• Like
Artigos e Substantivos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

Artigos e Substantivos

  • 300 views
Published

Apresentação sobre adjetivos

Apresentação sobre adjetivos

Published in Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
300
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
10
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. CLASSES DE PALAVRAS
  • 2. Critério semântico de classificação: nomeia os seres e, também, suas ações, seus sentimentos e suas características. SUBSTANTIVO CLASSES DE PALAVRAS mulher corrida alegria beleza
  • 3. Critério morfológico de classificação: palavra variável SUBSTANTIVO CLASSES DE PALAVRAS menino – meninos – menina - menininho
  • 4. Critério sintático de classificação: é sempre o núcleo de um sintagma nominal SUBSTANTIVO CLASSES DE PALAVRAS
  • 5. Substantivo: núcleo de sintagma nominal A cultura brasileira teve sua imagem estereotipada. A cultura brasileira culturasAs culturas brasileiras SUBSTANTIVO
  • 6. 1) Sobre o gênero SUBSTANTIVO – pontos relevantes a) Gênero não corresponde a sexo! Cleo Pires está um mulherão em seu último filme. SUBSTANTIVO um mulherão = gênero masculino
  • 7. 1) Sobre o gênero SUBSTANTIVO – pontos relevantes b) Gênero é definido pela tradição gramatical dó alface bacanal libido o dó (masculino) a alface (feminino) a bacanal (feminino) a libido (feminino) SUBSTANTIVO
  • 8. 1) Sobre o gênero SUBSTANTIVO – pontos relevantes c) Em certos casos, a mudança de gênero altera o significado do substantivo o grama (medida) a grama (vegetal) o moral (ânimo) a moral (normas) SUBSTANTIVO
  • 9. SUBSTANTIVO (Gênero)
  • 10. 2) Sobre o grau: aumentativo e diminutivo podem indicar mais que “tamanho” SUBSTANTIVO – pontos relevantes SUBSTANTIVO
  • 11. Aumentativo e depreciação “Solteirona gasta mais de 10 mil reais com outdoor para achar marido” www.picarelli.com.br SUBSTANTIVO
  • 12. Aumentativo e depreciação “Solteirona gasta mais de 10 mil reais com outdoor para achar marido” www.picarelli.com.br SUBSTANTIVO
  • 13. Diminutivo e afetividade (...) Agora a ação da pessoa, os olhos teimosos de Rita, que procuravam muita vez os dele, que os consultavam antes de o fazer ao marido, as mãos frias, as atitudes insólitas. Um dia, fazendo ele anos, recebeu de Vilela uma rica bengala de presente, e de Rita apenas um cartão com um vulgar cumprimento a lápis, e foi então que ele pôde ler no próprio coração; não conseguia arrancar os olhos do bilhetinho. Palavras vulgares; mas há vulgaridades sublimes, ou, pelo menos, deleitosas. A velha caleça de praça, em que pela primeira vez passeaste com a mulher amada, fechadinhos ambos, vale o carro de Apolo. Assim é o homem, assim são as cousas que o cercam. (ASSIS, Machado de. “A cartomante”. In: Várias Histórias. São Paulo: Ática, 2002, 4ª ed., p. 15). SUBSTANTIVO
  • 14. Diminutivo e afetividade (...) Agora a ação da pessoa, os olhos teimosos de Rita, que procuravam muita vez os dele, que os consultavam antes de o fazer ao marido, as mãos frias, as atitudes insólitas. Um dia, fazendo ele anos, recebeu de Vilela uma rica bengala de presente, e de Rita apenas um cartão com um vulgar cumprimento a lápis, e foi então que ele pôde ler no próprio coração; não conseguia arrancar os olhos do bilhetinho. Palavras vulgares; mas há vulgaridades sublimes, ou, pelo menos, deleitosas. A velha caleça de praça, em que pela primeira vez passeaste com a mulher amada, fechadinhos ambos, vale o carro de Apolo. Assim é o homem, assim são as cousas que o cercam. (ASSIS, Machado de. “A cartomante”. In: Várias Histórias. São Paulo: Ática, 2002, 4ª ed., p. 15). SUBSTANTIVO
