http://paroquiamodelo.blogspot.comParóquia Nossa Senhora Aparecida   Informativo Paroquial   Ano 2 - Edição 07 - Julho 2012
2                                                                                                    http://paroquiamodelo...
http://paroquiamodelo.blogspot.com                                                                                        ...
4                                                                                            http://paroquiamodelo.blogspo...
http://paroquiamodelo.blogspot.com                                                                                        ...
6                                    http://paroquiamodelo.blogspot.com                                           Fatos e ...
http://paroquiamodelo.blogspot.com                                                            7                           ...
8                                                                                         http://paroquiamodelo.blogspot.c...
http://paroquiamodelo.blogspot.com                                                                                        ...
10                                                                                           http://paroquiamodelo.blogspo...
http://paroquiamodelo.blogspot.com                                                                                        ...
12                       http://paroquiamodelo.blogspot.com     Seja um de nossos             Seja um de nossos      patro...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Jornal julho

523 views
471 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
523
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
4
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Jornal julho

  1. 1. http://paroquiamodelo.blogspot.comParóquia Nossa Senhora Aparecida Informativo Paroquial Ano 2 - Edição 07 - Julho 2012
  2. 2. 2 http://paroquiamodelo.blogspot.com Editorial Sua Santidade tude, colocando-a em situação ceiro, o fortalecimento e/ou cria- JMJ RIO2013 de risco permanente. O mundo ção de centros que possam a- Legado social da das drogas que a envolve direta- colher aqueles que precisarem de mente no consumo e no tráfico. E imediato atendimento. Jornada Mundial da por meio dela a todos os que con- São tantas as famílias e Juventude. vivem em seus diversos ambien- jovens que precisam de socorro tes: as famílias dos dependentes e não sabem a quem recorrer. químicos, bem como outros estu- Segundo o Documento de Apare- Quando acontece um dantes, professores, catequistas, cida, “o problema da droga é como grande evento em nossa socie- profissionais da área de educação mancha de óleo que invade tudo. dade, pergunta-se sempre qual e saúde. Não reconhece fronteiras, nem será o legado. Isto não é coisa No Brasil, em 2005, o geográficas, nem humanas. Ataca apenas deste momento. Conver- número de consumidores chegou igualmente países ricos e pobres, sando com pessoas que acom- a 2,6% da população. A estimativa crianças, jovens, adultos e ido- panharam o grande evento acon- é que mais de 1,2 milhão de pes- sos, homens e mulheres. A Igreja tecido em 1955, o Congresso soas sejam usuárias de crack no não pode permanecer indiferente Alegrai-vos sempre no Eucarístico Internacional do Rio país. A média de idade do início diante desse flagelo que está de Janeiro, elas lembram-se da do uso é de 13 anos (Ministério destruindo a humanidade, espe- Senhor... fala de Dom Helder que, pensan- da Saúde, 2010/2011- www.portal. cialmente as novas gerações” (DA do no que poderia ser deixado de saude.gov.br). nº 422). Precisamos ser para eles, legado para a cidade do Rio, teve A partir desta realidade, jovens e familiares, farol da esper- Com alegria iniciamos o a sublime ideia de criar um or- a Jornada Mundial da Juventude ança. Este será o nosso desafio emês de julho, e nele vamos viver ganismo que pudesse ser o apoio quer deixar um legado social que o nosso legado.intensamente o tempo da Igreja, para tantos abandonados de nos- abrangerá três dimensões. Pri-diariamente dando testemunho do sa cidade.Levou a eles a esperan- meiro, um trabalho de prevenção Por Flávio TambeliniCristo que conhecemos e ama- ça num futuro melhor. Nasceu o atuando em todos os ambientes; Fonte: Radio Vaticanomos, comprometendo-nos então conhecido Banco da Providência, segundo, uma rede de entidades,de anunciá-lo. Alegramo-nos que há 50 anos vem sendo lugar envolvendo as organizações daneste mês de férias escolares, ale- de atendimento para os mais po- sociedade civil, que possa sergramo-nos com nossa juventude, bres da cidade. facilmente acessada como apoiopelo grande evento da Jornada Hoje em dia, uma praga aos que se envolvem no uso deMundial da Juventude na sua con- ataca o coração de nossa juven- drogas e seus familiares; e, ter-tagem regressiva, alegramo-noscom nossos vovôs e vovós no seudia (dia de Santana e São Joa-quim). Alegremo-nos com nossos O Pastor entre nósamigos, celebrando o seu dia. Inicia-se esta ajuda em sua infân- tes políticos e os filósofos da edu- Enfim, vivamos este mês Educação de qualidade, cia, na família ou em entidades cação parecem desconhecer comcom grande alegria proporcionada necessidade urgente! – na área da educação. Ele precisa quem estão lidando! A organiza-por Cristo nosso Senhor. ser educado, orientado principal- ção sócio-político está direciona-Que Deus lhe abençoe querido Monsenhor Paulo Daher mente na