Centro Cirúrgico :Aspectos Ambientais Faculdade Anhanguera Professor: Adeson
O que é o Centro Cirúrgico? <ul><li>Conjunto de áreas e instalações que permite efetuar a cirurgia nas melhores condições ...
Finalidades <ul><li>Realização de procedimentos cirúrgicos; </li></ul><ul><li>Otimização de campo de estágio para a formaç...
Estrutura Física <ul><li>Deve estar localizado em uma área do hospital que ofereça a segurança (asséptica), distante de lo...
Centro Cirúrgico <ul><li>Áreas do Centro Cirúrgico: </li></ul><ul><li>Irrestrita : Vestiários, área de recepção do pacient...
? ? ?
Salas de operação <ul><li>Localização: </li></ul><ul><li>Longe da entrada </li></ul><ul><li>Próximo a SRPO  </li></ul><ul>...
Salas de operação <ul><li>Forma </li></ul><ul><li>Altura : Pé direito mínimo de 2,7 m </li></ul><ul><li>Iluminação </li></...
Salas de operação <ul><li>Iluminação </li></ul><ul><li>Lâmpadas fluorescentes de teto </li></ul><ul><li>Foco cirúrgico de ...
 
Salas de operação <ul><li>Ventilação – Ar condicionado </li></ul><ul><li>Fluxo laminar : Filtros HEPA </li></ul>
Salas de operação <ul><li>Ventilação – Ar condicionado </li></ul><ul><li>Pressão positiva </li></ul><ul><li>Controle indiv...
Por que climatizar?
Salas de operação <ul><li>Portas </li></ul><ul><li>Largas (1.20 x 2.10) </li></ul><ul><li>Correr (evitar turbulência) </li...
Salas de operação <ul><li>Paredes </li></ul><ul><li>Lavável e resistente ao uso de desinfetantes </li></ul><ul><li>Lisa </...
Salas de operação <ul><li>Piso </li></ul><ul><li>Abafar ruídos </li></ul><ul><li>Antiderrapante </li></ul><ul><li>Não poro...
 
Salas de operação <ul><li>Instalações elétricas </li></ul><ul><li>8 jogos com 5 tomadas </li></ul><ul><li>Identificar 110 ...
Salas de operação <ul><li>Sistema Canalizado </li></ul>Oxigênio Vácuo Óxido Nítrico Ar Comprimido
Lavabos <ul><li>1 lavabo com 2 torneiras ( p/cada 2 salas) </li></ul><ul><li>Água fria e água quente </li></ul><ul><li>Rel...
 
SRPA <ul><li>Arquitetura idem a SO </li></ul><ul><li>Ar condicionado: </li></ul><ul><li>22–24ºC </li></ul>
SRPA :  material básico de cada leito <ul><li>Oxigênio / Vácuo </li></ul>
SRPA :  material básico de cada leito <ul><li>Oxímetro de pulso </li></ul>
SRPA :  material básico de cada leito <ul><li>Bomba de Infusão </li></ul>
SRPA :  material básico de cada leito <ul><li>Esfignomanômetro, </li></ul><ul><li>Estetoscópio </li></ul><ul><li>Termômetr...
SRPA :  material básico de cada leito <ul><li>Monitor cardíaco </li></ul>
SRPA :  material básico de cada leito <ul><li>Ventilador mecânico </li></ul>
SRPA :  material básico de cada leito <ul><li>Carro para ressuscitação cardiopulmonar </li></ul>
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Planta física c.c

23,301
-1

Published on

0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
23,301
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
377
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Planta física c.c

