• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Prof. Rafael Timbó - Conceito de sistema e enfoque sistêmico - parte 3
 

Prof. Rafael Timbó - Conceito de sistema e enfoque sistêmico - parte 3

on

  • 1,455 views

Conceito de sistema e enfoque sistêmico

Conceito de sistema e enfoque sistêmico
Prof. Rafael Timbó

Statistics

Views

Total Views
1,455
Views on SlideShare
1,455
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Prof. Rafael Timbó - Conceito de sistema e enfoque sistêmico - parte 3 Prof. Rafael Timbó - Conceito de sistema e enfoque sistêmico - parte 3 Presentation Transcript

    • Tecnologia da Informação Gerencial
      Rafael Timbó
      rafael.timbo@gmail.com
    • ERP – Enterprise Resource Planning
      Enterprise Resource Planning ou Planejamento dos Recursos da Empresa
      É um pacote de software
      Finalidade: organizar, padronizar e integrar as informações transacionais que circulam pelas organizações
      É a solução de TI mais utilizada pelas organizações
      ASAI – Administração da Informática – Prof. Malomar Alex Seminotti
    • ERP – Enterprise Resource Planning
      São sistemas integrados que permitem acesso a informações confiáveis em uma base de dados central em tempo real
      Possibilita um fluxo de informações único, contínuo e consistente por todos os departamentos da empresa
      Tem como responsabilidade integrar todas as áreas e processos existentes na organização
      ASAI – Administração da Informática – Prof. Malomar Alex Seminotti
    • ERP – Enterprise Resource Planning
      Objetiva eliminar distorções e fazer com que as informações cheguem mais rápido a quem precisa delas para tomar decisões
      Busca também democratizar as informações
      Princípios básicos:
      Integração
      Parametrização
      ASAI – Administração da Informática – Prof. Malomar Alex Seminotti
    • ERP – Enterprise Resource Planning
      ASAI – Administração da Informática – Prof. Malomar Alex Seminotti
    • ERP – Características
      São pacotes comerciais de software, adquiridos de fornecedores especializados
      São desenvolvidos a partir de modelos-padrão de processos, utilizando as melhores práticas do mercado
      São integrados
      Possuem grande abrangência funcional
      ASAI – Administração da Informática – Prof. Malomar Alex Seminotti
    • ERP – Características
      São parametrizáveis e configuráveis
      Utilizam uma base de dados integrada, ou seja, sem redundâncias, gerenciada por um sistema gerenciador de banco de dados (SGBD)
      Atende às diversas áreas de negócio da empresa, tratando a sequência natural de eventos de cada processo de negócio
    • ERP – Características
      Normalmente as empresas precisam adequar seus processos às funcionalidades dos pacotes
      É comum a necessidade de procedimentos de ajuste do ERP
      São utilizados em substituição aos sistemas já existentes
    • ERP – Termos
      Existem alguns termos relacionados aos ERPs que são importantes para a compreensão dos aspectos envolvidos em sua utilização:
      •Funcionalidades • Modularização
      •Parametrização • Customização
      •Localização • Atualização
    • ERP – Termos
      Funcionalidades
      • Conjunto de funções embutidas no software, características e possibilidades de uso
      • Estas funções formam o sistema de informações transacionais
      • Dão suporte aos processos de negócio
    • ERP – Termos
      Modularização
      • É o menor conjunto de funções que podem ser adquiridos e implementados separadamente em um sistema ERP
      • Normalmente correspondem aos departamentos da empresa: vendas, compras, financeiro, etc.
    • ERP – Termos
      Parametrização
      • É o processo de adequação do ERP à empresa
      • Parâmetros são variáveis do sistema que determinam, pelo seu valor, o comportamento do sistema
      • Ao conjunto de parâmetros definidos dá-se o nome de Configuração
    • ERP – Termos
      Customização
      • É a modificação do sistema ERP para se adequar a um processo da organização
      • Só é usado quando a configuração dos parâmetros não atende à funcionalidade desejada
      • Quanto maior a customização, maior os custos de implementação
    • ERP – Termos
      Localização
      • É a adaptação, através de parametrizações e configurações, do sistema ERP para um determinado país
    • ERP – Termos
      Atualização de Versão ou Upgrade
      • É o processo através do qual o fornecedor de software disponibiliza melhorias nas funções do sistema e correções de problema
      • Também chamada de “troca de versão”
    • ERP – Histórico
    • ERP – Benefícios
      Diminuição do retrabalho, eliminando processos redundantes
      Melhoria do planejamento e alocação de recursos
      Aumento de competitividade, visto que o mercado está utilizando essa tecnologia e os retardatários terão maior dificuldade de conquistar clientes
      Otimização do fluxo de informações e da qualidade das mesmas dentro da organização (eficiência)
