Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Oportunidades e Parcerias - João Lacão
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Oportunidades e Parcerias - João Lacão

on

  • 705 views

Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Oportunidades e Parcerias - 02/09/2010

Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Oportunidades e Parcerias - 02/09/2010

Statistics

Views

Total Views
705
Slideshare-icon Views on SlideShare
702
Embed Views
3

Actions

Likes
0
Downloads
3
Comments
0

1 Embed 3

http://www.rioinfo.com.br 3

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Oportunidades e Parcerias - João Lacão Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Oportunidades e Parcerias - João Lacão Presentation Transcript

    • Investimento em Portugal - Apoios e Oportunidades João Lacão Rio de Janeiro, 2 Setembro 2010
    • Estrutura da Apresentação
      • Apresentação da MultiSector;
      • Portugal (em Grandes Números);
      • Generalidades Empresariais;
      • Apoio ao Investimento (QREN);
        • Investimento Produtivo
        • Investimento em I&DT
      • Vantagens do Invest. em Portugal;
      • Recomendações no Invest. Portugal.
      Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • 1. Apresentação MultiSector Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. Visão, Missão e Objectivos
    • 1. Apresentação MultiSector Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
      • Actividade: Apoio consultivo nos seguintes domínios
      • Gestão Empresarial
        • Diagnósticos Empresariais e Planos Estratégicos
        • Planos de Negócio e Dossiers de Financiamento (Capital de Risco)
        • Apoio à Gestão – Controlo de Gestão (Tableaux de Bord)
        • Eficiência Organizacional – Melhoria dos Processos de Negócio
        • Fontes de Financiamento – Estatal (QREN) ou Privado
        • Internacionalização Empresarial
      2. Investigação e Desenvolvimento (I&DT) 3. Sist. Gestão Qualidade e Inovação
    • 1. Apresentação MultiSector Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. Vendas, RH e Serviços Instalações: Braga e Lisboa
    • Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 2. Portugal em Números
    • 2. Portugal em Números Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. Distribuição do Emprego: - Serviços 60,5% - Indústria 28,3 % - Agricultura 11,2 %
    • Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • 2. Portugal em Números Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • 2. Portugal em Números Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • 2. Portugal em Números Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • 2. Portugal em Números Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • 2. Portugal em Números Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • 2. Portugal em Números Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 3. Generalidades Empresariais
    • 3. Generalidades Empresariais Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 1. Constituição de Empresas
      • Empresa na Hora (1 h no Gab. Advogado = Empresa)
      • Diversas Fig. Jurídicas (SA, Lda, Unipessoal)
      • Investidor de qualquer Nacionalidade
      • As restrições à actividade económica são escassas (Ex. cimentos, refinaria, …)
      • Algumas actividades económicas requerem de licenciamento e/ou autorização prévia.
        • NOTA: Não de aplica no Sector TIC
    • 3. Generalidades Empresariais Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 2. Encargos Sobre o Trabalho
      • Empresas : 23,75% Salário (Bruto)
      • Trabalhador: 11,0% Salário (Bruto)
      • Remuneração Anual: contempla 14 meses
      • Exigência de Formalização de Contrato Trabalho
      • Salário Mensal (Bruto) de Referência:
        • Engenheiro (1º ano) 2500 – 3000 Reais
        • Secretária Bilingue 1400 – 1800 Reais
    • 3. Generalidades Empresariais Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 3. Fiscalidade
      • IVA = 21% (incide sobre Vendas Prod. e Serviços
        • NOTA: - existe isenção p/ exportação;
        • - ausência de pagamento, pagamento atrasado é muito penalizado: 25% a 100% do IVA
      • Imposto s/ Lucros (Resultados) = 25%
        • NOTA: Paga ao Trimestre (na presunção do resultado do ano anterior) – acerta em 31 Maio
      Existem outros impostos, mas específicos da natureza da acção de investimento: - imposto automóvel - imposto sobre aquisição de imóveis …
    • Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 4. Apoio ao Investimento (QREN)
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. Formação Profissional 1. Natureza dos Apoios ao Investimento QREN Pot. Valorização Humano Apoio à Investigação I&DT SI – I&DT Reforço dos Factores Dinâmicos de Competitividade PME => Qualificação PME Não PME => SI - Inovação Expansão e Modernização Produtiva SI - Inovação
        • Licenciamento da actividade
        • Não Dívidas ao Estado (Fazenda) + Seg. Social
        • Situação económico-financeira equilibrada:
          • Autonomia Financeira (AF) > 15 – 20 %
        • Assegurar o financiamento (em Capitais Próprios):
        • Duração máxima 2 anos (normalmente)
      4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 2. Condições de Elegibilidade Promotor
