Your SlideShare is downloading. ×
0
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing

13,941

Published on

Aula introdutór

Aula introdutór

Published in: Business, News & Politics
1 Comment
2 Likes
Statistics
Notes
  • gosto muito deste site, apenas deveria aparecer opção em portugues.....
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total Views
13,941
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
275
Comments
1
Likes
2
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Administração de Marketing I Conteúdos: Orientações de Marketing Conceitos Centrais de Marketing Prof. SeiZo Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 2.  Olá! Bem-vindo!  Objetivos dessa aula:  Apresentar breve histórico da evolução do marketing  Apresentar os Conceitos Centrais de Marketing. Bibliografia utilizada  KOTLER, Philip. Princípios de Marketing: análise, planejamento, implementação e controle. 9ª edição São Paulo: Prentice Hal, 2003 (Cap. 1) Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 3. Evolução histórica do marketing  A Revolução industrial e a produção em massa de bens de consumo inaugurou o moderno conceito de mercado.  As populações crescentes fizeram surgir novas demandas que seriam atendidas pelas empresas e a dinâmica de produção e concorrência evoluiria ao longo das décadas.  As chamadas “Filosofias de Marketing” ou Conceitos, refletem a visão de diferentes épocas sobre como alcançar o sucesso empresarial. Elas regem as ações dos empresários e transformam-se ao longo do tempo rompendo paradigmas. Inicialmente, o foco era única e exclusivamente fazer mais e mais barato. Logo esta filosofia não mais daria conta dos desafios do mercado. E assim, novas filosofias surgiriam...  Vejamos agora a evolução dos Conceitos em marketing. Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 4. Conceito de Produção  Uma das filosofias mais antigas;  Pressupõe que as pessoas preferem produtos acessíveis e baratos;  Produção em massa que surge na revolução industrial  He nry Fo rd Linha de produção de H. Ford Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 5. Era da produtividade - Ford Ford descobriu que havia compradores para automóveis que custassem barato. Para atingir seu objetivo de vender muitos carros a muitas pessoas, criou o conceito de Linha de Montagem que favoreceu a produtividade na indústria e marcou o início da indústria automobilística. A Filosofia de Ford era a ênfase na PRODUÇÃO, ou seja, melhorar a produção para fabricar mais e mais barato, sem importar-se com o resto. Uma frase interessante é atribuida ao empresário: “Você pode ter o Ford T da cor que desejar, desde que seja preta.” Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 6. Conceito de Produto  Pressupões que os consumidores querem produtos de mais qualidade  Investe no esforço para melhorar constantemente os produtos • Perigo! Pode levar a Mio pia e m m arke ting Carros cada vez melhores Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 7. GM e a melhoria do Produto O crescimento da concorrência trouxe a tona outras necessidades dos consumidores – além do preço baixo. Agora as pessoas queriam escolher a cor de seu automóvel, por exemplo. Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 8. Conceito de Venda  Acredita que os produtos só são vendidos quando há um grande esforço para vendê-los  Vender para baixar estoques • Pe rig o ! Ve nda x Re lacio nam e nto s O Vendedor Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 9. Marketing é venda?  “O objetivo do marketing é tornar a venda supérflua... ...É conhecer o cliente tão bem que o produto ou serviço sirva e venda por si próprio.” Pe te r Drucke r Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 10. Conceito de marketing  É preciso determinar as necessidades e desejos das pessoas e satisfazê- las obtendo lucro  Consumidor no centro das ações  É pre ciso g e rar valo r para o clie nte e co nstruir re lacio nam e nto s durado uro s O foco é no cliente Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 11. O que é marketing?  Algumas definições sobre marketing:  “Criar valore satisfação para o cliente é o ponto central do pensamento e da prática do marketing moderno.”  “O processo social e administrativo pelo qual indivíduos e grupos obtêm o que necessitam e o que desejam, através da criação e troca de produtos e valor com outras pessoas.” Philip Kotler Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 12. O que é marketing para você?  “A ciência social (em construção) que tem como objeto de estudo a "troca".” Shelby Hunt  “É atender as necessidades dos clientes com lucro.” Philip Kotler  “É a interação e integração de todos os fatores operacionais da empresa e de todas as suas atividades funcionais, orientados para a satisfação do consumidor de seus produtos, idéias e serviços, com objetivos de tornar ótimos os seus lucros a longo prazo e prover condições de sobrevivência e expansão para a empresa.” Dualibi & Simonsen Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 13. Conceitos Centrais de Marketing  Para compreender melhor o Marketing precisamos conhecer seus prinicipais elementos conceituais. São os Conceitos Centrais de Marketing, elementos que integrados, constituem a base para o entendimento de qualquer mercado, dos mais cotidianos, como por exemplo o mercado de alimentação, aos mais sofisticados como o mercado de serviços de consultoria empresarial.  