Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento Humano

8,144 views
7,997 views

Published on

Este trabalho tem como objetivo refletir acerca das questões relacionadas à integração de tecnologias ao currículo educacional com vistas ao desenvolvimento humano e objetiva validar um conceito para competências digitais na esfera educacional. Para subsidiar esta investigação, optou-se por investigar experiências em desenvolvimento na Escola Básica 2,3 Dr. Carlos Ferreira Pinto, localizada em Portugal. A escolha por uma escola de Portugal deveu-se, à existência do Relatório do Estudo de Implementação do Projeto “Competências TIC”, no âmbito do Plano Tecnológico da Educação daquele país, elaborado no ano de 2008, visando criar um sistema integrado de formação e certificação de professores, com base em um referencial de competências. A investigação foi realizada no 1º semestre de 2009, com conclusões preliminares, e segue ao longo do segundo semestre de 2009. Articula-se com o Projeto da UNESCO, Padrões de competências em TIC para Professores. Até o presente momento, concluiu-se que há experiências na escola que visam integrar tecnologias ao currículo. Fica evidente que o estudo das tecnologias ainda está apartado dos estudos curriculares, como se fossem categorias completamente diferentes. Evidencia-se, também, a inexistência de um conceito validado na área educacional para “competências digitais”.

Published in: Education, Business, Sports
2 Comments
10 Likes
Statistics
Notes
  • Um currículo em media digitais poderia incluir (vide http://www.vancouverobserver.com/blogs/schoolview/2010/09/21/time-focus-facebook-literacy-our-education-system):

    * Understanding social media
    * Social media: reputation, identity, and authority
    * Privacy, security, and ethical issues
    * Critical thinking and reasoned choices
    * Anti-cyber bullying strategies
    * Guidelines for adult interaction with students
    * The educational benefits/risks of social media
    * Using social media to enhance student learning
    * Best practices
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • Este trabalho tem como objetivo refletir acerca das questões relacionadas à integração de tecnologias ao currículo educacional com vistas ao desenvolvimento humano e objetiva validar um conceito para competências digitais na esfera educacional. Para subsidiar esta investigação, optou-se por investigar experiências em desenvolvimento na Escola Básica 2,3 Dr. Carlos Ferreira Pinto, localizada em Portugal. A escolha por uma escola de Portugal deveu-se, à existência do Relatório do Estudo de Implementação do Projeto “Competências TIC”, no âmbito do Plano Tecnológico da Educação daquele país, elaborado no ano de 2008, visando criar um sistema integrado de formação e certificação de professores, com base em um referencial de competências. A investigação foi realizada no 1º semestre de 2009, com conclusões preliminares, e segue ao longo do segundo semestre de 2009. Articula-se com o Projeto da UNESCO, Padrões de competências em TIC para Professores. Até o presente momento, concluiu-se que há experiências na escola que visam integrar tecnologias ao currículo. Fica evidente que o estudo das tecnologias ainda está apartado dos estudos curriculares, como se fossem categorias completamente diferentes. Evidencia-se, também, a inexistência de um conceito validado na área educacional para “competências digitais”.
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total views
8,144
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
125
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
2
Likes
10
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento Humano

  1. 1. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano VIII Encontro de Pesquisadores em Educação: Currículo VIII Encontro de Pesquisadores em Educação: Currículo da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Currículo e avaliação: políticas em conflito Currículo e avaliação: políticas em conflito Novas Tecnologias em Educação Novas Tecnologias em Educação 17 e 18 de novembro de 2009 17 e 18 de novembro de 2009
  2. 2. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano ObjetivosObjetivos 1.1.Refletir acerca de questões relacionadas à integração de Refletir acerca de questões relacionadas à integração de tecnologias ao currículo escolar com vistas ao tecnologias ao currículo escolar com vistas ao desenvolvimento humano. desenvolvimento humano. 2. Validar um conceito para competências digitais na 2. Validar um conceito para competências digitais na esfera educacional.esfera educacional.
