Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
V ABORDAGENS PRÁTICAS PARA O PROJETO DO TRABALHO – ESTUDO DO TRABALHO
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

V ABORDAGENS PRÁTICAS PARA O PROJETO DO TRABALHO – ESTUDO DO TRABALHO

  • 1,587 views
Published

 

Published in Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
1,587
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
38
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ – CAMPUS DE CAMPO MOURÃO – FECILCAM PROJETO DO TRABALHO Professora Msc. THAYS PERASSOLI BOIKOV ABORDAGENS PRÁTICAS PARA O PROJETO DO TRABALHO – ESTUDO DO TRABALHO
  • 2. EMENTA:3.2.2 Abordagens práticas para o Projeto do Trabalho3.2.2.2 Administração Científica a) Estudo do Trabalho: i) Estudo do método; ii) Medição do Trabalho - Estudo dos Tempos;
  • 3. 5.1 A IMPORTÂNCIA DO ESTUDO DO TRABALHO PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 4. • O Estudo do Trabalho torna-se cada vez mais importante, devido à constante concorrência;• Esta concorrência leva a necessidade de: o redução de custos; o racionalização; dos processos de o aumento da produtividade, e; produção. o aprimoramento da qualidade. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 5. 5.2 DEFINIÇÃO PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 6. • O Estudo do Trabalho pode ser definido como o: o o estudo dos movimentos corporais necessários para executar um trabalho, e; o o estudo das medidas do tempo gasto em cada movimento. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 7. 5.3 COMPONENTES DO ESTUDO DO TRABALHO PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 8. •O Estudo do Trabalho pode ser separado em dois componentes, que são complementares: o Estudo do Método, e; o o Estudo de Tempos; Desta forma, pode-se afirmar que:Estudo do Trabalho é o termo genérico para o Estudo do Método e o Estudo de Tempos. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 9. ESTUDO DO MÉTODOESTUDO DO TRABALHO ESTUDO DE TEMPOS PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 10. •O British Standards Institution (1969) apresenta as seguintes definições: oEstudo do Método: registro sistemático e a análise crítica de métodos existentes de realização do trabalho, proposição de novos métodos mais eficazes e mais fáceis e comparações de métodos existentes com novos métodos propostos, para reduzir custos, racionalizar a produção, aumentar a produtividade, melhorar o fluxo de mão-de-obra, materiais, matérias-primas, informações e/ou equipamentos, simplificar operações essenciais, eliminar trabalho desnecessário, melhorar o conforto do trabalhador e/ou aprimorar a qualidade; o Estudo de Tempos = Medição do Trabalho = Estudo da Medida do Trabalho: aplicação de técnicas projetadas para avaliar e estabelecer o tempo necessário para um trabalhador qualificado realizar um trabalho específico a um nível definido de desempenho. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 11. 5.4 FATORES CONSIDERADOS NO ESTUDO DO TRABALHO PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 12. • Osfatores considerados no Estudo do Trabalho são aqueles que levam a: o eficiência; o bem estar, e; o a economia do trabalho. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 13. • A eficiência do trabalho é medida em termos: i) redução de custos; ii) racionalização da produção; iii) aumento da produtividade; iv) melhoria do fluxo de mão-de-obra, materiais, matérias-primas, informações e/ou equipamentos; v) simplificação de operações essenciais; vi) eliminação de trabalho desnecessário; vii) melhoraria do conforto ao trabalhador, e/ou; viii) aprimoramento da qualidade. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 14. 5.5 CAMPOS DE APLICAÇÃO DO ESTUDO DO TRABALHO PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 15. • O Estudo do Método é utilizado nas seguintes situações: o Projeto do Trabalho; o Projeto de Instalações; o Estudo e Projeto de Arranjo Físico; o Estudo e Projeto de Fluxo de Processo; o Estudo de movimentação de materiais; o Projeto de Ferramental; o Projeto de Produto; o Estabelecimento de padrões de qualidade; o Projeto de Processo. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 16. • O Estudo de Tempos é utilizado nas seguintes situações: o Projeto do Trabalho; o Projeto de Processo. o Análise da necessidade de Mão de Obra; o Análise da capacidade de máquinas; o Planejamento, Programação e Controle da Produção; o Programação de Produção; o Balanceamento de Linha; o Previsão de Entrega de Produtos; PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 17. o Sistema de Custeio;o Cálculos de Produtividade e Eficiência;o Sistemas de pagamento por produtividade. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 18. 5.6 OBJETIVOS DO ESTUDO DO TRABALHO PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 19. • O Estudo do Trabalho tem como objetivos: o Avaliação do desempenho atual ou passado; o Previsão de desempenho futuro. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 20. o Avaliação do desempenho atual ou passado: • Medida de produtividade; • Plano de incentivos; • Avaliação de métodos de trabalho alternativos; • Controle; PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 21. o Previsão de desempenho futuro: • Estimativa de custos (interno ou terceirizado); • Seleção de recursos; • Organização das tarefas; • Arranjo físico das instalações. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 22. REFERÊNCIAS E BIBLIOGRAFIACONSULTADA PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 23. BRITISH STANDARDS INSTITUTION. Work Study Glossary of Terms UsedIn. London: 1969.BARNES, R. M. Estudo de movimentos e tempos. São Paulo: Blucher,1977.SINK, D. S.; TUTLE, T. C. Planejamento e medição para a performance.Rio de Janeiro: Qualitmark, 1993.SOUTO, M. S. M. L. Apostila de Engenharia de métodos. Curso deespecialização em Engenharia de Produção – UFPB. João Pessoa. 2002. PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO
  • 24. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ – CAMPUS DE CAMPO MOURÃO – FECILCAMPROJETO DO TRABALHO Professora Mestre THAYS PERASSOLI BOIKO thaysperassoli@bol.com.br PROFA. MSC. THAYS PERASSOLI BOIKO