C:\Fakepath\ApresentaçãO De Teoria Da Literatura
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

C:\Fakepath\ApresentaçãO De Teoria Da Literatura

on

  • 1,183 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,183
Views on SlideShare
1,180
Embed Views
3

Actions

Likes
0
Downloads
10
Comments
0

1 Embed 3

http://www.slideshare.net 3

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

C:\Fakepath\ApresentaçãO De Teoria Da Literatura C:\Fakepath\ApresentaçãO De Teoria Da Literatura Presentation Transcript

  • CENTRO DE ENSINO ATENAS MARANHENSE-CEMA FACULDADE ATENAS MARANHENSE-FAMA CURSO DE LETRAS-PORTUGUÊS DISCIPLINA: TEORIA DA LITERATURA PROFª ENEIDA MATOS ERICA VANESSA COSTA LEITE JUCERLAN DOS ANJOS NUNES LAYLA MAGALHÃES ARAÚJO MAGALHAES MARINA CORREA DOS SANTOS NUBIA CARVALHO COSTA BATISTA SAFIRA GEOVANNA SOUSA RABÊLO
    • ANÁLISE DO MITO “PROMETEU ACORRENTADO” DE ÉSQUILO
  • ÉSQUILO
  • ÉSQUILO
    • Importante poeta e dramaturgo da Grécia Antiga;
    • Destaque na produção de tragédias;
    • Considerado o fundador deste estilo poético;
    • Nasceu em Elêusis em 525 a.C e faleceu em 456 a.C na cidade de Gela;
    • Foi soldado grego;
    • Participou das batalhas de Salimina,Maratona e Pletéias;
  • ÉSQUILO
    • Escreveu mais de 90 peças.Somente 7 chegaram completas à atualidade;
    • Considerado o “pai da tragédia”;
    • Grande parte de sua obra destina-se à narração de passagens da mitologia grega e das sagas dos deuses;
  • TEMAS PRINCIPAIS ABORDADOS POR ÉSQUILO
    • Temas sobre-humanos e terrificantes geralmente da mitologia;
    • Abordava a linguagem sonora por meio das metáforas bastante ousadas;
    • Predomina uma oscilação na filosofia religiosa de Ésquilo entre o terror cósmico e a consciência ética;Nascendo a força lírica;
    • Pode-se citar como elementos fundamentais presentes nas tragédias de Ésquilo:
    • A fatalidade , agindo através da vontade divina e da paixão humana;
    • As taras hereditárias desencadeadas pelo pecado e as maldições que as acompanham;
    • O ciúme dos deuses, provocado pela glória humana excessiva;
    • A intervenção dos deuses em favor dos que lhes são devotados;
    • E a inferioridade da força ante o espírito.
    • Ésquilo reinterpretou os mitos gregos para sancionar a nova ordem social que surgia - a ordem da pólis , a cidade-estado grega, ou seja, a cidade enquanto expressão de uma cultura elaborada;
    • Através de seus personagens, ele trata dos destinos coletivos, mas valoriza o indivíduo.
  • PRINCIPAIS OBRAS DE ÉSQUILO
    • Os Persas
    • Sete Contra Tebas
    • As Suplicantes
    • Prometeu Acorrentado
    • Agamemnon
    • Coéforas
    • Eumênides
  • FRASES DE ÉSQUILO
    • “ A disciplina é a mãe do sucesso.”
    • “ Falseando a verdade, grande parte dos homens prefere antes parecer a ser.”
    • “ Quando a pessoa está disposta e preparada, Deus entra em ação.”
    • “ Simples são as palavras da verdade.”
  • RESUMO DO MITO PROMETEU ACORRENTADO
    • PERSONAGENS:
    • PROMETEU
    • PODER E VIGOR
    • HEFESTO
    • OCEANO
    • IO
    • HERMES
    • CORO DAS OCEÂNIDES
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  • GENÊRO DRAMÁTICO
    • Originou-se na Grécia Antiga;
