Modelo relatório anual ppra
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Modelo relatório anual ppra

on

  • 772 views

 

Statistics

Views

Total Views
772
Views on SlideShare
772
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
14
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Modelo relatório anual ppra Presentation Transcript

  • 1. /mnt/temp/unoconv/20131127211528/modelorelatrioanualppra-131127151528-phpapp01.doc RELATÓRIO ANUAL DO PPRA DA UN-REDUC – GESTÃO 2004 1-INTRODUÇÃO 2- DESENVOLVIMENTO - METAS ATINGIDAS E QUE NÃO FORAM ATINGIDAS; - AÇÕES CORRETIVAS PARA AS METAS NÃO ATINGIDAS; - JUSTIFICATIVAS PARA AS ALTERAÇÕES DO CRONOGRAMA. 2.1- AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DAS MEDIDAS DE CONTROLE 3- ANEXOS - CRONOGRAMA DE AVALIAÇÃO - 2004 - CRONOGRAMA DE AVALIAÇÃO – 2005 (Proposto) 1- INTRODUÇÃO Atendendo às diretrizes do Documento-Base do PPRA e procedimento PA-SMS-032 (PPRA) da UN-REDUC, apresentamos o Relatório Anual do PPRA, versão 2004. A avaliação da eficácia das ações de controle, a verificação das metas atingidas, as ações corretivas e as justificativas para as alterações do Cronograma do PPRA estão descritas neste documento e servirão de base para a elaboração do Cronograma de eventos do PPRA-2005. 1
  • 2. /mnt/temp/unoconv/20131127211528/modelorelatrioanualppra-131127151528-phpapp01.doc 2- DESENVOLVIMENTO CRONOGRAMA DO PPRA 2004 ANO 2004 JAN FEV MAR ABR ITEM EVENTOS A Licitação para contratação de Sistema de Informação de Produtos xx xx Químicos B Desenvolvimento do Sistema de Informação de Produtos Químicos xx xx C Implantação do Sistema de Informação de Produtos Químicos D Implantação dos padrões corporativos do PPRA xx E Reconhecimento e avaliação dos riscos1, levantados nos mapas de riscos das unidades 1710, 1790, 1720, 1730, 1740 e todas do ER/AE. F Reconhecimento e avaliação dos riscos, levantados nos mapas de riscos das demais áreas, conforme programação da equipe de HI. G Mapeamento de ruído em toda a área da REDUC com sinalização das áreas criticas (contrato). H Programa de Conservação da Audição: divulgar resultados da pesquisa de qualidade dos EPI. I Programa de Conservação da Audição: iniciar análise de ações de controle na fonte. J Palestras de informação dos riscos do ambiente de trabalho (PPRA, xx xx PROAUDIRE, PPEOB, PROERGO e PPR) K Manter atendimento ao PPEOB xx xx xx xx L Avaliação da eficácia das ações de controle implementadas no carregamento de óleo combustível (TE/MC) 1 Os riscos serão priorizados conforme padrão corporativo de PPRA. 2 MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx
  • 3. /mnt/temp/unoconv/20131127211528/modelorelatrioanualppra-131127151528-phpapp01.doc QUADRO 1 –ACOMPANHAMENTO DO CRONOGRAMA DO PPRA 2004 ITEM EVENTO A Licitação para contratação de Sistema de Informação de Produtos Químicos B Desenvolvimento do Sistema de Informação de Produtos Químicos C Implantação do Sistema de Informação de Produtos Químicos Implantação dos padrões corporativos do PPRA D E F G H I J 2 Reconhecimento e avaliação dos riscos2, levantados nos mapas de riscos das unidades 1710, 1790, 1720, 1730, 1740 e todas do ER/AE. Reconhecimento e avaliação dos riscos, levantados nos mapas de riscos das demais áreas, conforme programação da equipe de HI. Mapeamento de ruído em toda a área da REDUC com sinalização das áreas criticas (contrato). Programa de Conservação da Audição: divulgar resultados da pesquisa de