Curso Perícia Judicial Ambiental

4,021 views
3,790 views

Published on

INTERESSADOS: Consultores ambientais; profissionais de diversas áreas interessados ser ser perito ou assistente técnico; consultores de carreira do Ministério Público; estudantes de pós-graduação em meio ambiente; advogados com pós-graduação na área de meio ambiente; integrantes de órgãos de fiscalização, licenciamento e normatização ambiental; peritos de secretaria de segurança; engenheiros de segurança do trabalho, entre outros.
São interessados os profissionais ligados direta e indiretamente à perícia ambiental, como: químico; biólogo; bioquímico; geólogo; agrônomo; engenheiro ambiental, sanitário, agrícola, florestal, hidrográfico, de pesca, civil, eletricista e mecânico; arquiteto; médico veterinário; administrador e economista com pós-graduação em gestão ambiental.

AVALIAÇÃO DO CURSO: O Curso Perícia Judicial Ambiental obteve nota média 9 na avaliação dos alunos de todas as edições de 2004 realizadas em: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Recife e Belo Horizonte. Na avaliação, as notas poderiam ser de 0 a 10 e consideraram: o conhecimento dos ministrantes, a interatividade dos ministrantes com o público, o conteúdo, a aplicabilidade do conteúdo no dia-a-dia e o material didático.

PÚBLICO ALVO: Consultores ambientais; profissionais de diversas áreas interessados ser ser perito ou assistente técnico; consultores de carreira do Ministério Público; estudantes de pós-graduação em meio ambiente; advogados com pós-graduação na área de meio ambiente; integrantes de órgãos de fiscalização, licenciamento e normatização ambiental; peritos de secretaria de segurança; engenheiros de segurança do trabalho, entre outros.

CERTIFICADO DE PARTICIPAÇÃO: Será fornecido Certificado de Participação aos presentes no curso, chancelado pelo Eng. Rui Juliano e site Manual de Perícias.

Rui Juliano - Perícias
Site: www.manualdepericias.com.br
Email: ate@manualdepericias.com.br
Telefone: 0800 600 3622