  3. 3. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano JustificativasJustificativas 1.1.Olhar para o contexto atual e validar o elemento cultura na educação; Olhar para o contexto atual e validar o elemento cultura na educação; 2.2.Legitimar as competências no currículo educacional; Legitimar as competências no currículo educacional; 3.3.Criar uma definição para a competência digital em uma realidade curricular; Criar uma definição para a competência digital em uma realidade curricular; 4.4.Estudar a Pedagogia de competências e a Pedagogia digital; Estudar a Pedagogia de competências e a Pedagogia digital; 5.5.Trazer as dimensões da tecnologia. Trazer as dimensões da tecnologia. Educação + Escola + Currículo + Tecnologia Educação + Escola + Currículo + Tecnologia  Desenvolvimento Humano Desenvolvimento Humano
  4. 4. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Conhecimento + Conscientização + Competências (professores e alunos) Conhecimento + Conscientização + Competências (professores e alunos)  Integração dos Recursos Tecnológicos no Currículo Educacional Integração dos Recursos Tecnológicos no Currículo Educacional O ContextoO Contexto 1.1.Influências internacionais, dos mercados e das políticas sociais; Influências internacionais, dos mercados e das políticas sociais; 2.2.Desigualdades, meio ambiente em risco, competição, tecnologias e resultados; Desigualdades, meio ambiente em risco, competição, tecnologias e resultados; 3.3.Novos modos e espaços para pensar e para aprender; Novos modos e espaços para pensar e para aprender; 4.4.Demandas, competências e paradoxos. Demandas, competências e paradoxos.
  5. 5. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano A EscolaA Escola 1.1.Possibilita o desenvolvimento do processo de ensino e de aprendizagem Possibilita o desenvolvimento do processo de ensino e de aprendizagem 2.2.Vive o conflito das escolhas e recortes do conhecimento; Vive o conflito das escolhas e recortes do conhecimento; 3.3.Possibilita o processo da conscientização e influencia a vida em sociedade; Possibilita o processo da conscientização e influencia a vida em sociedade; 4.4.Possibilita acesso ao mundo do trabalho e aos bens culturais e materiais; Possibilita acesso ao mundo do trabalho e aos bens culturais e materiais; 5.5.Forma e media o diálogo e configura uma nova mentalidade; Forma e media o diálogo e configura uma nova mentalidade; 6.6.Torna factível uma proposta que contemple os desejos da comunidade. Torna factível uma proposta que contemple os desejos da comunidade.
  6. 6. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano A TecnologiaA Tecnologia 1.1.Ferramenta, interface e possibilidade para o ensino e para a aprendizagem; Ferramenta, interface e possibilidade para o ensino e para a aprendizagem; 2.2.Mediação e recurso para o ensinar e para o aprender; Mediação e recurso para o ensinar e para o aprender; 3.3.Produção e consumo no uso e na necessidade; Produção e consumo no uso e na necessidade; 4.4.Possibilidade para emergir as competências no espaço educacional; Possibilidade para emergir as competências no espaço educacional; 5.5.Criação de metodologias potenciais para o desenvolvimento humano. Criação de metodologias potenciais para o desenvolvimento humano.
  7. 7. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano O Currículo EducacionalO Currículo Educacional 1.1.Campo e ação política institucional local; Campo e ação política institucional local; 2.2.Recorte de conhecimento definido pelas políticas educacionais; Recorte de conhecimento definido pelas políticas educacionais; 3.3.Ideológico, com o conhecimento universal e local; Ideológico, com o conhecimento universal e local; 4.4.Conhecimento necessário para o indivíduo dar seguimento a sua vida; Conhecimento necessário para o indivíduo dar seguimento a sua vida; 5.5.Local das competências e dos saberes para o desenvolvimento humano. Local das competências e dos saberes para o desenvolvimento humano.