qualidade dos EPI. Programa de Conservação da Audição: iniciar análise de ações de controle na fonte. Palestras de informação dos riscos do ambiente de trabalho (PPRA, PROAUDIRE, PPEOB, PROERGO e PPR) REALIZADO SIM (CENPES) 02/2004 SIM (CENPES) 05/2004 SIM 08/2004 Não 05/2004 Não 12/2004 JUSTIFICATIVA Negociação e implantação de sistema criado pelo CENPES. Negociação e implantação de sistema criado pelo CENPES. Negociação e implantação de sistema criado pelo CENPES. Os padrões ainda não foram aprovados pelo corporativo. Contratação de dois técnicos para integrar a equipe de Higiene Ocupacional. Não 12/2004 Contratação de dois técnicos para integrar a equipe de Higiene Ocupacional. Não 12/2004 EN/CT em processo de contratação. Sim 06/2004 Sim 10/2004 SIM 12/2004 Não aplicável Os riscos serão priorizados conforme padrão corporativo de PPRA. 3 Tivemos as primeiras reuniões com Dr. Mauricio e a Fonoaudióloga. Não aplicável
  • 4. /mnt/temp/unoconv/20131127211528/modelorelatrioanualppra-131127151528-phpapp01.doc K Manter atendimento ao PPEOB L Avaliação da eficácia das ações de controle implementadas no carregamento de óleo combustível (TE/MC) SIM 12/2004 Não 12/2004 Não aplicável O TE/MC iniciou ação de controle em novembro, não sendo aprovado o primeiro exaustor instalado. Novo exaustor em fase de instalação para teste, devendo ser testado em janeiro de 2005. QUADRO 2 - EVENTOS QUE NÃO FAZEM PARTE DO CRONOGRAMA DO PPRA DE 2004 ITEM EVENTO JUSTIFICATIVA 01 Reconhecimento e avaliações ambientais com inclusão no PPEOB do TE/ML Empregados com baixa de leucócitos que poderiam estar relacionados ao benzeno AÇÃO RECURSO MOBILIZADO Reconhecimento e avaliação dos Dois (02) – Técnicos agentes e locais que poderiam de Segurança; contribuir para o quadro apresentado Um (01) – Engenheiro de Segurança; 2.1 AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DAS MEDIDAS DE CONTROLE: A eficácia das medidas de controle pode ser avaliada através das seguintes ferramentas: • Monitorização ambiental e pessoal. • Auditorias de SMS pontuais. • Auditorias de SMS do Sistema de Gestão Integrada (SGI). Os resultados de monitorizações ambientais e pessoais encontram-se em documento anexo ao PPRA intitulado “Resultados das Avaliações do PPRA-2004”. Não foram realizadas auditorias de SMS pontuais. À área do TE/ML sofreu inspeções do MTE / DRT (Ministério do Trabalho e Emprego – Delegacia Regional do Trabalho), em conseqüência de denuncia a Comissão Estadual de Benzeno de trabalhadores com baixa de leucócitos neste local. Foi negociado nestas visitas que, apesar das medições 4
  • 5. /mnt/temp/unoconv/20131127211528/modelorelatrioanualppra-131127151528-phpapp01.doc instantâneas realizadas com o cromatógrafo de campo Voyager apresentar baixas concentrações de benzeno nas piores situações de exposição, drenagem do selo hidráulico dos flares e purga das bombas dos vasos dos flares, preventivamente incluiríamos no programa, para um acompanhamento aproximado de 5 anos o TE/ML no PPEOB. A CIPA e o Sindicato participaram de todo o processo, inclusive acompanharam várias avaliações ambientais efetuadas pelo SMS/HO. 2.1.1 Auditorias de SMS do Sistema de Gestão Integrada (SGI) e Auditoria de Certificação do SA-8000: Durante o ano de 2004 foi realizada uma (1) auditoria do Sistema de Gestão Integrada e uma (1) auditoria de certificação do SA8000. 5