Curso Perícia Judicial Ambiental

  1. 1. Indicado para profissionais com curso superior que desejam ser perito judicial ambiental QUEM PODE SER PERITO – Para o profissional ligado ao meio ambiente atuar como perito judicial ou assistente técnico não é necessário prestar concurso público, realizar pós-graduação ou qualquer curso específico sobre perícias, nem estar vinculado a alguma instituição ou emprego oficial. A perícia judicial ambiental é um segmento da perícia judicial como um todo. Em geral, podem ser peritos: os aposentados, os profissionais liberais, os recém-formados, os funcionários públicos e os empregados de empresas em geral, desde que suas profissões sejam de curso superior, como: químico; biólogo; bioquímico; geólogo; agrônomo; engenheiro ambiental, sanitarista, agrícola, florestal, hidrográfico, de pesca e civil; arquiteto; médico veterinário; administrador e economista com pós-graduação em gestão ambiental; entre outros.
  2. 2. Agenda do Curso Perícia Judicial Ambiental DATAS E HORÁRIOS:Rio de Janeiro Os cursos são geralmente realizadosGoiânia de Segunda a sexta-feira,Porto Alegre das 19:00 à 23:00h.RecifeSão Paulo INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES:Fortaleza www.manualdepericias.com.brNatal fone: 0800 600 3622 - (53) 3035 3622Florianópolis (com Cris ou André)Brasília at@manualdepericias.com.brSalvadorCuritibaBelo HorizonteDesde 2004, com mais de 60 edições do curso realizadas em:São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre,Curitiba, Recife, Fortaleza, Salvador, Florianópolis, e Goiânia.
  3. 3. O MERCADO DO PERITO JUDICIAL EM MEIO AMBIENTE – A perícia torna-se ummercado atrativo aos que procuram segurança numa atividade profissional paralela,em razão de suas principais características, entre as quais: a flexibilidade de horáriospara executar tarefas, os prazos relativamente largos de entrega do laudo e o cunhosolitário da atividade, que não admite pressões sobre o trabalho do perito – característicasestas pouco encontradas em outros segmentos. Embora o mercado possa ser rentável, éde pouco conhecimento dos profissionais ligados à área de meio ambiente. O mercado de perito judicial em geral oferece oportunidades em todas as localidades do país. Isto é devido às peculiaridades da função, do Código de Processo Civil e das regras do Poder Judiciário. O mercado de assistente técnico também é grande, pois cada parte num processo judicial pode contar com um expert de sua confiança que a represente na perícia.Notadamente tem se observado os seguintes segmentos interessados pelaárea de perícia judicial ambiental: consultores ambientais; profissionais dediversas áreas interessados em ser perito ou assistente técnico da parte;consultores de carreira do Ministério Público; professores e estudantes depós-graduação em meio ambiente; advogados com pós-graduação na áreade meio ambiente; integrantes de órgãos de fiscalização, licenciamento enormatização ambiental; funcionários de prefeituras, de empresas desaneamento, de eletrificação e de outras, sujeitas a causar danos ambientais;peritos de secretaria de segurança; engenheiros de segurança do trabalho,entre outros.O mercado de perícia judicial ambiental pode nãocompensar investimentos em cidades pequenas.
  4. 4. BIBLIOGRAFIA QUE ENSINE A SER PERITO – O competentetrabalho do perito tem rotina pequena e de fácil assimilaçãopara aqueles que não dispõem de experiência em perícias. Por outro lado, procurando-se por bibliografia que instrua a respeito da rotina e da prática dos atos do perito, veremos que há uma determinada escassez. Maiores obstáculos são enfrentados para encontrar livros e cursos que particularizem e especifiquem, com transparência, como o interessado faz para penetrar nesse mercado de pouca divulgação.
  5. 5. O PERITO EM MEIO AMBIENTE – O perito em meio Os requisitos básicos necessários para o profissionalambiente é chamado pela Justiça para oferecer laudos ligado ao meio ambiente ser perito judicial são:técnicos em processos judiciais, nos quais podem estar honestidade e apresentação de um trabalho de boaenvolvidos pessoas físicas, jurídicas e órgãos públicos. O qualidade. O serviço é remunerado e cabelaudo técnico escrito é assinado pessoalmente pelo perito e adiantamento de honorários, quando solicitados napassa a ser uma das peças (prova) que compõem um devida forma.processo judicial.CONTEÚDO:Módulo II – Perícia Ambiental - Ecologia e recursos naturais, Direito ambiental, Avaliação de impacto ambiental –EIA/RIMA, Introdução à economia ambiental, Mercado de trabalho extra judicial, casos ambientais.Módulo I – Introdução à Perícia Judicial - Como vir a ser perito judicial, Quem pode ser perito judicial, Laudo – prova noprocesso, Nomeação, Adiantamento e honorários totais, Perícias extrajudiciais,Mercado de trabalho, Facilidades do encargo, O perito que está iniciando, Quesitos eassistentes técnicos, Ministério Público e a perícia ambiental, A assistência técnica aoMinistério Público, casos variados de perícias.
  6. 6. O LIVRO MANUAL DE PERÍCIAS – O que é básico da perícia judicial Realize o Curso como um todo, inclusive o que é carente na bibliografia, Perícia Judicial Ambiental o livro Manual de Perícias ocupa largamente numa única obra ou adquira o livro comum a todas as categorias. Nela, o autor Rui Juliano transmite o conhecimento elementar, informando e prevendo as situações que o perito tem possibilidade de enfrentar, bem como detalhando Apenas no site www.manualdepericias.com.br as fases que se apresentam durante o encargo. Para adquirir o livro Manual de Perícias visite www.manualdepericias.com.br O LIVRO MANUAL DE PERÍCIAS NÃO TRATA ESPECIFICADAMENTE DA PERÍCIA JUDICIAL EM MEIO AMBIENTE – O fato de que os trâmites burocráticos na perícia judicial são básicos a todas as profissões e que o dispêndio para editar um livro destinado a cada uma delas seria maior que a de um exclusivo volume que lhes fosse comum motivou a redação do livro Manual de Perícias, então aplicável a qualquer segmento de curso superior. O livro Manual de Perícias tem 600 páginas, formato edição Terceira A4 (21 x 28 x 3,7 centímetros), capa dura, sendo que 184 páginas são dedicados a Parte Prática, oferecendoA obra, lançada em março de 2005, tem o caráter de modelos e formas de como cobrar honorários,possibilitar a abertura do mercado de perícias na Justiça modelos de laudos genéricos, orientação deEstadual, Justiça Federal e Justiça do Trabalho, para procedimentos durante os trabalhos, e informandoaqueles que pouco ou nada conhecem sobre a claramente toda a rotina forense em que se envolve oatividade. Para aqueles que já trabalham como perito, a perito judicial. Ademais, a fim de facilitar o dia-a-diaobra exibe novas formas de como tratar assuntos daqueles que querem ingressar na atividade ou estãopertinentes. No cômputo geral, é uma peça sem igual a recém começando-a, o livro apresenta roteirosno mercado devido ao caráter cristalino com que expõe simplificadíssimos sobre a rotina que proporcionamo seu conteúdo à vista do leitor. consultas rápidas.
  7. 7. Curso a DistânciaPERÍCIA Judicial onlinePara administradores, contadores, economistas,engenheiros civis, agrônomos, médicos e arquitetos Para administradores, contadores e economistas Rua Zalony, 160 - Conj. 1003 – CEP 96200-070 – Fone: 0800 600 3622 - (53) 3231 3622 Rio Grande - RS - CREA 42.102 – CGC 89775159/0001-91 – e-mail: rjuliano@manualdepericias.com.br

×