Consumo de substâncias psicoactivas <br />Álcool, Tabaco e Drogas Ilícitas <br />
Introdução<br />Neste trabalho, o nosso grupo vai falar dos seguintes temas:<br />Alcoolismo<br />Tabaco<br />Drogas ilíci...
Álcool<br />
É considerado uma droga psicotrópica, pois ele actua no sistema nervoso central, provocando uma mudança no comportamento d...
É uma das poucas drogas psicotrópicas em que o seu consumo admitido e atéincentivado pela sociedade.<br />
Esse é um dos motivos pelo qual ele é encarado de forma diferenciada, quando comparado com outras drogas.<br />
Consumido em excesso, passa a ser um problema. Pode levar a:<br />
Acidentes de viação<br />
Violência<br />
Dependência após consumo prolongado.<br />
Alcoolismo<br />
É uma doença provocada pelo consumo excessivo e prolongado de álcool. <br />
Após o consumo de álcool:<br />Sensação inicial:<br />Euforia<br />e<br />Desinibição  <br />
Segue-se:<br />Sonolência  <br />Turvação da visão<br />
Descoordenação muscular<br />Diminuição da capacidade de reacção, de atenção e compreensão. <br />
Alguns sinais característicos de um alcoólico são:<br />
Beber todos os dias, independentemente da quantidade ingerida.<br />Distanciar-se da família.<br />
Ficar irritado quando as pessoas falam da bebida.<br />Começar a beber logo cedo.<br />Achar que está certo em relação à q...
O consumo de álcool pode estar associado a: <br />Contexto familiar<br />Predisposição genética<br />
Padrões culturais<br />Nível socioeconómico <br />
Após o consumo excessivo e prolongado do álcool, eis as consequências na saúde:<br />Úlceras<br />Tumores no tubo digestiv...
Cancro cerebral<br />Desnutrição generalizada<br />
Malformações em fetos cujas mães são alcoólicas<br />Cirrose hepática<br />
Tratamento<br />O tratamento é diferente de pessoa para pessoa. Depende:<br />
Grau e das lesões já instaladas<br />Deve ser apropriado a cada doente <br />
É fundamental o reconhecimento da dependência por parte do alcoólico.<br />Mas, sem dúvida que o melhor tratamento é a PRE...
Tabaco<br />
O tabaco é uma planta cujo nome científico é Nicotina tabacos, da qual é extraída uma substância chamada nicotina. <br />
Este é constituído por nicotina, alcatrão e monóxido de carbono. <br />
A nicotina provoca dependência<br />
O alcatrão provoca irritações crónicas nas vias aéreas superiores.<br />
O monóxido de carbono dissolvido no sangue impede a ligação normal do oxigénio à hemoglobina que torna a oxigenação dos te...
O grau de toxicidade do tabaco deve-se à maneira como é consumido assim como à intensidade da inalação do fumo. Fumar caus...
Por outro lado, a abstinência de nicotina pode provocar um conjunto de comportamentos psíquicos e fisiológicos ao fumador ...
Curiosidades:<br />O tabagismo reduz a esperança de vida em sete anos e meio;<br />O fumo produzido pelo consumo de tabaco...
A melhor prevenção para evitar o hábito de fumar é nunca fumar.<br />
Droga ilícita é toda e qualquer substância proibida por lei.<br />
Alguns dos exemplos de Drogas Ilícitas são:<br />Cocaína <br />A cocaína deriva da folha do arbusto da coca (Erytbroxylon ...
Ecstasy<br />   O ecstasy é uma droga muito usada em casas nocturnas de músicas electrónicas e devido às etapas de consumo...
Maconha:<br />    A maconha é uma das várias preparações possíveis da planta fêmea da Cannabis Sativa, erva originária da ...
LSD:<br />A dietilamida do ácido lisérgico (LSD) é a mais poderosa droga conhecida: menos de 30 gramas são suficientes par...
Heroína:<br />A heroína é descendente directa da morfina, e ambas são tão relacionadas que a heroína, ao penetrar na corre...
Inalantes:<br />A categoria das drogas inalantes abrange diversas substâncias, sendo três as principais: toluene, éter e c...
Haxixe:<br />O haxixe é um alucinogénio: altera a forma como as coisas são ouvidas e vistas. Contém substâncias químicas e...
Conclusão<br />Com este trabalho adquirimos maiores conhecimentos sobre o tema das DROGAS Lícitas e Ilícitas.<br />
Trabalho realizado por:<br />Marta Barbosa, nº 17<br />Natália Lopes, nº 19<br />Sofia Freitas, nº 27<br />Tiago Costa, nº...
Fim . . .<br />
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Consumo De SubstâNcias Psicoactivas

9,031
-1

Published on

Published in: Technology, Business
1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
9,031
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
387
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Consumo De SubstâNcias Psicoactivas