  8. 8. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano A Integração da Tecnologia no Currículo Educacional A Integração da Tecnologia no Currículo Educacional   1.1.Inovação tecnológica nos espaços para o aprender e para o ensinar; Inovação tecnológica nos espaços para o aprender e para o ensinar; 2.2.Possibilidades de interações e de construção conhecimento; Possibilidades de interações e de construção conhecimento; 3.3.Potencialização do diálogo, da participação e da representatividade; Potencialização do diálogo, da participação e da representatividade; 4.4.Emergência das competências digitais com o acesso e uso da técnica refletida. Emergência das competências digitais com o acesso e uso da técnica refletida.
  9. 9. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Currículo Educacional e Recursos Tecnológicos Oportunidades e Ameaças A Pesquisa Objeto de Estudo: Plano Tecnológico da Educação EB 2, 3 Dr. Carlos Pinto Ferreira – Distrito de Porto Projeto Competências TIC – Portugal (2007-2008) Fonte: http://www.eb23-junqueira.rcts.pt/ http://www.eb23-junqueira.rcts.pt/
  10. 10. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Contexto Europeu e Contexto Português Contexto Europeu e Contexto Português 1.1.Favorável à adoção e à integração das TIC nos vários domínios da esfera social; Favorável à adoção e à integração das TIC nos vários domínios da esfera social; 2.2.Reforço das qualificações e competências dos portugueses para a construção da sociedade Reforço das qualificações e competências dos portugueses para a construção da sociedade do conhecimento;do conhecimento; 3.3.Estratégia Nacional de Desenvolvimento Sustentável e Plano Tecnológico; Estratégia Nacional de Desenvolvimento Sustentável e Plano Tecnológico; 4.4.““Estratégia de Lisboa”, no seguimento do Programa Educação e Formação 2010 Estratégia de Lisboa”, no seguimento do Programa Educação e Formação 2010 5.5.Definição de quadro de Referência Estratégico para o desenvolvimento de políticas de Definição de quadro de Referência Estratégico para o desenvolvimento de políticas de educação e formação na Europa comunitária; educação e formação na Europa comunitária; 6.6.Meta Portugal: até 2010 situar-se entre os cinco países europeus mais avançados na Meta Portugal: até 2010 situar-se entre os cinco países europeus mais avançados na modernização tecnológica.modernização tecnológica.
  11. 11. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Eixos do Plano Tecnológico Eixos do Plano Tecnológico 1.1.Recursos tecnológicos;Recursos tecnológicos; 2.2.Conteúdos educacionais;Conteúdos educacionais; 3.3.Formação docente;Formação docente; 4.4.Processos e resultados do ensinar e do aprender; Processos e resultados do ensinar e do aprender; 5.5.Registrar deRegistrar de maneira integrada e transversal os domínios relacionados à maneira integrada e transversal os domínios relacionados à modernização do sistema educativo de Portugal. modernização do sistema educativo de Portugal.
  12. 12. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Projeto Competências TIC Projeto Competências TIC 1.1.Foco no acesso, na motivação e nas competências; Foco no acesso, na motivação e nas competências; 2.2.Perfil com ênfase nas competências e na avaliação; Perfil com ênfase nas competências e na avaliação; 3.3.Referenciais internacionais para a professor do século XXI; Referenciais internacionais para a professor do século XXI; 4.4.Certificações para as competências; Certificações para as competências; 5.5.Tendências políticas dos sistemas mundiais, inclusive os econômicos; Tendências políticas dos sistemas mundiais, inclusive os econômicos; 6.6.Metas, avaliação de resultados e prêmios ; Metas, avaliação de resultados e prêmios ; 7.7.Interferência do mundo do trabalho na educação (OCDE / Pisa). Interferência do mundo do trabalho na educação (OCDE / Pisa).
