FORMAÇÃO CONTINUADA DE COORDENADORES PEDAGOGICOS
Gestão Escolar Ensino Superior  Disciplina: Professor: Sérgio Marcos da Silva
O Mestre dos Mestres Augusto Cury http://www.slideshare.net/hideraldo/o-mestre-dos-mestres-presentation-933900
12 de agosto de 2010 Formação Continuada para  Coordenadores Pedagógicos; Estudo das Dimensões:  Articuladora, Formadora  ...
Administração  do tempo  e qualidade de  vida X trabalho Mário Persona Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=LgcKEMyKKfo
Uma ferramenta para melhorar a prática Observação em sala de aula: Texto:
<ul><li>Vídeos : </li></ul>Gestão Escolar Gestão Pedagógica Mudança na cultura escolar Fim da gestão burocrática :  http:/...
<ul><li>Mediar a competência docente </li></ul><ul><li>Mediar o saber, o saber fazer, o saber ser e o saber agir do profes...
<ul><li>Realizar trabalho coletivo  </li></ul><ul><li>articular o trabalho coletivo; </li></ul><ul><li>ser capaz de ler, o...
<ul><li>Investir na formação continuada do professor na própria escola </li></ul><ul><li>conhecer e se apropriar das dimen...
<ul><li>promover momento de criação conjunta ao exercício da liberdade e as possibilidades efetivas de parcerias; </li></u...
<ul><li>Estabelecer parcerias com os alunos </li></ul><ul><li>dar oportunidade aos alunos para que participem com opiniões...
<ul><li>o coordenador deve  atuar como catalisador e mediador das relações professores/alunos/pais, evitando desgastes ent...
<ul><li>o desafio aos professores pode ser provocado pelas expectativas dos alunos em relação ao curso, por uma proposta n...
Campeão http://www.youtube.com/watch?v=iZUQTR0fceA
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Apresentação2 unidade 3 atividade_2_power pointe

898 views
827 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
898
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
10
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Apresentação2 unidade 3 atividade_2_power pointe

  1. 1. FORMAÇÃO CONTINUADA DE COORDENADORES PEDAGOGICOS
  2. 2. Gestão Escolar Ensino Superior Disciplina: Professor: Sérgio Marcos da Silva
  3. 3. O Mestre dos Mestres Augusto Cury http://www.slideshare.net/hideraldo/o-mestre-dos-mestres-presentation-933900
  4. 4. 12 de agosto de 2010 Formação Continuada para Coordenadores Pedagógicos; Estudo das Dimensões: Articuladora, Formadora Leitura e discussão sobre os textos: - Qual a identidade do Professor Coordenador? -O relacionamento interpessoal na coordenação pedagógica; - As reformas curriculares na escola. Orientações básicas ao trabalho do Coordenador Pedagógico; Vídeos: Administração do tempo e qualidade de vida X trabalho; Gestão Escolar; Mudança na cultura escolar; Fim da gestão burocrática; Competências Gerais e específicas do Coordenador Pedagógico; Atribuições – Regimento Escolar
  5. 5. Administração do tempo e qualidade de vida X trabalho Mário Persona Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=LgcKEMyKKfo
  6. 6. Uma ferramenta para melhorar a prática Observação em sala de aula: Texto:
  7. 7. <ul><li>Vídeos : </li></ul>Gestão Escolar Gestão Pedagógica Mudança na cultura escolar Fim da gestão burocrática : http://www.youtube.com/watch?v=rm0vE8eQX68 http://www.youtube.com/watch?v= vaeyJGJrgpY http://www.youtube.com/watch?v=UnwtGB5FPV4 http://www.youtube.com/watch?v= GmThdZxRPUI
  8. 8. <ul><li>Mediar a competência docente </li></ul><ul><li>Mediar o saber, o saber fazer, o saber ser e o saber agir do professor. Essa atividade mediadora se dá na direção da transformação quando o coordenador considera o saber, as experiências, os interesses e o modo de trabalhar do professor, bem como criar condições para questionar sua prática e disponibilizar recursos para modificá-las. </li></ul>Problematização
  9. 9. <ul><li>Realizar trabalho coletivo </li></ul><ul><li>articular o trabalho coletivo; </li></ul><ul><li>ser capaz de ler, observar e congregar as necessidades dos que atuam na escola; </li></ul><ul><li>discutir coletivamente os pontos de vistas do grupo e implementar ações com todos os envolvidos; </li></ul><ul><li>articular e motivar a adesão e o compromisso do grupo. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Investir na formação continuada do professor na própria escola </li></ul><ul><li>conhecer e se apropriar das dimensões do processo de formação continuada, e fazer delas, o centro de suas ações coordenadoras, para o bom desempenho da função; </li></ul><ul><li>desenvolver um processo de formação continuada na própria escola; </li></ul><ul><li>articular outros profissionais de acordo com as necessidades, possibilitando ao professor condições para que este faça de sua prática objeto de reflexão e pesquisa habituando-se a interrogá-lo e a transformá-lo, transformando a própria escola e a si próprio. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>promover momento de criação conjunta ao exercício da liberdade e as possibilidades efetivas de parcerias; </li></ul><ul><li>estimular o processo de reflexão na ação vivenciando novas fórmulas de aprender e ensinar, revendo sua prática cotidiana, buscando mais conhecimentos que a fundamente; </li></ul><ul><li>propor ao professor uma prática inovadora, tarefa desafiadora para o coordenador pedagógico; </li></ul>Incentivar práticas curriculares inovadoras
  12. 12. <ul><li>Estabelecer parcerias com os alunos </li></ul><ul><li>dar oportunidade aos alunos para que participem com opiniões, sugestões e avaliações, é tornar a aprendizagem mais significativa para ambos; </li></ul><ul><li>o olhar avaliador do aluno instiga o professor a refletir e avaliar com freqüência seu plano de trabalho e redirecioná-lo, vivenciando posturas de flexibilidade e de mudanças; </li></ul>
  13. 13. <ul><li>o coordenador deve atuar como catalisador e mediador das relações professores/alunos/pais, evitando desgastes entre estes pólos da escola, agindo com equilíbrio e ponderação, orientando cada qual em busca da melhor solução e otimizando as relações interpessoais com a comunidade escolar. </li></ul>
  14. 14. <ul><li>o desafio aos professores pode ser provocado pelas expectativas dos alunos em relação ao curso, por uma proposta nova de trabalho, pelas ações do Coordenador e/ou pelas interrogações advindas de seu trabalho; </li></ul><ul><li>desencadear um trabalho de acompanhamento da ação docente, que privilegie a reflexão crítica da prática do professor, movimentando-o para a mudança, enquanto pesquisador de sua própria prática, a partir dos interesses e interrogações nela e por ela suscitados. </li></ul>Propiciar situações desafiadoras para o professor
  15. 15. Campeão http://www.youtube.com/watch?v=iZUQTR0fceA

×