O bibliotecário em  Ambientes Virtuais   Regina Fazioli - 2011 USP Ribeirão Preto  Biblioteconomia e Ciências da Informaçã...
O que nos aguarda? <ul><li>Informação / Conhecimento </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>WEB 2.0, Redes Sociais e  </li>...
Informação / Dados / Conhecimento <ul><li>Dados :   </li></ul><ul><li>Registro de aspectos do fenômeno estudado que um det...
Informação / Dados / Conhecimento <ul><li>Informação :   </li></ul><ul><li>É o resultado de uma organização, transformação...
Informação / Dados / Conhecimento <ul><li>Conhecimento: </li></ul><ul><li>Argumentos e explicações que interpretam um conj...
Informação / Dados / Conhecimento Operações lógicas Interpretações 6
Informação / Dados / Conhecimento <ul><li>Expansível (meme) </li></ul><ul><li>Difusivo (rizoma) </li></ul><ul><li>Motor da...
Redes Sociais:  Conceito <ul><li>Fluição </li></ul><ul><li>Nodos e Conexões </li></ul><ul><li>Neural / Urbana / Social </l...
Redes Sociais: Centralizada, Descentralizada  e Distribuída Trabalho original de Paul Baran (1964), onde aparecem pela pri...
Redes Sociais não são...  INTERAÇÃO  PARTICIPAÇÃO SOCIAL  VIRTUAL ou DIGITAL REDES SOCIAIS  FERRAMENTAS REDE  HIERARQUIA 1...
Faça a Rede! 11
Escola de Redes 12
Redes Sociais: Fenômenos <ul><li>Clustering  – clusters: aglomeramento </li></ul>13
Redes Sociais: Fenômenos <ul><li>Swarming:  enxameamento </li></ul>14
Redes Sociais: Fenômenos <ul><li>Crunching : a redução do tamanho (social) do mundo </li></ul>15 A teoria dos seis graus d...
WEB 2.0 - Redes Sociais e  suas ferramentas <ul><li>Termo criado em 2004 pela empresa estadunidense O'Reilly Media </li></...
WEB 2.0 -  Redes Sociais e suas ferramentas <ul><li>AdSense:   </li></ul><ul><li>Um plano de publicidade do Google que aju...
WEB 2.0 - Redes Sociais e  suas ferramentas <ul><li>Ajax (Asynchronous Javascript And XML): </li></ul><ul><li>É um pacote ...
WEB 2.0 - Redes Sociais e  suas ferramentas <ul><li>Blogs:  </li></ul><ul><li>De baixo custo para publicação na web dispon...
WEB 2.0 - Redes Sociais e  suas ferramentas <ul><li>Mash-ups :   </li></ul><ul><li>Serviços criados pela combinação de doi...
WEB 2.0 - Redes Sociais e  suas ferramentas <ul><li>RSS &quot;Really simple syndication&quot; (distribuição realmente simp...
WEB 2.0 - Redes Sociais e  suas ferramentas <ul><li>Tagging (rotulação): </li></ul><ul><li>Oferece aos usuários uma maneir...
WEB 2.0 - Redes Sociais e  suas ferramentas <ul><li>Wikis :  </li></ul><ul><li>Páginas comunitárias na internet que podem ...
24
25
26
Ferramentas de redes sociais: Messengers <ul><li>MSN </li></ul><ul><li>http://goo.gl/cCtrw </li></ul><ul><li>Yahoo </li></...
Ferramentas de redes sociais: Orkut / Facebook 28 <ul><li>Website de relacionamento </li></ul><ul><li>Aberto / Várias líng...
Ferramentas de redes sociais: Twitter <ul><li>Microblogging que permite aos usuários enviarem e lerem atualizações pessoai...
Ferramentas de redes sociais: You Tube <ul><li>YouTube vem do inglês you: você e tube - tubo, ou, no caso, gíria utilizada...
Ferramentas de redes sociais: Flickr <ul><li>Permite a seus usuários criarem álbuns para armazenamento de suas fotografias...
Ferramentas de redes sociais: Delicious <ul><li>Oferece um serviço on-line que permite que você adicione e pesquise bookma...
