Combater o abandono do interior:
converter o programa estratégico europeu em políticas
públicas
Jan Wolf
Carlos Jorge Silv...
universidade
de aveiro
2
Economically Sustainable DEMOgraphy
ReverSing Decline in Peripheral RegIoNs
(DEMOSPIN)
instituto
...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Assimetrias territoriais
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Assimetrias territoriais
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Objetivo: construir uma ferramenta de apoio à decisão, que permitisse a definição de
estra...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Objetivo
Analisar os desafios que se colocam
às políticas de desenvolvimento
inteligente, ...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
2010 2030
||||||| 85 + ||||||||||||||| ||||||||||||| 85 + |||||||||||||||||||||
||||||||||...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Pinhal Interior Sul
2010 2030
|||||||||||||||| 85 + ||||||||||||||||||||||||||||| ||||||||...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Dão-Lafões Pinhal Interior Sul
H
M
HM
Tendência atual
30%
40%
50%
60%
70%
80%
90%
100%
Índ...
Indice síntetico de fecundidade de 2,1
Viseu
Sertã
Oleiros
Mação
Tondela
Sátão
Vouzela
Nelas
Mangualde
Castro Daire
Mortág...
Áreas temáticas do desenvolvimento inteligente
Desenvolvimento
inteligente
Formação
TIC
Reconhecimento
de competências
Ino...
Áreas temáticas do desenvolvimento sustentável
Desenvolvimento
sustentável
Energia
Mobilidade
Alimentação
Economia verde
Q...
Áreas temáticas do desenvolvimento inclusivo
Desenvolvimento
inclusivo
Saúde e Bem-estar
Acessibilidades
CompetênciasCoesã...
2 desafios centrais
Coesão territorial
Geração de emprego
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Proporção de migrantes por grupo etário
Perfil migratório estimado para Dão-Lafões entre 1991-2001 e 2001-2011
-6%
-4%
-2%...
Proporção de migrantes por grupo etário
Perfil migratório estimado para Pinhal Interior Sul entre 1991-2001 e 2001-2011
0%...
Resultados
Viseu
Sertã
Oleiros
Mação
Tondela
Mangualde
Sátão
Castro Daire
Mortágua
Vouzela
Proença-a-Nova
Nelas
São Pedro ...
Proporção de migrantes por grupo etário
Perfil migratório estimado para Dão-Lafões entre 1991-2001 e 2001-2011
-40%
-30%
-...
Resultados
Proporção de migrantes por grupo etário
Perfil migratório estimado para Pinhal Interior Sul entre 1991-2001 e 2...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Geração de emprego
Dão-Lafões: 1,5% de homens e 0,8% de mulheres de saldo migratório
posit...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Geração de emprego
Pinhal Interior Sul: necessita de saldos migratórios de 7,4% de homens ...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Coesão territorial
O decréscimo da população em regiões de baixa densidade
populacional di...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Coesão territorial
Princípios da concentração descentralizada
concentração de equipamentos...
universidade
de aveiro DEMOSPIN
Obrigado pela vossa atenção!
universidade
de aveiro
departamento de ciências sociais, políticas
e do território
grupo de estudos em território e inovaç...
2014-2020
Investimento que estimule o
crescimento
Programação integrada
Governação multinível (maior
autonomia local e reg...
