Apostasia em Israel

6,745 views

Published on

A adoração ao sol no antigo Israel e também entre o professo povo de Deus da actualidade. Power-point utilizado na pregação "Apostasia em Israel", a 27/12/2008, na igreja adventista do sétimo dia de Castelo Branco, Portugal, por Sérgio Ventura. Pregação no YouTube: http://www.youtube.com/view_play_list?p=07D7F99CB0A55B23

Published in: Spiritual, Travel, News & Politics
1 Comment
3 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
6,745
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2,253
Actions
Shares
0
Downloads
195
Comments
1
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Apostasia em Israel

  1. 2. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>I Reis 16: 29-33; 17:1-3 </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 263 </li></ul>
  2. 3. <ul><li>“ Acabe , filho de Onri, começou a reinar sobre Israel no ano trigésimo oitavo de Asa, rei de Judá; e reinou Acabe, filho de Onri, sobre Israel , em Samaria, vinte e dois anos . </li></ul>
  3. 4. <ul><li>Fez Acabe , filho de Onri, o que era mau perante o Senhor, mais do que todos os que foram antes dele . Como se fora coisa de somenos andar ele nos pecados de Jeroboão, filho de Nebate, </li></ul>
  4. 5. <ul><li>tomou por mulher a Jezabel, filha de Etbaal, rei dos sidónios; e foi, e serviu a Baal, e o adorou . Levantou um altar a Baal, na casa de Baal que edificara em Samaria. </li></ul>
  5. 6. <ul><li>Também Acabe fez um poste-ídolo, de maneira que cometeu mais abominações para irritar ao Senhor, Deus de Israel, do que todos os reis de Israel que foram antes dele .” </li></ul><ul><li>I Reis 16: 29-33 </li></ul>
  6. 7. <ul><li>“ Então, Elias , o tesbita, dos moradores de Gileade, disse a Acabe: Tão certo como vive o Senhor, Deus de Israel, perante cuja face estou, nem orvalho nem chuva haverá nestes anos, segundo a minha palavra . </li></ul>
  7. 8. <ul><li>Veio-lhe a palavra do Senhor, dizendo: Retira-te daqui , vai para o lado oriental e esconde-te junto à torrente de Querite, fronteira ao Jordão.” </li></ul><ul><li> I Reis 17:1-3 </li></ul>
  8. 9. <ul><li>“ O temor de Deus diminuía cada dia em Israel. Os símbolos blasfemos de sua idolatria cega eram vistos entre o Israel de Deus . </li></ul>
  9. 10. <ul><li>Não havia ninguém que ousasse arriscar a sua vida , levantando-se em oposição aberta à idolatria blasfema que prevalecia. </li></ul>
  10. 11. <ul><li>Os altares de Baal, e os sacerdotes de Baal que sacrificavam ao sol , lua e estrelas, eram visíveis em toda a parte .” </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 263 </li></ul>
  11. 12. <ul><li>“ O coração fiel de Elias foi magoado. Sua indignação despertou-se e ele encheu-se de zelo pela glória de Deus. Viu que Israel estava mergulhado em terrível apostasia . </li></ul>
  12. 13. <ul><li>E quando recordou as grandes coisas que Deus fizera a seu favor, foi tomado de tristeza e espanto. (…) </li></ul><ul><li>Suplicou a Deus para reter de seu povo ingrato o orvalho e a chuva, os tesouros do céu , </li></ul>
  13. 14. <ul><li>para que o Israel apóstata olhasse em vão a seus deuses , seus ídolos de ouro, madeira e pedra, o sol , lua e estrelas, para regar e enriquecer a terra, e fazer que ela produzisse mais abundantemente. </li></ul>
  14. 15. <ul><li>O Senhor disse a Elias que tinha ouvido sua oração e reteria o orvalho e a chuva de Seu povo até que se voltasse a Ele em arrependimento .” </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 263 </li></ul>