fase de seu desenvolvi- da para produção, consumo, eco-leitor, concedendo-lhe a cada dia mento psico-físico. nomia. O ser humano é o veículoa alegria de Viver! O ser humano é perfeito A família hoje, por mui- tas circunstâncias não consegue com o qual a sociedade se vale na estrutura de sua própria na- para seus interesses materiais. Minha benção, Pe. Rodrigo cuidar como é necessário deste Se os meios que vamos tureza. Mas como todo o ser vivo, Alberti encaminhamento para a vida. A conquistando com uma tecnolo- ele tem qualidades e capacidades Escola e a Religião entram como gia avançada forem colocados em que pedem desenvolvimento para fatores de influência nesta cami- mãos de pessoas mal formadas, chegar à maturidade. nhada. adeus terra! Começa frágil, neces- Escola e Religião tem sitado de elementos externos a meios suficientes para conduzir O futuro da humanidade se si mesmo para ativar todos os Expediente os pensamentos, os conceitos, os delineia já agora! Que futuro componentes de seu ser espiritual sentimentos, os ideais para que aInformativo Paroquial - Modelo Católico e “material” (na escala animal – queremos?Paróquia Nossa Senhora Aparecida - Parada Mod- pessoa consiga decidir pelo que o como ser vivo). Que sentido tem, teve e terá oelo - Guapimirim - RJ conduz por caminhos de realiza-Pároco: Pe. Rodrigo Alberti Nos dois campos de sua Rio+20?Rua Marcionílio Ignácio, 209 - Parada Modelo - ção pessoal, familiar e social. vida o ser humano pede atençãoGuapimirim - RJ - Diocese de Petrópolis A Educação de nossas de quem cuida dele em idade in-Gráfica: Gráfica Jornal da Cidade / Tiragem: crianças, adolescentes e jovens fantil, e depois deve contar com o1.000 exemplares hoje também recebe influênciaDiagramação: Juliara Vasconcelos seu relacionamento adulto, racio-Colaboradores: Pe. Rodrigo Alberti, Marlúcia dos meios de comunicação social Por Flávio Tambelini nal e sentimental com outras pes-Seixas, Emanuelle Gomes, Glauco Gomes, Car- escrita, falada, televisionada, e Fonte: Diocese de Petrópolislos Alberto, Lenalda, Alex Marcelino, Seminarista soas.Rafael Augusto, Felipe Seixas, Flávio Tambelini, por internet. Limito-me hoje a fazerVânia Marcelino, Paulo Roberto, Ivan Coutinho e A preocupação maiorJuliara Vasconcelos. algumas considerações sobre oFotos: Alex Marcelino, Marlúcia Seixas, Glauco diante de nossa população que que chamamos de “educação” eGomes e Juliara Vasconcelos cresce e promete ser o futuro de “formação” de sua personalidade. nossa pátria é que nossos dirigen-
  3. 3. http://paroquiamodelo.blogspot.com 3 Matéria da capa cias, e eles poderão sentir-se evento. “cabeça” na JMJ, devido a isto, Jornada Mundial da membros da família acolhedora. Teremos ainda, ao longo no ano de 2013 não vamos reali- Um outro projeto é a deste período de preparação, zar nenhum encontro, tudo estará Juventude campanha do “Apadrinhe um pe- alguns eventos, começaremos voltado para este grande aconte- regrino” , onde cada pessoa da pois, no dia 15 de Julho próximo cimento, que com certeza valerá comunidade poderá “apadrinhar” com uma contagem regressiva a pena, uma experiência única de O nosso Brasil prepara- ou “adotar” um peregrino com a faltando exatamente 1 ano para o nossas vidas.se para um grande evento católico contribuição de 10 reais men- aconte-cimento. Teremos aqui na Por isto, faço este ape-no próximo ano, dos dias 23 a 28 sais de junho de 2012 à julho de paróquia uma tarde, iniciando às lo a você, querido paroquiano ede Julho, a Jornada Mundial da leitor, que nos ajude nesta obraJuventude, por isto nos alegramos de Deus, principalmente com seue aguardamos ansiosamente empenho, alegria e doação. Con-por dias tão importantes para fiamos ainda esta obra nas mãosnós. Nossa paróquia, seguindo de nossa Mãe, Nossa Senhoraas orientações da diocese e de Aparecida, e no Beato José detoda a comissão organizadora da Anchieta. Que Deus nos abençoe.JMJ. Reuniões de preparação jácomeçaram a ser feitas por uma Confira todas as informa-pequena comissão, surgindo as- ções da JMJ no site: www.rio2013.sim, idéias e projetos do que viver- com . Fique por dentro.emos neste período aqui também “Ide e fazei discípulos entre todasna Paróquia, estamos traçando as nações” Mt 28,19e já até colocando em ação al-gumas metas e projetos,como a Por Pe Rodrigocampanha dos peregrinos acolhi-dos, fechamos um número de 250 2013, precisamos assim de um 16hs com oração, palestra, filme,jovens que aqui receberão acol- número de 250 padrinhos, para tira dúvidas, e muitos mais, abertahimento nas famílias. Por que fe- os 250 peregrinos, então, mais a todos e principalmente às pes-chamos este número? um desafio. Todo o valor arrecado soas que irão acolher os peregri- Primeiro pelas condições, será empregado em transportes, nos. Iniciaremos então a conta-nossa paróquia não é tão grande propagandas e atividades extras gem regressiva. Teremos ao longoassim, depois para melhor a- que com certeza vão acontecer, deste ano, Vigílias, os chamadoscolher: optamos em não colocar deste modo contaremos sim com “Bote Fé”; entre outras atividades.peregrinos em escolas, sítios ou a generosidade de cada fiel de É Importante movimentarmos esalões, pois o intuito é acolhe-lhos nossa paróquia, se não financeiro, difundirmos esta idéia. Atençãoem família, onde poderá haver um voluntário para trabalhar e divul- ainda aos diversos grupos e movi-intercambio, trocas de experiên- gar. Será um grande e marcante