Your SlideShare is downloading. ×
0
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Massagem para gestante e shantala
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Massagem para gestante e shantala

19,215

Published on

2 Comments
9 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
19,215
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
36
Actions
Shares
0
Downloads
579
Comments
2
Likes
9
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. MASSAGEM PARAGESTANTE E SHANTALA COSMETOLOGIA E ESTÉTICA TEORIAS E TÉCNICAS DE MASSAGEM PROF.ª DANIELLA KOCH DE CARVALHO
  • 2. SHANTALAO médico francês Dr. Frederick Leboyer observou em umapequena aldeia do sul da Índia (Calcutá), uma mãemassageando seu bebê. Com movimentos suáveis, delicados ecarinhosos ficou encantado com a força dessa técnica e batizoua seqüência com o nome da mulher (mãe) "SHANTALA".A massagem traz benefícios ao desenvolvimento físico epsicológico, atuando nas disfunções orgânicas, tais comocólicas, prisão de ventre, gases, problemas respiratórios,circulação sangüínea e auxiliando o desenvolvimentopsicomotor.A shantala é recomendada a partir de um mês de nascido, poisnesse momento a pele do bebe está mais preparada.
  • 3. Os efeitos são imediatos.No mesmo dia o bebê já dorme melhor, as cólicas já diminuem.Só não se deve praticar a Shantala quando o bebê está muitodoente ou nas crises.É preciso que a criança esteja participando, concordando com aprática. Exemplo: na crise de cólica ela chora muito, se“contorce”.Outra contra-indicação seria para doenças de pele queimpeçam o toque.Mas ela é ótima para restabelecer a saúde. Também não deveser feita na criança com estômago vazio. Não deve estardormindo, nem com frio.É preciso observar a melhor hora do bebê, um local tranqüilo,óleo vegetal apropriado para o frio ou calor.
  • 4. SHANTALA: 1 – Com os polegares no centro da testa, afaste-os, seguindo para os lados, acompanhando a linha das sobrancelhas; 2 – A partir do centro da testa, deslize os polegares suavemente, passando pelas laterais do nariz em direção às bochechas, fazendo um pouco mais pressão nesta região;3 – Deslize os polegares partindodas sobrancelhas passando pelosolhos (fechando-os), pelasbochechas, até os maxilares.Continue o movimento,acompanhando o maxilar inferioraté as orelhas;
  • 5. 4 – Coloque as mãos lado a lado nocentro do peito do bebê. Deslizando asmãos para os lados passando pelosombros, braços e mãos; 5 – Apóie as mãos na parte inferior da barriga do bebê, afastadas e próximas à lateral do tronco. Com uma das mãos, cruze o tronco do bebê de baixo para cima na diagonal, até passar a borda externa da mão na lateral do pescoço. Neste momento inicie o movimento com a outra mão na direção oposta. Alterne sucessivamente as mãos;
  • 6. 6 – Com uma das mãos segure o braçodo bebê na altura do ombro e deslize aoutra mão em direção ao pulso.Recomece o movimento semprealternando a ordem das mãos; 7 – Envolva com as duas mãos o braço do bebê na altura dos ombros. As mãos deslizam juntas em direção ao punho, em movimentos opostos de vai e vem, torneando suavemente o braço;
  • 7. 8 – Com os polegares, abra a mão dobebê massageando do centro emdireção aos dedos, deslize a palma desua mão na palma da mão do bebê; 9 – Coloque uma das mãos na base do peito e deslize-a até a parte inferior da barriga. Quando uma mão termina a outra recomeça, num movimento de ondas;
  • 8. 10 – Segure os tornozelos do bebê e com as pernas elevadas, repita o movimento anterior com o antebraço;11– Faça os movimentos circularescom as mãos ao redor da barriga, nosentido horário;
  • 9. 12– Com uma das mãos, segure acoxa do bebê e deslize a outra mãoem direção ao tornozelo. Recomeceo movimento alternando a ordemdas mãos;13 – Envolva com as duas mãos a perna do bebê, na altura dacoxa. As mãos partem juntas em direção ao pé emmovimentos opostos de vai e vem, torneando suavemente aperna. Chegando ao pé, recomece pela coxa novamente;
  • 10. 14– Comece massageando a planta dos pés. Primeiro o seu polegar parte do calcanhar em direção a cada dedo. Faça uma leve pressão em cada dedinho do pé termine passando a palma da sua mão na planta do pé.15– Coloque as mãos na nuca e vádescendo até a região glútea,massageando as costas com ummovimento de vai e vem das mãos. Voltepara a nuca com os mesmos movimentos.
  • 11. 16– Coloque a mão direita sobre aregião glútea do bebê, onde devepermanecer para oferecer sustentação.Deslize a mão esquerda a partir da nucasobre a coluna em direção a regiãoglútea, até as mãos se encontrarem; 17- Segure com a mão direita os pezinhos do bebê. Deslize a mão esquerda da nuca até os calcanhares;
  • 12. 18 – Segure as mãos do bebê ecruze os braços sobre o peito.Alongue-os delicadamente e repitacom o outro braço e perna; 19 – Segure braço e perna opostos e cruze-os sobre o tronco do bebê. Alongue-os delicadamente e repita com o outro braço e perna;
