• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Aula sobre Vygotsky - FPE
 

Aula sobre Vygotsky - FPE

on

  • 1,227 views

Material produzido para as aulas de Fundamentos Psicológicos da Educação. Anos 2011, 2012 e 2013.

Material produzido para as aulas de Fundamentos Psicológicos da Educação. Anos 2011, 2012 e 2013.

Statistics

Views

Total Views
1,227
Views on SlideShare
1,227
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
79
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Aula sobre Vygotsky - FPE Aula sobre Vygotsky - FPE Presentation Transcript

    • • Nasceu a 17 de novembro de 1896 numa pequena cidade da Rússia e faleceu aos 37 anos de idade vítima de tuberculose doença com a qual conviveu por quatorze anos. •Aos 22 anos se dedicou a neuropsicologia. •o interesse pela psicologia acadêmica começou a se delinear a partir de seu contato, no trabalho de formação de professores, com os problemas de crianças com defeitos congênitos.
    • • Buscava construir uma psicologia que superasse as tradições positivistas e estudasse o homem e seu mundo psíquico como uma construção histórica e social da humanidade. Positivista Analisou e fez críticas sobre as bases do pensamento Behaviorista Gestaltista darwinista Adotando o marxismo como epistemologia básica para alicerçar os seus trabalhos de pesquisa.
    • • O modo de produção da vida material condiciona a vida social, política e espiritual do homem. • O homem é um ser histórico, que se constrói através de suas relações com o mundo natural e social. • A sociedade humana é uma totalidade em constante transformação. • As transformações qualitativas ocorrem por meio da chamada “síntese dialética” onde, a partir de elementos presentes numa determinada situação, fenômenos novos emergem. Postulados básicos do marxismo:
    • Estímulo-resposta Substituído por um ato complexo, mediado ao longo do desenvolvimento do indivíduo, onde as relações complexas passam a predominar sobre as relações diretas. Propõe o interacionismo Aquisição de conhecimentos Interação do sujeito com o meio social
    • O EU se constrói na relação com o outro, num processo de reflexos em que a palavra desempenha a função de contato social, ao mesmo tempo em que é construidora do comportamento e da consciência. O significado da palavra transforma-se ao longo do desenvolvimento do sujeito.
    • A linguagem materializa e dá forma a uma das aptidões humanas: a capacidade de representar a realidade e a atividade. Através da linguagem, o pensamento objetiva-se, permitindo a comunicação das significações e o seu desenvolvimento.
    • O aprendizado está relacionado ao desenvolvimento Se não fosse o contato do indivíduo com certo ambiente cultural, não ocorreriam o aprendizado. Percurso de desenvolvimento Definido pelo processo de maturação do organismo individual, pertencente a espécie humana. Aprendizado possibilita o despertar dos processo internos do desenvolvimento.
    • Subjetividade social e Subjetividade individual Fenômenos sociais não são externos aos indivíduos nem são fenômenos que acontecem na sociedade e pouco têm que ver com cada um. Os fenômenos sociais estão, de forma simultânea, dentro e fora dos indivíduos, isto é, estão na subjetividade individual e na subjetividade social. Para compreender o que cada um de nós sente e pensa, e como cada um de nós age, é preciso conhecer o mundo social no qual estamos imersos e do qual somos construtores
    • •Nas relações sociais que se dá o desenvolvimento dos indivíduos. O OUTRO é o mediador entre a criança e a cultura. •O conceito de mediação fundamenta a compreensão sobre o funcionamento psicológico, onde: “é o processo de intervenção de um elemento intermediário numa relação” •A relação deixa, então de ser direta e passa a ser mediada por esse elemento.
    • Zona de desenvolvimento proximal Zona de desenvolvimento real Funções psíquicas já dominadas pelo sujeito Zona onde o indivíduo pode ter sucesso quando assistido por OUTRO alguém mais experiente. Habilidades ainda não desenvolvidas, onde atua a imitação
    • Cultura Indivíduo
    • • Não chegou a formular uma concepção estruturada do desenvolvimento humano, porém o desenvolvimento da espécie, dos grupos, dos indivíduos foram privilegiados nas suas investigações. • O que interessa é a interação que cada pessoa estabelece com determinado ambiente, a chamada experiência pessoalmente significativa. •“O conhecimento que não é obtido através da experiência pessoal não é totalmente conhecimento” Lev SemenovichVygotsky.
    • Funções psicológicas superiores PERCEPÇÃO ATENÇÃO MEMÓRIA
    • A implicação dos conceitos de Vygotsky para o ensino escolar é imediata. Se o aprendizado impulsiona o desenvolvimento, então a escola tem papel essencial nesta relação. O Processo de ensino-aprendizagem deve ser construído tomando como ponto de partida o nível de desenvolvimento real da criança. Deve-se provocar avanços na criança que não ocorreriam espontaneamente. O mecanismo de imitação está ligado aos processos escolares, mas não restrito à situação escolar.
    • O ensino, para Vygotsky, deve se antecipar ao que o aluno ainda não sabe nem é capaz de aprender sozinho, porque, na relação entre aprendizado e desenvolvimento, o primeiro vem antes.
    • • A compreensão das funções superiores do homem não pode ser alcançada pela psicologia animal, pois os animais não têm cultura. • As funções superiores do homem não podem ser vistas apenas como resultado da maturação de um organismo que já possui, em potencial, tais capacidades. • A linguagem e o pensamento humano têm origem social. A cultura faz parte do desenvolvimento humano e deve ser integrada ao estudo e à explicação das funções superiores. • A consciência e o comportamento são aspectos integrados de uma unidade, não podendo ser isolados pela Psicologia. Vygotsky morreu muito cedo e não pôde completar sua obra, mas deixou alguns princípios
    • BOCK, Ana M. B., FURTADO, Odair, TEIXEIRA, Maria L. T. Psicologias uma Introdução ao Estudo de Psicologia. 13 ed. São Paulo: Saraiva, 2002. Sperotto, R. Teoria Sócio-Histórica. Material didatico da cadeira de Fundamentos Psicológicos da Educação – FaE - UFPEL. 2009/10. Debacco, M. Teorias da aprendizagem. Material didatico da cadeira de Fundamentos Psicológicos da Educação – FaE - UFPEL. 2008. Revisão: Rosária Ilgenfritz Sperotto
    • Scanme :) rcastro.bio@gmail.com / les_ted@hotmail.com Facebook.com/rodrigoinaciodecastro Twitter: @ro_castro Instagram:@ro_castro Lattes:http://lattes.cnpq.br/2120627532353496 Page on Facebook: Facebook.com/Pelotaspic