  15. 16. <ul><li>“ Elias, indignado e cheio de zelo pela honra e glória de Deus , responde à acusação de Acabe com ousadia : </li></ul>
  16. 17. <ul><li>“ Eu não tenho perturbado Israel, mas tu e a casa de teu pai, porque deixastes os mandamentos do Senhor ” (I Reis 18:18).” </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 278 </li></ul>
  17. 18. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Josué 7:1, 6-13, 19, 20, 24, 25 </li></ul>
  18. 19. <ul><li>“ Prevaricaram os filhos de Israel nas coisas condenadas ; porque Acã , filho de Carmi, filho de Zabdi, filho de Zerá, da tribo de Judá, tomou das coisas condenadas . A ira do Senhor se acendeu contra os filhos de Israel.” </li></ul><ul><li>Josué 7:1 </li></ul>
  19. 20. <ul><li>“ Então, Josué rasgou as suas vestes e se prostrou em terra sobre o rosto perante a arca d o Senhor até à tarde, ele e os anciãos de Israel, e deitaram pó sobre a cabeça. </li></ul>
  20. 21. <ul><li>Disse Josué: Ah! Senhor Deus , porque fizeste este povo passar o Jordão, para nos entregares nas mãos dos amorreus, para nos fazerem perecer? Tomara nos contentáramos com ficarmos dalém do Jordão. </li></ul>
  21. 22. <ul><li>Ah! Senhor, que direi? Pois Israel virou as costas diante dos seus inimigos! Ouvindo isto os cananeus e todos os moradores da terra, nos cercarão e desarraigarão o nosso nome de terra; e, então, que farás ao teu grande nome? </li></ul>
  22. 23. <ul><li>Então disse o Senhor a Josué: Levanta-te! Porque estás prostrado assim sobre o rosto? Israel pecou , e violaram a minha aliança, aquilo que eu lhes ordenara, </li></ul>
  23. 24. <ul><li>pois tomaram das coisas condenadas, e furtaram , e dissimularam , e até debaixo da sua bagagem o puseram . </li></ul>
  24. 25. <ul><li>Pelo que os filhos de Israel não puderam resistir aos seus inimigos; viraram as costas diante deles, porquanto Israel se fizera condenado ; </li></ul>
  25. 26. <ul><li>já não serei convosco, se não eliminardes de vosso meio a coisa roubada. </li></ul><ul><li>Dispõe-te, santifica o povo e dize: Santificai-vos para amanhã, porque assim diz os Senhor, Deus de Israel: </li></ul>
  26. 27. <ul><li>Há coisas condenadas no vosso meio , ó Israel; aos vossos inimigos não podereis resistir enquanto não eliminardes do vosso meio as coisas condenadas .” </li></ul><ul><li>Josué 7:6-13 </li></ul>
  27. 28. <ul><li>“ Então, disse Josué a Acã : Filho meu, dá glória ao Senhor, Deus de Israel, e a ele rende louvores; e declara-me, agora, o que fizeste ; não mo ocultes. </li></ul>
  28. 29. <ul><li>Respondeu Acã a Josué e disse: </li></ul><ul><li>Verdadeiramente pequei contra o Senhor , Deus de Israel, e fiz assim e assim. ” </li></ul><ul><li>Josué 7:19, 20 </li></ul>
  29. 30. <ul><li>Então, Josué e todo o Israel com ele tomaram Acã , filho de Zerá, e a prata, e a capa, e a barra de ouro, e seus filhos, e suas filhas, e seus bois, e seus jumentos, e suas ovelhas, e sua tenda, </li></ul>
  30. 31. <ul><li>e tudo quanto tinha e levaram-nos ao vale de Acor. Disse Josué: Porque nos conturbaste? O Senhor, hoje, te conturbará . E todo o Israel o apedrejou; e, depois de apedrejá-los, queimou-os.” </li></ul><ul><li>Josué 7:24, 25 </li></ul>
  31. 32. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 265, 267-270 </li></ul>
  32. 33. <ul><li>“ Ele quer ensinar a Seu povo que a desobediência e o pecado são excessivamente ofensivos a Seus olhos, e não devem ser considerados levianamente . Ele nos mostra que, </li></ul>
  33. 34. <ul><li>quando Seu povo se encontra em pecado, devem-se tomar imediatamente medidas positivas para tirar tal pecado do meio deles, a fim de que Seu desagrado não fique sobre todos . </li></ul>