  • 15. Um homem chorando também. Uma mulher chorando comove. Uma criança chorando, mais ainda. Do concreto ao abstrato – o processo de abstração Em resumo, o choro comove. SUBSTANTIVO 3) Substantivos concretos e substantivos abstratos
  • 16. 3) Substantivos concretos e substantivos abstratos SUBSTANTIVO – pontos relevantes Concretos: têm existência própria, seja no mundo natural ou no fictício Abstratos: significam idéias, conceitos, noções, cuja existência se dá nos seres SUBSTANTIVO
  • 17. Critério semântico de classificação: nomeia os seres e, também, suas ações, seus sentimentos e suas características. CLASSES DE PALAVRAS corrida alegria beleza
  • 18. Critério sintático de classificação: desempenha função de satélite do substantivo ADJETIVO Critério morfológico de classificação: palavra variável Critério semântico de classificação: expressa característica do substantivo CLASSES DE PALAVRAS
  • 19. Finalmente, o famigerado projeto de Lei de lmprensa seguirá para apreciação em plenário. Seu texto, porém, nebuloso por não fixar limites para as indenizações por calúnia, injúria e difamação, significará tão somente uma espada de Dâmocles sobre nossos injustiçados e perseguidos jornalistas. Exemplos ADJETIVO
  • 20. Finalmente, o famigerado projeto de Lei de lmprensa seguirá para apreciação em plenário. Seu texto, porém, nebuloso por não fixar limites para as indenizações por calúnia, injúria e difamação, significará tão somente uma espada de Dâmocles sobre nossos injustiçados e perseguidos jornalistas. Exemplos ADJETIVO
  • 21. Finalmente, o famigerado projeto de Lei de lmprensa seguirá para apreciação em plenário. Seu texto, porém, nebuloso por não fixar limites para as indenizações por calúnia, injúria e difamação, significará tão somente uma espada de Dâmocles sobre nossos injustiçados e perseguidos jornalistas. Exemplos ADJETIVO
  • 22. Finalmente, o famigerado projeto de Lei de lmprensa seguirá para apreciação em plenário. Seu texto, porém, nebuloso por não fixar limites para as indenizações por calúnia, injúria e difamação, significará tão somente uma espada de Dâmocles sobre nossos injustiçados e perseguidos jornalistas. Exemplos ADJETIVO
  • 23. 1) Ordem e efeito de sentido ADJETIVO – pontos mais relevantes Vendo o triste pastor que com enganos lhe fora assim negada a sua pastora, como se não a tivera merecida, Começa de servir outros sete anos, dizendo: Mais servira, se não fora para tão longo amor tão curta a vida! (Luís de Camões) ADJETIVO
  • 24. 2) Ordem e mudança de sentido ADJETIVO velho amigoamigo velho
  • 25. 2) Ordem e mudança de sentido ADJETIVO homem pobre pobre homem
  • 26. 3) Ordem e mudança de classe gramatical ADJETIVO Durante a Copa do Mundo deste ano (2002), foi veiculada, em programa esportivo de uma emissora de TV, a notícia de que um apostador inglês acertou o resultado de uma partida, porque seguiu os prognósticos de seu burro de estimação. Um dos comentaristas fez, então, a seguinte observação: “Já vi muito comentarista burro, mas burro comentarista é a primeira vez”.