mentos, todos deverão entrar de Conhecendo a fé vivo e místico de Nosso Senhor. temos atitudes e modos diferen- nadar contra a maré.” “Reconstrói a No nosso mundo contemporâneo, tes, e o principal, será que nós São Francisco mudou minha Igreja!” temos um grande desafio de: estar no mundo e não ser do mundo, de fazemos os que estão ao nosso redor felizes? Não somos palha- a história da Igreja com sua po- breza, obediência, humildade e (De OperaeChristiano- ser o que Deus quer e dar teste- ços (o mundo que acha isso de amor, e desta forma também nós rum) munho disso. Eis nosso grande nós), mas, muitas vezes podemos mudaremos a Igreja, e essa Igreja desafio que não é só para os Pa- parecer, principalmente quando Viva somos nós mesmos. Diz a Meus irmãos, neste dres e Religiosos, pois, todos os só sou cristão dentro da Igreja, e é Sagrada Escritura: “Onde está omês voltemos os olhares para o leigos como já vimos nas outras essa a mensagem que foi dirigida teu tesouro, aí estará também ochamado e a necessidade que edições são chamados a dar o a Francisco, “reconstrói a minha teu coração.(Mt 6,21)” E da mes-Nosso Senhor Jesus Cristo nos faz testemunho de Santidade. Hoje Igreja!” E é esta mensagem que ma forma, só deixaremos de sera todo o momento, um chamado podemos nos comparar a uma Deus que transmitir a cada um de uns palhaços para o mundo, quan-que é sempre atual em na vida de palhaço que grita: “A cidade está nós. do o nosso coração proclamar onossa Igreja. Disse Nosso Senhor pegando fogo!” Mas, por estarmos Reconstruimos a Igreja grande tesouro que é Nosso Se-Jesus Cristo em uma experiência fantasiados, ninguém acredita em cada vez que: nos preocupamos nhor Jesus Cristo, Corpo, Sangue,mística à São Francisco de As- nós. A cidade é o mundo, o fogo é com o bem estar do próximo, toda Alma e Divindade, Santíssimosis: “Reconstrói a minha Igreja!” a vida de pecado, e como já disse, vez que levantamos aquele que Sacramento do Altar, e sua SantaÀ princípio entendemos como o o palhaço somos nós. E o que é está caído, toda vez que damos Igreja Católica e Apostólica.próprio Francisco, e nos preocu- o palhaço? Certamente é aquele de comer e beber àqueles que Nossa fé é como o fogo,pamos com o templo, com as edifi- que veste uma roupa diferente, mais precisam, quando damos e as obras como a vela que sus-cações, com o material; mas, uma tem modos e atitudes diferentes, e atenção ao próximo, e principal- tenta esse fogo. Assim, seremosoutra missão Deus quis transmitir o principal, faz os outros sorrirem mente quando lutamos contra os uma luz, e construtores de umcom estas palavra,a de uma cons- e serem felizes. Agora, a pergunta males do mundo, pois é assim que novo mundo. Paz e Bem!trução espiritual, a reconstrução que nos resta é: será que nós es- provamos nosso amor a Deus. Ada casa de Deus, da Igreja, corpo tes que nos vestimos diferentes, verdade é que “nascemos para Por Rafael Augusto
  4. 4. 4 http://paroquiamodelo.blogspot.com Liturgia Devoção é conhecida, marca o último ato gem, e pedia também um sinal Liturgia da Palavra – do Rito da Palavra. Nela toda a sensível de que seria atendido. comunidade apresenta suas sú- Comovida pelas súplicas 3ª parte plicas ao Senhor e intercede por angustiantes deste seu fervoroso todos os homens. Trata-se do filho, Nossa Senhora lhe trouxe do6.Homilia (sentados) momento de oração que integra a Céu o santo Escapulário e dirigiu-A homilia nos recorda o Sermão Liturgia da Palavra antes do início lhe estas palavras:da Montanha, quando Jesus subiu da Liturgia Sacramental. Alguns “Recebe, filho diletís-o Monte das Oliveiras para ensi- pedidos não devem ser esqueci- simo, o Escapulário de tua Ordem,nar todo o povo reunido. Da mes- dos pela comunidade: sinal de minha confraternidade,ma forma como Jesus ensinava • As necessidades da Igreja; privilégio para ti e para todos oscom autoridade, após sua ascen- • As autoridades públicas; Carmelitas”.são, a Igreja recebeu a incumbên- • Os doentes, abandonados e de- “Todos os que morreremcia de pregar a todos os povos e sempregados; revestidos deste Escapulário nãoensinar-lhes a observar tudo aqui- • A paz e a salvação do mundo in- padecerão o fogo do inferno. É umlo que Cristo pregou. A autoridade teiro; sinal de salvação, refúgio nos peri-de Cristo foi, portanto, passada à • As necessidades da Comuni- gos, aliança de paz e pacto paraIgreja. dade Local. sempre”.A homilia é o momento em que o A introdução e o encerramento A partir dessa miseri-sacerdote, como homem de Deus, da Oração da Comunidade de- cordiosa intervenção da Mãe detraz para o presente aquela pala- vem ser feitas pelo presidente sa Deus, a Ordem carmelitana reflo-vra pregada por Cristo. Neste mo- celebração. Quando possível, de- Nossa Senhora do resceu em todo o mundo! E o Es-mento, devemos dar ouvidos aos vem ser feitos espontaneamente. Carmo capulário passou a percorrer suaensinamentos do sacerdote, que As preces podem ser feitas pelo milagrosa trajetória, como sinal desão os mesmos ensinamentos comentarista, mas o ideal é que aliança de Nossa Senhora com osde Cristo, pois foi o próprio Cristo sejam feitas pela equipe de Litur- Nossa Senhora do Car- Carmelitas e com toda a humani-que disse: “Quem vos ouve, a mim gia, ou ainda pelos próprios fiéis. mo (ou Nossa Senhora do Monte dade.ouve. Quem vos rejeita, a mim re- Cada prece deve terminar com Carmelo) é um título consagrado à Setenta anos mais tarde,jeita” (Lc 