Ferramentas de redes sociais: Linkedin <ul><li>Rede Social que tem como finalidade buscar colegas e ex-colegas de profissã...
Ferramentas de redes sociais: Google <ul><li>Baseado em  AJAX </li></ul><ul><li>Cria documentos, planilhas e apresentações...
Prestação de serviços 35
36
Biblioteca Virtual <ul><ul><ul><li>Biblioteca virtual </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Biblioteca digital </li></ul></u...
Biblioteca Virtual  Conceitos <ul><li>Defini ç ão de virtual como adjetivo que significa  “ existir, por for ç a e efeito,...
Biblioteca Virtual   Mudança de paradigma <ul><li>De acervo para acesso </li></ul><ul><li>Confiabilidade da informação </l...
Biblioteca Virtual  História e o que é? <ul><li>Surgiu em 1997  no CRDI </li></ul><ul><li>Serviço eletrônico gratuito de i...
Biblioteca Virtual   Clientela <ul><li>Administração Pública Paulista : </li></ul><ul><li>  -  acesso via aplicativo </li>...
Biblioteca Virtual Acessos ao Site <ul><li>Visitantes únicos: 424.154 </li></ul><ul><li>Acessos ao site: 492.857 </li></ul...
Biblioteca Virtual  Atendimentos em 2008 <ul><li>E-mails recebidos: 67.468 </li></ul><ul><li>E-mails repassados para órgão...
Redes Sociais  <ul><li>Seguidores no Twitter: 5.439(+395)  </li></ul><ul><li>Total de seguidores no Facebook:  746(+86)  <...
Biblioteca Virtual  Solicitações <ul><li>Institucionais : </li></ul><ul><ul><li>Governo </li></ul></ul><ul><ul><li>Estado ...
Biblioteca Virtual  Cuidando da informação <ul><li>Tipologia: </li></ul><ul><ul><li>Públicas </li></ul></ul><ul><ul><li>Pr...
Profissional conectado <ul><li>Capacitador </li></ul><ul><li>Papel social </li></ul><ul><li>Agir proativamente </li></ul><...
Profissional conectado <ul><li>Qual I/C necessária para viabilizar uma ação? </li></ul><ul><li>Quem precisa de quais I/C? ...
Profissional conectado <ul><li>Informação é para ser usada </li></ul><ul><li>Para cada cliente - a sua informação </li></u...
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Consumidor mais exigente </li></ul><ul><li>Requer mais qualida...
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Conexões horizontais   </li></ul>50
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos? 51 Interatividade
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Colaboração em tempo real </li></ul>52
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Tratamento da informação: mais  </li></ul><ul><li>próximo pos...
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Tornar o ambiente da biblioteca </li></ul><ul><li>próxima da W...
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos ? Adotar padrões internacionais 55
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>A informação tratada de forma </li></ul><ul><li>segura, intro...
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Utilização das Ferramentas de </li></ul><ul><li>  Redes Socia...
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Levar em consideração outros  </li></ul><ul><li>&quot;concorr...
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Utilização de todos os tipos de mídias </li></ul>59
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos ? Capacitação em Information  Literacy em todas as mídias 60
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Trabalhar em Rede </li></ul>61
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Personalizar cada vez mais o atendimento </li></ul>62
O Futuro das Redes:   Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Utilizar todas as formas de Disseminação da Informação e fazer...
Onde se quer chegar? <ul><li>Análise e gestão da Agenda do Governador e as mensagens recebidas pelas diversas Caixas de Fa...
Fonte: http://migre.me/5qlc 64
Sugestão de leitura <ul><li>Acessadas em 17.08.2009 </li></ul><ul><li>José Manuel Moran - Educação humanista inovadora <ht...
<ul><li>Obrigada! </li></ul><ul><li>Regina Fazioli - refazioli@gmail.com </li></ul><ul><li>twitter.com/refazioli </li></ul...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Apresentação - Evento em Menção ao dia do Bibliotecário!

1,255 views
1,195 views

Published on

O bibliotecário em Ambientes Virtuais. E seus temas correlatos:
Biblioteca digital/virtual, Ferramentas da Web 2.0 na disseminação e recuperação da informação, entre outros. Tendo como foco a atuação do profissional da informação nesse cenário.