  • 6. /mnt/temp/unoconv/20131127211528/modelorelatrioanualppra-131127151528-phpapp01.doc 3 – ANEXOS CRONOGRAMA DO PPRA 2005 ANO 2005 JAN FEV MAR ABR ITEM EVENTOS A Verificação do nível de vibração na área do CB/DCCF xx B Implantação dos padrões corporativos do PPRA C Reconhecimento e avaliação dos riscos3, levantados nos mapas de xx xx riscos das unidades 1710, 1790, 1720, 1730, 1740 e todas do ER/AE. D Reconhecimento e avaliação dos riscos, levantados nos mapas de riscos das demais áreas, conforme programação da equipe de HI. E Mapeamento de ruído em toda a área da REDUC com sinalização xx xx das áreas criticas (contrato). F Programa de Conservação da Audição: iniciar análise de ações de controle na fonte. G Palestras de informação dos riscos do ambiente de trabalho (PPRA, xx xx PROAUDIRE, PPEOB, PROERGO e PPR) H Manter atendimento ao PPEOB xx xx xx xx I Avaliação da eficácia das ações de controle a serem implementadas no carregamento de óleo combustível (TE/MC) 3 Os riscos serão priorizados conforme padrão corporativo de PPRA. 6 MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx xx
  • 7. /mnt/temp/unoconv/20131127211528/modelorelatrioanualppra-131127151528-phpapp01.doc OBJETIVOS E METAS DO PPRA - UN-REDUC / 2005 Item Meta Como Fazer (evento) A Atender solicitação da Contratando pessoal especializado, com CIPA de verificação da equipamentos de avaliação incluída e com vibração no CB/DCCF possibilidade de acompanhamento de nossa equipa para aperfeiçoamento técnico. B Padronizar gestão dos Implantar padrões corporativos do PPRA PPRA na Companhia. C Atender solicitação da Analisando os mapas de risco, adotando os CIPA (subcomissão de critérios corporativos de PPRA para priorização mapa de risco) dos riscos. D Atender solicitação da Analisando os mapas de risco, adotando os CIPA (subcomissão de critérios corporativos de PPRA para priorização mapa de risco) dos riscos. E Atualizar mapeamento dos Contratar mão de obra especializada níveis de pressão sonora da REDUC F Iniciar estudo de redução Analisando mapeamento e dosimetrias de ruído, dos níveis de pressão atualizadas, priorizando áreas e atividades mais sonora na área industrial criticas. G Informar os riscos dos Apresentar palestras do SGI (PPRA, ambientes de trabalho e as PROAUDIRE, PPEOB, PROERGO e PPR) formas de prevenção H Manter atendimento ao Executar Plano de Ação do PPEOB 2005, requisito legal, NR-15, elaborado pelo grupo formado por representantes Anexo 13-A. das áreas incluídas no PPEOB e por representantes do GTB. I Reduzir a exposição da Avaliando quantitativamente a exposição dos força de trabalho no empregados contratados responsáveis pelo carregamento de óleo carregamento de óleo combustível. combustível. 4 Unidades 1710, 1790, 1720, 1730, 1740 e todas do ER/AE. 7 Prazo Maio / 2005 Responsável SMS Quantificação Não aplicável. Junho / 2005 Dezembro / 2005 SMS SMS / PETR. SMS CIPA 100 % dos padrões especificados 100 % das áreas listadas4 Dezembro / SMS 2005 CIPA 50 % das demais áreas Agosto / 2005 100 % das unidades em operação SMS Dezembro / SMS 2005 Não aplicável. Dezembro / SMS 2005 RH 100 % do cronograma do RH Dezembro / SMS, ER/AE. 2005 TE/MC, TE/ML, OT/QP e CB/DRT Conforme metas do Plano de Ação do PPEOB 2005. Maio / 2005 Não aplicável. SMS TE/MC
  • 8. /mnt/temp/unoconv/20131127211528/modelorelatrioanualppra-131127151528-phpapp01.doc Assinaturas: Paulo Sérgio C. Carpintero Gerente de SMS da REDUC Gustavo V. Barcellos Engenheiro de Segurança Pleno João Batista G. Ferreira Técnico de Segurança II 8