Processamento de dados consiste em extrair informação de dados. A extração de informação não é nada mais do que uma anális...
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Processamento de dados consiste em extrair informação de dados
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Processamento de dados consiste em extrair informação de dados

218 views
92 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
218
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Processamento de dados consiste em extrair informação de dados

  1. 1. Processamento de dados consiste em extrair informação de dados. A extração de informação não é nada mais do que uma análise de conteúdo dos dados em questão e as relações retiradas dessa análise. Poderá também ser apenas a análise a frio, como por exemplo, número de dias do ano em que choveu, número de cidades com problemas de tráfego, altura média de pessoas do sexo masculino em Portugal.<br />Em qualquer atividade humana, verifica-se que a resolução dos problemas consiste em uma série de tarefas, das quais as fundamentais são: decidir o que é e como fazer, e executar as operações. Nas atividades em que se emprega o computador, os homens tomam as decisões e a máquina as executa.<br />O computador é mais que um simples instrumento para resolução dos problemas. Hoje em dia, ele é amplamente utilizado para executar tarefas extensas e complexas que, se fossem feitas manualmente, exigiriam um tempo muito maior. Desse modo, o computador é um dispositivo que aumenta a gama de atividades que podem ser desenvolvidas pelo homem.<br />A todas atividades que, a partir de dados conhecidos através de processamento, conduzem a resultados procurados, com ou sem emprego de qualquer equipamento auxiliar, podemos denominar atividades como processamento de dados.<br />Há quem prefira denominar Processamento automático de dados (PAD), ou Processamento eletrônico de dados (PED) as atividades que utilizam a computação em seu processo.<br />No entanto, foi justamente o advento dos computadores que dinamizou de tal forma o tratamento das informações que, a partir daí, é que se vulgarizou a terminologia Processamento de dados; de modo que a essa denominação, se associa, no presente, a idéia do emprego de computadores.<br />De modo geral, um processamento se realiza de acordo com o esquema abaixo :<br />Esta atividade não está relacionada com a Informática em Si. Conforme CONCLA:<br />A entrada (input). Se referir a algum dado de entrada do processamento, são valores onde o processo irá atuar. Como por exemplo , quando clicamos em algum arquivo.<br />O processamento. É onde os dados de entrada serão processados para gerar um determinado resultado. O computador executa o arquivo. (Outros exemplos: o cálculo salarial, uma complexa expressão matemática, ou até mesmo uma simples movimentação de dados ou comparação entre eles.<br />A saída (output). É simplesmente o resultado de todo o processamento, em todo processamento temos dados gerados como resultado, essas saídas, podem ser impressas na tela, em papel, armazenadas, ou até mesmo servir como entrada para um outro processo. O computador exibe os resultados obtidos na tela, mostra o arquivo.<br />Tipos de Processamento de dados<br />Processamento de Lote<br />Em um lote que processa empregos de ambiente ou programas são agrupados em conjunto e apresentados ao sistema de computador em um lote. O sistema executa-os um após o outro em um lote. Todos os dados necessitados para ser processado por um determinado programa e daqui para aquele lote de programas são reunidos durante o período do tempo e submetidos em conjunto ao mesmo tempo junto com um lote de programas. O processamento de dados é executado coletivamente nos dados totais reunidos em um período de tempo específico.O exemplo do processamento de lote inclui: O processamento de dados implicou em bancos que estão ocupados na transação de dinheiro. Por exemplo os depósitos de banco quanto a dinheiro, cheque, Banco de DDs lona, etc., estão realizando-se em cada dia durante horas de negócios dizem 10-30 a 2-30 pode ser alimentado ao computador do processamento de dados isto é, equilibrar contas de depósitos e retiradas. Todos esses detalhes transacionais ou os dados reunidos por cima de um período de tempo específico dizem horas de trabalho comerciais, é submetido ao mesmo tempo. Os dados inteiros são processados em um esticamento, lá pelos resultados pode ser obtido em um formato de folha de equilíbrio.O processamento de lote não faz contanto que o cômputo interativo naturalmente lá não seja ou menos intervenção pelo programador ou operador no momento da execução de programa no modo Batch Processing. Aplicações de folha de pagamentos: Os cômputos do salário mensal de empregados são tratados periodicamente no modo de processamento de lote.