  34. 35. <ul><li>Se , porém , os pecados do povo são passados por alto por aqueles que se acham em posições de responsabilidade , o desagrado de Deus estará sobre eles , e Seu povo , como um corpo será responsável por esses pecados . </li></ul>
  35. 36. <ul><li>No trato do Senhor com Seu povo no passado, Ele mostra a necessidade de purificar a igreja de erros. Um pecador pode difundir trevas que excluam a luz de Deus de toda a congregação .” </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 265 </li></ul>
  36. 37. <ul><li>“ Que comparação há entre este caso e a direcção seguida pelos que não levantam a voz contra o pecado e o erro , mas cujas simpatias se encontram sempre </li></ul>
  37. 38. <ul><li>do lado dos que perturbam o acampamento de Israel com os seus pecados? </li></ul><ul><li>Disse Deus a Josué: “ Aos vossos inimigos não podereis resistir enquanto não eliminardes do vosso meio as coisas condenadas .” Josué 7:13 . </li></ul>
  38. 39. <ul><li>Ele pronunciou o castigo que se devia seguir à transgressão do Seu concerto. “ </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, </li></ul><ul><li>pág. 267 e 268 </li></ul>
  39. 40. <ul><li>“ O testemunho claro e directo precisa viver na igreja, ou a maldição de Deus repousará sobre Seu povo como repousou no antigo Israel por causa de seus pecados. </li></ul>
  40. 41. <ul><li>Deus considera Seu povo , como um corpo, responsável pelos pecados em indivíduos em seu meio. </li></ul>
  41. 42. <ul><li>Se os dirigentes negligenciam buscar com diligência os pecados que trazem o desfavor de Deus sobre a corporação, eles se tornam responsáveis por estes pecados .” </li></ul><ul><li> </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 269 </li></ul>
  42. 43. <ul><li>“ Se houvesse entre nós um caso como o de Acã, há muitos que acusariam aqueles que fazem o papel de Josué em expor o erro de ter um espírito ímpio e crítico. </li></ul>
  43. 44. <ul><li>Deus não deve ser escarnecido e Suas advertências desatendidas com impunidade por um povo perverso.” </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 270 </li></ul>
  44. 45. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Testemunhos para Ministros, pág. 472-475 </li></ul>
  45. 46. <ul><li>“ Ao se aproximar o povo de Deus dos perigos dos últimos dias, faz Satanás ardorosa consulta com seus anjos quanto ao plano de maior êxito no sentido de lhes transtornar a fé. (…) </li></ul>
  46. 47. <ul><li>Dirige portanto seus anjos para que lancem suas ciladas especialmente para os que aguardam o segundo advento de Cristo e se estão esforçando por observar todos os mandamentos de Deus. </li></ul>
  47. 48. <ul><li>Diz o grande enganador : “ Devemos vigiar aqueles que estão chamando a atenção do povo para o sábado de Jeová ; (…) </li></ul>
  48. 49. <ul><li>Conservai nas trevas a mente do povo até que esta obra termine, e teremos conseguido o mundo e a igreja também . </li></ul>
  49. 50. <ul><li>O sábado é a grande questão que deve decidir o destino de almas . Devemos exaltar o sábado criado por nós . Deve agora a igreja ser levada a unir-se com o mundo em sua defesa. </li></ul>
  50. 51. <ul><li>Mas nossa principal preocupação é silenciar esta seita de observadores do sábado . (…) </li></ul>
  51. 52. <ul><li>… devemos exercer toda a nossa sabedoria e subtileza para enganar os que honram o verdadeiro sábado e engodá-los . (…) Podem julgar-se salvos porque crêem na verdade … </li></ul>
