Leo e albertina "Uma história de amor"

  • 5,229 views
Uploaded on

Power Point utilizado com os alunos da SAAI nos trabalhos referente ao Dia dos Namorados . …

Power Point utilizado com os alunos da SAAI nos trabalhos referente ao Dia dos Namorados .

Ps. Os créditos estão no ppt .

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
5,229
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
122
Comments
1
Likes
2

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Leo e Albertina ESCRITO E ILUSTRADO POR CHRISTINE DAVENIER
  • 2. Todas as manhãs a gamela de Leo estava cheia de ração de primeira qualidade e ele sempre encontrava uma linda poça de lama onde brincava com seus vários amigos. Enfim, Leo levava uma boa vida de porco. Isto é, antes de se apaixonar... Uma linda galinha, Albertina, havia roubado o coração de Leo. O que ele poderia fazer para chamar sua atenção? Pobre Leo! Estava desesperado e não pensava em outra coisa. Então decidiu pedir conselho aos amigos...
  • 3. A melhor maneira de seduzir uma galinha - proclamou o galo - é cantar.
  • 4. Mas os roncos de Albertina encobriam a serenata de Leo.
  • 5. Dance, dance, dance - repetiu o coelho alegremente - Isso sempre dá certo.
  • 6. Mas Albertina continuou comendo e nem levantou a cabeça.
  • 7. Como pretende conquistar Albertina quando você é tão emporcalhado? - perguntou o peru - Comece por melhorar sua aparência e aí ela irá notá-lo.
  • 8. Mas Albertina estava muito ocupada para reparar em Leo.
  • 9. Não seja molenga - urrou o touro - As damas gostam de nós quando somos fortes. Mostre a ela sua força!
  • 10. Mas Albertina não estava interessada.
  • 11. Que tal se você mostrasse seu talento mergulhando no lago? - sugeriu o pato.
  • 12. Mas Albertina estava apressada demais para admirar a proeza de Leo.
  • 13. "Não adianta", pensou Leo, com lágrimas nos olhos. "Já tentei de tudo. Albertina nunca vai reparar em mim. Vou-me embora." - Ei, Leo! Aonde você vai? Quer brincar comigo? - gritou seu amigo Gastão. - E por que não?
  • 14. Leo pulou na lama e os dois amigos rodopiaram, saltaram, deram cambalhotas e mergulharam. Riram tanto que Leo até esqueceu sua tristeza.
  • 15. Sua alegria era contagiante. Logo todos os animais da fazenda estavam brincando na lama.
  • 16. De repente, Leo parou. Não podia acreditar no que via. Lá estava Albertina, à sua frente, sorrindo. - Oh, Leo! Estou me divertindo tanto com você! Adoraria fazer tudo de novo!
  • 17. Leo respirou fundo, fechou os olhos e, sem pedir conselho a ninguém, sussurrou: - Eu amo você, Albertina.
  • 18. fim