Bate-papo com o pessoal do CECID USP/RP.
(31/03/2011)

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,255
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Apresentação - Evento em Menção ao dia do Bibliotecário!

  1. 1. O bibliotecário em Ambientes Virtuais Regina Fazioli - 2011 USP Ribeirão Preto Biblioteconomia e Ciências da Informação e da Documentação
  2. 2. O que nos aguarda? <ul><li>Informação / Conhecimento </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>WEB 2.0, Redes Sociais e </li></ul><ul><li>seus fenômenos </li></ul><ul><li>Biblioteca Virtual </li></ul><ul><li>E o Futuro? </li></ul>
  3. 3. Informação / Dados / Conhecimento <ul><li>Dados : </li></ul><ul><li>Registro de aspectos do fenômeno estudado que um determinado investigador pôde captar. Correspondem a uma anotação bastante direta das observações, ou seja, com pouca elaboração ou tratamento. Uma vez coletados, são compreendidos como um reflexo razoavelmente confiável dos acontecimentos concretos. </li></ul>
  4. 4. Informação / Dados / Conhecimento <ul><li>Informação : </li></ul><ul><li>É o resultado de uma organização, transformação e/ou análise de dados, ou seja, do seu tratamento de modo a produzir deduções e inferências lógicas confiáveis. Constitui uma leitura daquilo que o conjunto dos dados parece indicar. </li></ul>
  5. 5. Informação / Dados / Conhecimento <ul><li>Conhecimento: </li></ul><ul><li>Argumentos e explicações que interpretam um conjunto de informações. Trata-se de conceitos e raciocínios lógicos essencialmente abstratos que interligam e dão significado a fatos concretos. Envolve hipóteses, teses, teorias e leis. </li></ul>
  6. 6. Informação / Dados / Conhecimento Operações lógicas Interpretações 6
  7. 7. Informação / Dados / Conhecimento <ul><li>Expansível (meme) </li></ul><ul><li>Difusivo (rizoma) </li></ul><ul><li>Motor da atividade humana </li></ul><ul><li>Informação e Conhecimento estão correlacionados mas não são sinônimos </li></ul>7
  8. 8. Redes Sociais: Conceito <ul><li>Fluição </li></ul><ul><li>Nodos e Conexões </li></ul><ul><li>Neural / Urbana / Social </li></ul><ul><li>Pessoas interagindo segundo um padrão de organização de rede distribuída </li></ul>8 Augusto de Franco - Escola de Redes http://escoladeredes.ning.com/
  9. 9. Redes Sociais: Centralizada, Descentralizada e Distribuída Trabalho original de Paul Baran (1964), onde aparecem pela primeira vez seus famosos diagramas: http://www.rand.org/pubs/research_memoranda/2006/RM3420.pdf 9
  10. 10. Redes Sociais não são... INTERAÇÃO PARTICIPAÇÃO SOCIAL VIRTUAL ou DIGITAL REDES SOCIAIS FERRAMENTAS REDE HIERARQUIA 10 Redes = Redes de Pessoas
  11. 11. Faça a Rede! 11
  12. 12. Escola de Redes 12
  13. 13. Redes Sociais: Fenômenos <ul><li>Clustering – clusters: aglomeramento </li></ul>13
  14. 14. Redes Sociais: Fenômenos <ul><li>Swarming: enxameamento </li></ul>14
  15. 15. Redes Sociais: Fenômenos <ul><li>Crunching : a redução do tamanho (social) do mundo </li></ul>15 A teoria dos seis graus de separação: http://goo.gl/UyMq6 O mundo é uma ervilha!