  52. 53. <ul><li>Por meio daqueles que têm uma forma de piedade, mas não lhe conhecem o poder , podemos ganhar muitos que de outra maneira nos causariam grande mal. (…) </li></ul>
  53. 54. <ul><li>Muitos não lhe temerão a influência, porque professam </li></ul><ul><li>a mesma fé . </li></ul>
  54. 55. <ul><li>Levá-los-emos então a concluir que as reivindicações de Cristo são menos estritas do que uma vez creram , e que pela conformação com o mundo exercerão maior influência sobre os mundanos. </li></ul>
  55. 56. <ul><li>Assim se separarão de Cristo ; então não terão forças para resistir ao nosso poder , e dentro de pouco tempo estarão prontos para ridicularizar o seu antigo zelo e devoção. </li></ul>
  56. 57. <ul><li>Enquanto não for dado e grande golpe decisivo, devem nossos esforços contra os observadores dos mandamentos ser incansáveis . Devemos estar presentes em todos os seus ajuntamentos. </li></ul>
  57. 58. <ul><li>Terei no terreno , como meus agentes , homens que mantenham falsas doutrinas misturadas com justamente suficiente verdade para enganar almas. </li></ul>
  58. 59. <ul><li>Também terei presentes pessoas incrédulas, que expressarão dúvidas quanto às mensagens de advertência do Senhor à Sua igreja. </li></ul>
  59. 60. <ul><li>Lesse o povo e cresse essas admoestações, e pouca esperança poderíamos ter de vencê-los. </li></ul>
  60. 61. <ul><li>  Mas se pudermos desviar-lhes a atenção dessas advertências, permanecerão ignorando nosso poder e sagacidade, e finalmente os ganharemos para as nossas fileiras .” </li></ul><ul><li>Testemunhos para Ministros, pág. 472-475 </li></ul>
  61. 63. (Revista Adventista - Novembro de 2008)
  62. 64. <ul><li>Forma de adoração ao sol </li></ul><ul><li>“ Para o culto ao Sol nenhum templo é necessário senão os amplos espaços abertos do mundo , os flancos e altiplanos da montanha ventosa e ensolarada, os belos vales e campos abertos, as florestas, os prados e as colinas. </li></ul>
  63. 65. <ul><li>Afastai-vos de toda forma artificial e aproximai-vos do coração da Natureza . </li></ul><ul><li>Reuní-vos, como o fazem os anjos, em companhias inspiradas com o único propósito de adorar o Sol. </li></ul>
  64. 66. <ul><li>Formai procissões, praticai augustos rituais, engajai-vos em danças alegres, cantai litanias esplêndidas , expressivas das glórias de Nosso Senhor o Sol . </li></ul>
  65. 67. <ul><li>Então juntai-vos num círculo à imitação de Sua forma gloriosa e elevai vossas mãos ao céu . Derramai vosso amor, vossa adoração e vosso louvor e reconhecei-O como o Senhor de vossas vidas .” </li></ul><ul><li>(http://caminhodomeio.wordpress.com/2008/03/21/o-culto-ao-sol/) </li></ul>
  66. 68. (Folheto – Descubra os… 8 Remédios da Natureza) (Junho 2008)
  67. 69. (Revista Adventista – Dezembro de 2008)
  68. 70. (Sinais dos tempos – 3° trimestre de 2008)
  69. 71. (Série de Folhetos - Esperança para todos)
  70. 72. (Novo envelope de dízimos)
  71. 73. (Série de Folhetos - Esperança para todos)
  72. 74. (Revista Adventista – Janeiro de 2008)
  73. 75. (Sinais dos Tempos – 2° trimestre de 2005)
  74. 77. (Sinais dos Tempos – 1° trimestre de 2008)
  75. 78. (Sinais dos Tempos – A saúde pela natureza)
  76. 79. (Sinais dos Tempos – 2° trimestre de 2008)
  77. 80. (Sinais dos Tempos 3° trimestre de 2008)
  78. 81. (3° trimestre de 2008)
  79. 85. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Ezequiel 8:6-17 </li></ul><ul><li>Patriarcas e Profetas, pág. 365 e 366 </li></ul>
  80. 86. <ul><li>“ Disse-me ainda: Filho do homem, vês o que eles estão fazendo? As grandes abominações que a casa de Israel faz aqui, para que me afaste do meu santuário ? </li></ul>
