Relatório de campo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Relatório de campo

on

  • 1,596 views

Relatório de campo do Parque das Mangabeiras

Relatório de campo do Parque das Mangabeiras

Statistics

Views

Total Views
1,596
Views on SlideShare
1,596
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
9
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Relatório de campo Relatório de campo Document Transcript

    • Relatório de CampoRelatório da excursão ao Parque das Mangabeiras. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS – UFMG COLÉGIO TÉCNICO – COLTEC BIOLOGIA – ROSILENE SIRAY BICALHO GEOGRAFIA – ELIANO DE SOUZA MARTINS FREITAS 1º ANO – 2013 DIA 6 DE ABRIL DE 2013, BELO HORIZONTE.INTEGRANTES DO GRUPO:AMANDA CUSSAT DA COSTA CHACONANA CLARA SOUZA SALLESGABRIEL DUTRA DIASJENNIFER GABRIELA SILVA MACHADOLUIZA FRANÇA SANTOSRICARDO ANDRES SAMPAIO VARGASSARAH CAFIERO BRAGA 1
    • SumárioIntrodução................................................................................................................................... 3Desenvolvimento ........................................................................................................................ 3 Sobre a Parada 1 (início do percurso) ..................................................................................... 3 Sobre a Parada 2 (área de transição) ....................................................................................... 4 Sobre a Parada 4 (Descida da serra em direção à cascatinha) ................................................ 5 Sobre a Parada 5 (parada da cascatinha) ................................................................................ 6Trabalho com Imagens ............................................................................................................... 7 Ilustração 01 ........................................................................................................................... 7 Ilustração 02 ........................................................................................................................... 9 Ilustração 03 ......................................................................................................................... 10 Ilustração 04 ......................................................................................................................... 12Conceitos .................................................................................................................................. 13 Espécie .................................................................................................................................. 13 População.............................................................................................................................. 14 Comunidade .......................................................................................................................... 14 Ecossistema .......................................................................................................................... 15 Habitat .................................................................................................................................. 15 Nicho Ecológico ................................................................................................................... 16 Ecótono ................................................................................................................................. 17 Biótopo ................................................................................................................................. 17 Biosfera ................................................................................................................................. 18 Bioma.................................................................................................................................... 18 2
    • Introdução Quando se vai à campo é muito importante que se aprenda a reconhecer o que se viuna teoria. Em nossa visita de campo tivemos a oportunidade de ter contato com dois biomas, oCerrado e a Mata Atlântica. Para perceber esse contato utilizamo-nos de algunsconhecimentos prévios sobre estas paisagens. Neste relatório exporemos nossas observações de campo, relacionando-as com osdiversos conceitos que pertencem à Biologia e Geografia.DesenvolvimentoSobre a Parada 1 (início do percurso) Parque das Mangabeiras. Autora: Ana Clara Na parada 1 nos encontramos em uma paisagem com plantas rasteiras e de pequenoporte, com árvores que apresentam troncos retorcidos. O relevo é irregular e olhando ao nosso 3