  16. 16. WEB 2.0 - Redes Sociais e suas ferramentas <ul><li>Termo criado em 2004 pela empresa estadunidense O'Reilly Media </li></ul><ul><li>Designa uma segunda geração de comunidades e serviços baseados na plataforma Web, como wikis, aplicações baseadas em folksonomia e redes sociais. </li></ul><ul><li>Mudança na forma como ela é encarada por usuários e desenvolvedores - interatividade </li></ul><ul><li>(Wikipédia) </li></ul><ul><li>“ o futuro é aberto, da cabeça das pessoas às estruturas de poder” </li></ul><ul><li>Biz Stone </li></ul><ul><li>(um dos fundadores do Twitter 21.09.09) </li></ul>16
  17. 17. WEB 2.0 - Redes Sociais e suas ferramentas <ul><li>AdSense: </li></ul><ul><li>Um plano de publicidade do Google que ajuda criadores de sites, entre os quais blogs, a ganhar dinheiro com seu trabalho. Tornou-se a mais importante fonte de receita para as empresas Web 2.0. Ao lado dos resultados de busca, o Google oferece anúncios relevantes para o conteúdo de um site, gerando receita para o site a cada vez que o anúncio for clicado </li></ul>17
  18. 18. WEB 2.0 - Redes Sociais e suas ferramentas <ul><li>Ajax (Asynchronous Javascript And XML): </li></ul><ul><li>É um pacote amplo de tecnologias usado para criar aplicativos interativos para a web. A Microsoft foi uma das primeiras empresas a explorar a tecnologia; mas a adoção da técnica pelo Google, para serviços como mapas on-line, mais recente e entusiástica, é que fez do Ajax uma das ferramentas mais quentes entre os criadores de sites e serviços na web. </li></ul>18
  19. 19. WEB 2.0 - Redes Sociais e suas ferramentas <ul><li>Blogs: </li></ul><ul><li>De baixo custo para publicação na web disponível para milhões de usuários, os blogs estão entre as primeiras ferramentas de Web 2.0 a serem usadas amplamente. </li></ul>19
  20. 20. WEB 2.0 - Redes Sociais e suas ferramentas <ul><li>Mash-ups : </li></ul><ul><li>Serviços criados pela combinação de dois diferentes aplicativos para a internet. </li></ul><ul><li>Por exemplo, misturar um site de mapas on-line com um serviço de anúncios de imóveis para apresentar um recurso unificado de localização de casas que estão à venda </li></ul>20
  21. 21. WEB 2.0 - Redes Sociais e suas ferramentas <ul><li>RSS &quot;Really simple syndication&quot; (distribuição realmente simples): </li></ul><ul><li>Distribui informação por meio da internet utilizando a combinação de tecnologias &quot;pull&quot; - com as quais o usuário da web solicita as informações que deseja- e tecnologias &quot;push&quot; - com as quais informações são enviadas a um usuário automaticamente. </li></ul><ul><li>Conhecido como “assinando um feed”(alimentador). </li></ul>21
  22. 22. WEB 2.0 - Redes Sociais e suas ferramentas <ul><li>Tagging (rotulação): </li></ul><ul><li>Oferece aos usuários uma maneira de vincular palavras-chaves a palavras ou imagens que consideram interessantes na internet (nuvens de Tags). </li></ul><ul><li>Ajuda a categorizar as palavras e compartilhar com outros usuários. </li></ul><ul><li>Del.icio.us / Flickr.com. </li></ul><ul><li>O uso on-line de tagging é conhecido como &quot;folksonomy&quot;, cria uma distribuição classificada, ou taxonomia, de conteúdo na web. </li></ul>22
  23. 23. WEB 2.0 - Redes Sociais e suas ferramentas <ul><li>Wikis : </li></ul><ul><li>Páginas comunitárias na internet que podem ser alteradas por todos os usuários que têm direitos de acesso. </li></ul><ul><li>Wikipédia = > enciclopédia on-line escrita por leitores. </li></ul><ul><li>Usadas em empresas, as wikis estão se tornando uma maneira fácil de trocar ideias para um grupo de trabalhadores envolvido em um projeto. </li></ul>23
  24. 24. 24
  25. 25. 25
  26. 26. 26