    • ERP – Benefícios
      Melhoria da qualidade dos produtos e serviços
      Redução de custos
      Aumento da flexibilidade para converter dados ou informações em conhecimento para apoio à tomada de decisão
      Incorporação de melhores práticas (codificadas no ERP) aos processos internos da empresa
      O ERP ajuda a melhorar a eficiência (nível operacional) e a eficácia (nível tático) da organização
    • ERP – Comparativo
    • ERP – Comparativo
    • ERP – Comparativo
    • ERP – Comparativo
    • ERP – Comparativo
    • ERP – Comparativo
    • ERP – Desvantagens
      A utilização do ERP por si só não torna uma empresa verdadeiramente integrada
      Altos custos customização e implementação, que muitas vezes não comprovam a relação custo/benefício
      Dependência do fornecedor do pacote
      Adoção de melhores práticas aumenta o grau de imitação e padronização entre as empresas de um segmento
    • ERP – Desvantagens
      Torna os módulos dependentes uns dos outros
      Aumento da carga de trabalho dos servidores da empresa e extrema dependência dos mesmos
      O sistema pode exigir mudanças em determinados aspectos da cultura interna da empresa
      Pode-se perceber tardiamente que aquela solução não oferece a relação custo-benefício esperada
      Ao longo do tempo, atualizações e acréscimos de módulos podem tornar o sistema excessivamente complexo
    • ERP – Exemplos
    • ERP – Exemplos
    • ERP – Como Escolher
      Entender as necessidades da empresa
      Definir prioridades
      Reuniões com gerentes e funcionários
      Avaliar softwares disponíveis no mercado
      Avaliar propostas
      Verificar quais podem atender melhor às necessidades da empresa
      Pesquisar quais têm experiência no fornecimento de software para o ramo de atuação da organização
    • ERP – Como Escolher
      Estar ciente das tecnologias envolvidas
      Conhecer a tecnologia usada no ERP
      Custos com servidor, atualização, treinamento, etc.
      Capacidade de integração e comunicação com outros sistemas
      Segurança
      Condições de suporte e manutenção
      Verificar forma de atendimento
      Atualizações e correções de erro
    • ERP – Como Escolher
      Itens que merecem atenção especial
      Custo benefício do software: em quanto tempo o sistema dará o retorno pelo investimento feito
      Adaptabilidade: como se dá a adaptação do ERP à empresa
      Recursos humanos capacitados: os usuários estão aptos a operar o sistema (diminuição da resistência)
      Acessibilidade: existe como acessar os dados de fora da empresa
      Segurança: quais as opções de restrição de acesso aos dados existentes
    • ERP – Como Escolher
    • ERP – Implantação
      Fase 1 – Preparação do Projeto
      Elaborar o escopo, organizar o projeto e o cronograma e confirmar custos
      Fase 2 – Anteprojeto
      Entender a situação atual da empresa
      Definir onde se quer chegar (visão futura desejada)
    • ERP – Implantação
      Fase 3 – Realização
      Definir e configurar os processos
      Usar protótipos para validação dos processos
      Desenvolver material de treinamento
      Fase 4 – Preparação Final
      Treinar os usuários
      Testar e validar integrações e a migração dos dados
    • ERP – Implantação
      Fase 5 – Entrada em Operação e Suporte
      Migrar os dados dos sistemas antigos
      Monitorar o uso do novo sistema
      Disponibilizar serviços de help-desk
    • ERP – Fatores Críticos de Sucesso
      Definição clara de necessidades
      Visão e objetivos claros
      Expectativas realistas
      Apoio da direção
      Planejamento adequado
      Marcos intermediários
      Equipe competente
      Comprometimento e envolvimento dos usuários
      Equipe dedicada
      Infraestrutura adequada
    • ERP – Principais Causas de Fracasso
      Falta de comprometimento da alta direção
      Falta de comprometimento dos usuários
      Má definição dos objetivos do sistema de gestão
      Gerenciamento inadequado do projeto de implantação
      Mau dimensionamento do hardware
      Ineficiente gestão de mudanças das pessoas envolvidas
    • ERP – Principais Causas de Fracasso
      Treinamento insuficiente para a utilização do software
      Falha no planejamento do projeto
      Iniciar a implantação antes de definir o cronograma
      Grandes modificações no software ERP e demora para entrega das mesmas
      Deixar os testes do sistema para depois da implantação
    • PERGUNTAS ????
      Vantagens da implantação de um sistema ERP em uma empresa?
      Diminuição do retrabalho, eliminando processos redundantes
      Redução de custos
      Incorporação de melhores práticas (codificadas no ERP) aos processos internos da empresa
      Desvantagens
      Dependência do fornecedor do pacote
      Torna os módulos dependentes uns dos outros
      Pode-se perceber tardiamente que aquela solução não oferece a relação custo-benefício esperada