Anglo gold ashanti

  • 1,043 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
1,043
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
7
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. II Forum da Rede Socioambiental da APA Sul RMBH Ações e projetos na APA Sul: contribuições ao desenvolvimento sócioambiental Liliane Lana, Gerente de Comunicação e Comunidades
  • 2. Interface direta com APA-Sul
  • 3. Mina Cuiabá – Sabará/Caeté
  • 4. Mina Lamego - Sabará
  • 5. Planta Metalúrgica do Queiroz – Nova Lima
  • 6. Complexo Hidrelétrico (PCHs) de Rio de Peixe – Nova Lima Mais de 100 anos de operação
  • 7. Mina Córrego do Sítio – Santa Bárbara
  • 8. Nosso Valor, Nosso Foco As comunidades e regiões onde a AngloGold Ashanti mantém suas operações devem se tornar melhores em função da presença da empresa Geração de Trabalho & Educação Saúde Renda Desenvolvimento Social & Econômico
  • 9. Boa Vizinhança – diálogo com comunidades• Atendimentos via 0800.72.71.500• Reunião com lideranças• Informação sobre monitoramento ambiental
  • 10. Medidas de Controle Ambiental• Gestão de resíduos;• Medições piezométricas de nível de água, medição de descarga emvertedouros, monitoramento volumétrico e qualitativo de nascentesexternas;• Efluentes oleosos: 3 caixas separadoras de óleos e graxas emoficinas;
  • 11. Medidas de Controle Ambiental• Viveiro de mudas: mais de 20 mil mudas/ano, arbóreas e arbustivasnativas, frutíferas e também espécies ornamentais.• Reutilização de água na Planta Metalúrgica (circuito fechado) etratamento de efluente industrial;• Recuperação das áreas concomitante à lavra - 273 mil mudas plantas e2.700.000 m2 (cerca de 280 campos de futebol) revegetados desde 1992
  • 12. Agência de Desenvolvimento de Santa BárbaraFoco: identificação e implantação de iniciativas de geração de trabalho e renda e empreendedorismo a partir do estudo das vocações locais - suporte à Cooperativa de Produtores de Mel - estudo da ampliação de oportunidades de trabalho para a mulher - capacitação da comunidade para novas oportunidades de negócios - desenvolvimento do pequeno fornecedor local
  • 13. Plataforma de Gestão dos Relacionamentoscom comunidades da região de Santa BárbaraConsultoria contratada: Ideia Comunicação Empresarial Belo Horizonte, maio de 2009
  • 14. Percepção geral sobre a empresa A comunidade em geral, incluindo o poder público, valoriza a presença da empresa e reconhece os benefícios econômicos e sociais que a empresa gera na região. Uma parcela menor, principalmente representantes de grupos ou pessoas com preocupações ambientais, posiciona-se contrariamente ou com reservas à atuação da empresa na região.
  • 15. Percepções x Aspectos da ReputaçãoContribuição para o  É reconhecida a importância econômica da empresa para a região.desenvolvimento  Alguns grupos ainda se ressentem dizendo que ela privilegia a contratação deda região funcionários e fornecedores mais distantes da mina.Relacionamento  Aspecto bem avaliado por todos que têm algum conhecimento sobre ocom os assunto. (Outros não têm opinião sobre isso).empregados Marcada pelo Programa de Boa Vizinhança com avaliações positivas e negativas:Comunicação e  É considerada por muitos como uma empresa que quer se aproximar daRelacionamento comunidade.com a comunidade  Alguns reclamam de mais transparência e cobram respostas a questionamentos da comunidade.  Atuação social bem percebida, mas fragmentada – são conhecidos projetosResponsabilidade isolados de baixa abrangência.Social  Baixa intencionalidade – falta de contribuição mais consistente ao desenvolvimento social das comunidades.  Não é aspecto que se destaca espontaneamente na reputação da AngloGold em Santa Bárbara.Responsabilidade  Baixo conhecimento geral sobre a atuação ambiental da empresa, exceto porAmbiental pessoas que participam do Programa Boa Vizinhança.  Percepções negativas de desconfiança pontuais.
  • 16. Foco de atuação DE: 2009 PARA: 2012 • Ações de comunicação e • Meios e iniciativas de relacionamento com baixa comunicação alinhados intencionalidade • Atuação social e ambiental • Baixa visibilidade das com alta intencionalidade. ações sociais e ambientais • Mais visibilidade e realizadas pela empresa valorização das ações e iniciativas da empresa
  • 17. Raposos – principais iniciativas• Desenvolvimento Local – Associação de Artesãos e produtores de Vassouras Ecológicas (17 pessoas envolvidas)• Raposos Sustentável - Parceria com CPCD voltada a educação e empreendedorismo com participação dos Agentes de Desenvolvimento Local
  • 18. Educação Ambiental• 10 mil visitantes/ano• Programas distintos para públicos distintos: - Meu Planeta, Minha Casa – estudantes de Ensino Fundamental - Escola Sustentável – recursos naturais melhor utilizados - Amigos do Bairro – crianças do entorno da barragem em Nova Lima - Gerenciamento Ecológico – educação ambiental para fornecedores - Agente ambiental – empregados preparados a contribuir
  • 19. Patrimônio ambiental preservado• RPPN Mata Samuel de Paula, em Nova Lima: 147 hectares• RPPN Serra da Piedade, em Sabará e Caeté: 726 hectares
  • 20. Patrimônio ambiental preservado Estudos publicados• RPPN Mata Samuel de Paula, em Nova Lima: 147 hectares• RPPN Serra da Piedade, em Sabará e Caeté: 726 hectares Plano de Manejo elaborado
  • 21. Estudo de Conectividade - Área de abrangência
  • 22. Estudo de Conectividade – Áreas estudadas
  • 23. Estudo de Conectividade – a proposta :
  • 24. Reabilitação ambiental de passivos
  • 25. Morro do Galo – Primeira tentativa de reabilitação
  • 26. Morro do Galo – “Yes, we can”
  • 27. Antigos Depósitos de Rejeito
  • 28. Antigos Depósitos de Rejeito
  • 29. Reabilitação do antigo depósito do Galo Novo
  • 30. Depósito de Rejeito do Galo Novo Retaludamento • dotar o talude de uma geometria estável e permanente; • permitir a implementação de um sistema de drenagem superficial;
  • 31. Depósito de Rejeito do Galo Novo Filtro Inclinado• dotar a pilha de uma proteção contra infiltração e erosão superficiais;• criar um confinamento (arrimo) lateral para os rejeitos.
  • 32. Depósito de Rejeito do Galo Novo Camada de Material Compactado• receber eventuais excessos de águas superficiais na camada de aterro compactado.
  • 33. Depósito de Rejeito do Galo Novo Drenagem Superficial e Revegetação• A berma do talude recebeu um sistema de drenagem superficial composto de canaleta meia cana. A face do talude foi revegetada.
  • 34. Depósito de Rejeito do Galo Novo Proteção do Topo do Aterro
  • 35. Depósito de Rejeito do Galo Novo Antes Depois
  • 36. Depósito de Rejeito do Galo NovoMelhorias para os moradores
  • 37. Depósito de Rejeito do Galo Novo Antes Depois
  • 38. Nossas certificações OHSAS 18001 ISO 14001 ISO 9001 ISO 17025 (laboratório ambiental acreditado pelo INMETRO) Código Internacional de CianetoMeta para 2009: NBR 16001 de Responsabilidade Social
  • 39. Obrigada!