10,16). Logo, toda a co- expressões como: “Rezemos ao Nossa Senhora. Este título apare- Nossa Senhora apareceu ao Papamunidade deve prestar atenção às Senhor”, entre outras, para que ceu com o propósito de relembrar João XXII e lhe fez nova promes-palavras do sacerdote. a comunidade possa responder o convento construído em honra sa, considerada como comple-A homilia é obrigatória aos domin- com: “Senhor, escutai a nossa da Santíssima Virgem Maria nos mento da primeira:gos e nas solenidades da Igreja. prece” ou “Ouvi-nos, Senhor” primeiros séculos do Cristianismo, “Eu, como tema Mãe dosNos demais dias, ela também é re- Quando o sacerdote con- no Monte Carmelo, em Israel. Foi Carmelitas, descerei ao purgatóriocomendável, mas não obrigatória. clui a Oração da Comunidade, di- na madrugada do dia 16 de julho no primeiro sábado depois de sua zendo, por exemplo: “Atendei-nos, de 1251 que Nossa Senhora apa- morte e os livrarei e os conduzirei7.Profissão De Fé (Credo) (de ó Deus, em vosso amor de Pai, receu ao santo carmelita inglês, ao Monte Santo da vida eterna.”pé) pois vos pedimos em nome de Je- São Simão Stock, e entregou-lhe De início, o EscapulárioEncerrada a homilia, todos ficam sus Cristo, vosso Filho e Senhor o miraculoso Escapulário do Car- era de uso exclusivo dos religiososde pé para recitar o Credo. Este nosso”. a assembléia encerra com mo. Carmelitas. Mais tarde, a Igreja,nada mais é do que um resumo da um: “Amém!”. São Simão Stock era, querendo estender os privilégios efé católica, que nos distingue das naqueles tempos, Superior Geral benefícios espirituais desse uso ademais religiões. É como que um Caríssimos irmãos, aqui encer- da Ordem dos Carmelitas. Ele se todos os católicos, simplificou seujuramento público. ramos a Liturgia da Palavra, na encontrava numa situação afli- tamanho e autorizou que sua re-O Credo expressa toda nossa fé, próxima edição iniciaremos a tiva, pois sua Ordem passava por cepção ficasse ao alcance de to-durante a missa costuma-se a re- Liturgia Sacramental ou Liturgia dificuldades muito sérias, sendo dos.citar o Símbolo dos Apóstolos, ori- Eucarística. desprezadas, perseguida e atéundo do séc. I, ou o Símbolo Nice- ameaçada de extinção. Por Lenalda Assisno-Constantinopolitano, do séc. Homem de uma fé viva,IV. O primeiro é mais curto, mais “A Palavra de Deus é viva, eficaz São Simão não cessava de im-simples; o segundo, redigido para e mais penetrante que qualquer plorar socorro à Santíssima Vir-eliminar certas heresias a respeito espada de dois gumes. Penetra atéda divindade de Cristo, é mais dividir alma e espírito, articulaçõeslongo, mais completo. Na prática, e medulas. Julga os pensamentos eusa-se o segundo nas grandes as intenções do coração”solenidades da Igreja. Todo o con- (Hebreus 4, 12)teudo da catequese se encontrano Credo Apostólico, e por isso,tem força de um compromisso devida e participação. Por Paulo Roberto8.Oração Da Comunidade (depé)A Oração da Comunidade ouOração dos Fiéis, como também
  5. 5. http://paroquiamodelo.blogspot.com 5 Catequese constituem trimônio significa a união de Cristo que há certas situações que in- entre si com a Igreja. validam o matrimônio, ou seja, os uma co- Concede aos esposos a noivos se casam à vista de todos, munhão da graça de se amarem com o mes- mas na verdade o casamento não vida toda, mo amor com que Cristo amou a valeu. Esses casos são resolvidos ordenada sua Igreja. A graça do sacramento pelo chamado “Tribunal Eclesiásti- ao bem leva à perfeição o amor humano co” das Províncias Eclesiásticas. dos côn- dos esposos, consolida sua uni- Exemplo: dois primos em primeiro juges e à dade indissolúvel e os santifica grau somente podem casar-se geração e no caminho da vida eterna. Se os com a autorização do bispo ou dos educação cônjuges separam-se, divorciam- padres autorizados por ele. Se os dos filhos, se, separam algo que Deus uniu. noivos-primos se casam sem essa foi elevada, O novo casamento dos divorcia- autorização (sem a devida dispen- entre os dos ainda em vida do legítimo sa), o casamento não valeu, está que são cônjuge contraria o desígnio e a nulo. batizados, lei de Deus, que Cristo nos en- Finalmente é bom lem- à dignidade sinou. Eles não estão separados brar que até para o Matrimônio é de sacra- da Igreja, mas não têm acesso à necessário ter vocação, sem ela mento por comunhão eucarística. Levarão muitos casamentos fracassam. Jesus Cris- vida cristã principalmente educan- to. Diz Je- do seus filhos na fé. Fonte: Caminho de vida - Prepa- sus em Mt O lar cristão é o lugar ração para a Crisma Livro 2. Autor 19,6: “De onde os filhos recebem o primeiro Padre Alfieri Eduardo Bompani. Sacramento do modo que já não são dois, mas uma só carne”. Isso mostra uma anúncio da fé. Por isso, o lar é chamado, com toda razão, de Editora Santuário. Adquira esse livro. Matrimônio unidade profunda de duas vidas, confirmadas pelo pacto conjugal, “Igreja doméstica”, comunidade de graça e de oração, escola das Por Glauco Gomes ou seja, o consentimento pessoal virtudes humanas e da caridade A aliança matrimonial, irrevogável. cristã.pela qual o homem e a mulher O sacramento do Ma- É preciso lembrar, ainda, Escapulário do Carmo Romaria Diocesana Sabendo um pouco mariana. Os seus utilizadores (quer sejam religiosos quer se- Como Pastor deste Saída - 03 de agosto rebanho, convido você a par- sobre o jam leigos) pertencem automati- camente à Ordem Carmelita e ticipar deste grande momento de