Seminário: importância da educação científica na Sociedade Atual - Cap I

1,679 views
1,431 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,679
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
248
Actions
Shares
0
Downloads
38
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Seminário: importância da educação científica na Sociedade Atual - Cap I

  1. 1. PIBID QUÍMICA – UNIFESP DIADEMA Daniele Prado dos Reis Orientadora: Simone Martorano 18/03/2014
  2. 2. Importância da Educação Científica na Sociedade Atual Capítulo 1
  3. 3. Objetivo Apresentar e discutir os argumentos à favor e contra da promoção da alfabetização científica. Discutir o papel da educação científica na sociedade atual;
  4. 4. Os questionamentos Que razões podem avaliar a necessidade de uma educação científica para todos os cidadãos? Que entender por alfabetização científica? Alfabetização científica e tecnológica: necessidade ou mito irrealizável?
  5. 5. Que razões podem avaliar a necessidade de uma educação científica para todos os cidadãos? - Razões favoráveis vão além do motivo tradicional: “tornar possível o desenvolvimento futuro” (p. 19) - Para especialistas “uma exigência urgente [...] fator essencial do desenvolvimento das pessoas e povos” (p.19) - É uma necessidade para todos, em um mundo repleto de produtos da indagação científica!
  6. 6. Que razões podem avaliar a necessidade de uma educação científica para todos os cidadãos? • “Necessitamos utilizar a informação científica para realizar opções que nos deparamos a cada dia” (p. 20) • “Necessitamos ser capazes de participar em discussões públicas [...] que relacionam a ciência e tecnologia” (p. 20) • “Merecemos compartilhar a emoção e realização pessoal que pode produzir a compreensão do mundo natural” (p. 20)
  7. 7. Que razões podem avaliar a necessidade de uma educação científica para todos os cidadãos? “Para que um País esteja em condições de satisfazer as necessidades da sua população” (p. 20) Estudantes podem aprender a resolver problemas concretos e satisfazer as necessidades da sociedade. “Necessário fomentar/difundir a alfabetização científica [...] para melhorar a participação dos cidadãos na tomada de decisões”(p.20)
  8. 8. Que entender por alfabetização científica? Não limitar ao sentido literal: vocabulário científico; Tipos de Alfabetização Científica segundo Marco (p. 22): -Prática, utilização na melhora das condições de vida e em nós mesmos. -Cívica, intervir usando critérios científicos, em decisões políticas. -Cultural, relacionada a níveis da natureza da ciência, significado e incidência na configuração social;
  9. 9. Que entender por alfabetização científica? Segundo Reid e Hodson (1993 p. 22), a educação científica básica deve conter: Conhecimentos de ciências – fatos, conceitos e teoria. Aplicações – utilizar tal em situações reais e simuladas; Saberes e técnicas – familiarizar com procedimentos da ciência e utilização de aparelhos/ instrumentos.
  10. 10. Que entender por alfabetização científica? Resolução de problemas – aplicar saberes/ técnicas/ conhecimentos a investigações. Interações com tecnologia – resolver problemas práticos. Questões sócio-econômico-políticos e éticos morais C&T. História e desenvolvimento de C&T. Estudo da natureza da ciência e prática científica – Considerações filosóficas / sociológicas/ papel da teoria e atividades da comunidade científica.
  11. 11. Que entender por alfabetização científica? “Estende-se além do vocabulário, esquemas conceituais e métodos procedimentais” (p. 23). Incluir “história das ideias científicas, a natureza da C&T e o papel de ambas na vida pessoal e social” (p. 23) Ir além da “transmissão de conhecimentos científicos; incluir aproximação à natureza da ciência/ prática científica, enfatizar relações ciência-tecnologia- sociedade-ambiente e favorecer a participação de cidadãos na tomada de decisões” (p. 23)
  12. 12. Alfabetização científica e tecnológica: necessidade ou mito irrealizável? Para Fensham (2002) o movimento ciência para todos e alfabetização científica baseavam-se: - Tese pragmática: Sociedades influenciadas por ideias/produtos de C&T, se desenvolverão melhor com conhecimentos científicos. - Tese democrática: Alfabetização científica permite cidadãos participar nas decisões sobre problemas sócio-científicos/ tecnológicos.
