da gestão, da transação econômica. Em breve, constituirá o principal equipamento coletivo internacional da memória, do pensamento e da comunicação.
    LÉVY, Pierre. Cibercultura. São Paulo: editora 34,2008.
  • 8. Tecnologias nos Parâmetros Curriculares BRASIL, Parâmetros Curriculares Nacionais: ensino médio. Brasília: MEC, 2000
        • [...] A denominada “revolução informática” promove mudanças radicais na área do conhecimento, que passa a ocupar um lugar central nos processos de desenvolvimento em geral. É possível afirmar que, nas próximas décadas, a educação vá se transformar mais rapidamente do que em muitas outras, em função de uma nova compreensão teórica sobre o papel da escola, estimulada pela incorporação das novas tecnologias.
  • 9. VÍDEO CRIATIVIDADE
  • 10.
    • IMIGRANTE
    • NATIVO
    • LIVROS
    • CÓPIAS DE CONTEÚDOS
    • TRANSPARÊNCIAS
    • ORKUT
    • ARQUIVOS IMPRESSOS
    • SITES
    • CONTEÚDO DIGITALIZADO
    • SLIDES
    • TWITTER, FACEBOOK, BLOGS
    • ARQUIVOS DIGITAIS
    • TABLET, CELULAR ETC.
    PROFESSOR ANALÓGICO x ALUNO DIGITAL?
  • 11. Como andam as minhas Competências?
  • 12.
    • PORTAL ÉTICO
    • BLOGS
    • FOTOLOGS
    • EMAIL
    • SLIDES
    • MAPAS CONCEITUAIS
    • MÚSICA
    • PODCAST
    • AVA
    • JORNAL
    • http:// coesifilosofandonaweb.blogspot.com
    • http:// coesiidentidades.blogspot.com
    • LOUSA DIGITAL
    • VÍDEOS
    • TABLET
    • TWITTER
    • WIKI
    • REDES SOCIAIS
    • HOT POTATOES
    • WEBQUEST
    • http://webeduc.mec.gov.br/webquest/
    • http://webquest.sp.senac.br/textos/oque
    TECNOLOGIAS EM SALA DE AULA
  • 13. RECURSOS METODOLÓGICOS PARA JORNAL
    • 1 - CRIAÇÃO DE MANCHETES
    • 2 - SÍNTESE ( exercício de comunicação da ideia )
    • 3 - VOCABULÁRIO
    • 4 - LEGENDAR FOTOGRAFIAS
    • 5 - ANÁLISE CRÍTICA DA NOTÍCIA
    • 6 - APRESENTAR AS CARACTERÍSTICAS GEOGRÁFICAS CONTIDAS NO TEXTO
    • 7 - ELABORAR O MAPA CONCEITUAL DA NOTÍCIA
    • 8 – CONSTRUIR ESQUEMAS GRÁFICOS A PARTIR DOS DADOS ENCONTRADOS NA NOTÍCIA
    • 9 - TELEJORNAL ( a notícia é apresentada por 2 alunos na bancada e um repórter de rua )
    • 10 - TEATRALIZANDO A NOTÍCIA
    • 11- NOTÍCIA NÃO VERBAL
    • 12- PORTAL ÉTICO/ POR DENTRO DA NOTÍCIA
    • 13 -MAPA MENTAL DA NOTÍCIA
    • 14 – PALAVRAS – CHAVE
    • 15- RAP DA NOTÍCIA
  • 14. INOVAÇÃO
  • 15. SALA DE AULA DO FUTURO Folha de São Paulo – Tecnologia no ensino. 29/10/10
  • 16. TECNOLOGIA NA ESCOLA: POSSIBILIDADES
  • 17. FRAGILIDADES VIRTUAIS
    • PLÁGIO
    • PIRATARIA
    • AMIZADES VIRTUAIS PERIGOSAS
    • ASSÉDIO DIGITAL
    • FALTA DE BOAS MANEIRAS ONLINE
    • LIMITES DA LIBERDADE DE EXPRESSÃO
    • SEGURANÇA: FRAUDE ELETRÔNICA E VÍRUS
    • CYBERBULLYING.
  • 18.
    • VÍDEO
    • O ALUNO DO SÉCULO XXI
    • O ALUNO DIGITAL
    REFLETINDO...
  • 19. LETRAMENTO DIGITAL
    • É um conjunto de capacidades necessário às atuais práticas letradas mediadas por computadores: habilidade para construir sentido a partir de textos que articulam códigos verbais, sonoros e visuais; capacidade de localizar, filtrar e avaliar criticamente a informação; familiaridade com as normas que regem a comunicação por meio do computador.
    • Pesquisar na Internet: acessar, selecionar e analisar criticamente informações.
    • Comunicar-se em meio digital: trabalhar colaborativamente, participar de debates, grupos de estudo etc.
    • Publicar conteúdos: adquirir uma postura ativa e autoral na Internet
  • 20. SEMPRE QUE OLHAMOS PARA A VIDA, OLHAMOS PARA REDES. FRITJOF CAPRA (...) a rede é, antes de tudo, um instrumento de comunicação entre pessoas, um laço virtual em que as comunidades auxiliam seus membros a aprender o que querem saber. Os dados não representam senão a matéria-prima de um processo intelectual e social vivo, altamente elaborado. Enfim, toda inteligência coletiva do mundo jamais dispensará a inteligência pessoal, o esforço individual e o tempo necessário para aprender, pesquisar, avaliar e integrar-se a diversas comunidades, sejam elas virtuais ou não. (LÉVY, 1998, p. 2)
  • 21.
    • Ninguém educa ninguém, ninguém educa a si mesmo; os homens se educam entre si, mediatizados pelo mundo.
    • Paulo Freire
  • 22. OBRIGADA