  • 13. 20 – Segure as pernas pelos tornozelos e cruze-os sobre a barriga. Alongue-os e cruze novamente;21 – O contato da água morna com a peledo bebê é muito prazeroso e relaxante,pois permite reviver as fortes sensaçõesda vida intra-uterina. A banheira deveestar bem cheia para que o bebê fiqueimerso na água e possa aproveitar orelaxamento.
  • 14. MASSAGEM PARA GESTANTE A massagem durante a gravidez traz uma série de benefícios, tanto para o corpo da mulher como para o seu emocional. Fisiologicamente, a prática regular da massagem contribui para: • Aumentar a circulação • Aliviar as tensões causadas pela nova postura • Melhorar a irrigação dos órgãos • Prevenir cãibras e dores musculares • Proporcionar relaxamento
  • 15. É preciso ter cautela na escolha da técnica de massagem, já quealgumas delas, não são convenientes.A massagem para grávidas precisa ser relaxante.A massagem na gravidez pede toques leves e harmonizantes,despertando uma nova consciência de si mesma e de seu corpo comoum todo.Ao tocar uma área do corpo onde apresenta um acúmulo de tensão,chamamos a atenção para esta região, ajudando esse bloqueio a sedissolver, gerando assim maior fluidez energética no organismo.O medo, a ansiedade e o estresse podem acumular tensão, que porsua vez pode originar desequilíbrios como mal-estar e desconfortomuscular.
  • 16. SEQÜÊNCIA DE MASSAGEMRepita cada exercício de 3 a 4 vezes. As primeira manobras não énecessário o uso de óleo ou creme para massagem1- Deslizamento da cabeça às mãos. Faça grandes deslizamentospor todo o corpo da gestante. Comece no topo da cabeça, passe aoredor do rosto, pelo pescoço, ombros e braços, até chegar às pontasdos dedos das mãos. Sempre de cima para baixo, em movimentossuaves.
  • 17. 2 - Deslizamento da cabeça aos pés. Repita os deslizamentos, indo agora desde o topo da cabeça, passando pelo rosto, pescoço, peito, barriga e pernas, até chegar às pontas dos dedos dos pés. Sempre suavemente.3 - Relaxando a cabeça. Fricção suave com os dedos em todaextensão da cabeça da gestante.
  • 18. 4 – Com os polegares, faça movimentos suaves apartir do centro da testa até as têmporas.5 – Fricção com os dedos indicador, médio e anular na região dozigomático.6 – Deslize suave com as mãos abertas da região mediana paralateral do rosto.
  • 19. Nas manobras seguintes pode ser usado óleo oucreme para massagem.7 - Relaxando o pescoço. Com uma das mãos,massageie firmemente a musculatura do pescoço,amassando a pele e os músculos, suavemente.Faça esses movimentos com a cabeça da gestantevirada para cima e depois com a cabeça virada paraum dos lados.8- Relaxando o trapézio. Com a cabeça da gestantevirada para a direita, desliza da região cervical aoombro. Repita com a cabeça virada para aesquerda.9 – Deslize suavemente as mãos dos punho ao ombro, retorne comtoque suave e amasse as mãos. Deslize suavemente pela barrigaem movimento horário.
  • 20. 10 - Relaxando os pés. Primeiro deslize a palma damão na sola e no peito do pé. Depois, deslize ospolegares do calcanhar até as pontas dos dedos.Finalize deslizando a palma das mãos dos péssubindo até pernas e coxas. Retornandosuavemente.11 - Para receber a massagem nas costas, a gestante deve deitar-sede lado (DLE), apoiar uma perna sobre uma almofada e colocar umtravesseiro sob a cabeça, procurando ficar o mais confortávelpossível.
  • 21. 12 - Aquecendo a região lombar. Com as mãosuntadas com o Óleo de Massagem, façamovimentos circulares na região do sacro, sempreno sentido horário. O toque deve ser firme evigoroso, para que a região fique bem aquecida.13 - Relaxando a coluna. Com as mãos lado a lado,próximas à nuca e perpendiculares ao eixo dacoluna, parta em direção ao sacro, em movimentosde vai-e-vem. Em seguida, retorne, no mesmo vai-e-vem, para a nuca14 - Diminuindo a curvatura lombar. Ainda untadascom o Óleo de Massagem, as duas mãos trabalhamem direções opostas, partindo do centro das costaspara as extremidades. Enquanto uma delas parteem direção à nuca, a outra vai em direção ao sacro.
  • 22. 15 - Finalizando a massagem. Sem reaplicar o óleo, faça umdeslizamento suave de cima para baixo, começando no topo dacabeça, passando pelas costas, pela parte posterior das pernas,até terminar segurando os pés. A gestante deve aproveitar asensação de relaxamento por alguns minutos antes de selevantar.
  • 23. REFERENCIAS CAMPADELLO, Pier. Massagem Infantil: carinho, saúde e amor para o seu bebê. SP: Madras, 2000. FRITZ, Sandy. Fundamentos da Massagem Terapêutica. SP: Manole, 2002. LEBOYER, Fréderick. Shantala: massagem para bebês, uma arte tradicional. 6. ed. São Paulo: Ground, 1996. 151 p. SILVA, Maria Julia P., et. al. Entendendo o toque terapêutico. In: Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, out/dez, 1991, pag. 69 – 73. Método de massagem para a mamãe gestante. Disponível em: www.mamaeebebe.com.br, acesso em: 20 agosto de 2008. Método de massagem para o bebê. Disponível em: www.mamaeebebe.com.br, acesso em: 20 agosto de 2008.

×