89 autismo e comunicação por simone helen drumond
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share

89 autismo e comunicação por simone helen drumond

  • 368 views
Uploaded on

AUTISMO E EDUCAÇÃO DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN

AUTISMO E EDUCAÇÃO DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
368
On Slideshare
368
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
18
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN
  • 2. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN Os alunos autistas apresentam limitações ao nível da comunicação, assim nesse portfólio, apresento diversas estratégias que o professor, os pais e terapeutas podem utilizar, para lidar com esses aspectos. As estratégias destacadas nesse portfólio, estão fundamentados nos estudos de: Drumond Ischkanian (2010) Siegel (2008), Riviére (2001), Jordan (2000) e Hewitt (2006).
  • 3. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA COMO OCORREU ESSE PROCESSO? Utilizar frases para conversar com o aluno, modelando o discurso. Usar um vocabulário apropriado para a capacidade de compreensão do aluno. Escolha palavras específicas e concretas, repetindo conforme necessário. Usar um vocabulário apropriado para a capacidade de compreensão do aluno. Escolha palavras específicas e concretas, repetindo conforme necessário. Fomentar o desenvolvimento da interação e da comunicação nos vários ambientes em que a criança participa..
  • 4. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA COMO OCORREU ESSE PROCESSO? Utilizar uma linguagem clara, simples e concisa. O uso de expressões irônicas ou sarcásticas, só vai confundir os alunos com dificuldades de comunicação. Conceder o tempo necessário ao aluno, para processar a informação fornecida. Pode ser necessário falar mais devagar ou fazer uma pausa entre as palavras. O ritmo da fala depende da capacidade individual do aluno. Ensinar ao aluno que deve esperar pela sua vez para falar e ouvir (utilize imagens)
  • 5. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA COMO OCORREU ESSE PROCESSO? Facilitar a comunicação social, com estruturas de interação em torno de preferências do aluno e da atividade de rotina. Incentivar conversas sociais formais e informais, durante o dia. Recorrer a desenhos simples para o ensino de habilidades de conversação. Esses desenhos ilustram o que as pessoas dizem e fazem, e enfatizam o que o aluno pode pensar. Um conjunto de desenhos simbólicos pode ser usado para representar conceitos básicos de conversação. As cores podem ser incorporadas para representar o contexto emocional (Hewitt, 2006).
  • 6. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA COMO OCORREU ESSE PROCESSO? Comunicar através da utilização de desenhos ou cartões escritos, mesmo para os alunos com bastante dificuldade de aprendizagem, podem ensinar o aluno a ler de modo funcional e consecutivamente aprender a falar. As que continuam a nãoverbalizar, encontram nesta estratégia um modo alternativo de comunicação. Introduzir assuntos novos, saber manter uma conversa e mudar de assunto, tornar explícitos os conhecimentos pragmáticos. Estas técnicas, inicialmente podem ser ensinadas através do uso de jogos simples, do uso de objetos, e com as crianças em fase pré-verbal, através de jogos de imitação.
  • 7. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA COMO OCORREU ESSE PROCESSO? Encorajar a criança a ler textos fatuais em vez de histórias de fantasia, assim como, fornecer instruções escritas para que completem tarefas. Por vezes, o recurso do computador na leitura, abordagem multi-sensorial, pode ajudar o aluno. Ao escrever num teclado, e através dos movimentos repetidos do padrão que fazem com os dedos, poderão aprender a ortografia (Jordan, 2000);
  • 8. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN Algumas crianças autistas podem apresentar dislexia associada, e nestes casos é preciso adotar algumas técnicas especiais para ensiná-las a ler (Siegel, 2008). ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA COMO OCORREU ESSE PROCESSO? Recorrer a atividades, vídeos, e fotografias, que levem o aluno a adquirir o sentido de estar a exercer uma ação e o papel desempenhado por eles próprios. No que diz respeito aos pronomes pessoais, os alunos autistas apresentam dificuldade na compreensão do «eu» e «tu», durante uma conversação. Podem trocar as palavras ou imitar a forma como ouvem os outros a utilizá-las. Devem criar-se situações em que se recompense o aluno por fazer o reconhecimento correto do pronome utilizado.
  • 9. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN Algumas crianças autistas podem apresentar dislexia associada, e nestes casos é preciso adotar algumas técnicas especiais para ensiná-las a ler (Siegel, 2008). ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA COMO OCORREU ESSE PROCESSO? Recorrer a atividades, vídeos, e fotografias, que levem o aluno a adquirir o sentido de estar a exercer uma ação e o papel desempenhado por eles próprios. No que diz respeito aos pronomes pessoais, os alunos autistas apresentam dificuldade na compreensão do «eu» e «tu», durante uma conversação. Podem trocar as palavras ou imitar a forma como ouvem os outros a utilizá-las. Devem criar-se situações em que se recompense o aluno por fazer o reconhecimento correto do pronome utilizado.
  • 10. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN No que diz respeito aos pronomes pessoais, os autistas apresentam dificuldade na compreensão do «EU» e «TU», durante uma conversação. Podem trocar as palavras ou imitar a forma como ouvem os outros a utilizá-las. Devemos criar situações em que se recompense a criança por fazer o reconhecimento correto do pronome utilizado.
  • 11. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA COMO OCORREU ESSE PROCESSO? Lidar com a ecolalia, num nível mínimo, avaliar de que modo está a ser usada e que forma se assume. Posteriormente, procurar saber se a criança percebeu que numa conversa é necessário esperar pela sua vez para falar. Num nível mais avançado, há que observar se a criança continua a repetir uma alocução ouvida até ter atingido um determinado fim (Siegel, 2008).
  • 12. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN Algumas crianças autistas podem apresentar dislexia associada, e nestes casos é preciso adotar algumas técnicas especiais para ensiná-las a ler (Siegel, 2008). ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA COMO OCORREU ESSE PROCESSO? Ensinar o que é a comunicação, levar a criança a utilizar todos os meios que tem ao seu alcance para comunicar, e encarar todas as diversas formas de comunicação existentes, sejam elas expressões faciais ou gestos. Encorajar sempre a criança, ao longo deste processo, ao nível da compreensão da comunicação para que possa utilizar espontaneamente a linguagem (Riviére, 2001).
  • 13. AUTISMO: ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO. SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN Referencia: DRUMOND, Simone Helen Ischkanian. Projeto: Autismo e Educação. Disponível em: http:///simonehelendrumond.blogspot.com. In. DRUMOND. Simone Helen Ischkanian Coleção de portfólios educacionais para autistas. JORDAN, R. (2000). Educação de crianças e jovens de autismo. Ministérios da Educação: Instituto de Inovação Educacional, Lisboa. HEWITT, S. (2006). Compreender o Autismo – Estratégias para Alunos com Autismo nas escolas Regulares. Porto Editora. RIVIÉRE, A. (2001). Autismo – Orientaciones para la intervención educativa. Editorial Trotta. SIEGEL, B. (2008). O Mundo da criança com autismo – compreender e tratar perturbações do espetro do autismo . Porto Editora, Ltda.