  1. 1. Consumo de substâncias psicoactivas <br />Álcool, Tabaco e Drogas Ilícitas <br />
  2. 2. Introdução<br />Neste trabalho, o nosso grupo vai falar dos seguintes temas:<br />Alcoolismo<br />Tabaco<br />Drogas ilícitas<br />Que estão englobados no tema geral: “Consumo de Substâncias Psicoactivas” .<br />
  3. 3. Álcool<br />
  4. 4. É considerado uma droga psicotrópica, pois ele actua no sistema nervoso central, provocando uma mudança no comportamento de quem o consome, além de provocar dependência. <br />
  5. 5. É uma das poucas drogas psicotrópicas em que o seu consumo admitido e atéincentivado pela sociedade.<br />
  6. 6. Esse é um dos motivos pelo qual ele é encarado de forma diferenciada, quando comparado com outras drogas.<br />
  7. 7. Consumido em excesso, passa a ser um problema. Pode levar a:<br />
  8. 8. Acidentes de viação<br />
  9. 9. Violência<br />
  10. 10. Dependência após consumo prolongado.<br />
  11. 11. Alcoolismo<br />
  12. 12. É uma doença provocada pelo consumo excessivo e prolongado de álcool. <br />
  13. 13. Após o consumo de álcool:<br />Sensação inicial:<br />Euforia<br />e<br />Desinibição <br />
  14. 14. Segue-se:<br />Sonolência <br />Turvação da visão<br />
  15. 15. Descoordenação muscular<br />Diminuição da capacidade de reacção, de atenção e compreensão. <br />
  16. 16. Alguns sinais característicos de um alcoólico são:<br />
  17. 17. Beber todos os dias, independentemente da quantidade ingerida.<br />Distanciar-se da família.<br />
  18. 18. Ficar irritado quando as pessoas falam da bebida.<br />Começar a beber logo cedo.<br />Achar que está certo em relação à quantidade que deve beber<br />
  19. 19. O consumo de álcool pode estar associado a: <br />Contexto familiar<br />Predisposição genética<br />
  20. 20. Padrões culturais<br />Nível socioeconómico <br />
  21. 21. Após o consumo excessivo e prolongado do álcool, eis as consequências na saúde:<br />Úlceras<br />Tumores no tubo digestivo<br />
  22. 22. Cancro cerebral<br />Desnutrição generalizada<br />
  23. 23. Malformações em fetos cujas mães são alcoólicas<br />Cirrose hepática<br />
  24. 24. Tratamento<br />O tratamento é diferente de pessoa para pessoa. Depende:<br />
  25. 25. Grau e das lesões já instaladas<br />Deve ser apropriado a cada doente <br />
  26. 26. É fundamental o reconhecimento da dependência por parte do alcoólico.<br />Mas, sem dúvida que o melhor tratamento é a PREVENÇÃO<br />
  27. 27. Tabaco<br />
  28. 28. O tabaco é uma planta cujo nome científico é Nicotina tabacos, da qual é extraída uma substância chamada nicotina. <br />
  29. 29. Este é constituído por nicotina, alcatrão e monóxido de carbono. <br />
  30. 30. A nicotina provoca dependência<br />
  31. 31. O alcatrão provoca irritações crónicas nas vias aéreas superiores.<br />
  32. 32. O monóxido de carbono dissolvido no sangue impede a ligação normal do oxigénio à hemoglobina que torna a oxigenação dos tecidos deficitária.<br />
  33. 33. O grau de toxicidade do tabaco deve-se à maneira como é consumido assim como à intensidade da inalação do fumo. Fumar causa inúmeros problemas de saúde como diversos tipos de cancro, doenças cardiovasculares e causa dependência. <br />
  34. 34. Por outro lado, a abstinência de nicotina pode provocar um conjunto de comportamentos psíquicos e fisiológicos ao fumador como depressão, insónia, irritabilidade, ansiedade, dificuldade de concentração e aumento ou perda de peso.<br />
  35. 35. Curiosidades:<br />O tabagismo reduz a esperança de vida em sete anos e meio;<br />O fumo produzido pelo consumo de tabaco contém mais de 4000 compostos químicos com efeitos tóxicos e irritantes, dos quais mais de 40 são reconhecidos como cancerígenos.<br />
  36. 36. A melhor prevenção para evitar o hábito de fumar é nunca fumar.<br />
  37. 37.
  38. 38. Droga ilícita é toda e qualquer substância proibida por lei.<br />
  39. 39. Alguns dos exemplos de Drogas Ilícitas são:<br />Cocaína <br />A cocaína deriva da folha do arbusto da coca (Erytbroxylon Coca), do qual existem variedades como a boliviana (huanaco), a colombiana (novagranatense) ou a peruana (trujilense). <br />
  40. 40. Ecstasy<br /> O ecstasy é uma droga muito usada em casas nocturnas de músicas electrónicas e devido às etapas de consumo, como a actividade física por tempo prolongado, o perigo é ainda maior, pois a droga eleva a temperatura do corpo e pode levar à morte.<br />
  41. 41. Maconha:<br /> A maconha é uma das várias preparações possíveis da planta fêmea da Cannabis Sativa, erva originária da Ásia, da qual são extraídas outras drogas como haxixe, kif, etc.<br />
  42. 42. LSD:<br />A dietilamida do ácido lisérgico (LSD) é a mais poderosa droga conhecida: menos de 30 gramas são suficientes para produzir mais de trezentas mil doses. <br />
  43. 43. Heroína:<br />A heroína é descendente directa da morfina, e ambas são tão relacionadas que a heroína, ao penetrar na corrente sanguínea e ser processada pelo fígado, é transformada em morfina. A droga tem origem na papoila, planta da qual é extraído o ópio.<br />
  44. 44. Inalantes:<br />A categoria das drogas inalantes abrange diversas substâncias, sendo três as principais: toluene, éter e clorofórmio.<br />
  45. 45. Haxixe:<br />O haxixe é um alucinogénio: altera a forma como as coisas são ouvidas e vistas. Contém substâncias químicas e uma delas, o tetrahidrocannabinol (THC) é a causa principal dessas alterações.<br />
  46. 46. Conclusão<br />Com este trabalho adquirimos maiores conhecimentos sobre o tema das DROGAS Lícitas e Ilícitas.<br />
  47. 47. Trabalho realizado por:<br />Marta Barbosa, nº 17<br />Natália Lopes, nº 19<br />Sofia Freitas, nº 27<br />Tiago Costa, nº28<br />Escola Básica de Paços de Ferreira<br />Ciências Naturais<br />Prof: Cristiana Comprido 2009/2010<br />
  48. 48. Fim . . .<br />
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×