No slide a seguir, observe e procure compreender como os conceitos apresentados se relacionam entre si.  Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 14. Conceitos Centrais de Marketing Necessidade Desejo Demanda Mercados Troca, Transação, Relacionamento Valor Satisfação Qualidade Produto ou Serviço Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 15. Necessidade, Desejo, Demanda  Necessidades humanas: físicas, sociais, individuais.  Desejos: são as necessidades moldadas pelas culturas. São objetos que satisfazem as necessidades.  Demandas: quando os desejos podem ser comprados. Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 16. O m arke ting cria Ne ce ssidade s?  Segundo Kotler, o Marketing não cria Necessidades  O marketing moderno as identifica e procura satisfazê-las obtendo lucro.  O marketing cria Demandas! Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 17. Desejos  Se as Ne ce ssidade s são comuns a todos os Homens (todos temos fome, todos precisamos de segurança, todos precisamos nos relacionar com outras pessoas...), os De se jo s são constituidos pela cultura de cada lugar (Alguém com fome em Pequim, sente desejo de comer algo diferente de alguém faminto no Rio de Janeiro) Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 18. Produtos e serviços  Produto = solução de um problema, satisfação de uma Necessiade, recurso, oferta.  Um produto físico é apenas uma ferramenta para se resolver um problema  “O fabricante de furade iras po de im ag inar q ue se u clie nte pre cisa de um a bro ca q uando na ve rdade e le pre cisa de um furo ”  Os Produtos se diferenciam dos Serviços de várias maneiras. Você poderia dizer algumas delas? Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 19. Valor, Satisfação, Qualidade  São 3 conceitos que se relacionam e estão intrinsecamente ligados.  Só há Satisfação se o cliente percebe o Valo r do pro duto devido às Qualidade s que ele apresenta. Estas Qualidades se referem às características do produto e o quanto elas satisfazem a expectativa original. Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 20. Valor, Satisfação, Qualidade  Valor  É a diferença entre o be ne fício alcançado e seu custo .  É um componente subjetivo, pois as pessoas não percebem o Valor com exatidão, e sim têm percepções subjetivas a seu respeito (status, moda...)  Quanto vale e sta o bra de arte ?  As Trocas geram Valor Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 21. Valor, Satisfação, Qualidade  Satisfação  Tem a ver com o desempenho do produto.  Equilibrar expectativas e desempenho real do Produto evita decepções.  É uma boa estratégia, sempre fazer “algo a mais” que o esperado para encantar o cliente. Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 22. Valor, Satisfação, Qualidade  Qualidade  A Qualidade é relativa pois depende do que se espera daquele produto e o quanto este responde a esta expectativa.  Qualidade de processos – desde o de sig n da marca e identidade visuais, até a atenção pós- venda.  A Qualidade “Faz algo pelo cliente” Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 23. Troca, Transação e Relacionamento  A Troca!  É a maneira moderna de se conseguir o que precisa.  Pode caçar, pescar, colher, roubar, pedir esmolas... a Troca tem vantagens pois o indivíduo pode especializar-se na produção de algo, e então, trocá-lo pelos outros bens necessários. Qualé a sua e spe cialidade ? Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 24. A Troca! conceito central de marketing  A troca cria valor desde que certas condições sejam atendidas: 1 . As parte s de ve m che g ar a um aco rdo ; 2. Am bas po de m ne g ar a tro ca 3. Am bas de ve m se ntir-se be ne ficiadas, o u ao m e no s não pre judicadas. Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 25. Troca, Transação e Relacionamento  Transação  É a unidade de medida das Trocas.  Transação consiste em uma troca de valores entre duas partes:  Transação monetária clássica: R$ 500,00 por uma TV. “OMarketingsão ações comafinalidadedeobterum respostadesejadadeumpúblico alvo sobrealgum produto, idéiaououtroobjeto qualquer” ex.: políticos desejam uma resposta chamada “voto”; igrejas desejam “fiéis”, empresas, “lucro”. Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 26. Troca, Transação e Relacionamento  Relacionamentos  Além de Transações de curto prazo, o Marketing deve construir Relacionamentos de longo prazo estabelecendo vínculos sociais e econômicos, prometendo e cumprindo seu papel. “Co nstruindo bo ns re lacio nam e nto s, have rá transaçõ e s lucrativas” Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 27. Mercado  O conceito de Troca leva ao de mercado:  Grupo de compradores e vendedores fazendo trocas.  Outros conceitos:  O mercado para Economistas: vendedores e compradores  O mercado para as empresas: grupos de clientes  Mercado Livre Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração
  • 28. Marketing = “mercadear”  Podemos concluir com uma definição de Marketing utilizando alguns dos Conceitos Centrais:  “Adm inistrar Me rcado s co m a finalidade de se re aliz ar Tro cas co m o pro pó sito de satisfaz e r as Ne ce ssidade s e De se jo s do Ho m e m , visando co nstruir re lacio nam e nto s de lo ng o praz o . ” Prof. Seizo Soares. PUC-Campinas - Centro de Economia e Administração

×