<br />Fundamentos da Informática<br />PROCESSAMENTO DE DADOS<br />I - FUNDAMENTOS<br />A) CONCEITO DE INFORMÁTICA - é a ciência que estuda o tratamento automático<br />e racional da informação.<br />B) PROCESSAMENTO DE DADOS<br />1) Conceito<br />Processamento de dados é a transformação de informações.<br />Quando se emprega um computador, o homem toma as decisões e a<br />máquina as executa. O computador é um instrumento cuja capacidade vai além de<br />resolver simples problemas, uma vez que é largamente utilizado na execução de<br />uma série de tarefas complexas, proporcionando economia de tempo e aumentando<br />a gama de atividades que podem ser desenvolvidas pelo homem.<br />“As atividades que, a partir de dados conhecidos, através de processamento,<br />produzem resultados procurados, com ou sem emprego de qualquer equipamento<br />auxiliar, podemos denominar atividades de processamento de dados.”<br />Quando se utiliza computador para realizar as atividades acima descritas,<br />utiliza-se a denominação de Processamento Automático de Dados (PAD) ou<br />Processamento Eletrônico de Dados (PED). Foi o advento dos computadores que<br />dinamizou o tratamento das informações, que popularizou a terminologia<br />Processamento de Dados; de modo que hoje se associa a idéia ao emprego de<br />computadores.<br />Onde:<br />Entrada Ü ler ou receber os dados (informações);<br />Processamento Ü operações que transforma os dados iniciais em<br />resultados específicos;<br />Saída Ü liberação dos dados (informações) processados,<br />ou seja, resultado do processamento.<br />1<br />Fundamentos da Informática<br />C - CONCEITOS BÁSICOS<br />Dados (data) - Elementos conhecidos em um problema. Normalmente<br />servem de base à solução de outros problemas. Informações factuais (baseadas em<br />fatos) armazenadas em meios magnéticos, que podem ser usadas para a realização<br />de cálculos ou apoio a decisões.<br />Ex.: nº 5 Ex.: Rua de um endereço<br />Informação - Conjunto estruturado de dados.<br />Ex.: 5 + 4 = 9 Ex.: endereço completo<br />Instrução: (statement) comando que define uma operação a ser executada.<br />Processamento: (processing) a execução das instruções de um programa<br />pela CPU, submetendo os dados a algum tipo de transformação.<br />Ex.: Classificação de dados, seleção de dados de acordo com um critério, ou<br />a realização de cálculos matemáticos.<br />Processamento de Dados Manual:<br />· Usa no máximo a máquina de escrever, ou máquina de cálculo;<br />· Sujeito a erros de cálculos e manipulação de dados;<br />· Lento, criativo.<br />· Ex.: procura de nome na lista telefônica.<br />Processamento Automático de Dados (PAD):<br />· Auxílio de equipamentos especiais;<br />· Executa tarefas pré-definidas até chegar ao resultado.<br />· Ex.: fábrica de refrigerantes.<br />Processamento Eletrônico de Dados (PED):<br />· Computador;<br />· Velocidade e segurança de resultados certos;<br />· Grande capacidade de memória.<br />· Ex.: Folha de pagamento.<br />Tipos de Processamento Eletrônico de Dados<br />Processamento em Lote ou Processamento em Batch<br />Consiste na execução de programas sem interação do usuário durante o<br />processamento. Iniciado o serviço, esse é processado continuamente até o término<br />do lote, sem que o usuário tenha acesso a ele durante o processamento. Ex.:<br />Compensação bancária.<br />Processamento On-Line<br />São programas projetados para operar de maneira interativa com o usuário e<br />outros computadores. A entrada de dados é feita “em linha” (on line) e seu<br />processamento é executado em seguida. Ex.: controle de estoque de almoxarifado.<br />2<br />Fundamentos da Informática<br />Processamento em tempo Real<br />Quando o sistema on line consegue processar dados com velocidade igual à<br />ocorrência, ou seja, no momento em que o dado é informado ao sistema ele é<br />processado. Ex.: Sistema de reservas de passagens aéreas.<br />Processamento Monousuário<br />É a estrutura mais simples do processamento, no qual um só programa é<br />executado de cada vez, seja batch ou on line, para um só usuário. Ex.: MS-DOS.<br />Processamento Multitarefa<br />É a estrutura que permite a execução concorrente ou simultânea de múltiplos<br />programas por um único computador. Ex.: OS/2, Windows 9x, Windows ME,<br />Windows 2000, Windows XP, Linux, etc.<br />Processamento Multiusuário ou Time Sharing <br />Permite que vários usuários possam compartilhar o mesmo computador, os<br />mesmos programas ao mesmo tempo, via terminais. Pode ser centralizado ou<br />distribuído. Ex.: sistema cliente/servidor.<br />Centralizado<br />O processamento é todo realizado no computador principal (servidor) e os<br />dados ficam armazenados no servidor. Os terminais, nesse caso, fazem somente a<br />interface de entrada e saída de dados entre o computador e o usuário. Ex.:<br />Mainframes.