2014-2020
Eficiente utilização de recursos
Inovação e competitividade das
PME
Combate à pobreza e à exclusão
Competências ...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

12.2.8. #2 jan wolf

73

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
73
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

12.2.8. #2 jan wolf

  1. 1. Combater o abandono do interior: converter o programa estratégico europeu em políticas públicas Jan Wolf Carlos Jorge Silva José Manuel Martins universidade de aveiro departamento de ciências sociais, políticas e do território grupo de estudos em território e inovação (GETIN_UA)
  2. 2. universidade de aveiro 2 Economically Sustainable DEMOgraphy ReverSing Decline in Peripheral RegIoNs (DEMOSPIN) instituto politécnico de leiria Instituto Politécnico de Castelo Branco universidade de aveiro Financiamento:
  3. 3. universidade de aveiro DEMOSPIN Assimetrias territoriais
  4. 4. universidade de aveiro DEMOSPIN Assimetrias territoriais
  5. 5. universidade de aveiro DEMOSPIN Objetivo: construir uma ferramenta de apoio à decisão, que permitisse a definição de estratégias políticas em territórios demograficamente deprimidos 2 componentes principais: i) a económica - modelos input-output ii) a componente demográfica - saldos migratórios e projeções demográficas Estimação de populações para as 30 NUTS III portuguesas, até 2030 DEMOSPIN
  6. 6. universidade de aveiro DEMOSPIN Objetivo Analisar os desafios que se colocam às políticas de desenvolvimento inteligente, sustentável e inclusivo visado pela Estratégia Europa 2020 em regiões demograficamente recessivas e de baixa densidade: • Dão-Lafões • Pinhal Interior Sul
  7. 7. universidade de aveiro DEMOSPIN 2010 2030 ||||||| 85 + ||||||||||||||| ||||||||||||| 85 + ||||||||||||||||||||| ||||||||||| 80-84 ||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||| 80-84 |||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||| 75-79 ||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||| 75-79 ||||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||| 70-74 ||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||||| 70-74 |||||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||| 65-69 ||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||||| 65-69 ||||||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||| 60-64 ||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||||| 60-64 ||||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||| 55-59 ||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||||||| 55-59 |||||||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||| 50-54 |||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||||||||| 50-54 |||||||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||| 45-49 ||||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||| 45-49 ||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||| 40-44 ||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||| 40-44 |||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||||| 35-39 |||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||| 35-39 |||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||| 30-34 ||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||| 30-34 ||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||| 25-29 ||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||| 25-29 |||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||| 20-24 ||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||| 20-24 |||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||| 15-19 ||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||| 15-19 |||||||||||||||| ||||||||||||||||||||| 10-14 |||||||||||||||||||| ||||||||||||||| 10-14 |||||||||||||| ||||||||||||||||||| 05-09 |||||||||||||||||| |||||||||||||| 05-09 ||||||||||||| |||||||||||||||| 0-4 ||||||||||||||| ||||||||||||| 0-4 ||||||||||||| Dão-Lafões Sustentabilidade demográfica