Passagem R$ 60,00 (pode ser pago em 3x - abril, maio unidade da nossa Diocese, a Ro- escapulário consagram-se à Virgem Maria, na esperança de obter a sua especial maria Diocesana, onde todos, nos e junho) encontraremos na casa da Mãe proteção e intercessão. O distinti- Aparecida. Reserva de passagem, só com O Escapulário do Car- vo externo desta pertença ou con- Convido todos os fiéis de sinal.mo compõe-se de duas peças de sagração/devoção é precisamente nossa Paróquia a viver este mo-pano de lã, de cor marrom, unidas o pequeno escapulário marrom, mento de fé. Ainda não temos o Interessados procurar Angela -entre si por dois cordões. que é constituído por duas peças nosso Bispo, mas D. Filippo San- Papelaria Renalluc Somente o primeiro Es- de tecido marrom de lã atadas toro já confirmou sua presença.capulário precisa ser bento e im- entre si por uma corda. O escapu- Conto com você. Salveposto por um sacerdote. Tanto lário recorda aos seus utilizadores Maria!!essa bênção como a imposição o compromisso da Ordem Car-valem para todos os outros Es- melita e o seu modo de vida e acapulários que substituírem o pri- dimensão mariana do carisma car-meiro. Uma vez tendo-o recebido, melita (que se caracteriza por umadevemos usá-lo sempre e conti- vida de familiaridade com Maria,nuamente. impregnada de oração, imitação, Imposição – O sacer- presença e prática de virtude).dote benze o Escapulário e o Para os leigos carmelitas, hojeimpõe, dizendo: “Recebe este em dia, o escapulário pode até sersanto Escapulário como sinal da uma medalha metálica (com umaSantíssima Virgem Maria, Rainha das faces a ostentar uma imagemdo Carmelo, para que, com seus de Maria e a outra com uma ima-méritos, o uses sempre com digni- gem do Sagrado Coração de Je-dade, seja tua defesa em todas as sus). O escapulário só pode seradversidades e te conduza à vida começado a usar após uma singu-eterna.” lar cerimônia de imposição. O Escapulário do Carmoé um sinal externo de devoção Por Lenalda Assis
  6. 6. 6 http://paroquiamodelo.blogspot.com Fatos e fotos paroquiais Coroação de Nossa Senhora Coroação do Sagrado Coração de Jesus Festa de Santo Antônio Corpus Christi
  7. 7. http://paroquiamodelo.blogspot.com 7 Fatos e fotos paroquiais Corpus Christi Domingo de Formação Encerramento da 1ª Oficina de Oração e Vida 3º Arraiá da Aparecida
  8. 8. 8 http://paroquiamodelo.blogspot.com Perfil Católico nidade. Na antiga igreja de São área. Nesse tempo conheceu Er- do Batismo, se tornou Ministra da Jorge, em Guapimirim, ela sem- nandes, que na época jogava no Eucaristia, assumiu os trabalhos pre ia rezar as ladainhas do Sr. Atlético Clube Modelo. O futuro do Plano Pastoral no setor do seu Laudelino, de quem Sônia lembra marido, que também estudava bairro, além de participar do gru- com muito carinho. Outra pessoa em Magé, logo fez amizade com po de oração da madrinha Marly. importante foi a madrinha e amiga a moça. Sônia atribui o namoro à Viu o casamento religioso do filho D. Marly Seixas, catequista, que a intercessão de Sant´Ana, a quem mais velho com a nora, com quem preparou para fazer a primeira co- pedia muito para encontrar um convivia maritalmente há 12 anos, munhão, aos 11 anos. homem de Deus. E assim acon- seguido de suas participações no Começou a participar de teceu. Após três anos de namoro, movimento do Cursilho, além do orações, missas, foi filha de Maria em 6 de março de 1976, na capela nascimento dos netos. e cantava no coral com D. Darcy. do Bananal, os dois selaram o A equipe do Modelo O amor à religião aumentava e a amor pedindo as bênçãos divinas. Católico está muito feliz por poder devoção a Sant´Ana também. O Outra graça atribuída à Sant`Ana partilhar um pouquinho da sua tempo passava e Sônia, agora foi a aceitação do casamento pelo história de vida, especialmente Este mês o Modelo jovem, continuava a participar da sogro protestante. nesse seu momento de grandeCatólico entrevistou a vovó Sônia comunidade com a família. Foi Aí vieram os filhos Faus- luta. Desejamos um feliz ani-Maria Cardoso Rocha, aniver- zeladora da capela durante muito to e Fabiano, a carreira pedagógi- versário, muitas bênçãos e saúdesariante do mês de julho, que é tempo com Manoelzinho. “Todo ca em escolas do município, até para você, sua irmã Lêda e todadedicado aos avós por ser o mês domingo eu esperava ele vir lá o exercício de direção no Colégio sua família.da festa de Santa Ana e São Joa- do Km 3, a gente se encontrava Estadual Prof. Alvina Valério daquim, avós maternos de Jesus. aqui no Modelo, para onde minha Silva. Nesse período ela e o mari- Por Glauco Gomes Nascida em Sta. Maria família já havia se mudado, e nós do fizeram o Encontro de Casais eMadalena, em 23/07/1949, filha íamos até à capela”, relembra. Ela o Cursilho. Um momento difícil foide João Cardoso e Zumira Bas- também foi catequista na antiga à perda dos pais, pessoas muitotos Cardoso, numa família de 10 Escola Alcântara e depois, na igre- queridas por toda a comunidade.filhos. Foi batizada com um ano jinha do Bananal. Uma das coisas Outro foi quando teve que se a-de idade, na igreja de Sto. Antônio que mais a encantava nessa é- fastar do trabalho para travar umade Imbé, dentro da festa paroqui- poca era a participação da comu- batalha de luta e fé contra umal, como era costume. Aos cinco nidade nas festas de Sant`Ana, sério problema de saúde, que jáanos veio morar com a família no com as procissões pelas ruas, os vem sendo vencido por