  13. 13. Alfabetização científica e tecnológica: necessidade ou mito irrealizável? l Tese progmática: não leva em conta que a maioria dos produtos tecnológicos são possíveis de utilizar sem os conhecimentos científicos. Alfabetização básica x alfabetização científica l
  14. 14. Alfabetização científica e tecnológica: necessidade ou mito irrealizável? l Tese democrática: “ilusão que ignora a complexidade dos conceitos científicos implicados, como sucede, por exemplo, no Aquecimento Global” […] Nível de conhecimentos possa ser adquirido, nem se quer nas melhores escolas” (p.24) l Conhecimentos científicos obrigatórios para alfabetização científica adequada, é superior à soma dos conhecimentos ensinados aos estudantes de Elite que se preparam para ser cientistas.
  15. 15. Contribuição da alfabetização científica para a formação de cidadãos l Participação de cidadãos na tomada de decisões em assuntos C&T l Tomada de decisões, exige aprofundamento, acessível a especialistas. l Possível participação com mínimo de conhecimento específico, acessível à todos, com abordagens globais/considerações éticas. l Conhecimentos específicos, como dos especialistas, não garante decisões adequadas. l Não especialistas, podem contribuir com perspectivas/interesses amplos, com mínimo de conhecimento específico, sem os quais é impossível participar de decisões.
  16. 16. Contribuição da alfabetização científica para a formação de cidadãos l Revolução agrícola l Combate de insetos/ pragas/ doenças/ fungos
  17. 17. Contribuição da alfabetização científica para a formação de cidadãos l Comissão Mundial do Meio Ambiente e do Desenvolvimento (1988) l Malformação congênita/ cancro. l Venenos para animais. l
  18. 18. Contribuição da alfabetização científica para a formação de cidadãos l Rachel Carson x Industria química/ políticos/ Cientistas. l Dez anos: DDT proibido
  19. 19. Contribuição da alfabetização científica para a formação de cidadãos o CTSA; pesticidas tem conhecimento superior comparado aos apoiadores d Rachel Carson
  20. 20. Contribuição da alfabetização científica para a formação de cidadãos nstruções das Centrais NuclearesArmazenamento Utilização CFC estruição da camada de ozônioAumento do efeito estufa Manipulação genética
  21. 21. Contribuição da alfabetização científica para a formação de cidadãos s transgênico x fome. definitiva ou efeito nocivo? em debate: prudência, antes do desejo do benefício a curto prazo.
  22. 22. Contribuição da alfabetização científica para a formação de cidadãos e conhecimento, sim na falta de abordagem global que avalie riscos/ conseq da ciência surge distorcida na educação científica, inclusivamente na univers formadas e empobrecidas da Ciência e Tecnologia [..] que afetam os próprio
  23. 23. Alfabetização científica versus preparação de futuros cientistas estudantes como se todos pretendessem chegar a ser especialistas em B os cidadãos, em vez de orientada para a preparação de futuros cient uros cientistas
  24. 24. Alfabetização científica versus preparação de futuros cientistas pectos conceituais é criticável e transmite uma visão deformada e em . de, próxima à investigação cientifica, que interage aspectos conceitua
  25. 25. Alfabetização científica versus preparação de futuros cientistas ífica inicial que pode receber um futuro cientista é integrado no conjunto l SIM, A ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA!
  26. 26. REFERÊNCIAS ATA E VILCHES – A necessária r de março de 2014.
  27. 27. REFERÊNCIAS http://www.cec.com.br/dicas-sustentabilidade-cores-da-reciclagem?id=116 – acesso em 13 de Março de 20 m: tpcs-andreia.blogspot.com.br – acesso em 13 de Março de 2014. m: infoener.iee.usp.br – acesso em 13 de Março de 2014. m: estounoverde.blogspot.com – acesso em 13 de Março de 2014. m: smaisumapalavra.blogspot.com – acesso em 13 de Março de 2014. www.lacomenta.com – acesso em: 13 de março de 2014

×