  8. 8. universidade de aveiro DEMOSPIN Pinhal Interior Sul 2010 2030 |||||||||||||||| 85 + ||||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||| 85 + ||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||| 80-84 ||||||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||| 80-84 |||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||| 75-79 |||||||||||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||||||| 75-79 ||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||| 70-74 |||||||||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||||||||| 70-74 ||||||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||| 65-69 ||||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||||||||| 65-69 ||||||||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||||| 60-64 |||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||| 60-64 |||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||||| 55-59 |||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||| 55-59 ||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||||| 50-54 ||||||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||| 50-54 ||||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||||||| 45-49 |||||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||||| 45-49 ||||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||||||| 40-44 |||||||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||| 40-44 |||||||||||||||||||| |||||||||||||||||||| 35-39 |||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||||| 35-39 ||||||||||||||||||| ||||||||||||||||||| 30-34 ||||||||||||||||||| |||||||||||||||||| 30-34 ||||||||||||||||| ||||||||||||||||||| 25-29 ||||||||||||||||| ||||||||||||||| 25-29 ||||||||||||||| |||||||||||||||||| 20-24 |||||||||||||||||| |||||||||||| 20-24 |||||||||||| ||||||||||||||||||| 15-19 ||||||||||||||||| |||||||||||| 15-19 ||||||||||| ||||||||||||||||| 10-14 |||||||||||||||| ||||||||||| 10-14 ||||||||||| |||||||||||||| 5-9 |||||||||||||| ||||||||||| 5-9 |||||||||| ||||||||||| 0-4 ||||||||||| |||||||||| 0-4 ||||||||| Sustentabilidade demográfica
  9. 9. universidade de aveiro DEMOSPIN Dão-Lafões Pinhal Interior Sul H M HM Tendência atual 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Índice Sintético de Fecundidade: 2,1 Índice Sintético de Fecundidade: 2,1
  10. 10. Indice síntetico de fecundidade de 2,1 Viseu Sertã Oleiros Mação Tondela Sátão Vouzela Nelas Mangualde Castro Daire Mortágua Proença-a-Nova São Pedro do Sul Vila de Rei Aguiar da Beira Vila Nova de Paiva Carregal do Sal Penalva do Castelo Oliveira de Frades Santa Comba Dão ± 0 10 205 km Legenda População 2085 (%) 40 - 54 55 - 68 69 - 74 75 - 78 79 - 85 Viseu Sertã Oleiros Mação Tondela Sátão Vouzela Nelas Mangualde Castro Daire Mortágua Proença-a-Nova São Pedro do Sul Vila de Rei Aguiar da Beira Vila Nova de Paiva Carregal do Sal Penalva do Castelo Oliveira de Frades Santa Comba Dão ± 0 10 205 km Legenda População 2085 (%) 21 - 25 26 - 33 34 - 37 38 - 42 43 - 47 Tendência atual
  11. 11. Áreas temáticas do desenvolvimento inteligente Desenvolvimento inteligente Formação TIC Reconhecimento de competências Inovação regional Infraestruturas Inovação social Sectores de ponta Inovação transversal Sectores tradicionais Conversão de sectores obsoletos Cultura e criatividade Administração Automação Artes plásticas Inovação institucional Políticas públicas Música Design Redes Sistemas Interfaces E-acessibilidades Materiais Nanotecnologia Saúde Mobilidade de quadros Benchmarking universidades Integração mercado de trabalho União da Inovação Juventude em Movimento Agenda Digital para a Europa
  12. 12. Áreas temáticas do desenvolvimento sustentável Desenvolvimento sustentável Energia Mobilidade Alimentação Economia verde Qualidade ambiental ICT Ecodesign Agricultura biológica/ integrada Conservação Ar Água Materiais Construção Smart grids Fontes de energia renováveis Conforto térmico Gestão de tráfego Resíduos Ecosistemas Reciclagem Produção energia Turismo Logística Biodiversidade Riscos Clima Saúde Rural Balnear Modos de transporte Distribuição /produção local Eficiência no uso de recursos Política Industrial na Globalização
  13. 13. Áreas temáticas do desenvolvimento inclusivo Desenvolvimento inclusivo Saúde e Bem-estar Acessibilidades CompetênciasCoesão territorial Formação ao longo da vida Criação de emprego Proximidade formação-mundo empresarial Educação especial Envelhecimento activo Reabilitação Desenho inclusivo Acessibilidade edifícios Relação rural/urbano Infraestruturas Serviços públicos Fundos de coesão Formação para a saúde Apoio de proximidade Configuração de infraestruturas públicas Plataforma Europeia contra a Pobreza Agenda para as Competências
