• Save
Vivendo E Agindo Carbono Neutro Social
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Vivendo E Agindo Carbono Neutro Social

on

  • 2,574 views

 

Statistics

Views

Total Views
2,574
Slideshare-icon Views on SlideShare
2,557
Embed Views
17

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

4 Embeds 17

http://comrse.blogspot.com 9
http://www.slideshare.net 4
http://www.gilbertociro.blogspot.com 3
http://gilbertociro.blogspot.com 1

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Vivendo E Agindo Carbono Neutro Social Vivendo E Agindo Carbono Neutro Social Presentation Transcript

    • PROJETO SOS SEMI-ÁRIDO CARBONONEUTRO SOCIAL ECO-JUSTICA SOCIAL VIVENDO E AGINDO CARBONO NEUTRO SOCIAL – UMA ABORDAGEM PRO-ATIVA AOS PROBLEMAS SOCIAIS E AMBIENTAIS
    • A Crise Atual A terra é um planeta de beleza e abundância; o sistema da terra é maravilhosamente intrincado e incrivelmente complexo. Mas os seres vivos, o ar, o solo e a água que os sustenta, enfrentam ameaças sem precedentes. Muitas ameaças são globais; muitas delas diretamente da atividade humana. Nossas práticas atuais podem alterar tanto o mundo vivo que será incapaz de sustentar a vida da maneira que conhecemos. Dois problemas– consumo excessivo pelas nações industrializadas, e contínuo crescimento da população humana mundial- prejudicam os esforços de se alcançar um futuro sustentável. Esses problemas surgem de intensas injustiças sociais.
    • A Crise Atual Os processos de degradação ambiental alimentam um ao outro. Os danos provocados nos sistemas ambientais são ameaçadores: Exaustão de recursos não renováveis, principalmente o petróleo; Extinção de variedades de vida por meio da rápida destruição dos habitats; Erosão dos solos por meio da agricultura e práticas florestais não sustentáveis; Poluição do ar por emissões tóxicas das indústrias e dos veículos e da poluição da água pelos resíduos; Volumes cada vez maiores de resíduos e Prevalecência de chuva ácida que danifica as florestas, lagos e rios. MAS ainda mais divulgado e grave, de acordo com a preponderância de evidências de cientistas no mundo inteiro, são: A exaustão da camada protetora de ozônio, resultante do uso de compostos voláteis contendo clorina e bromina e; Perigoso aquecimento global, causado pela formação de gases de efeito estufa, principalmente o dióxido de carbono.
    • Consequências do aquecimento global O aquecimento global O aquecimento global alterará os oceanos. mudará os padrões do tempo. O eco sistema inteiro do Mar do Norte está em O aquecimento deve criar estado de colapso. uma tendência geral em Temperaturas marítimas relação ao aumento da evaporação. Onde a sem precedentes estão precipitação é maior que a exterminando o acervo evaporação haverá sobre o qual toda a vida no enchentes. Onde a mar depende, em vista de evaporação é maior que a atacar toda a cadeia precipitação, haverá secas. marinha de alimento. O O aumento do crescimento estoque de peixes e e as mudanças imprevisíveis população de aves afetarão enormemente a marinhas estão decaindo. agricultura.
    • Consequências do aquecimento global O aquecimento global O aquecimento global derreterá o gelo e elevará o mudará eco-sistemas e o nível dos mares Habitat. Além da perda de habitat Os lençóis de gelo nos dois pólos e decorrente de colapso Groelância e nas montanhas urbano e poluição, o glaciais em todo o mundo estão aquecimento será derretendo. Se o nível do mar igualmente um fator subir no nível previsto pelo IPCC, decisivo. Cientistas prevêm muitas nações em ilhas, assim que um quarto de todas as como áreas costeiras em níveis espécies de plantas e baixos, estarão submersas. Os animais, ou mais que um efeitos do nível do mar na costa milhão ao todo, pode provocará enchentes, erosão e entrar em extinção. intrusão de água salgada nos aqüíferos e habitats de água doce.
    • Conseqüências do aquecimento global O aquecimento global mudará o O aquecimento global fará tempo, criando mais tempestades parte da agenda pública de extremas. saúde . ‘A medida que a atmosfera aquece, o O aquecimento aumentará a clima não apenas torna-se mais quente, disseminação de doenças mas mais instável, criando eventos de infecciosas e também a mal precipitação mais extremos. nutrição em função de seu impacto agrícola. O aquecimento global pode criar aquecimento abrupto. O Relatório recente da Academia Nacional de Ciências Mudança Climática Abrupta: Surpresas Inevitáveis, diz “Mudanças O aquecimento global climáticas grandes e abruptas repetidas pode criar resfriamento podem afetar boa parte ou toda a terra … abrupto. Provas disponíveis indicam que mudanças climáticas abruptas não são apenas possíveis O aquecimento global pode, mas prováveis no futuro, potencialmente dentro de poucos anos, acionar com grandes impactos nos eco-sistemas e um resfriamento abrupto na sociedades.” Europa.