  13. 13. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano EB 2, 3: Dr. Carlos Pinto Ferreira, em Portugal EB 2, 3: Dr. Carlos Pinto Ferreira, em Portugal Contextualização:Contextualização: Freguesia de Junqueira;Freguesia de Junqueira; Distrito de Porto;Distrito de Porto; Concelho Vila do Conde;Concelho Vila do Conde; Educação infantil, 1º, 2º e 3º ciclos da educação obrigatória; Educação infantil, 1º, 2º e 3º ciclos da educação obrigatória; Agrupamento de Junqueira. Agrupamento de Junqueira. Fonte:Fonte: http://www.eb23-junqueira.rcts.pt/ http://www.eb23-junqueira.rcts.pt/
  14. 14. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano EB 2, 3: Dr. Carlos Pinto Ferreira, Portugal, Projeto educativo (2007 – 2010) EB 2, 3: Dr. Carlos Pinto Ferreira, Portugal, Projeto educativo (2007 – 2010) Competências para a vida e para uma cidadania com sucesso (resultados) com uso de diferentes Competências para a vida e para uma cidadania com sucesso (resultados) com uso de diferentes linguagens.linguagens. CurrículoCurrículo Orientação pedagógica e instrumento da autonomia, pedagogia da competência, valores e código de Orientação pedagógica e instrumento da autonomia, pedagogia da competência, valores e código de conduta, metas e resultados e articulação de conteúdos curriculares. conduta, metas e resultados e articulação de conteúdos curriculares. Currículo e tecnologiasCurrículo e tecnologias Uso de várias tecnologias, inclusive portáteis, disponibilidade para a inovação, cursos de formação e Uso de várias tecnologias, inclusive portáteis, disponibilidade para a inovação, cursos de formação e projetos voltados ao uso de tecnologias. projetos voltados ao uso de tecnologias.
  15. 15. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Metodologia da Pesquisa Metodologia da Pesquisa 1.1.Análise do sítio da escola ( Análise do sítio da escola (http://www.eb23-junqueira.rcts.pt/); 2.2.Análise documental (projeto educativo, projeto de TIC e registros no sítio); Análise documental (projeto educativo, projeto de TIC e registros no sítio); 3.3.Análises contextuais;Análises contextuais; 4.4.Conversas informais e troca de Conversas informais e troca de e-mailse-mails com a professora da escola. com a professora da escola.
  16. 16. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Algumas ConclusõesAlgumas Conclusões 1.1.Definição do conceito de competências digitais e da integração das tecnologias Definição do conceito de competências digitais e da integração das tecnologias no currículo educacional;no currículo educacional; 2.2.Papel do Estado nas políticas públicas; Papel do Estado nas políticas públicas; 3.3.Avanços em investimentos para as tecnologias móveis; Avanços em investimentos para as tecnologias móveis; 4.4.Espaços para o processo de ensinar e de aprender; Espaços para o processo de ensinar e de aprender; 5.5.Currículo educacional para atender à sociedade contemporânea. Currículo educacional para atender à sociedade contemporânea.
  17. 17. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Algumas ConclusõesAlgumas Conclusões 1.1.Definição do conceito de competências digitais e da integração das tecnologias Definição do conceito de competências digitais e da integração das tecnologias no currículo educacional;no currículo educacional; 2.2.Papel do Estado nas políticas públicas; Papel do Estado nas políticas públicas; 3.3.Avanços em investimentos para as tecnologias móveis; Avanços em investimentos para as tecnologias móveis; 4.4.Espaços para o processo de ensinar e de aprender; Espaços para o processo de ensinar e de aprender; 5.5.Currículo educacional para atender à sociedade contemporânea. Currículo educacional para atender à sociedade contemporânea.
  18. 18. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Referências ALMEIDA, M. E. B. de; VALENTE, J. A. Currículo e Novas Tecnologias. Texto de circulação restrita no âmbito da disciplina Integração de tecnologias ao currículo: práticas e fundamentos, PUC/SP, 2009. COUTINHO, C. P. Tecnologia Educativa e Currículo: Caminhos que se Cruzam ou se Bifurcam? Colóquio sobre Questões Curriculares, 7, Braga, Portugal, 2006 – Globalização e (des)igualdades: os desafios curriculares: actas. [Braga: Instituto de Educação e Psicologia da Universidade do Minho, 2006]. Disponível em: http://repositorium.sdum.uminho.pt/bitstream/1822/6468/1/Texto%20Col%20QC%202006.pdf. Acesso: 01 de outubro de 2009. DAMÁSIO, M. J. Tecnologia e Educação: As tecnologias da Informação e da Comunicação e o processo Educativo. Lisboa, Portugal: Editora Vega, 2007. 356p. DUDZIAK, E. A. Os faróis da Sociedade de Informação: Uma Análise Crítica sobre a Situação da Competência em Informação no Brasil. Revista Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v. 8, n. 2, p. 41-52, maio/ago, 2008. EB 2,3 DR. CARLOS PINTO FERREIRA. A Wapa = A web anda por aqui. Disponível em: http://ebdcpferreira.nonio.uminho.pt. Acesso em: 10 de outubro de 2009.
