Your SlideShare is downloading. ×
(Apresentação do projeto salvando vidas [modo de compatibilidade])
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

(Apresentação do projeto salvando vidas [modo de compatibilidade])

169
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
169
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Projeto Salvando Vidas deCrianças no Nordeste do Brasil
  • 2. Quem somosFundação Abrinq – Save the ChildrenCriada em 1990, a Fundação Abrinq – Save the Children é uma organização semfins lucrativos.Trabalhamos para que as crianças e adolescentes tenham o direito de viver comdignidade, respeito e liberdade. Ou seja: com saúde, alimentação adequada,educação de qualidade, acesso ao esporte, ao lazer, à cultura e à profissionalização.Missão: Promover a defesa dos direitos e o exercício da cidadania de crianças eadolescentes.
  • 3. Quem somosSave the Children Save the Children trabalha desde 1919 pelos direitos das crianças em mais de 120países Organização independente que se inspira em mudar a forma que o mundo trata ascrianças e obter mudança nas suas condições de vida Save the Children International possui 29 membros em todo o mundoSave the Children no Brasil A Fundação Abrinq foi criada em 1990 por empresários do setor de brinquedos,membros da ABRINQ – Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedos Em 2010 comemorou 20 anos com mais de 6 milhões de crianças e adolescentesbeneficiados A Fundação Abrinq - Save the Children é um dos 29 membros da Save the ChildrenInternational
  • 4. MISSÃOPromover a defesa dos direitos e o exercício da cidadania de crianças e adolescentes. VISÃO Uma sociedade justa e responsável pela proteção e pelo pleno desenvolvimento de suas crianças e adolescentes. VALORES Ética, transparência, solidariedade, diversidade, autonomia e independência.
  • 5. Onde atuamos Recife Petrolina São Paulo
  • 6. Eixos de trabalho PROTEÇÃO INTEGRALContribuir para a efetividade das ações e políticas sociais voltadas às crianças e adolescentes. EDUCAÇÃO SAÚDE PROTEÇÃO ESPECIAL EMERGÊNCIA1. Educação Infantil (acesso 1. Sobrevivência Infantil e na 1. Combate à Violência 1. Prioridade à proteção das e qualidade); Infância; contra a criança e ao crianças e adolescentes2. Ensino Fundamental e 2. Saúde Bucal; adolescente; nas diversas situações de Médio (qualidade). 3. Acuidade Visual; 2. Combate ao Trabalho emergência (Saúde, 4. Saúde Sexual e Infantil em suas piores Educação e Proteção). Reprodutiva. formas. ADVOCACY – PROMOÇÃO E DEFESA DOS DIREITOSContribuir para o aperfeiçoamento dos mecanismos de garantia e defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes.
  • 7. Programas e projetos EDUCAÇÃO SAÚDE Projeto Hábitos Alimentares Saudáveis no Norte e Nordeste Projeto Projeto CrescerJeitos de Aprender na Projeto Educaesporte Projeto Salvando Vidas de Aprendendo Educação Infantil Crianças no Nordeste PROTEÇÃO INTEGRAL E ESPECIAL EMERGÊNCIA Projeto Construindo Resiliência e Fortalecendo Proteção Integral Proteção Integral Proteção Integral Proteção Integral Comunidades: Redução de risco de desastre no Brasil Projeto É de Direito – Proteção e Justiça para Crianças, Adolescentes e Jovens Proteção Integral Proteção Especial Proteção Integral
  • 8. Projeto Salvando Vidas de Crianças no NordesteSAÚDEO que é o Projeto Salvando Vidas de Crianças no Nordeste?Contribuirá com a sobrevivência e a garantia à saúde de mulheres e crianças de 0 a 5 anos, nos estados daBahia e em Pernambuco.Parceria: Reckitt BenckiserMetas e resultados esperados 13.000 crianças em 10 municípios com maior acesso a serviços de saúde; 60% mães atendidas pelo projeto realizam 6 ou mais consultas pré-natal; Aumento de 20% no número de partos normais; 85% das mães atendidas pelo projeto faz amamentação exclusiva até os 6 primeiros meses do bebê; 100% das mães atendidas pelo projeto ampliaram sua capacidade de cuidar dos filhos; 50% das mulheres participantes das oficinas de saúde sexual e reprodutiva introduziram o planejamento familiar em seu cotidiano; 10 comitês de mortalidade materno-infantil atuam efetivamente pela sobrevivência das mães e crianças.