    • CRIANDO UMA VISÃO COMPARTILADA É muito difícil para as pessoas entenderem a gravidade das crises ecológicas que estamos passando. Problemas como mudança climática, extinção das espécies, falta de água, são um tipo de problema que os seres humanos nunca enfrentaram antes, porque os problemas são agora globais. O comportamento pessoal nunca antes teve conseqüências no tempo do mundo. Portanto, não existe precedente histórico desse tipo de solução de problema que nos ajude a elaborar respostas adequadas. Na compreensão desses problemas existem três realidades que precisam ser entendidas: 1. Nossas crises ecológicas são enormes e estão ficando rapidamente piores. 2 Esses problemas são urgentes e o tempo está esgotando. 3. Existem alternativas, e um futuro melhor é possível.
    • Nossas Crises Ecológicas são enormes A pesquisa científica demonstra que o aquecimento global é real, catastrófico e criada pelos seres humanos. Mesmo assim, ainda que os cientistas saibam que o aquecimento global está acontecendo, eles não conseguem precisar o quanto ele irá aquecer, ou quão rápido ele vai aquecer, ou quais serão os efeitos locais. Essas questões dependem do quão rápido nós nos convertemos ‘a energia renovável, assim como quais as reações em cadeia são compensadas pelo aquecimento. O Relatório de 2001 do Painel Inter-governamenal sobre Mudança Climática das Nações Unidas (IPCC) apresentaram modelos capazes de estabelecer estatisticamente que o aquecimento global está acontecendo e os humanos são amplamente responsável por ele.
    • Nossas Crises ecológicas são Enormes Dr Pachauri, chefe do IPCC, concluiu em suas descobertas em janeiro de 2005: “ A mudança climática é real. Temos apenas uma pequena janela de oportunidade e ela está se fechando muito rapidamente. Não podemos perder um instante sequer. Estamos arriscando a possibilidade da raça humana sobreviver. “ Além do aquecimento global, as extinções de espécies atingem proporções catastróficas. Na história da Terra, aconteceram cinco extinções em massa; a última foi a dos dinossauros. Os biólogos estão chamando o que está acontecendo agora de a sexta extinção em massa, e estão nos alertando de que podemos perder mais de 25% das espécies na Terra até o final desse século, criando efeitos cascata desconhecidos em todos os eco-sistema. Em todo o mundo, existe uma enorme falta de água. O mundo está drenando mais dos rios e aqüíferos do que está retornando pela precipitação da chuva e da neve da Terra. Estamos drenando dos aqüíferos mais do que eles conseguem repor. Muitos rios são tão sugados que secam antes de chegar ao mar. Portanto, essas faltas de água causam falta de alimento e também ameaçam as vidas de todas as plantas e animas da Terra.
    • Nossas Crises Ecológicas são Enormes Não importa o quão rápido seja a nossa reação, em breve o mundo será radicalmente diferente. Talvez tão logo quanto uma década. Se nos comprometermos a um drástico programa mundial de converter para a energia renovável e plantarmos árvores para capturar CO2, a mudança pode ser menos abrupta. Se não conseguirmos criar a vontade política para uma mudança radical, então, em algum ponto, o mundo vai topar com um paredão em que o sistema global do tempo estará fora de controle. Precisamos começar aceitando que a Terra é finita. O ciclo de carbono e o ciclo hidrológico da Terra têm limites. Precisamos aprender a viver dentro dos limites da Terra ou vamos abusar de nosso meio ambiente e causar colapsos ecológicos massivos.
    • Nossas Crises Ecológicas São Urgentes Muitos que percebem a gravidade de nossas crises ecológicas, não entendem o quanto urgente elas são. Nossa reação precisar ser total e imediata. Em 2005, a força-tarefa do Painel Internacional de Mudança Climática (IPCC) emitiu um novo relatório chamado Soluções para a Mudança Climática . O Relatório alerta .“Com a mudança climática, a bomba do tempo ecológica foi acionada….” O ponto sem volta do aquecimento global pode chegar tão logo como 10 anos (ou menos) com secas por toda parte, colheitas minguadas e escassez de água. O debate sobre o aquecimento global não é mais sobre se ele está ou não acontecendo; agora, ele é sobre o grau de urgência e sobre a escala do problema. A Academia Nacional de Ciências concluiu recentemente que o aquecimento global pode vir a causar colapso ambiental de repente e sem aviso. Quanto mais esperamos, menos alternativa teremos e mais arriscamos a provocar conseqüências catastróficas.