    • A palavra “dramático” significa drama,ação;
    • Representa ações vividas pelos personagens em um determinado espaço-tempo;
    • O enredo teatral é limitado,conciso e não possui narrador;
    • Tudo é dito e compreendido por meio das ações,falas e gestos dos personagens;
  • GÊNERO DRAMÁTICO
    • Segundo Aristóteles o gênero dramático apresenta as seguintes unidades:
    • Ação;
    • Tempo;
    • Espaço.
  • ESPÉCIES DE TEATRO DO GÊNERO DRAMÁTICO
    • Tragédia
    • Comédia
    • Tragicomédia
    • Drama
    • Auto
    • Farsa
  • TRAGÉDIA
    • Forma dramática de origem grega;
    • Originou-se do canto coral grego chamado de Ditirambo;
    • Usa uma linguagem rebuscada;
    • A ação visa provocar no espectador piedade e terror;
    • Geralmente termina de forma fatal;
    • Provoca reflexão sobre o sentido da existência humana
    • Objetivo de provocar a catarse ou purificação;
    • Destaca-se os conceitos de ação, imitação e catarse.
  • CARACTERÍSTICAS INERENTES AO GENÊRO TRÁGICO
    • Harmatya-Ato Heróico;
    • Hamartia-Erro Trágico;
    • Hybris-Teimosia do Herói;
    • Pathos-Sofrimento
    • A Tragédia pode ser compreendida como a queda do herói de sua posição privilegiada rumo a desgraça.
    • Albin Lesky,identifica três níveis do trágico que se contrapõem a tese geral que a tragédia pressupõe a destruição física do herói;
    • O primeiro nível do trágico é a visão cerradamente trágica do mundo que é o conflito sem solução, a tanto em nível terrestre quanto celeste.
    • O segundo nível o conflito trágico cerrado onde o sentido de todo o sofrimento do herói encontra-se em nível transcendente.
    • O terceiro nível é situação trágica que decorre da falha do herói, mas não implica na destruição física do mesmo. Há nessa situação um final conciliatório.
    • Nos dois níveis anteriores o término da situação é a morte do herói. Ele é destruído fisicamente.
  • Hybris em Prometeu Acorrentado
    • A hybris é percebida na posição subalterna que esse se encontrava mesmo sendo o fator principal da vitória de Zeus na guerra contra os antigos deuses;
    • Quando Zeus se propõe a destruir a humanidade, isso infunde em Prometeu a ação de roubar o fogo sagrado.
  • Hamartia em Prometeu Acorrentado
    • A hamartia é o erro trágico que acarretará a sucessão de sofrimento na vida do herói. No caso de Prometeu Acorrentado o erro foi:
    • “ Eis o que te rendeu o vezo de querer bem à Humanidade. Tu, um deus, não te encolheste de medo à cólera dos deuses e entregaste, com violação de justiça, as suas prerrogativas aos mortais; em paga, montarás guarda a este penhasco desprezível, de pé, sem dormir, sem dobrar os joelhos.”
  • CATARSE EM PROMETEU ACORRENTADO
  • REFLEXÃO “Se constitui em grandioso no combate ao autoritarismo, na necessidade em ser firme naquilo em que se pensa, no caráter libertador, pois mesmo Prometeu preso, sua mente não cede diante da tortura do tirano.”
    • ANÁLISE DO MITO “PROMETEU ACORRENTADO” DE ÉSQUILO
    • ERICA VANESSA COSTA LEITE
    • JUCERLAN DOS ANJOS NUNES
    • LAYLA MAGALHÃES ARAÚJO MAGALHAES
    • MARINA CORREA DOS SANTOS
    • NUBIA CARVALHO COSTA BATISTA
    • SAFIRA GEOVANNA SOUSA RABÊLO
  • OBRIGADA PELA ATENÇÃO!