  27. 27. Ferramentas de redes sociais: Messengers <ul><li>MSN </li></ul><ul><li>http://goo.gl/cCtrw </li></ul><ul><li>Yahoo </li></ul><ul><li>http://goo.gl/QOhQt </li></ul><ul><li>GTalk </li></ul><ul><li>http://goo.gl/yXQcT </li></ul>27
  28. 28. Ferramentas de redes sociais: Orkut / Facebook 28 <ul><li>Website de relacionamento </li></ul><ul><li>Aberto / Várias línguas </li></ul><ul><li>Maior rede social nos EUA </li></ul><ul><li>Possui um MURAL (espaço) na página de perfil do usuário que permite aos amigos postar mensagem para dar notícia do que está fazendo, pensamentos, etc </li></ul><ul><li>Pode-se adicionar aplicativos </li></ul><ul><li>Website de relacionamento </li></ul><ul><li>Aberto / Várias línguas </li></ul><ul><li>O alvo inicial eram os EUA, atualmente é mais utilizado no Brasil e na Índia </li></ul><ul><li>Tem procurado seguir o formato do Facebook </li></ul><ul><li>Filiado ao Google </li></ul><ul><li>Pode-se adicionar aplicativos </li></ul>
  29. 29. Ferramentas de redes sociais: Twitter <ul><li>Microblogging que permite aos usuários enviarem e lerem atualizações pessoais de outros contatos (em textos de até 140 caracteres, conhecidos como &quot;tweets&quot;), através da própria Web ou por SMS; </li></ul><ul><li>Following/Followers /updates/RT/#=>hash tags/d / TT </li></ul>29
  30. 30. Ferramentas de redes sociais: You Tube <ul><li>YouTube vem do inglês you: você e tube - tubo, ou, no caso, gíria utilizada para designar a televisão </li></ul><ul><li>Permite que seus usuários carreguem e compartilhem vídeos em formato digital </li></ul><ul><li>Filiado ao Google </li></ul><ul><li>Várias línguas/Aberto </li></ul><ul><li>Utiliza Tags </li></ul>30
  31. 31. Ferramentas de redes sociais: Flickr <ul><li>Permite a seus usuários criarem álbuns para armazenamento de suas fotografias e entrarem em contato com fotógrafos variados e de diferentes locais do mundo. No começo de 2005, o site foi adquirido pela Yahoo! Inc. </li></ul><ul><li>É considerado um dos componentes mais exemplares daquilo que ficou conhecido como Web 2.0, devido ao nível de interatividade permitido aos usuários. O site adota o popular sistema de categorização de arquivos por meio de tags (expressão em inglês que poderia ser traduzida como etiquetas). O Flickr também pode ser considerado um flog. </li></ul>31
  32. 32. Ferramentas de redes sociais: Delicious <ul><li>Oferece um serviço on-line que permite que você adicione e pesquise bookmarks sobre qualquer assunto. Mais do que um mecanismo de buscas para encontrar o que quiser na web, ele é uma ferramenta para arquivar e catalogar seus sites preferidos para que você possa acessá-los de qualquer lugar. Serviço similares, de compartilhamento de links favoritos, costumam ser conhecidos pelo termo em inglês &quot;social bookmarks“. </li></ul><ul><li>Compartilhar seus bookmarks com os amigos e visualizar os favoritos públicos de vários membros da comunidade. </li></ul><ul><li>Barra de ferramentas que facilita o uso do site. </li></ul><ul><li>Função TAG THIS. </li></ul>32
  33. 33. Ferramentas de redes sociais: Linkedin <ul><li>Rede Social que tem como finalidade buscar colegas e ex-colegas de profissão. </li></ul><ul><li>Inglês / Aberto </li></ul><ul><li>O principal propósito do site é permitir que usuários registrados possam manter uma lista detalhada de contatos de pessoas que eles conheçam e confiem em empresas. As pessoas nessa lista são chamadas de conexões. Os usuários podem convidar qualquer um (seja um usuário LinkedIn ou não) para tornar-se uma conexão. </li></ul>33