    • Nossa pregação ambiental está Escala Adequada de inadequada Reação Em toda comunidade, indivíduos e Essa urgência significa que a organizações engajados estão reação exigida deve ser em trabalhando para contribuir para escala adequada. as soluções para a crise. Seus esforços ajudam a trazer “... Mobilizações rápidas de consciência e criar uma base recursos (históricas) política. demonstram que um país e, de fato, o mundo consegue MAS não vamos conseguir reestruturar sua economia mensurar o avanço com vitórias rapidamente se estiver miúdas e incrementais em função plenamente convencido de de nosso intenso individualismo. sua necessidade” (Plano B: Gelbspan diz que essa enorme Resgatando um Planeta sob desconexa entre a gravidade do Estresse & a Civilização em problema e as reações minimalistas Confusão, Lester Brown ) são resultado da “sedução das soluções fáceis e ilusórias.”
    • As Alternativas são Possíveis Criar soluções exige uma reação sistemática total. Ecologia agora é também um sistema de pensamento social, econômico e político que enxerga a destruição do meio ambiente apenas como mais um sintoma (junto com a pobreza e a distribuição desigual de riqueza e poder) de nossa visão mundial moderna doentia e de nosso sistema de crenças equivocado. Nenhuma de nossas teorias são adequadas para lidar como a enormidade de nossas crises ecológicas. “… o sistema de crença ambiental estabelecido é incapaz de verdadeiramente abordar a mudança climática em toda sua magnitude porque não conseguimos chegar a uma transição mundial rápida para a energia limpa dentro de nossa estrutura atual baseada no mercado. Se se reconhecer honestamente a escala e urgência do problema, ficará nítido que não dá para abordá-lo efetivamente sem mudanças estruturais significativas ‘as dinâmicas econômicas globais” Ross Gelbspan
    • Criando uma Nova Visão Mundial A economia sustentável não engloba livre comércio e globalização. A política não foca nos direitos de indivíduos autônomos, mas nas necessidades de comunidades sustentáveis. Igualmente, não receia a linguagem religiosa—não no sentido de exigir obediência a um conjunto de regras – mas em termos de tratar a Terra como sagrada e ater-se aos valores da afetividade, mutualidade e equidade (tanto nacionalmente como globalmente). Essa visão mundial ecológica ~ uma visão moral baseada na moralidade altruísta e na ética do afeto- é centrada na empatia e na responsabilidade. Isso engloba criar uma política moral e uma economia moral, dentro das exigências do planeta Terra, tendo a democracia e a equidade no centro. Esses valores morais devem ser inerentes ‘as nossas abordagens aos nossos problemas ecológicos. Esses valores devem incluir nossa responsabilidade mútua de como vivemos no mundo, nosso compromisso um com o outro, o direito de todos ao suficiente decente e a santidade da Terra. Deve também abranger a compreensão prática de que estamos destruindo a capacidade da Terra de sustentar a vida ( a nossa e a de outras espécies).
    • Sistemas Sociais Podem Assim como os sistemas climáticos podem mudar abruptamente, os mudar rapidamente sistemas sociais também podem mudar de repente – tanto para Nós já temos as soluções técnicas melhor quanto para pior. Qualquer sistema pode atingir seu limite, de que precisamos; precisamos fazendo com que o sistema se apenas é de concordar a usá-las. organize de repente e salte para um Entretanto, os problemas não são nível inteiramente novo. Um nível tal fundamentalmente técnicos, mas que não pode mais reverter para o conceituais. nível anterior. Criar as mudanças necessárias Talvez não sejamos capazes de evitar pode trazer uma mensagem de todos os impactos destrutivos. esperança. De fato, nós somos Mesmo assim, se agirmos agora, as capazes de fazer uma mudança soluções disponíveis vão reduzir esses positiva profunda em nosso impactos negativos e, no processo, modo de pensar nos próximos vamos criar um mundo mais humano anos. e igualitário. Isto implica em redefinir os nossos conceitos de sucesso e aumentar o compromisso de nos livrarmos do consumismo. Significa também aprender novas habilidades, como a habilidade do diálogo da renovação de nosso compromisso uns aos outros e com o mundo natural.