  81. 87. <ul><li>Pois verás ainda maiores abominações . </li></ul><ul><li>Ele me levou à porta do átrio; olhei, </li></ul><ul><li>e eis que havia um buraco na parede. </li></ul>
  82. 88. <ul><li>Então, me disse: Filho do homem, cava naquela parede. Cavei na parede, e eis que havia uma porta. </li></ul><ul><li>Disse-me: Entra e vê as terríveis abominações que eles fazem aqui. </li></ul>
  83. 89. <ul><li>Entrei e vi ; eis que toda a forma de répteis e de animais abomináveis e de todos os ídolos da casa de Israel , pintados na parede em todo o redor . </li></ul>
  84. 90. <ul><li>Setenta homens dos anciãos da casa de Israel , com Jazanias, filho de Safã, que se achava no meio deles, estavam em pé diante das pinturas , tendo cada um na mão o seu incensário ; </li></ul>
  85. 91. <ul><li>e subia o aroma da nuvem de incenso. Então, me disse: Viste, filho do homem, o que os anciãos da casa de Israel fazem nas trevas , cada um nas suas câmaras pintadas de imagens ? </li></ul>
  86. 92. <ul><li>Pois dizem: O Senhor não nos vê, o Senhor abandonou a terra. Disse-me ainda: Tornarás a ver maiores abominações que eles estão fazendo. </li></ul>
  87. 93. <ul><li>Levou-me à entrada da porta da casa do Senhor , que está no lado norte, e eis que ali estavam mulheres assentadas, chorando a Tamus . Disse-me: Vês isto, filho do homem? Verás ainda abominações maiores que estas. </li></ul>
  88. 94. <ul><li>Levou-me para o átrio de dentro da casa do Senhor, e eis que estavam à entrada do templo do Senhor, entre o pórtico e o altar, cerca de vinte e cinco homens , de costas para o templo do Senhor e com o rosto para o oriente; adoravam o sol virados para o oriente . </li></ul>
  89. 95. <ul><li>Então, me disse: Vês, filho do homem? Acaso, é de pouca monta para a casa de Judá o fazerem eles as abominações que fazem aqui, para que ainda encham de violência a terra e tornem a irritar-me? (...)” </li></ul><ul><li>Ezequiel 8:6-17 </li></ul>
  90. 96. (A Bela Bíblia Contada às Crianças, vol. II, pág. 38)
  91. 97. <ul><li>Posição de adoração no tabernáculo </li></ul><ul><li>“ Quando o sacerdote oferecia incenso perante o Senhor, olhava em direcção à arca … . </li></ul>
  92. 98. <ul><li>(…) Quando os sacerdotes , pela manhã e à tardinha , entravam no lugar santo à hora do incenso, o sacrifício diário estava pronto para ser oferecido sobre o altar, fora, no pátio. Esta era uma ocasião de intenso interesse para </li></ul>
  93. 99. <ul><li>os adoradores que se reuniam junto ao tabernáculo . Antes de entrarem à presença de Deus pelo ministério do sacerdote, deviam empenhar-se em ardoroso exame de coração e confissão de pecado. Uniam-se em oração silenciosa , com o rosto voltado para o lugar santo . (…) </li></ul>
  94. 100. <ul><li>E, quando, em tempos posteriores, os judeus foram espalhados como cativos em países distantes , ainda naquela hora designada voltavam o rosto para Jerusalém e proferiam as suas petições ao Deus de Israel.” </li></ul><ul><li>Patriarcas e Profetas, pág. 365 e 366 </li></ul>
  95. 101. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 260 </li></ul>
  96. 102. <ul><li>“ O povo de Deus precisa </li></ul><ul><li>ver suas faltas e </li></ul><ul><li>despertar-se em arrependimento zeloso e </li></ul><ul><li>abandonar aqueles pecados que os arrastaram a uma condição tão deplorável </li></ul>
  97. 103. <ul><li>de pobreza, cegueira, miséria e engano terrível. Foi-me mostrado que o testemunho incisivo precisa existir na igreja. Apenas isso corresponderá à mensagem aos laodiceanos . </li></ul>