  14. 14. 2 desafios centrais Coesão territorial Geração de emprego universidade de aveiro DEMOSPIN
  15. 15. Proporção de migrantes por grupo etário Perfil migratório estimado para Dão-Lafões entre 1991-2001 e 2001-2011 -6% -4% -2% 0% 2% 4% 6% 8% 10% 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 50 55 60 65 70 75 80 Homens Mulheres Resultados
  16. 16. Proporção de migrantes por grupo etário Perfil migratório estimado para Pinhal Interior Sul entre 1991-2001 e 2001-2011 0% 2% 4% 6% 8% 10% 12% 14% 16% 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 50 55 60 65 70 75 80 Homens Mulheres Resultados
  17. 17. Resultados Viseu Sertã Oleiros Mação Tondela Mangualde Sátão Castro Daire Mortágua Vouzela Proença-a-Nova Nelas São Pedro do Sul Vila de Rei Aguiar da Beira Vila Nova de Paiva Carregal do Sal Penalva do Castelo Santa Comba Dão Oliveira de Frades ± 0 10 205 km Legenda Municipios Migrações 2010-2030 1,4% - 1,9% 1,91% - 2,6% 2,61% - 3,8% 3,81% - 5,5% 5,51% - 11,5% Legenda Municipios Migrações 2010-2030 1,4% - 1,9% 1,91% - 2,6% 2,61% - 3,8% 3,81% - 5,5% 5,51% - 11,5%
  18. 18. Proporção de migrantes por grupo etário Perfil migratório estimado para Dão-Lafões entre 1991-2001 e 2001-2011 -40% -30% -20% -10% 0% 10% 20% 30% 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 50 55 60 65 70 75 80 H 1991-2001 M 1991-2001 H 2001-2011 M 2001-2011 Resultados
  19. 19. Resultados Proporção de migrantes por grupo etário Perfil migratório estimado para Pinhal Interior Sul entre 1991-2001 e 2001-2011 -40% -30% -20% -10% 0% 10% 20% 30% 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 50 55 60 65 70 75 80 H 1991-2001 M 1991-2001 H 2001-2011 M 2001-2011
  20. 20. universidade de aveiro DEMOSPIN Geração de emprego Dão-Lafões: 1,5% de homens e 0,8% de mulheres de saldo migratório positivo (5473 indivíduos), sendo que a tendência de saída dos jovens entre 20 e 30 anos se mantém (o saldo migratório entre 2001-2011 foi de - 0,1%); O emprego económico na região deverá ser de 92980 postos de trabalho em 2030, o que representa uma diferença para o emprego demográfico de 864 empregos por quinquénio; Refira-se que a diminuição de empregos no último quinquénio foi de 8,8% (INE).
  21. 21. universidade de aveiro DEMOSPIN Geração de emprego Pinhal Interior Sul: necessita de saldos migratórios de 7,4% de homens e 5,8% de mulheres (9835 indivíduos), sobretudo jovens; O emprego deverá somar 17301 postos de trabalho no total da economia, sendo que a diferença entre os empregos económico e demográfico deverá ser de 997 por quinquénio; Relativamente a 2010, será necessário que o emprego económico aumente 2,1%, sob pena de não conseguir atrair migrantes; esta evolução obrigará à reversão do comportamento da economia, pois, no último quinquénio, a região perdeu 13,2% do emprego (INE).
  22. 22. universidade de aveiro DEMOSPIN Coesão territorial O decréscimo da população em regiões de baixa densidade populacional dificulta a prestação de serviços e a disponibilização de infraestruturas O envelhecimento torna a população remanescente cada vez mais dependente da sua prestação A reconfiguração dos equipamentos e serviços disponíveis
  23. 23. universidade de aveiro DEMOSPIN Coesão territorial Princípios da concentração descentralizada concentração de equipamentos e serviços nas áreas urbanas reforçando o seu posicionamento a nível nacional explorar complementariedades
  24. 24. universidade de aveiro DEMOSPIN Obrigado pela vossa atenção!
  25. 25. universidade de aveiro departamento de ciências sociais, políticas e do território grupo de estudos em território e inovação (GETIN_UA)
  26. 26. 2014-2020 Investimento que estimule o crescimento Programação integrada Governação multinível (maior autonomia local e regional) Condicionalismos Cooperação Concentração e selectividade Do QCA III e do QREN 2007-2013 ao QEC 2014-2020
  27. 27. 2014-2020 Eficiente utilização de recursos Inovação e competitividade das PME Combate à pobreza e à exclusão Competências e qualificações Criação de emprego Principais áreas temáticas de política pública Eficiência energética e fontes de energia renovável Investimento selectivo em infraestruturas
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×