quase seisbairro Segredo, onde o pai con- caminhões ornamentados, cheios anos com a ajuda da família, dosseguiu trabalho de encarregado de crianças vestidas de anjo, com amigos e da comunidade que sus-e caseiro na fazenda do Sr. João bandas e teatros. tentam com a oração a sua fé.Seixas. Ela lembra que a infância Na juventude traba- Muitas graças foramcom os irmãos foi muito feliz. Já lhou na antiga Fábrica Cipal. recebidas e Sônia é grata pornessa época, começou a ter con- Formou-se como professora e cada uma delas. Com Pe. Ro-tato com a vida religiosa da comu- logo começou a trabalhar na drigo ela entrou para a Pastoral Proclamas Festa de Santana Com o favor de Deus e Visita da Imagem de 16/07 – Segunda Feira – Capelada Santa Mãe Igreja querem se do Bananal Santana às Casas docasar: Bananal Dia 16 – Missa de N. Sra. do Alfredo Luiz 01/07 – Domingo – Walmir Rosa Carmo (Abertura da Novena de 02/07 – Segunda Feira – Airton de Souza Vivas Cunha Santana) Dia 21 – Show de Prêmios às Filho e Patrícia 03/07 – Terça Feira – Mário 21:00 h (cartelas a venda) Vicente Dia 22 – Delicioso almoçoSantos de Almei- 04/07 – Quarta Feira – Maria Dia 26 – Dia de Santana: Missa da Terezinha no Ginásio Poliesportivo 05/07 – Quinta Feira – ElsaO casamento será realizado 06/07 – Sexta Feira – Juraci Em breve programação maisno dia 21 de julho de 2012 na 07/07 – Sábado – Waltair detalhada da Festa no Blog daParóquia de Nossa Senhora 08/07 – Domingo – Duda Paróquia.Aparecida. 09/07 – Segunda Feira – Angela 10/07 – Terça Feira – WandaQuem souber de algum motivo 11/07 – Quarta Feira – Eponinapara que este Casamento não 12/07 – Quinta Feira – Rosaneseja realizado, está obrigado, em 13/07 – Sexta Feira – Mariaconsciência, de avisar o Pároco. Castilho 14/07 – Sábado – Aparecida 15/07 – Domingo – Maria Ochi
  9. 9. http://paroquiamodelo.blogspot.com 9 Espaço Dizimista O dízimo evangeliza estejam a serviço da oração e da evangelização. A igreja é o local 07 Maria Silva de Lima 07 Osni Patricio Vieira Junior 25 Sueli de Souza Cunha – São José de encontro da comunidade. Ela 07 Maria de Fátima Gomes Pinto 26 João Carlos Santos – São No mês de junho com- deve oferecer o necessário para – São José Josépletamos dois anos de trabalho e que a oração comunitária se reali- 08 Gilson Gonçalves 27 Diogo Telles Fonsecaaproveitamos para agradecer pela ze, seja pela missa, seja por ou- 08 Márcio Borge Oliveira 27 Eliane Siqueira de Paula Ama-confiança depositada nosso traba- tras celebrações. 08 Deise Ferreira Lucio – São rallho e na administração do Padre Umas precisam muito mais do que José 27 Antonio Junior Barros FilhoRodrigo. Queremos informar que o listado acima; outras precisam 10 João Daniel Venture Tuão 27 Elinéia da Conceição Cabralde 100 dizimistas que tínhamos de menos. O importante é en- 10 Antonio Manoel Venture Tuão 27 Renê dos Santos Cruzenquanto capela, hoje como tender que a obrigação de cuidar 10 Herondina Leopoldino dos 27 Roberta Rocha de LimaParóquia já somos 501. da igreja e investir na evangeliza- Santos Ximenes – São José Entra as muitas conquis- ção é de toda a comunidade! 11 Joelma A. C. Martins 29 Ana Paula Alves dos Santos –tas que foram realizadas com a 12 Nedir Gomes Fidélis São Josédoação do seu dízimo, desta- Por Marlúcia Seixas 13 Silvana Assis da Silva 29 Carlos Henrique da S. Diascamos: reforma do salão e da co- 13 Anderson de Lima Vieira – N. 30 Maria da Silva Leitezinha, reforma da capela de San- Aniversariantes de Julho S. de Fátima 30 Flávia Alves Correa – São Josétana, pintura interna e externa da 14 Eustaciana Gomesmatriz, iluminação da matriz, aqui- 01 Leny Lurdes da Silva – N. S. 14 Luiz Claudio Rodrigues de PARABÉNS E QUE DEUS OSsição de um terreno em Citrolân- de Fátima Oliveira ABENÇOE!dia, bens materiais para a matriz 02 Dalva Duarte Teixeira 14 Walter Godói dos Santose as capelas, tais com objetos 02 Sheila Correa da Silva 15 José do Carmo Domingoslitúrgicos e imagens sacras; con- 03 Andréa da Silva Fidélis – Sta. 15 Isaura Valença Amaralstrução da cantina e a aquisição Teresinha 15 Alcimar Milatto da Silva – Sãode um veículo. 04 Elza Cordeiro Trindade José Acima citamos algumas 04 Luciana Fernandes Moté Brito 16 Alfeu da Silva Siqueirautilizações do dízimo na comu- 04 Jéssica de Jesus Zorzanelo 16 Ivanete Ferreira Britenidade bem visíveis para os pa- 04 Ivone de Souza Duarte – São 17 Rosania Maria Rodriguesroquianos, em sua maioria na José 18 Maria Cícera Peixoto da Silvadimensão religiosa, portanto é 05 Maria de Lourdes Araújo 18 Simone Caldeira da C. Rochaimportante saber que o dízimo é 05 Rosane Maria Tuão de Almei- 19 Mª Aparecida Modolo da Silvaempregado em 3 dimensões: reli- da Vicente – N. S. de Fátimagiosa, social e missionária. Nesta 05 Raimundo Marcelino da Silva 20 Euzélia Silva de Britoedição vamos explicar melhor a 05 Isabel Cristina Tavares Falcão 20 Joelma do Nascimento LopesDimensão Religiosa. – São José 22 Geraldo Pereira Magalhães Na dimensão religiosa, o 06 Sandra Elena F. da Silva 22 Luciane Correa da Silva – Sãodízimo é utilizado na construção, 06 Priscila da Silva Jesus Josésustentação, manutenção e ampli- 06 Gladys Gomes Chumbo Ri- 23 Sônia Maria Cardoso Rochaação da igreja, da casa paroquial beiro 24 Maria Paula Carvalho dedo salão/pavilhão, do escritório/ 07 Iolanda Teixeira Alves Oliveirasecretaria, das salas de catequese 07 Luiz Claudio de Souza Cam- 24 Robson Caetano Leite – N. S.e de outros locais e atividades que