    • redor, podemos identificar uma depressão. O solo é composto, principalmente, de minério deferro e sua vegetação é idêntica ao domínio morfoclimático do cerrado. Os animais visíveissão os insetos. Muitos formigueiros, cupinzeiros e vestígios de animais, por exemplo, foramobservados. Como a vegetação não é muito densa e sua flora tem um porte pequeno, o lugar não émuito propício para a adaptação de muitos animais, isso faz com que a fauna local sejaescassa.Sobre a Parada 2 (área de transição) Parque das Mangabeiras. Autora: Ana Clara. A segunda parada apresenta uma vegetação de transição entre as vegetações daprimeira e da terceira parada. Na primeira parte desta parada, há um aumento no porte dasárvores. O nível de minério de ferro no solo parece ter diminuído e o relevo é um pouco maisplano. As árvores são de médio porte e muito próximas umas das outras. É possível observar aalta quantidade de matéria orgânica no solo (troncos e folhas secas). À medida queavançamos, o porte das árvores ficava maior. Além disso, conseguimos notar a presença demicos, que se encontravam nos galhos mais altos das árvores. 4
    • Nessa parada foi possível encontrar uma fauna mais extensa, pois as árvores erammaiores, havendo assim uma menor presença de luz no local. Foram encontradas árvores de porte ainda maior, como bambus e árvores de matatropical, sendo o ambiente bastante úmido. Além disso, o relevo é plano. Ao observarmos esta parada podemos defini-la como área de transição entre o domíniomorfoclimático do Cerrado e da Mata Atlântica porque de início podemos observar árvores depequeno porte com galhos retorcidos e a medida que andamos verificamos um aumento noporte e na densidade da vegetação, o solo vai ficando mais úmido.Sobre a Parada 4 (Descida da serra em direção à cascatinha) Parque das Mangabeiras. Autora: Ana Clara. 5
    • O minério de ferro continua escasso, mas o solo é mais úmido. As árvores são demédio porte Nessa parada, percebemos que a vegetação perto do lago era mais rasteira, mascontinuava densa. Animais como esquilos e borboletas estavam presentes no local. Podemos afirmar que é o domínio morfoclimático da Mata Atlântica por observardiversas características como a vegetação densa de médio porte, o solo pobre e úmido, apresença de matéria orgânica no solo (troncos e folhas secas), o solo recebe pouca luz o queresulta na pouca incidência de vegetação rasteira.Sobre a Parada 5 (parada da cascatinha) Parque das Mangabeiras. Autor: Ricardo Vargas. Nesta parada conseguimos observar ainda mais animais por a vegetação ser maisdensa fazendo com que não chegue tanta luz no solo e também por haver uma grandequantidade de água nesse lugar. Assim como na parada 4, podemos afirmar que é o domínio da Mata Atlântica pelavegetação densa de médio porte, o solo pobre e úmido, a presença de matéria orgânica no solo 6
    • (troncos e folhas secas), o solo recebe pouca luz o que resulta na pouca incidência devegetação rasteira.Trabalho com ImagensIlustração 01Parque das Mangabeiras. Autora: Ana Clara. 7
    • A paisagem mostrada na imagem acima é muito semelhante com a paisagemobservada na parada de número 1, isso porque elas apresentam características comuns emaspectos fundamentais como vegetação, relevo, clima, solo, nível de exposição à luz solar. A paisagem observada tanto na imagem como no campo é pertencente ao bioma doCerrado. Esse bioma apesar da aparência, abriga uma enorme biodiversidade. A vegetação desse bioma é caracterizada por gramíneas e árvores de pequeno portecom troncos retorcidos e raízes profundas. A fauna é composta por animais como o lobo-guará, tamanduá-bandeira, seriema, tucano e muitos outros. O solo é duro, seco e há grande concentração de minério de ferro no mesmo. A águanão está acessível em grande quantidade no solo, por isso a adaptação das plantas, raízesprofundas, para a obtenção do líquido por meio dos aquíferos no subsolo. 8
    • Ilustração 02Parque das Mangabeiras. Autora: Ana Clara. Nenhuma das paradas se identifica com a paisagem apresentada na imagem, isso éfacilmente constatado porque na imagem é apresentado um bioma apenas com vegetaçãorasteira, o que não pode ser observado no campo. 9
    • A paisagem observada na imagem é o bioma dos Campos que é caracterizado pelapredominância de vegetação rasteira e relevo bastante plano acompanhado de coxilhas,aspectos que favorecem a prática da pecuária nestes domínios. Essa paisagem não pode ser observada em campo, sendo encontrada principalmente naregião Sul do país.Ilustração 03Parque das Mangabeiras. Autora: Ana Clara. 10
    • Em nenhuma das paradas é observada esta paisagem, pois no campo não há umambiente tão quente para abrigar este tipo de vegetação. Na imagem pode ser observado o bioma da Caatinga que se caracteriza por ser umambiente semi-árido, com chuvas mal distribuídas durante o ano e plantas denominadasxerófitas. O ambiente observado que mais se aproxima da Caatinga é o Cerrado, tendo estesalgumas características em comum como plantas com galhos retorcidos e adaptadas à falta deágua, solo ressecado e pedregoso, mas em termos de aridez e distribuição de chuvas essesdois biomas apresentam muitas diferenças. 11