  • 9. Indicadores Taxa de mortalidade infantil em <1 ano nos municípios do programa SB 2009 30 24,67 25,17 25 24,18 21,86 21,74Taxa de MI por 1000 NV 21,17 19,73 19,07 20 15,75 14,29 14,56 15 12,77 10 5 0 Cabrobó Ipubi Trindade Santa Juazeiro Logoa Ouricuri Petrolina Sta Maria Afrânio Brasil Noredeste Fonte: DataSUS/MS 2009 Filomena Grande
  • 10. Indicadores Taxa de mortalidade infantil em <5 ano nos municípios do programa SB 2009 35 32,79Taxa de MI por 1000 NV 30 27,96 25,91 25,17 24,54 25 23,21 23,52 20 19,07 18,47 17,02 16,67 17,01 15 10 5 0 Cabrobó Ipubi Trindade Santa Juazeiro Logoa Ouricuri Petrolina Sta Maria Afrânio Brasil Noredeste Fonte: DataSUS/MS 2009 Filomena Grande
  • 11. Fases do projeto• Serão duas Fases: Fase 1: ano de execução 2012 4 municípios; Ipubi, Ouricuri , Cabrobó e Trindade. Fase 2: ano de execução 2013 6 municípios; Petrolina, Juazeiro, Lagoa Grande, Santa Filomena, Sta. Maria da Boa Vista e Afrânio.
  • 12. Objetivo: Contribuir com a redução da taxa de mortalidade infantil e materna nas cidades de Pernambuco e Bahia. OBJETIVO 1: Melhorar a qualidade dos serviços de saúde nos 10 municípios.1.1. Desenvolver análise situacional da mortalidade materna e infantil;1.2. Realizar a formação de Profissionais de Saúde em problemas relacionados à saúdematerna e infantil; – Eixos temáticos: Cuidados com o pré-natal; Planejamento Familiar; Preparação para o Parto; Cuidados com o recém nascido.
  • 13. Objetivo: Contribuir com a redução da taxa de mortalidade infantil e materna nas cidades de Pernambuco e Bahia. OBJETIVO 1: Melhorar a qualidade dos serviços de saúde nos 10 municípios.1.3. Apoiar as 10 Secretarias Municipais de Saúde a melhorar seus serviços da atençãobásica/primária para atenção materno infantil; – Apoio institucional: Executar sessões de planejamento estratégico baseado nos índices de mortalidade materno e infantil; Conduzir reuniões de monitoramento técnico para gerentes de UBS.1.4. Produzir material educativo para população sobre os temas relacionados ao pré-natal, parto, puerpério, saúde sexual e reprodutiva.
  • 14. Objetivo: Contribuir com a redução da taxa de mortalidade infantil e materna nas cidades de Pernambuco e Bahia. OBJETIVO 2: Mobilizar a população acerca dos direitos sexuais e reprodutivos.2.1. Treinar 150 mulheres da comunidade que possam atuar como promotoras desaúde materno e infantil;2.2. Realizar 4 eventos nas comunidades de cada município assistido pelo projeto; Teatro de rua sobre cuidados no pré-natal, parto e pós-parto, e mortalidade infantil e materna.2.3. Realizar programas de rádio em assuntos relacionados a mortalidade materna einfantil; Temas: como utilizar o serviço de saúde, amamentação, gravidez segura, parto, educação alimentar para gestante e o bebê e etc.
  • 15. Objetivo: Contribuir com a redução da taxa de mortalidade infantil e materna nas cidades de Pernambuco e Bahia. OBJETIVO 3: Melhorar a capacidade organizativa de grupos sociais sobre a saúdematerno e infantil.3.1. Realizar formação aos membros dos comitês de MI; Proporcionar 30 horas de treinamento a cada um dos comitês de mortalidade infantil com os seguintes temas: Legislação da saúde materna e infantil (e assuntos correlatos), notificação de casos, papeis e responsabilidades dos comitês.3.2. Compartilhar o conhecimento e as melhores práticas do projeto com osmunicípios integrantes; Compartilharemos informações através de seminários, encontros e oficinas.
  • 16. Objetivo: Contribuir com a redução da taxa de mortalidade infantil e materna nas cidades de Pernambuco e Bahia. OBJETIVO 3: Melhorar a capacidade organizativa de grupos sociais sobre a saúdematerno e infantil.3.3. Auxiliar no sistema de notificação de óbitos infantis e maternos; Proporcionar 30 horas de treinamento a cada um dos comitês de mortalidade infantil com os seguintes temas: Legislação da saúde materna e infantil (e assuntos correlatos), notificação de casos, papeis e responsabilidades dos comitês.3.4. Realizar formação com comunitários sobre assuntos relacionados a saúdematerna e infantil; Serão 60 horas de formação para grupos comunitários sobre: direitos das mulheres, liderança, politicas de saúde, serviços de proteção publica, mediação de conflito, desenvolvimento de redes de proteção social.