  34. 34. Ferramentas de redes sociais: Google <ul><li>Baseado em AJAX </li></ul><ul><li>Cria documentos, planilhas e apresentações on-line compartilhando-os. </li></ul><ul><li>Serviço de pesquisa e visualização de mapas e imagens de satélite da Terra, gratuito na web, fornecido e desenvolvido pela empresa. </li></ul><ul><li>Função de leitor de feeds (RSS). O serviço caracteriza-se por ter uma interface - limpa e objetiva, fato encontrado também em outros serviços da empresa. Foi lançado oficialmente no dia 7 de outubro de 2005 e graduado em 17 de setembro de 2007. Também em Português. </li></ul>34
  35. 35. Prestação de serviços 35
  36. 36. 36
  37. 37. Biblioteca Virtual <ul><ul><ul><li>Biblioteca virtual </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Biblioteca digital </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Biblioteca eletrônica </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Biblioteca on-line </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Biblioteca do futuro </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Biblioteca sem paredes </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>E-library </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Biblioteca não física </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Biblioteca polimídia </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Biblioteca de realidade virtual </li></ul></ul></ul>37
  38. 38. Biblioteca Virtual Conceitos <ul><li>Defini ç ão de virtual como adjetivo que significa “ existir, por for ç a e efeito, apesar de não real ou expressado ” </li></ul><ul><li>Permite o cumprimento de fun ç ões e objetivos da “ coisa real ” </li></ul><ul><li>Necessita de suporte tecnol ó gico para existir </li></ul>38
  39. 39. Biblioteca Virtual Mudança de paradigma <ul><li>De acervo para acesso </li></ul><ul><li>Confiabilidade da informação </li></ul><ul><li>Conceito de tempo e lugar </li></ul><ul><li>Usuário remoto </li></ul><ul><li>Obtenção da informação de uma maneira rápida, exata e eficiente </li></ul><ul><li>Informação como negócio </li></ul>39
  40. 40. Biblioteca Virtual História e o que é? <ul><li>Surgiu em 1997 no CRDI </li></ul><ul><li>Serviço eletrônico gratuito de informação </li></ul><ul><li>Integra a Secretaria da Casa Civil </li></ul><ul><li>Baseia-se na troca de informações e dados através de mídia online e criação de fontes de informação. </li></ul><ul><li>Referencial de pesquisa que pode ser acessado a qualquer hora e lugar </li></ul><ul><li>Especialização de suas respostas </li></ul><ul><li>Informação factual e não referencial </li></ul><ul><li>As informações do site estão divididas em seis categorias: CIDADANIA, LEGISLAÇÃO E GOVERNO, SÃO PAULO, TEMAS DIVERSOS, TURISMO, PROJETOS SOCIAIS e ESPECIAIS. </li></ul>40
  41. 41. Biblioteca Virtual Clientela <ul><li>Administração Pública Paulista : </li></ul><ul><li> - acesso via aplicativo </li></ul><ul><li> - acesso via Internet </li></ul><ul><li> - solicitação por telefone </li></ul><ul><li>Fale Conosco: </li></ul><ul><li> - Portal do Governo: www.saopaulo.sp.gov.br </li></ul><ul><ul><li>Cidadão.SP: www.cidadao.sp.gov.br </li></ul></ul><ul><ul><li>Casa Civil.SP: www.casacivil.sp.gov.br </li></ul></ul><ul><ul><li>Gestão Pública.SP: www.gestaopublica.sp.gov.br </li></ul></ul><ul><ul><li>Ouvidorias.SP: www.ouvidoria.sp.gov.br </li></ul></ul><ul><ul><li>CQGP.SP: www.cqgp.sp.gov.br </li></ul></ul><ul><ul><li>NovaMarginal.SP </li></ul></ul><ul><ul><li>Rodoanel </li></ul></ul><ul><ul><li>Mensagens do email SaoPauloSite@sp.gov.br </li></ul></ul><ul><ul><li>e o seu próprio: www.bibliotecavirtual.sp.gov.br </li></ul></ul><ul><li>Cidadão: </li></ul><ul><li> - Meio eletrônico, correspondência ou solicitação via telefone </li></ul>41
  42. 42. Biblioteca Virtual Acessos ao Site <ul><li>Visitantes únicos: 424.154 </li></ul><ul><li>Acessos ao site: 492.857 </li></ul><ul><li>Pesquisas solicitadas pelo site: 346 </li></ul><ul><li>Buscas em Programas e Projetos: 100.248 </li></ul><ul><li>Downloads: 126.253 </li></ul>42