<br />Distribuído:<br />Computadores ligados em rede, que estabelecem a comunicação entre si,<br />tornando possível acessar os dados contidos em outros computadores. O<br />processamento é realizado no computador que estiver operando e os dados podem<br />ser armazenados em todos os computadores. Ex.: sistema cliente/servidor.<br />Multiprocessamento <br />Em alguns casos, é necessário que mais de uma CPU execute um mesmo<br />processamento, sendo que cada CPU é responsável por uma parte desse<br />processamento. Ex.: Mainframes.<br />Teleprocessamento<br />Processamento de dados à distância, utiliza recursos de telecomunicações<br />com linha telefônicas, satélites, etc. Ex.: débito em conta (bancária).<br />II - COMPONENTES DE UM SISTEMA DE PROCESSAMENTO ELETRÔNICO<br />DE DADOS<br />Num sistema de processamento de dados existem três componentes<br />principais:<br />a) Hardware:<br />3<br />Fundamentos da Informática<br />· O Hardware é qualquer parte de um sistema de computador que pode ser<br />vista ou tocada. É o equipamento propriamente dito, incluindo periféricos de<br />entrada e saída, a máquina, seus elementos físicos: carcaças, placas, fios,<br />componentes em geral.<br />· Hardware é a parte física do equipamento.<br />b) Software:<br />· O software é um conjunto de instruções eletrônicas que dizem ao computador<br />o que ele deve fazer. É constituído pelos programas básicos, aplicativos e<br />utilitários que controlam o funcionamento do computador e atendem as<br />necessidades do usuário. São escritos numa linguagem que o computador é<br />capaz de entender e executar. Você não consegue ver ou tocar o software,<br />embora possa ver a caixa na qual ele vem.<br />· Software é a parte lógica do computador, que nos permite administrar,<br />operar, manter e usar o equipamento.<br />c) Peopleware:<br />· Peopleware são as pessoas que realizam as tarefas necessárias para o<br />funcionamento dos outros componentes do sistema.<br />· O analista de sistemas é a pessoa responsável pela definição do sistema, faz<br />o levantamento das necessidades e, a partir de suas observações, organiza<br />um procedimento capaz de auxiliar, via informática, o usuário interessado.<br />· O programador elabora as rotinas seguindo as diretrizes do analista de<br />sistemas.<br />· O digitador é o responsável pela transferência de dados do papel para o<br />computador.<br />· O operador faz a manipulação do computador em todas as suas fases<br />operacionais.<br />· O usuário é todo aquele que direta ou indiretamente utiliza saídas de<br />processamento do sistema.<br />Resumo<br />· Informática é a ciência que estuda a automatização e racionalização do<br />processamento de informação.<br />· Os dados podem ser processados manualmente, automaticamente e<br />eletronicamente.<br />· As informações são conjuntos organizados de dados.<br />· Os componentes de um sistema de processamento de dados eletrônico são:<br />hardware, software e peopleware.<br />III - AS GERAÇÕES DOS COMPUTADORES<br />Denomina-se sistema de computador qualquer conjunto de máquinas<br />empregado no processamento eletrônico de dados.<br />Os primeiros sistemas tinham o funcionamento baseado em princípio<br />mecânicos, os quais evoluíram até os sistemas atuais baseados em princípio<br />eletrônicos.<br />4<br />Fundamentos da Informática<br />1ª Geração<br />Os sistemas de primeira geração tinham os circuitos a válvulas e seus<br />tempos de operação interna mediam-se em milessegundos.<br />2ª Geração<br />Os sistemas de segunda geração tinham os circuitos internos transistorizados<br />e seus tempos de operação mediam-se em microssegundos, o que lhe deu uma<br />grande redução de tamanho, preço e aumento de velocidade. (8 KBytes de<br />memória).<br />3ª Geração<br />Os sistemas de terceira geração utilizavam circuitos integrados que eram ainda<br />menores e mais velozes que os transistores comuns. (de 256 KBytes e 3 MBytes de<br />memória).<br />4ª Geração<br />Passam a usar circuitos integrados com maior grau de intensidade. Eles<br />utilizam a tecnologia de circuitos integrados de silício, com Large Scale Integration <br />(LSI) e mais recentemente, a Very Large Scale Integration (VLSI) (em português,<br />ILE e IEMA, respectivamente).<br />5ª Geração: Hoje e no futuro<br />A proposta de computadores de 5ª geração, pressupõe múltiplas unidades de<br />CPU construídas e interligadas por novas concepções de arquitetura, unidades de<br />memória e arquivos que contém módulos pré-programados de conhecimentos para<br />executar (sem programação) problemas de matemática, física, engenharia, etc. e<br />que formam um banco de dados do conhecimento, unidades processadoras de<br />imagens e figuras e unidades processadoras da voz humana e dos sons.