  • 27. ADJETIVOS ou SUBSTANTIVOS “comentarista burro” substantivo adjetivo “burro comentarista” substantivo adjetivo 3) Ordem e mudança de classe gramatical
  • 28. Expressões de função adjetiva, formadas por preposição e substantivo LOCUÇÕES ADJETIVAS ADJETIVOS Carne bovina Carne de boi adjetivo locução adjetiva
  • 29. LOCUÇÕES ADJETIVAS ADJETIVOS Carinho avuncular Carinho de tio adjetivo locução adjetiva Barba hircina Barba de bode adjetivo locução adjetiva Casa ??? Casa de tijolos adjetivo locução adjetiva
  • 30. ADJETIVOS ou SUBSTANTIVOS (Fuvest) Segundo a ONU, os subsídios dos RICOS prejudicam o Terceiro Mundo de várias formas: 1. mantêm baixos os preços internacionais, desvalorizando as exportações dos países POBRES; 2. excluem os POBRES de vender para os mercados RICOS; 3. expõem os produtores pobres à concorrência de produtos mais baratos em seus próprios países. (“Folha de S. Paulo”, 02/11/97) Neste texto, as palavras em maiúsculo RICO e POBRE pertencem a diferentes classes de palavras, conforme o grupo sintático em que estão inseridas. (Fuvest) Segundo a ONU, os subsídios dos RICOS prejudicam o Terceiro Mundo de várias formas: 1. mantêm baixos os preços internacionais, desvalorizando as exportações dos países POBRES; 2. excluem os POBRES de vender para os mercados RICOS; 3. expõem os produtores pobres à concorrência de produtos mais baratos em seus próprios países. (“Folha de S. Paulo”, 02/11/97) Neste texto, as palavras em maiúsculo RICO e POBRE pertencem a diferentes classes de palavras, conforme o grupo sintático em que estão inseridas. a) Obedecendo à ordem em que aparecem no texto, identifique a classe a que pertencem, em cada ocorrência em maiúsculo, as palavras RICO e POBRE; (Fuvest) Segundo a ONU, os subsídios dos RICOS prejudicam o Terceiro Mundo de várias formas: 1. mantêm baixos os preços internacionais, desvalorizando as exportações dos países POBRES; 2. excluem os POBRES de vender para os mercados RICOS; 3. expõem os produtores pobres à concorrência de produtos mais baratos em seus próprios países. (“Folha de S. Paulo”, 02/11/97) Neste texto, as palavras em maiúsculo RICO e POBRE pertencem a diferentes classes de palavras, conforme o grupo sintático em que estão inseridas. a) Obedecendo à ordem em que aparecem no texto, identifique a classe a que pertencem, em cada ocorrência em maiúsculo, as palavras RICO e POBRE; b) Escreva duas frases com a palavra BRASILEIRO, empregando-a cada vez em uma dessas classes.
  • 31. Critério sintático de classificação: desempenha função de satélite do substantivo Critério morfológico de classificação: palavra variável ARTIGO CLASSES DE PALAVRAS Critério semântico de classificação: marca o substantivo como específico ou genérico; como compartilhado ou não compartilhado
  • 32. •Definido (“o”): refere-se ao compartilhado, ao específico Ex.: O entregador está chamando. •Indefinido (“um”): refere-se ao não compartilhado, ao genérico Ex.: Um entregador está chamando. ARTIGO
  • 33. “Eu sou um cara”. genérico Eu sou o cara. específico ARTIGO
  • 34. Ela não está mais gostando do namoro. específico Ela não está mais gostando deø namoro. genérico ARTIGO
  • 35. “Solteirona gasta mais de 10 mil reais com outdoor para achar ø marido” www.picarelli.com.br ARTIGO
  • 36. específico/ totalidade ø Medidas do governo em 2009 terão como objetivo amenizar os efeitos da crise. genérico/ parcialidade ARTIGO ø Medidas do governo em 2009 terão como objetivo amenizar os efeitos da crise. As medidas do governo em 2009 terão como objetivo amenizar os efeitos da crise. As medidas do governo em 2009 terão como objetivo amenizar os efeitos da crise.