  43. 43. Biblioteca Virtual Atendimentos em 2008 <ul><li>E-mails recebidos: 67.468 </li></ul><ul><li>E-mails repassados para órgãos públicos: 31.120 </li></ul><ul><li>E-mails atendidos pelos órgãos (aprox.): 14.682 </li></ul><ul><li>Média de e-mails por dia: 187 </li></ul><ul><li>Pesquisas atendidas pela BV: 7.731 </li></ul><ul><li>Outros e-mails (spam, duplicados, propaganda, informativos, etc.): 42.292 </li></ul>43
  44. 44. Redes Sociais <ul><li>Seguidores no Twitter: 5.439(+395) </li></ul><ul><li>Total de seguidores no Facebook: 746(+86) </li></ul><ul><li>Posts publicados no Twitter: 81 </li></ul><ul><li>Posts publicados no Facebook: 20 </li></ul><ul><li>Visitantes no Facebook: 11.885 </li></ul><ul><li>Acessos ao blog da Biblioteca Virtual: 1.329 * </li></ul>* A partir de fevereiro de 2011, a Biblioteca Virtual passou a utilizar a ferramenta gratuita de publicação de Blogs do Wordpress.com. Com isso, passamos a divulgar notícias e novidade no seguinte endereço: http://blogdabibliotecavirutal.wordpress.com
  45. 45. Biblioteca Virtual Solicitações <ul><li>Institucionais : </li></ul><ul><ul><li>Governo </li></ul></ul><ul><ul><li>Estado </li></ul></ul><ul><ul><li>Turismo </li></ul></ul><ul><li>Legislação: </li></ul><ul><ul><li>Federal / Estadual / Municipal </li></ul></ul><ul><li>Informações gerais : </li></ul><ul><ul><li>Trabalhos escolares (“caminho das pedras”) </li></ul></ul><ul><ul><li>Países e imigração </li></ul></ul><ul><ul><li>Valores e negócios </li></ul></ul><ul><ul><li>Projetos sociais </li></ul></ul><ul><ul><li>História do refrigerante no Brasil </li></ul></ul>44
  46. 46. Biblioteca Virtual Cuidando da informação <ul><li>Tipologia: </li></ul><ul><ul><li>Públicas </li></ul></ul><ul><ul><li>Privadas </li></ul></ul><ul><ul><li>Íntimas </li></ul></ul><ul><ul><li>Secretas </li></ul></ul><ul><li>Ação: </li></ul><ul><ul><li>Ética </li></ul></ul><ul><ul><li>Moral </li></ul></ul><ul><ul><li>Legal </li></ul></ul>45
  47. 47. Profissional conectado <ul><li>Capacitador </li></ul><ul><li>Papel social </li></ul><ul><li>Agir proativamente </li></ul><ul><li>Gatekeepers Gateways </li></ul><ul><li>Pensamento no coletivo com vistas à cidadania </li></ul><ul><li>Foco no cliente e em seu comportamento </li></ul><ul><ul><li>Conhecer o seu cliente </li></ul></ul><ul><ul><li>Saber as suas necessidades </li></ul></ul><ul><ul><li>Escolher melhor canal para atendê-lo </li></ul></ul>46
  48. 48. Profissional conectado <ul><li>Qual I/C necessária para viabilizar uma ação? </li></ul><ul><li>Quem precisa de quais I/C? </li></ul><ul><li>Por quais meios cada I/C deve chegar a quem dela precisa? </li></ul><ul><li>Quando cada I/C deve chegar a quem dela precisa? </li></ul>47
  49. 49. Profissional conectado <ul><li>Informação é para ser usada </li></ul><ul><li>Para cada cliente - a sua informação </li></ul><ul><li>Para cada informação - o seu cliente </li></ul><ul><li>Poupe o tempo do cliente </li></ul><ul><li>A informação está em constante movimento </li></ul><ul><li>(adaptado de Ranganathan) </li></ul>48
  50. 50. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Consumidor mais exigente </li></ul><ul><li>Requer mais qualidade </li></ul>49
  51. 51. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Conexões horizontais </li></ul>50
  52. 52. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos? 51 Interatividade
  53. 53. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Colaboração em tempo real </li></ul>52
  54. 54. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Tratamento da informação: mais </li></ul><ul><li>próximo possível da linguagem </li></ul><ul><li>do cliente </li></ul>53