  98. 104. <ul><li>Erros precisam de ser reprovados , o pecado precisa ser chamado pecado , e a iniquidade deve ser enfrentada de modo pronto e decisivo , e afastada de nós como um povo .” </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 260 </li></ul>
  99. 105. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 261 </li></ul>
  100. 106. <ul><li>“ Aqueles a quem Deus escolheu para uma obra importante foram sempre recebidos com desconfiança e suspeita . </li></ul>
  101. 107. <ul><li>Antigamente, quando Elias foi enviado com uma mensagem de Deus para o povo, eles não atenderam a advertência . Acharam-no desnecessariamente severo . </li></ul>
  102. 108. <ul><li> </li></ul><ul><li>Pensaram mesmo que ele perdera seu bom senso porque denunciava o povo favorecido de Deus como pecadores e seus crimes como tão graves que o juízo de Deus seria suscitado contra eles . ” </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 261 </li></ul>
  103. 109. <ul><li>Um claro dever escriturístico </li></ul><ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 265,266. </li></ul>
  104. 110. <ul><li>“ O preconceito que se levantou contra nós por havermos reprovado as faltas que Deus me mostrara existirem e o clamor de aspereza e severidade que se ergueu são injustos. Deus nos manda falar, e não ficaremos silenciosos. </li></ul>
  105. 111. <ul><li>Se há erros claros entre o Seu povo, e os servos de Deus continuam em frente indiferentes a isso, estão por assim dizer apoiando e justificando o pecador , </li></ul>
  106. 112. <ul><li>e são igualmente culpados, incorrendo tão certo como ele no desagrado de Deus ; pois serão tidos como responsáveis pelos pecados do culpado . </li></ul>
  107. 113. <ul><li>Foram-me mostrados em visão muitos casos em que o desagrado de Deus foi atraído por negligência por parte de Seus servos quanto a tratar de erros e pecados existentes entre eles. </li></ul>
  108. 114. <ul><li>Os que passaram por alto esses erros têm sido considerados pelo povo muito amáveis e de disposição benigna simplesmente por haverem eles recuado do desempenho de um claro dever escriturístico . </li></ul>
  109. 115. <ul><li>Essa tarefa não agradava aos seus sentimentos ; portanto, eles a evitaram. </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 265, 266. </li></ul>
  110. 116. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 266, 267 </li></ul>
  111. 117. <ul><li>O verdadeiro povo de Deus , os que possuem o espírito da obra do Senhor e levam a sério a salvação das pessoas, verá sempre o pecado em seu carácter real, maligno . (…) </li></ul>
  112. 118. <ul><li>Em especial na obra final da igreja, no tempo do selamento dos cento e quarenta e quatro mil que hão-de permanecer irrepreensíveis diante do trono de Deus, sentirão muito profundamente os erros do professo povo de Deus. </li></ul>
  113. 119. <ul><li>Isto é fortemente salientado pela ilustração do profeta, da última obra na figura dos homens com armas destruidoras na mão . Um homem entre eles estava vestido de linho com um tinteiro de escrivão à sua cinta. </li></ul>
  114. 120. <ul><li>“ E disse-lhe o Senhor: passa pelo meio da cidade, pelo meio de Jerusalém, e marca com um sinal as testas dos homens que suspiram e que gemem por causa de todas as abominações que se comentem no meio dela ”. (Ezequiel 9:4.) </li></ul>
  115. 121. <ul><li>Quem subsiste no conselho de Deus a esse tempo? São aqueles que , por assim dizer, desculpam os erros entre o professo povo de Deus e murmuram em seu coração, se não abertamente, contra os que reprovam o pecado ? </li></ul>