pos de Fátima Cidadania e SaúdeF e politica é marcam o país neste ano, espe- por pessoas que desejam o bem nas escolas e o atendimento me- cialmente as eleições municipais de todos. Quem não cuida ho- lhor à saúde. Em quem respeita a do próximo mês de outubro. Ex- nestamente de seus negocios vida em todas as idades e é contra pressão de participação demo- pessoais ou empresas não tem o aborto. Em que respeita o equi- cratica, as eleiçoes motivam-nos condições de representar o povo librio da natureza - florestas, rios, a dizer uma palavra que ilumine e na Prefeitura ou na Câmara de promove o saneamento básico e a ajude nossas comunidades eclesi- vereadores. Escolha canditatos construção de moradia em lugares ais e todos os eleitores, chamados que não trocam seu voto por tijo- sem risco. Em quem apresenta a exercerem um dos seus mais los, bolsa de alimentos, remedios projetos praticos por transporte expressivos deveres de cidadão ou promessas ilusorias para me- digno e de qualidade para a popu- que é o voto livre e consciente. lhorar o seu bairro. lação. Em quem se compromete Inspira-nos a palavra do Vote: em candidatos que com uma organização eficaz para papa Bento XVI ao afirmar que a respeitam e valorizam a familia. a segurança e paz da sociedade. A Conferencia Nacio- sociedade justa sonhada por to- Em candidatos com ficha limpa: Vote bem! Vote melhor!nal dos Bispos do Brasil (CNBB), dos nós “deve ser realizada pela não queremos pessoas que pela Fonte: CNBBreunida em sua 50ª Assembleia politica”. Seu voto para escolher corrupção aumentem seus bens Resumo: Ivan CoutinhoGeral, em Aparecida - SP, de 18 prefeito e vereadores é impor- pessoais. Vote em quem valorizaa 26 de abril saudou a população tante. Depende de você que o a educação das crianças, adoles-brasileira em sintonia com os im- nosso municipio seja governado centes e jovens, o ensino religiosoportantes acontecimentos que
  10. 10. 10 http://paroquiamodelo.blogspot.com JMJ Rio 2013 Coluna Jovem seguinte as letras que atingirem Jovem que se forma é força deixarmos levar por falsas ideolo- um mínimo determinado de pon- gias e para levar Deus aos lares, tuação na fase em que estiver para a Igreja famílias, amigos, enfim por onde sendo julgada. Assim, na última caminhamos. fase, se ainda houver mais de Ler, escrever, estudar, uma letra em julgamento, uma Olá amado jovem! Che- meditar dá trabalho, são tarefas avaliação pelo conjunto, com as gamos ao mês de julho, e quando pra quem realmente quer, pra possíveis alterações a serem re- penso neste mês lembro de várias quem realmente sabe que, como alizadas, servirá como critério de coisas: frio, Sant’Ana, festas ju- diz S. Agostinho: “só se ama a- desempate. lhinas, comidas típicas... mas o quilo que se conhece”. E, de fato, De acordo com o regu- que marca muito também são as quanto mais conhecemos a Deus, lamento do concurso, os critérios férias. É ou não é? Quem não mais O amamos. Por isso, seja de seleção serão criatividade, alto gosta de uma folguinha, mesmo um jovem que reza e também seja valor espiritual ligado ao tema da que seja por pouco tempo?! Mas um jovem que estuda e busca for- Jornada e a beleza e harmonia da é importante lembrar que as férias mação cristã. Há muita riqueza composição, além de característi- existem para que possamos recar- desconhecida, muita coisa que cas específicas sobre a paróquia, regar nossas energias e voltarmos não sabemos sobre a nossa igre- a padroeira e do local que deverão ainda mais dispostos para nosso ja, vamos dar o primeiro passo, estar presentes na música. A letra estudo/trabalho, afinal o jovem mas para isso é importante seguir- Hino da Semana tem que manifestar o espírito reli- de Deus deve estar ciente da im- mos algumas dicas: 01 - Não fique gioso ao mesmo tempo em que portância do estudo e da forma- com dúvidas, pergunte a alguém Missionária: Começou a toda a juventude tem que estar ção. que possa te responder correta- seleção das letras representada nela. E quando falamos em mente, não tenha vergonha e nem Feita a escolha, o au- formação pensamos à nível profis- fique com medo de te acharem tor da letra será informado pela sional, mas precisamos também chato(a), pois quem é verdadeiro Já começou a primeira comissão de organização do con- estar cientes da importância da cristão sabe que tem o dever defase de seleção da letra do hino curso para que dê seguimento aos formação cristã. Para que vista- ajudar outros em suas dúvidas eda Semana Missionária Paroquial próximos passos formais relativos mos a camisa de Jesus Cristo é necessidades; 02 - Peça ao padreda JMJ Rio2013. O concurso a- ao concurso. A comissão espera importante o conhecermos, saber- ou a alguém que você saiba queberto em 1 de abril encerrou suas que a letra selecionada seja divul- mos o que proclamar e como levar tenha o discernimento necessárioinscrições em 31 de maio. A ava- gada até a primeira quinzena de a palavra de Deus a todos os po- para isso sugestões de livrosliação das letras encaminhadas agosto. Depois disso será iniciado vos, afinal não é porque o jovem ou cursos (teologia...) que vocêpara a comissão organizadora o processo de criação da melodia está “ocupado” com escola/facul- possa ler/estudar de acordo comparoquial ficou sob a responsabi- da música. A previsão é de que o dade, namoro, cursos... que não a sua realidade... não saia por aílidade da subcomissão de comu- hino seja apresentado, finalizado, possa conhecer