  • 17. Objetivo: Contribuir com a redução da taxa de mortalidade infantil e materna nas cidades de Pernambuco e Bahia. OBJETIVO 4: Qualificar os serviços de saúde e educação através de boas práticasalimentares saudáveis. Objetivo atrelado ao Programa Criança com Todos os seus Direitos (PCTD)4.1. Proporcionar a formação dos profissionais de saúde em educação alimentar enutricional, incluindo identificação das doenças relacionadas e déficits nutricionais;4.2. Realizar formação de professores e cuidadores em competências parentais, bemcomo a importância da educação nas primeiras fases de vida e os direitos das crianças;4.3. Iniciar o programa de saúde, higiene e bem estar com mães, famílias e liderescomunitários;
  • 18. Cronograma ano 1 Atividades Jun Jul Ago Set Out Nov DezDesenvolver análise situacional da mortalidade materna e infantil X X X XRealizar a formação de Profissionais de Saúde em problemas X X X Xrelacionados à saúde materna e infantilExecutar sessões de planejamento estratégico X X XProduzir material educativo X X XTreinar mulheres promotoras de saúde materno e infantil X X XRealizar teatro de rua X X X XRealizar programas de rádio X X X XRealizar formação aos membros dos comitês de MI X X XRealizar formação com comunitários sobre assuntos relacionados X Xa saúde materna e infantil;OBJETIVO 4: Qualificar os serviços de saúde e educação através X X X X X X Xde boas práticas alimentares saudáveis (PCTD)
  • 19. Compromissos da Fundação Abrinq – Save the ChildrenCoordenar e monitorar as ações previstas no programa;Apoiar tecnicamente os municípios nas ações de atenção à saúde materno einfantil;Sistematizar e disseminar experiências de atenção integral a criança;Dar visibilidade às boas práticas do municípios na atenção a gestante e criança;Promover intercâmbio entre diferentes experiências municipais na área da saúdeda criança e da mulher;Informar sobre as atividades do programa, tomando como referência ointerlocutor do município;Fortalecer a participação da sociedade civil nas ações sobre saúde da mulher,criança e direitos sexuais e reprodutivos.
  • 20. Compromissos do ParceiroIndicar um profissional que será o (a) interlocutor (a) da prefeitura para oprograma, viabilizando a comunicação junto ao município;Disponibilizar os indicadores de saúde para a construção do diagnóstico;Apoiar os eventos do programa que acontecem no município;Participar de reuniões de avaliação do programa;Apoiar e fortalecer os comitês de mortalidade infantil e materna;Liberar os profissionais que atuam nas áreas da saúde materno e infantil , paraparticipação nas formações, a partir de um calendário previamente agendado.
  • 21. Benefícios para o munícipioDiagnóstico sobre a situação de saúde materno e infantil do município;Formação da equipe técnica sobre a atenção integral a saúde da criança e damulher;Desenvolvimento de metodologias de intervenção com mulheres em fasereprodutiva, gestantes e crianças;Acesso a material informativo/formativo a ser entregue a população e aosprofissionais;Intercâmbio de experiências com os municípios da região sobre os assuntosrelacionados a saúde materno e infantil;Desenvolvimento de ações de comunicação em saúde nas comunidades e norádio;Fortalecimento dos comitês de mortalidade infantil;
  • 22. Resultados esperados13.000 crianças indiretamente beneficiadas pelo projeto;3.000 mulheres em idade fértil terão informações sobre direitos sexuais ereprodutivos, planejamento familiar e acesso ao pré-natal5.000 gestantes grávidas serão apoiadas pelos profissionais formados com ametodologia do projeto;5.000 crianças com melhores chances de sobrevivência;Realizar aperfeiçoamento de 250 profissionais de saúde sobre cuidados com agestante e o recém-nascido;Treinar 150 promotores de saúde;200 mulheres passarão por formação em direitos sexuais e reprodutivos;10 Secretarias Municipais de Saúde assistidas;Formar ou fortalecer 10 comitês de mortalidade infantil;
  • 23. Projeto Salvando Vidas de Crianças no Nordeste do Brasil "A efetividade das ações de promoção da saúde está diretamente atrelada à mobilização social, via ampliação daparticipação dos diversos setores/atores e do processo decisório por meio da formação de redes e articulações intersetoriais" (Regina Bodstein, 2009).