  116. 122. <ul><li>São os que tomam atitude contra eles e se compadecem dos que cometem erros ? Não, absolutamente! </li></ul>
  117. 123. <ul><li>A menos que eles se arrependam e deixem a obra de Satanás em oprimir os que têm a responsabilidade da obra e em suster as mão dos pecadores de Sião, jamais receberão o selo aprovador de Deus. </li></ul>
  118. 124. <ul><li>Cairão na destruição final dos ímpios , representada na obra dos cinco homens que tinham as armas destruidoras na mão. </li></ul><ul><li>Notem cuidadosamente este ponto: </li></ul>
  119. 125. <ul><li>os que receberem o puro sinal da verdade, neles gravado pelo poder do Espírito Santo, representado pelo sinal feito pelo homem vestido de linho, são os que “suspiram e gemem por causa de todas as abominações que se cometem” (Ezequiel 9:4) na igreja. </li></ul>
  120. 126. <ul><li> </li></ul><ul><li>Seu amor pela pureza e pela honra e glória de Deus é tal, e têm tão clara visão da excessiva malignidade do pecado que são representados como em agonia, suspirando e gemendo.” </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 266,267. </li></ul>
  121. 127. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 270 e 271 </li></ul>
  122. 128. <ul><li>“ O desagrado de Deus está sobre Seu povo. Ele não manifestará Seu poder em seu meio enquanto existirem pecados entre eles , e forem incentivados por pessoas em posições de responsabilidade. </li></ul>
  123. 129. <ul><li>Aqueles que trabalham no temor de Deus para livrar a igreja de empecilhos e corrigir erros graves , a fim de que o povo de Deus possa ver a necessidade de aborrecer o pecado e crescer em pureza, </li></ul>
  124. 130. <ul><li>e para que o nome de Deus seja glorificado, sempre enfrentarão resistentes influências da parte dos não consagrados .” </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 270 e 271 </li></ul>
  125. 131. <ul><li>Leitura: </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 279 e 281 </li></ul>
  126. 132. <ul><li>“ A condição de Israel em sua apostasia requer uma conduta firme , linguagem severa e autoridade imperiosa . Deus prepara a mensagem para adaptar-se ao momento e à ocasião. </li></ul>
  127. 133. <ul><li>Por vezes Ele põe Seu Espírito sobre Seus mensageiros para soar um alarme dia e noite , como fez Seu mensageiro João: “Preparai o caminho do Senhor.” </li></ul><ul><li>( Mateus 3:3) </li></ul>
  128. 134. <ul><li>Então, mais uma vez são necessários homens de acção que não se desviarão do dever , mas cuja energia despertará e exigirá: Quem está do lado do Senhor? Venha até nós. (Êxodo 32:26). </li></ul>
  129. 135. <ul><li>Deus terá uma mensagem apropriada para adaptar-se a Seu povo em diferentes condições .“ </li></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 279 </li></ul>
  130. 136. <ul><ul><li> </li></ul></ul><ul><ul><li>“ Se Deus aborrece um pecado mais do que outro, do qual Seu povo é culpado , é o de nada fazer no caso de uma emergência. </li></ul></ul>
  131. 137. <ul><ul><li>Indiferença e neutralidade numa crise religiosa são consideradas por Deus como um crime grave e igual ao pior tipo de hostilidade contra Deus .” </li></ul></ul><ul><li>Testemunhos para a Igreja - Volume 3, pág. 281 </li></ul>
  132. 138. <ul><li>Lista de reprodução da pregação “Apostasia em Israel” no YouTube: </li></ul><ul><li>http://www.youtube.com/view_play_list?p=07D7F99CB0A55B23 </li></ul><ul><li>Para mais informações, contactar [email_address] </li></ul>

×