<br />Salienta-se que todos os computadores, independente de sua época de<br />fabricação, tem três funções essenciais:<br />leitura de dados - processamento de operações (aritméticas e lógicas) - escrita<br />ou gravação de resultados<br />CONCEITOS BÁSICOS<br />Válvula - dispositivo que produz corrente elétrica num só sentido (possui três<br />componentes básicos: catodo, anodo e grade).<br />Transistor - amplificador de cristal, inventado para substituir a válvula (possui<br />três componentes básicos: base, emissor e coletor).<br />Circuito integrado - circuito eletrônico constituído de elevado número de<br />componentes arrumados em um CHIP de poucos milímetros quadrados.<br />Chip - uma “pastilha” de semicondutor (por exemplo silício) onde se monta<br />um CI.<br />Firmware - programa (ou Software de modo geral) armazenado em chip.<br />ILE (LSI) - Integração em Larga Escala (cerca de 10.000 componentes em<br />um chip).<br />IEMA (VLSI) - Integração em escala Muito Ampliada (mais de 10.000<br />componentes em um chip).<br />5<br />Fundamentos da Informática<br />IV - MODALIDADES DE COMPUTADORES<br />a) Os sistemas de aferição ou medição podem ser classificados em dois<br />grandes grupos:<br />· Sistemas analógicos<br />· Sistemas digitais<br />Sistema Analógico - converte a manifestação do fenômeno, que se aferir,<br />em algum tipo de sinalização visual que se comporte analogicamente.<br />Ex.: velocímetro, relógio de ponteiros.<br />Sistema Digital - mede com determinada freqüência o estado; e os<br />resultados serão sempre traduzidos por dígitos.<br />Ex.: relógio digital.<br />b) Quanto ao princípio de operação existem duas classes de computadores:<br />· Computadores analógicos<br />· Computadores digitais<br />Computador Analógico - representa variáveis por meio de analogias físicas.<br />Resolve problemas referentes a condições físicas, por meio de quantidades<br />mecânicas ou elétricas, utilizando circuitos equivalentes como analogia ao<br />fenômeno físico que está sendo tratado. “O computador analógico mede”. Emprego<br />em laboratório de pesquisa e para aplicação científica e tecnológicas.<br />Computador Digital - processa informações por meio de dados concretos ou<br />descontínuos. Trata-se de um dispositivo projetado para executar operações<br />aritméticas e lógicas. “O computador digital conta”.<br />Nosso estudo trata dos computadores digitais, elemento básico no estudo da<br />informática. Emprego em bancos, comércio, indústria, etc.<br />c) Quanto as características de utilização, os computadores classificam-se<br />em :<br />· Computadores científicos<br />· Computadores comerciais<br />Computador Científico - é empregado em áreas de cálculos e pesquisas<br />científicas onde se requer alta precisão (números muito grandes ou números muito<br />pequenos com rigorosa representação). Pequeno volume de entrada e saída de<br />dados com unidades processadoras sofisticadas.<br />Computador Comercial - são os mais utilizados nas empresas, comportam<br />grande volume de dados de entradas e saídas. Hoje possuem equipamentos - dito<br />de uso geral - empregados nas duas áreas (científica e comercial).<br />Resumo<br />Classificação dos Computadores<br />a) Quanto à característica de operação:<br />· analógicos<br />· digitais<br />b) Quanto à característica de utilização:<br />· científicos<br />6<br />Fundamentos da Informática<br />· comerciais<br />V - MICROCOMPUTADORES<br />Computadores (Hardware)<br />a) Computador - é a máquina que lê dados, efetua cálculos e fornece resultados.<br />Ou seja, o computador coleta, processa, dá saída e armazena informações.<br />b) Tipos de Computador - os computadores podem ser classificados quanto a sua<br />capacidade de processamento (porte) em:<br />· grandes (mainframes);<br />· médio (minicomputadores);<br />· pequeno (microcomputadores).<br />Microcomputadores<br />Os microcomputadores são computadores pessoais (PC), monousuários,<br />destinados ao uso de empresas que tenham um pequeno, mas variado tipo de<br />processamento de dados. Atualmente, existem microcomputadores com capacidade<br />de processamento muito grande, que superam os grandes computadores de 10 ou<br />20 anos atrás.<br />Apresentação física<br />Os microcomputadores podem ter várias apresentações físicas, algumas<br />delas são:<br />Não portáveis<br />Desktops - são os computadores de mesa, os modelos mais comuns<br />normalmente apresentam o vídeo e teclado separados do gabinete. Esse é o<br />tamanho convencional de microcomputador.<br />Portáteis<br />O portátil é um computador pequeno, leve e que pode ser transportado<br />facilmente, tem tela e teclado incorporados, eliminando a necessidade de cabos<br />para conectar esses dispositivos. Normalmente são alimentados por baterias<br />recarregáveis, com duração variada, assim, é possível usá-lo em qualquer local ou<br />hora. Tipos de portáteis: laptops, palmtops.<br />

×