    • A Crise Ecológica é uma Crise Moral Para abordar nossas crises ecológicas, precisamos medir a moralidade pelo nosso comportamento coletivo e suas conseqüências , ainda que quase sempre sem intenção, imorais. O crescimento econômico chegou a um esgotamento e não conseguimos mais ganhar a salvação por meio de progresso material - ser escravizado ‘a definição materialística de perceber e se relacionar com o mundo nos deixou espiritualmente empobrecidos. Para escaparmos do materialismo e consumismo, precisamos de achar formas não- materiais de satisfação e mudar o nosso foco espiritual de salvação individual para salvação planetária. Isto exige que enxerguemos o planeta como uma comunidade global inter-relacionada de pessoas, animais e plantas. Eleger os valores da vida e o afeto e superar o materialismo exige que respeitemos o mistério da vida humana e resistamos ‘a secularização da experiência. Ainda que nossa cultura seja completamente secularizada, o sagrado não sumiu. Está presente em tudo e em todos. Precisamos reconhecer e nomear conceitos do sagrado de forma que eles possam determinar novamente a ação social. Nosso futuro depende do quanto criativos conseguimos agir juntos, e o quanto rápido conseguimos aprender e aplicar.
    • Tomando decisões de eco-justica Normas para decisões que abordam questões de eco-justica: Sustentabilidade :prevê a necessidade de longo alcance dos humanos e preservação de longo alcance da natureza Suficiência : concede a todas as formas de vida o direito de partilhar dos resultados da criação Participação :envolve a todos e representa todas as formas de vida nas decisões que possam afetar o seu bem-estar Solidariedade :reconhece o espaço de todas as formas de vida e ajudam os que sofrem mais com a degradação ambiental
    • Tomando decisões de eco-justica Justiça mediante participação Justiça mediante a Vivemos dentro do acordo que solidariedade Deus celebrou com todas as A criação depende do Criador coisas vivas e estão em e é inter-dependente dentro relacionamento com elas. O dela mesma. princípio da participação significa O principio da solidariedade que elas tem o direito de serem significa que todos nós ouvidas e terem seus interesses estamos juntos como criação. considerados quando as decisões forem tomadas. Somos convocados a reconhecer esta A criação tem de ter voz. interdependência com as outras Precisamos escutar as pessoas que criaturas e a agir localmente e pescam no mar, trabalham na globalmente por conta de toda floresta, aram o solo e cavam a a criação. Ademais, terra, assim como os que solidariedade requer que advogam a conservação, fiquemos do lado das vítimas proteção e preservação do meio dos desastres naturais. ambiente.
    • Tomando decisões de eco-justica Justiça mediante a Justiça mediante suficiência sustentabilidade A terra e tudo que nela há pertence ao As leis do sábado e do jubileu da Senhor da terra. Nenhuma pessoa ou tradição Hebraica nos ensina que não grupo tem direito absoluto sobre a terra devemos exaurir a criação a fim de e seus produtos. potencializar a produditividade (Êxodo 20:8-11; Lev 25). O princípio da suficiência significa O princípio da sustentabilidade atender as necessidades básicas de toda significa prover uma qualidade de a humanidade e de toda a criação. vida aceitável para as gerações presentes sem comprometer o das Em um mundo de recursos finitos, para gerações futuras. que todos tenham o suficiente significa que os que têm mais do que o suficiente Proteção das espécies e seus habitats, terão de mudar os seus padrões de preservação da água e da terra aquisição e consumo. A suficiência nos limpas, redução de resíduos, cuidado induz a trabalharmos uns com os outros e com o meio ambiente para que as com a terra – são as prioridades. Mas necessidades sejam atendidas sem a produção de produtos e serviços provocar pesos indevidos em ninguém básicos, distribuição igualitária, mais. estabilização da população , educação de qualidade, emprego – são prioridades igualmente.
    • Esperança em Ação Ao enfrentarmos a crise atual, não devemos entrar em desespero. MAS agirmos. Nossa tradição e histórica nos dão muitos exemplos de que a esperança triunfa sobre o desespero. Quando perguntaram a Martin Luther o que ele faria se o mundo fosse acabar amanha, ele respondeu - quot;I plantaria um pé de maca hoje.quot;
    • Plano de ação Política: Buscarmos mudar os sistemas que fomentam a degradação da criação e retificar as injustiças que decorrem deles. Metas: Promover eco-justica e cuidado com a criação mediante envolvimento mão-na-massa. Ações: algumas ações sugeridas para atender esses compromissos: Participar de justiça ecológica em questões locais, regionais, nacionais e globais. Investir no futuro da comunidade da Terra. Fundos de justiça social e investimentos socialmente e ambientalmente responsáveis Viver carbono neutro. Neutralização de carbono exige que nosso consumo de energia que libera dióxido de carbono na atmosfera seja reduzido e créditos de carbono comprados para compensar as emissões de carbono que não foram eliminadas
    • SOS SEMI-ÁRIDO -CarbonoNeutro Social Plantar & Produzir para Proteger o Planeta www.sossemirarido.blogspot.com soscarbonosocial@gmail.com