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 3.1 Investimento Produtivo (SI Inovação) Sistema de Incentivos à Inovação (Portaria nº 1464/2007, de 15 Nov.)
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 1 2 3 4 3.1 Tipologia do Investimento
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 5 6 7 8 9
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 10 11 12 13
        • Equipamento Produtivo (qualquer tipologia);
        • Aquisição de equipamentos específicos às áreas de gestão;
        • Equipamentos informáticos;
        • Hardware e Software (standard e especifico);
        • Despesas Inerentes à Internacionalização;
        • Despesas inerentes a cada “factor dinâmico de competitividade”;
        • Contratação de Recursos Humanos (nível IV), até 2, durante 24 meses – Empresas Embrião (3 anos).
      4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 3.1 Despesas Apoiáveis (Invest. Elegível)
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. Prémio em função da Avaliação do Desempenho do Projecto: Conversão até 75% Fundo Perdido 3.1 Quantificação do Apoio
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 3.2 Investimento em I&DT SI à Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (Portaria nº 1462/2007, de 15 Nov)
        • Pessoal técnico afecto a I&DT
        • Contratação de I&DT (ESCT)
        • Matérias-primas e componentes
        • Assistência técnica, científica e consultoria
        • Aquisição de equipamento científico e técnico
        • Aquisição de software especifico
        • Despesas com promoção e divulgação
        • Despesas com a intervenção de TOC e ROC
      4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 3.2 Despesas Apoiáveis (Invest. Elegível)
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. 3.2 Quantificação Apoio – I&DT
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
      • 4. Tramitação Candidatura (até formalização)
      • Elaboração do Projecto de Investimento
        • Apresentação do Promotor;
        • Fundamentos Estratégicos de suporte do Projecto;
        • Apresentação do Projecto;
        • Caracterização do Mercado;
        • Estudo de Viabilidade Económica e Financeiro.
      • Formalização Electrónica do Projecto (em Chamadas)
      • Análise da Candidatura (Entidades Gestoras do QREN)
      • Período de Análise: 2 – 3 meses
      • 4. Aprovação e Celebração do Contrato (Min. Da Economia – Empresa)
        • demonstrar as condições de admissibilidade
        • assinatura, entre 1 a 3 meses.
    • 4. Apoio ao Investimento (QREN); Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
      • 5. Recebimento do Incentivo
      • Adiantamento de 50% do Apoio Atribuído
      • Requer Garantia Bancária (1ª Ordem) – 35% Incentivo
          • Justificação do Inicio do Projecto
          • Tempo: 1 mês
      • 2. Recebimento de + 2/3 Pagamentos Parcelares (até 85% Incentivo)
      • Pagamentos após comprovação da realização do Invest.
      • Exige-se relatório financeiro certificado (ROC)
      • Tempo: 1 – 2 meses
      • 3. Pagamento Final (restantes 15%) e Fecho do Projecto
      • Acerto do Incentivo f(do investimento realizado)
      • Recebimento do Prémio
      • Libertação da Garantia
      • Tempo: 2 – 12 meses
    • 5. Vantagens do Investimento em Portugal Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • 5. Vantagens do Invest. Portugal; Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
      • 1º Características Intrínsecas do mercado
        • estabilidade politica e social;
        • mercado aberto, procura a inovação e flexível à mudança;
        • mercado pequeno (10,5 M) mas com utilização intensiva de TI, em praticamente todos os Sectores;
        • Portugal é região de testes piloto ao nível internacional;
        • Mercado exigente – conhecedor da inovação;
        • afinidade cultural (onde o uso do Português é mais importante);
        • Especialização do Emprego (TIC) versus Remuneração na EU15
        • NOTA: Existe grande concorrência (em todas as áreas de TI)
    • 5. Vantagens do Invest. Portugal; Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
      • 2º Acesso ao Mercado Europeu
        • Vejo, Portugal como o preâmbulo no acesso ao Mercado Europeu.
      Mercado com: - 500 Milhões; - maior poder de Compra do Mundo
    • 5. Vantagens do Invest. Portugal; Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
    • 6. Recomendações no Invest. Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.
      • Abordagem a Portugal - Depende da Dimensão da Empresa
      • Pequenas Empresas
      • Recomendo o estabelecimento de Parcerias
      • - c/ inicio no comercial e evoluir para desenvolvimento
      • B. Médias e Grandes Empresas
      • i) aquisição de empresas C/ actividade igual ou complementar;
      • ii) realização de joint-ventures;
      • iii) estabelecimento de Parcerias.
    • MSN: Contactos Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda. Director Comercial João Lacão [email_address] Consultora Comercial Susana Mesquita [email_address] Lisboa Delegação Elospark II, Corpo C - Esc. 23 Estrada de São Marcos 2735-521 AGUALVA CACÉM Braga Sede Rua Peão da Meia Laranja, nº 43 R/C Dtº               4700-241 MAXIMINOS T +351 214 276 200 F +351 214 265 635 T +351 253 613 060 F +351 253 613 061 www.multisector.pt
    • Oceanário de Lisboa Consultores em Estratégia, Tecnologia e Gestão Industrial, Lda.