  55. 55. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Tornar o ambiente da biblioteca </li></ul><ul><li>próxima da WEB </li></ul>54
  56. 56. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos ? Adotar padrões internacionais 55
  57. 57. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>A informação tratada de forma </li></ul><ul><li>segura, introduzindo capacitação </li></ul><ul><li>das Ferramentas de Redes Sociais </li></ul>56
  58. 58. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Utilização das Ferramentas de </li></ul><ul><li> Redes Sociais </li></ul>57
  59. 59. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Levar em consideração outros </li></ul><ul><li>&quot;concorrentes&quot; </li></ul>58
  60. 60. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Utilização de todos os tipos de mídias </li></ul>59
  61. 61. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos ? Capacitação em Information Literacy em todas as mídias 60
  62. 62. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos ? <ul><li>Trabalhar em Rede </li></ul>61
  63. 63. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Personalizar cada vez mais o atendimento </li></ul>62
  64. 64. O Futuro das Redes: Onde estaremos em cinco anos? <ul><li>Utilizar todas as formas de Disseminação da Informação e fazer sempre útil aos seus clientes, bem como à comunidade do entorno . </li></ul>63
  65. 65. Onde se quer chegar? <ul><li>Análise e gestão da Agenda do Governador e as mensagens recebidas pelas diversas Caixas de Fale Conosco </li></ul><ul><li>Escolha, sugestão e encaminhamento das mensagens para o “Conversa com o Governador”. </li></ul><ul><li>Transformação dos modelos da BV (cerca de 116 modelos) no primeiro FAQ do Governo do Estado. </li></ul><ul><li>Integração total dos objetivos da organização com as metas da BV. </li></ul>
  66. 66. Fonte: http://migre.me/5qlc 64
  67. 67. Sugestão de leitura <ul><li>Acessadas em 17.08.2009 </li></ul><ul><li>José Manuel Moran - Educação humanista inovadora <http://migre.me/5l4h> </li></ul><ul><li>Alejandro Uribe Tirado - Internet, software libre, brecha digital y analfabetismo informacional una reflexión y discusión pendiente en la Universidad (Antioquia) <http://eprints.rclis.org/16653/> </li></ul><ul><li>O papel das comunidades virtuais no aprendizado <http://migre.me/5kZt> </li></ul><ul><li>Alejandro Uribe Tirado Diseño, implementación y evaluaciòn de uma proposta formativa em alfabetizaciòn informacional mediante um ambiente virtual de apendizaje a nivel universitario: Caso Escuela Interamericana de Biblioteconomia. Tese – Universidad de Antioquia, Medellin, Colombia <http://eprints.rclis.org/15301/5/2.pdf > </li></ul><ul><li>Redes mais usadas no mundo <http://migre.me/5kYq> </li></ul><ul><li>World Map showing the popularity of social networks (SNS) around the world (Nov 2008) http://migre.me/5kXA </li></ul><ul><li>Juliano Spyer Tudo o que você precisa saber sobre o Twitter <http://migre.me/5mme> </li></ul><ul><li>20 dicas para sua marca e empresa usar o Twitter com sucesso http://migre.me/5kYX </li></ul><ul><li>Como utilizar as ferramentas web 2.0 gratuitas à disposição  (blog, wiki, fórum, podcast, canal de vídeo, comunidades, dentre muitas outras) <http://www.igovsp.net/igovexplica> </li></ul><ul><li>Blog Lousa Digital - Sônia Bertocchi http://www.lousadigital.blogspot.com </li></ul>65
  68. 68. <ul><li>Obrigada! </li></ul><ul><li>Regina Fazioli - refazioli@gmail.com </li></ul><ul><li>twitter.com/refazioli </li></ul><ul><li>www.bv.sp.gov.br </li></ul><ul><li>[email_address] </li></ul><ul><li>twitter.com/bvsp </li></ul>http://www.zazzle.com/library+buttons 66

×