    • Ilustração 04Parque das Mangabeiras. Autora: Ana Clara. Essa imagem se identifica com a paisagem encontrada nas paradas 4 e 5, isso pode serobservado facilmente devido a densidade da floresta, o porte médio e grande das árvores e apresença constante de umidade. O ambiente observado tanto na imagem quanto no campo é o da Mata TropicalAtlântica, que é muita rica em biodiversidade. Por estar presente principalmente em áreaslitorâneas ela foi o primeiro ambiente que os conquistadores Portugueses encontraram, sendointensamente explorada no período colonial, principalmente o Pau-Brasil. Como resultado 12
    • disso esse bioma apresenta atualmente apenas, aproximadamente, 7% de sua extensãooriginal. Esse bioma se caracteriza principalmente pela vegetação densa de médio e grandeporte, elevada umidade, grandes recursos hídricos, solo rico em matéria orgânica etemperaturas médias de 25 graus Celsius, o que foi massivamente observado em nossa ida aocampo.ConceitosEspécieÉ o conjunto de indivíduos semelhantes (estruturalmente, funcionalmente e bioquimicamente)que se reproduzem naturalmente, originando descendentes férteis.Espécie – A imagem mostra um indivíduo, representante de uma espécie , e o local que é seuhabitat. 13
    • PopulaçãoÉ o conjunto de indivíduos de mesma espécie que vivem numa mesma área e numdeterminado período.A população dessa imagem é um conjunto de peixes de uma mesma espécie (apesar de teremcores diferentes) que habitam o mesmo espaço e na mesma época. Além disso e importantedizer que eles conseguem se reproduzir entre si.ComunidadeÉ o conjunto de populações de diversas espécies que habita uma mesma região numdeterminado período. 14
    • Comunidade ou Biocenose – Diversas populações de vegetais, principalmente de pteridófitose angiospermas, estão habitando a mesma região em um determinado período, portantoformam uma comunidade.EcossistemaÉ o conjunto formado pelo meio ambiente físico ou seja, o BIÓTOPO (formado por fatoresabióticos - solo, água, ar) mais a comunidade (formada por componentes bióticos - seresvivos) que com o meio se relaciona.Ecossistema ou Sistema ecológico – Essa imagem possui quatro componentes de um sistemaBiótopo que seria a rocha, o musgo e o oxigênio e por um componente Biótipo que seria aAranha que estava na teia, mas está quase imperceptível.HabitatÉ o lugar específico onde uma espécie pode ser encontrada, isto é, o seu "ENDEREÇO"dentro do ecossistema. 15
    • Habitat - Podemos observar que essas plantas e adaptada a ambientes úmidos, sendo esse lagoo HABITAT perfeito para sua forma de vida.Nesse habitat são oferecidas todas as condições para que estes vegetais produzam seualimento e se reproduzam.Nicho EcológicoÉ o papel que o organismo desempenha no ecossistema, isto é, a "PROFISSÃO" doorganismo no ecossistema. O nicho informa às custas de que se alimenta, a quem serve dealimento, como se reproduz, etc.Nicho Ecológico - O nicho ecológico diz respeito ao papel que um organismo desempenhano ecossistema,ou seja como ele se alimenta,se reproduz, a quem ele serve de alimento etc.Nessa foto podemos ver o modo de reprodução desta planta aquática, que se da por meio desua flor(polinização). 16
    • EcótonoÉ a região de transição entre duas comunidades ou entre dois ecossistemas. Na área detransição vamos encontrar grande número de espécies e, por conseguinte, grande número denichos ecológicos.Ecótono - Como podemos ver,está acontecendo uma mudança.Podemos observar ocrescimento das arvores,a partir das plantas rasteiras até as arvores de porte médio.BiótopoÁrea física na qual os biótipos adaptados a ela e as condições ambientais se apresentampraticamente uniformes.Biótopo – É possível observar um biótopo na imagem, pois, a cobertura vegetal do local ebastante homogênea. 17
    • Ela é composta principalmente de arvores de porte médio e a grande semelhança das espéciesreforça a densidade da mata.BiosferaToda vida, seja ela animal ou vegetal, ocorre numa faixa denominada biosfera, que inclui asuperfície da Terra, os rios, os lagos, mares e oceanos e parte da atmosfera. E a vida é sópossível nessa faixa porque aí se encontram os gases necessários para as espécies terrestre eaquáticas: oxigênio e nitrogênio.Biosfera – Essa imagem pode ser analisada como uma pequena representação da biosfera,pois nela podemos ver os fatores bióticos(variadas espécies de plantas) e também os abióticos,representados pelas pedras e o curso d’água. Ela é composta principalmente de arvores deporte médio e a grande semelhança das espécies reforça a densidade da mata.BiomaÉ uma área do espaço geográfico, com dimensões de até mais de um milhão de quilômetrosquadrados, que tem por características a uniformidade de um macroclima definido, de umadeterminada formação vegetal, de uma fauna e outros organismos vivos associados, e deoutras condições ambientais, como a altitude, o solo, alagamentos, o fogo, a salinidade, entreoutros. Estas características todas lhe conferem uma estrutura e uma funcionalidadepeculiares, uma ecologia própria. 18
    • Bioma – Um bioma é uma área do espaço geográfico de grandes dimensões, que agrupacaracterísticas de clima, vegetação, fauna associados a fatores como altitude, solo,alagamentos, fogo, salinidade entre outros. 19