  • 37. ARTIGO (Fuvest) As duas manas Lousadas! Secas, escuras e gárrulas como cigarras, desde longos anos, em Oliveira, eram elas as esquadrinhadoras de todas as vidas, as espalhadoras de todas as maledicências, as tecedeiras de todas as intrigas. E na desditosa cidade, não existia nódoa, pecha, bule rachado, coração dorido, algibeira arrasada, janela entreaberta, poeira a um canto, vulto a uma esquina, bolo encomendado nas Matildes, que seus olhinhos furantes de azeviche sujo não descortinassem e que sua solta língua, entre os dentes ralos, não comentasse com malícia estridente. (Eça de Queirós, “A ilustre Casa de Ramires”)
  • 38. No texto, o emprego de artigos definidos e a omissão de artigos indefinidos têm como efeito, respectivamente, a) atribuir às personagens traços negativos de caráter; apontar Oliveira como cidade onde tudo acontece. b) acentuar a exclusividade do comportamento típico das personagens; marcar a generalidade das situações que são objeto de seus comentários. c) definir a conduta das duas irmãs como criticável; colocá-las como responsáveis pela maioria dos acontecimentos na cidade. d) particularizar a maneira de ser das manas Lousadas; situá- las numa cidade onde são famosas pela maledicência. ARTIGO
  • 39. ARTIGO (Fuvest) As duas manas Lousadas! Secas, escuras e gárrulas como cigarras, desde longos anos, em Oliveira, eram elas as esquadrinhadoras de todas as vidas, as espalhadoras de todas as maledicências, as tecedeiras de todas as intrigas. E na desditosa cidade, não existia nódoa, pecha, bule rachado, coração dorido, algibeira arrasada, janela entreaberta, poeira a um canto, vulto a uma esquina, bolo encomendado nas Matildes, que seus olhinhos furantes de azeviche sujo não descortinassem e que sua solta língua, entre os dentes ralos, não comentasse com malícia estridente. (Eça de Queirós, “A ilustre Casa de Ramires”)
  • 40. No texto, o emprego de artigos definidos e a omissão de artigos indefinidos têm como efeito, respectivamente, ARTIGO No texto, o emprego de artigos definidos e a omissão de artigos indefinidos têm como efeito, respectivamente, a) atribuir às personagens traços negativos de caráter; apontar Oliveira como cidade onde tudo acontece. No texto, o emprego de artigos definidos e a omissão de artigos indefinidos têm como efeito, respectivamente, a) atribuir às personagens traços negativos de caráter; apontar Oliveira como cidade onde tudo acontece. b) acentuar a exclusividade do comportamento típico das personagens; marcar a generalidade das situações que são objeto de seus comentários. No texto, o emprego de artigos definidos e a omissão de artigos indefinidos têm como efeito, respectivamente, a) atribuir às personagens traços negativos de caráter; apontar Oliveira como cidade onde tudo acontece. b) acentuar a exclusividade do comportamento típico das personagens; marcar a generalidade das situações que são objeto de seus comentários. c) definir a conduta das duas irmãs como criticável; colocá-las como responsáveis pela maioria dos acontecimentos na cidade. No texto, o emprego de artigos definidos e a omissão de artigos indefinidos têm como efeito, respectivamente, a) atribuir às personagens traços negativos de caráter; apontar Oliveira como cidade onde tudo acontece. b) acentuar a exclusividade do comportamento típico das personagens; marcar a generalidade das situações que são objeto de seus comentários. c) definir a conduta das duas irmãs como criticável; colocá-las como responsáveis pela maioria dos acontecimentos na cidade. d) particularizar a maneira de ser das manas Lousadas; situá- las numa cidade onde são famosas pela maledicência. No texto, o emprego de artigos definidos e a omissão de artigos indefinidos têm como efeito, respectivamente, a) atribuir às personagens traços negativos de caráter; apontar Oliveira como cidade onde tudo acontece. b) acentuar a exclusividade do comportamento típico das personagens; marcar a generalidade das situações que são objeto de seus comentários. c) definir a conduta das duas irmãs como criticável; colocá-las como responsáveis pela maioria dos acontecimentos na cidade. d) particularizar a maneira de ser das manas Lousadas; situá- las numa cidade onde são famosas pela maledicência. e) associar as ações das duas irmãs; enfatizar seu livre acesso a qualquer ambiente na cidade.