  19. 19. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Referências GIROUX, H. A. Os Professores como Intelectuais: Rumo a uma Pedagogia Crítica da Aprendizagem. Porto Alegre: Artmed, 1997. 270p. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO DE PORTUGAL. Currículo Nacional e Programas. Disponível em http://www.min-edu.pt. Acesso em: 10 de outubro de 2009. _________________________________________. Direcção-geral de inovação e desenvolvimento curricular (dgidc). TIC na Educação. Disponível em: http://sitio.dgidc.min-edu.pt/tic/Paginas/default.aspx. Acesso em 10 de outubro de 2009. _________________________________________. Portal das escolas. Disponível em: http://www.portaldasescolas.pt. Acesso em: 10 de outubro de 2009. MOREIRA, A. F. B.; SILVA, T. T. (orgs). Currículo, Cultura e Sociedade. 7 ed. São Paulo: Cortez Editora, 2002. 154p. ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A EDUCAÇÃO A CIÊNCIA E A CULTURA (UNESCO). Padrões de Competências em TIC para professores. 2009. Disponível em http://www.unesco.org/en/competency- standards-teachers. Acesso em 10 de setembro de 2009.
  20. 20. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Referências ORGANIZAÇÃO PARA A COORDENAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO (OCDE). A Definição e Seleção de Competências Chave (DeSeCo). Resumo Executivo, 2008. Disponível em http://www.ocde.org. Acesso em 01 de outubro de 2009. PERRENOUD, P. 10 Competências para Ensinar. Artmed, Porto Alegre, 2000. 192p. PINTO, A. V. Ciência e Existência. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1969. 537p. PROJETO COMPETÊNCIAS TIC DO PLANO TECNOLÓGICO DA EDUCAÇÃO. Gabinete de Estatística e Planejamento de Portugal e Faculdade de Lisboa, 2008. PROJETO EDUCATIVO DO AGRUPAMENTO DE JUNQUEIRA. Disponível em http://ebdcpferreira.nonio.uminho.pt. Acesso em: 05 de julho de 2009. ROPÉ, F.; TANGUY, L. (orgs). Saberes e competências: O Uso de Tais Noções na Escola e na Empresa. 5 ed. Campinas: Papirus, 2004. SEVERINO, A. J. S. Educação, sujeito e história. São Paulo: Olho D’Água, 2007. 176p. SMITH, M. Curriculum Theory and Practice. Disponível em http://infed.org/biblio/b-curric.htm. Acesso em: 01 de outubro de 2009.
  21. 21. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Referências VALENTE, J. A. As Tecnologias Digitais e os Diferentes Letramentos: Novos Desafios da Educação. Pátio. Revista Pedagógica (Porto Alegre), v. 11, p. 12-15, 2007. ______________. Os Diferentes Letramentos como Expansão da Inclusão Digital: Explorando os Potenciais Educacionais das Tecnologias da Informação e Comunicação. In. RAIÇA, D. (org.) Tecnologias para a Educação Inclusiva. São Paulo: Editora Avercam, 2009. p. 67 - 83
  22. 22. Competências Digitais:Competências Digitais: Uma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para oUma Nova Dimensão para o Currículo, para a Tecnologia e para o Desenvolvimento HumanoDesenvolvimento Humano Agradecimentos e Contatos Orientação: Professor Dr. José Armando Valente Gilda Inez Pereira Piorino gilda_piorino@yahoo.com.br Neli Maria Mengalli mengalli@uol.com.br

×