Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Francisco e gonçalo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Francisco e gonçalo

  • 157 views
Published

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
157
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Presidentes da República Portuguesa
    Manuel da Costa
    Francisco Lopes
  • 2. Manuel da Costa
    Militar português, Manuel de Oliveira Gomes da Costa nasceu a 14 de Janeiro de 1863, em Lisboa, e morreu a 17 de Dezembro de 1929 quando já se encontrava totalmente desligado do poder.
  • 3. Enquanto militar, destacou-se nas campanhas de pacificação das colónias, em África e na Índia, e ainda na 1ª Grande Guerra.
    a sua vida
  • 4. a sua vida
    Implantada a República, continuou a sua carreira de militar colonial em postos de chefia em Angola e São Tomé e Príncipe.
  • 5. a sua vida
    Terminada a guerra, já com a patente de general a que fora promovido pelo seu comportamento exemplar na Flandres, envolveu-se em actividades políticas conspirativas contra a República, a que na realidade nunca aderira, dadas as suas convicções monárquicas.
  • 6. a sua vida
    Militar prestigiado e condecorado ao mais alto nível, a sua irrequietude política fê-lo entrar em choque com as autoridades, o que lhe valeu a prisão por mais de uma vez e uma espécie de exílio disfarçado.
  • 7. A 9 de Julho triunfou o golpe de Sinel de Cordes, e apenas dois dias depois, a 11, Gomes da Costa, que recusara a opção de permanecer como Presidente da República e renunciar ao poder executivo, partiu para o exílio nos Açores, onde recebeu a promoção a marechal (o governo restabeleceu aquele grau honorífico expressamente para o homenagear) ainda no mesmo ano. Ainda exerceu algumas funções de natureza política, mas com valor protocolar apenas. Quando faleceu, em Dezembro de 1929,
  • 8. FRANCISCO LOPES
    Francisco Higino Craveiro Lopes nasceu em 1894 e morreu em 1964.
  • 9. a sua vida
    Oficial da Força Aérea prestou serviço militar no Corpo Expedicionário Português na Flandres durante o conflito e ocupara o importante cargo de Comandante-Geral da Legião Portuguesa na segunda metade da década de quarenta.
  • 10. Embora tivesse ocupado discretamente uma cadeira de deputado por algum tempo, não se encontrava vinculado a nenhuma das tendências que se manifestavam no seio das forças políticas de apoio ao Estado Novo.
    a sua vida
  • 11. a sua vida
    Foram precisamente as divergências com Salazar que determinaram a sua substituição pelo Almirante Américo Thomaz, candidato oficial do regime, apoiado pela União Nacional, nas eleições presidenciais de 1958.
  • 12. Bandeira
  • 13. Heróis do mar, nobre Povo, Nação valente, imortal, Levantai hoje de novo O esplendor de Portugal! Entre as brumas da memória, Ó Pátria, sente-se a voz Dos teus egrégios avós, Que há-de guiar-te à vitória!Às armas, às armas! Sobre a terra, sobre o mar, Às armas, às armas! Pela Pátria lutar Contra os canhões marchar, marchar!
    Hino nacional
  • 14. Conclusão
    Concluímos que com este trabalho ficamos a saber que estes 2 (dois) presidentes foram muito importantes nesta República.
    Esperemos que tenham gostado
  • 15. F. H. Craveiro Lopes. Diciopédia 2008 [DVD-ROM]. Porto : Porto Editora, 2007.
    Gomes da Costa. Diciopédia 2008 [DVD-ROM]. Porto : Porto Editora, 2007.
    BIBLIOGRAFIA
  • 16. Trabalho elaborado por:
    Francisco Sampaio, N.º6
    Gonçalo Santos, N.º8