  1. 1. Centro Cirúrgico :Aspectos Ambientais Faculdade Anhanguera Professor: Adeson
  2. 2. O que é o Centro Cirúrgico? <ul><li>Conjunto de áreas e instalações que permite efetuar a cirurgia nas melhores condições de segurança para o paciente, e de conforto e segurança para as equipes que o assiste. </li></ul>
  3. 3. Finalidades <ul><li>Realização de procedimentos cirúrgicos; </li></ul><ul><li>Otimização de campo de estágio para a formação, </li></ul><ul><li>Treinamento e desenvolvimento de recursos humanos; e o </li></ul><ul><li>Desenvolvimento científico para o aprimoramento de novas técnicas cirúrgicas </li></ul>
  4. 4. Estrutura Física <ul><li>Deve estar localizado em uma área do hospital que ofereça a segurança (asséptica), distante de locais de grande circulação de pessoas, de ruído e de poeira. </li></ul><ul><li>Próximo às unidades de internação, pronto-socorro e unidade de terapia intensiva </li></ul>
  5. 5. Centro Cirúrgico <ul><li>Áreas do Centro Cirúrgico: </li></ul><ul><li>Irrestrita : Vestiários, área de recepção do paciente, sala de espera </li></ul><ul><li>Semi-restrita : Corredores , sala de recuperação pós anestésica, sala de estocagem de equipamentos </li></ul><ul><li>Restrita: Sala operatória, sala de suprimento estéril, pia de escovação. </li></ul>
  6. 6. ? ? ?
  7. 7. Salas de operação <ul><li>Localização: </li></ul><ul><li>Longe da entrada </li></ul><ul><li>Próximo a SRPO </li></ul><ul><li>Agrupadas </li></ul><ul><li>Tamanho: </li></ul><ul><li>De acordo com o porte cirúrgico: 20, 25 e 36m2 </li></ul><ul><li>Cuidado com a técnica asséptica !!! </li></ul>                                                                                                            
  8. 8. Salas de operação <ul><li>Forma </li></ul><ul><li>Altura : Pé direito mínimo de 2,7 m </li></ul><ul><li>Iluminação </li></ul><ul><li>Luz do dia </li></ul><ul><li>Ausência de sombras </li></ul><ul><li>Luz fria (evitar excesso calor nos campos) </li></ul>
  9. 9. Salas de operação <ul><li>Iluminação </li></ul><ul><li>Lâmpadas fluorescentes de teto </li></ul><ul><li>Foco cirúrgico de teto e portátil (com bateria) </li></ul><ul><li>Gerador próprio (emergências) </li></ul><ul><li>Aterramento </li></ul>
  10. 11. Salas de operação <ul><li>Ventilação – Ar condicionado </li></ul><ul><li>Fluxo laminar : Filtros HEPA </li></ul>
  11. 12. Salas de operação <ul><li>Ventilação – Ar condicionado </li></ul><ul><li>Pressão positiva </li></ul><ul><li>Controle individual de temperatura : 19-24ºC </li></ul><ul><li>Controle umidade do ar :45-60% </li></ul>
  12. 13. Por que climatizar?
  13. 14. Salas de operação <ul><li>Portas </li></ul><ul><li>Largas (1.20 x 2.10) </li></ul><ul><li>Correr (evitar turbulência) </li></ul><ul><li>Possuir visores </li></ul><ul><li>Material lavável (aço escovado) </li></ul>
  14. 15. Salas de operação <ul><li>Paredes </li></ul><ul><li>Lavável e resistente ao uso de desinfetantes </li></ul><ul><li>Lisa </li></ul><ul><li>Cor neutra ( pintura lavável , fórmica ) </li></ul><ul><li>Cantos arredondados: </li></ul><ul><li>Parede/piso </li></ul><ul><li>Parede/parede </li></ul><ul><li>Parede/teto </li></ul>
  15. 16. Salas de operação <ul><li>Piso </li></ul><ul><li>Abafar ruídos </li></ul><ul><li>Antiderrapante </li></ul><ul><li>Não poroso </li></ul><ul><li>Não ter emendas </li></ul><ul><li>Realçar sujeira </li></ul><ul><li>Não possui ralos, frestas </li></ul><ul><li>Possui malhas de fio de cobre ligado a um fio terra </li></ul>
  16. 18. Salas de operação <ul><li>Instalações elétricas </li></ul><ul><li>8 jogos com 5 tomadas </li></ul><ul><li>Identificar 110 e 220 volts </li></ul><ul><li>Resistentes a corrosão </li></ul><ul><li>1.50 m de altura do piso </li></ul>
  17. 19. Salas de operação <ul><li>Sistema Canalizado </li></ul>Oxigênio Vácuo Óxido Nítrico Ar Comprimido
  18. 20. Lavabos <ul><li>1 lavabo com 2 torneiras ( p/cada 2 salas) </li></ul><ul><li>Água fria e água quente </li></ul><ul><li>Relógio (tempo de escovação) </li></ul><ul><li>Dispositivo para fechar a torneira </li></ul><ul><li>Dispensadores de degermantes </li></ul>
  19. 22. SRPA <ul><li>Arquitetura idem a SO </li></ul><ul><li>Ar condicionado: </li></ul><ul><li>22–24ºC </li></ul>
  20. 23. SRPA : material básico de cada leito <ul><li>Oxigênio / Vácuo </li></ul>
  21. 24. SRPA : material básico de cada leito <ul><li>Oxímetro de pulso </li></ul>
  22. 25. SRPA : material básico de cada leito <ul><li>Bomba de Infusão </li></ul>
  23. 26. SRPA : material básico de cada leito <ul><li>Esfignomanômetro, </li></ul><ul><li>Estetoscópio </li></ul><ul><li>Termômetro </li></ul>
  24. 27. SRPA : material básico de cada leito <ul><li>Monitor cardíaco </li></ul>
  25. 28. SRPA : material básico de cada leito <ul><li>Ventilador mecânico </li></ul>
  26. 29. SRPA : material básico de cada leito <ul><li>Carro para ressuscitação cardiopulmonar </li></ul>
  1. Gostou de algum slide específico?

    Recortar slides é uma maneira fácil de colecionar informações para acessar mais tarde.

×