para anunciar o lendo livros que, de repente sejanicação, auxiliada pelo pároco, fu- dentro da festa da padroeira, no evangelho, pelo contrário, é nosso necessário um amadurecimentoturo diácono permanente, músicos mês de outubro. dever de cristãos procurar, além maior na fé para compreender;religiosos e profissionais, além de de rezar, ler a bíblia, o catecismo 03 - Se alguém te indagar algo so-professores de gramática, todos Por Glauco Gomes e outros livros que possam ajudar bre a doutrina católica e você nãovoluntários. No total 5 letras foram em nossa formação cristã e forta- souber responder, não invente einscritas no concurso. lecer nossa fé. nem discuta com a pessoa. Diga Na primeira fase da Muitos ainda não toma- simplesmente que você não sabe,seleção da letra será feita a ava- ram consciência da importância mas que vai procurar saber e res-liação segundo os critérios doutri- da formação para o trabalho na ponderá depois, mas isso não énais da igreja, consonância com o igreja. Além da catequese/ cate- uma fuga ... você deve realmentetema da JMJ Rio2013 e que es- cumenato, devemos procurar nos procurar saber e levar a respostatavam presentes no regulamento. formar ainda mais, pois falar de à pessoa, na medida do possível.A segunda fase será a avaliação Deus está cada vez mais difícil. Se sentir-se inseguro, para isso,musical da letra, para identificar se Cada vez mais o homem se rebela peça a ela para ir com você aoo texto tem característica musical e encontra apoio em explicações padre esclarecer a dúvida ou levede hino religioso, que pode ser e- aparentemente coerentes, mas junto com você alguém paciente executado com poucos instrumen- contrárias ao plano de Deus se re- com formação cristã para ajudartos e bem cantado pela assem- fletirmos e buscarmos conhecer a a esclarecer a dúvida da pessoa.bleia. A terceira e última fase será verdade. Se não estivermos cons- Estes já são nossos propósitos doa correção ortográfica do hino, cientes e com a nossa formação mês. Vamos lá jovem, você é ca-identificando se a letra está dentro em dia, podemos até mesmo ficar paz em Deus de ser esta força prada norma culta da língua. confusos e duvidarmos dos fun- si mesmo e pra a igreja. De acordo com a equipe damentos da nossa fé. Por isso,responsável pelo julgamento e nós, jovens, devemos construir Por Emanuelle Gomesseleção, só passam para a etapa as bases sólidas para não nos “E Jesus disse ainda: ‘Quando entrardes numa casa, ficai ali até vossa partida. Se em algum lugar não vos receberem,nem quiserem vos escutar, quando sairdes, sacudi a poeira dos pés, como testemunho contra eles!’” Mc 6,7-13
  11. 11. http://paroquiamodelo.blogspot.com 11 Cultura e Lazer Missas nas comunidades Informações Paroquiais O curioso Terça-Feira 1ª Terça - 19:00 - Km 11 Horário de Funcionamento da Secretaria Terça a Sexta-Feira 08:00 às 12:00/ caso de 2ª Terça - 19:00 - Paraíso 13:00 às 17:00 Benjamin 3ª Terça - 19:00 - Km 11 4ª Terça - 19:00 - Paraíso Sábado 08:00 às 12:00 Tel: 2632-8665 / 8828-0030 Button Quarta-Feira Missas na Adoração ao 1ª Quarta - 19:30 - Jardim Guapimirim Batizados Matriz Santíssimo 2ª Quarta - 19:00 - Parada Ideal Nova Orleans, 3ª Quarta - 19:30 - Jardim Guapimirim Terça-07:00 1º Domingo 08:00 Missa 1918. Benjamin 4ª Quarta - 19:00 - Parada Ideal Quarta-07:00 e Preparação Button (Brad Pitt) Quinta-Feira Quinta-07:00 para Pais e Toda quinta nasceu de forma Sexta-19:30 1ª Quinta - 19:30 - Sertão Padrinho na Matriz, de incomum, com Sábado-19:30 2ª Quinta - 19:30 - Citrolândia 08:00 às 18:00 a aparência e 3ª Quinta - 19:30 - Sertão 2º Domingo Domingo doenças de uma 4ª Quinta - 19:30 - Citrolândia 08:00 / 19:00 08:00 Missa e pessoa em torno Batizados Sábadodos oitenta anos mesmo sendo um bebê. Ao 1º Sábado - 17:30 - Paraísoinvés de envelhecer com o passar do tempo, 2º Sábado - 17:30 - Km 11 ConfissõesButton rejuvenesce. Quando ainda criança ele 3º Sábado - 17:30 - Paraíso Quinta-Feira - 09:00 às 12:00 / 15:00 às 18:00conhece Daisy (Cate Blanchett), da mesma 4º Sábado - 17:30 - Km 11 Missa da Esperançaidade que ele, por quem se apaixona. É preci- Domingo Toda Segunda, na capela do Bananal, às 19:00so esperar que Daisy cresça, tornando-se uma 1º Domingo - 10:30 - Citrolândia Louvormulher, e que Benjamin rejuvenesça para que, 1º Domingo - 17:00 - Parada Ideal Toda Terça na Matriz, às 19:00quando tiverem idades parecidas, possam en- 2º Domingo - 10:30 - Sertãofim se envolver. Terço dos Homens 2º Domingo - 17:00 - Jardim Guapimirim Toda Sexta, na Matriz, às 19:00 3º Domingo - 10:30 - Citrolândia Fonte http://www.adorocinema.com Por Juliara Vasconcelos 3º Domingo - 17:00 - Parada Ideal 4º Domingo - 10:30 - Sertão 4º Domingo - 17:00 - Jardim Guapimirim Calendário Paroquial 21/07 a 26/07 – Festa de Santana 25/07 a 29/07 – Acampamento Juvenil Passatempo Católico 29/07 - Ordenação Diaconal (Reginaldo) Mês de Agosto - Mês Vocacional 03/08 - Missa do Apostolado da Oração Pinte bem bonito e faça uma linda frase 04/08 - Romaria Diocesana – Santuário de para sua avó Nossa Senhora Aparecida 07/08 – Reunião Geral do Clero _____________________ _____________________ 12/08 – Mutirão PASCOM Diocesana _____________________ 15/08 - Festa da Paróquia Nossa Senhora da _____________________ Ajuda (Guapi) _____________________ 14/08 a 18/08- Semana Nacional da Família
  12. 12. 12 http://paroquiamodelo.blogspot.com Seja um de nossos Seja um de nossos patrocinadores patrocinadores

×