Apresentação   colaboração em processo de negócio
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Apresentação colaboração em processo de negócio

on

  • 322 views

 

Statistics

Views

Total Views
322
Views on SlideShare
322
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Apresentação   colaboração em processo de negócio Apresentação colaboração em processo de negócio Presentation Transcript

  • Sistemas Colaborativos Colaboração em Processos de Negócios Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • PROCESSOS DE NEGÓCIO  Processos são atividades repetitivas que uma vez implementados trazem um ótimo resultado na eficiência e na eficácia na fabricação do produto ou na prestação dos serviços a que se propõem.  Os elementos que compõem um processo são:        Objetivo – Razão para a realização do trabalho; Evento – Acontecimento do mundo real que provoca uma ação; Atividade – Decomposição do trabalho em ações a serem realizadas; Ator/Agente – responsável pela execução das atividades; Entrada – Artefato, documento ou dado necessário para a execução da atividade; Saída – Produto, documento ou dado gerado pelas atividades Regra – Dependência entre as atividades. Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • PROCESSOS DE NEGÓCIO Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • PROCESSOS DE NEGÓCIO        Um processo de negócio deve estar alinhado ao planejamento estratégico da organização; A modelagem de um processo de negócio é um conjunto de métodos e técnicas que auxiliam a organização na formalização do negócio; Para construir o modelo de processo de negócio é necessário conhecer os tipos de informações que serão levantadas; É necessário estipular uma forma de obter estas informações; As informações levantadas devem ser documentadas na forma de modelos; Deve-se adotar uma notação para modelar as informações sobre os processos de negócios; Um apoio computacional é imprescindível para o desenvolvedor do modelo de nogócio; Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • PROCESSOS DE NEGÓCIO Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • PROCESSOS DE NEGÓCIO   BPMN – Business Process Model Notation (Linguagem gráfica); Padrão desenvolvido pela Business Management Initiative (BPMI – www.bpmi.org); Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • PROJETO DA COLABORAÇÃO EM PROCESSOS  A colaboração que ocorre entre os atores/agentes durante a execução das atividades é um aspécto importante;  Diversas atividades são realizadas em grupo;  A colaboração apresenta vantagens como:  Melhoria na capacidade de resolver problemas complexos;  Aumento da capacidade criativa;  Propicia facilidades para o desenvolvimento técnico e profissional;  Aumenta o desempenho quantitativo e qualitativo dos processos de negócio;  Projetar a colaboração em processos de negócio tem como objetivo estimular e garantir que a colaboração conteça nos momentos desejados;  Práticas para fomentar a colaboração devem ser implementadas como parte dos processos, ou seja, como atividades no fluxo do processo; Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • PROJETO DA COLABORAÇÃO EM PROCESSOS   Como objetivo de definir os níveis de maturidade que uma organização pode atingir no que diz respeito à colaboração existente em seus processos de negócio, foi elaborado por Magdaleno(2006) o modelo de maturidade de colaboração ColabMM. O ColabMM define quatro níveis de colaboração:     Casual – A colaboração não está explícita; Planejado – Processos da organização começam a incluir atividades de colaboração; Perceptivo – Os membros do grupo já conhecem as responsabilidades; Reflexivo – Preocupação em gerenciar o conhecimento que está sendo gerado no trabalho dos grupos; Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • PROJETO DA COLABORAÇÃO EM PROCESSOS  As práticas para um projeto da colaboração em processos de negócio tem como base o Modelo 3C de Colaboração e o modelo ColabMM Comunicação Coordenação Cooperação Percepção Planejado Planejamento da comunicação Planejamento de trabalho em grupo Integração de produtos individuais Percepção social Perceptivo Distribuição das informações Acompanhamento Compartilhamento de conhecimento explícito Percepção de processo Reflexivo Reunião de encerramento Avaliação Compartilhamento de conhecimento tácito Percepção da colaboração Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • BPMS – SISTEMA DE GESTÃO DE PROCESSOS DE NEGÓCIO      Sistema integrado de componentes de software para dar apoio à automatização do ciclo de vida de processos de negócios; O suporte computacional adequado ao trabalho em grupo promove a colaboraçãonas organizações; É considerado a nova geração do sistema de Workflow; Sistemas de Workflow ficaram muito mais associados ao controle do trabalho em si; O avanço tecnológicos, a evolução dos sistemas e do próprio conceito de Gestão de Processos de Negócio trouxeram de volta a ideia desses sistemas às organizações, agora chamados de BPMS; Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • BPMS – SISTEMA DE GESTÃO DE PROCESSOS DE NEGÓCIO  Principais funcionalidades:    Definição dos processos de negócio por meio de modelos ; Gerenciamento e acompanhamento das execuções dos processos; Controle das interações com usuários e sistemas; Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • BPMS – SISTEMA DE GESTÃO DE PROCESSOS DE NEGÓCIO     O modelo de processo não precisa, necessariamente, conter uma série de informações específicas que são necessárias para a automação; O processo geralmente é representado em um sistema de modelagem específico e depois importado para o BPMS; Existem diferenças entre os modelos representados nos dois sistemas; Por isso, é indicada a elaboração de um modelo intermediário; Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • BPMS – SISTEMA DE GESTÃO DE PROCESSOS DE NEGÓCIO      O processo é executado por meio de ativação de instâncias; Várias instâncias de um mesmo processo ou de processos distintos estão em execução simultâneamente em um BPMS; O BPMS acompanha e coordena a execução de cada uma das instâncias ativas seguindo o fluxo definido no modelo do processo; Os atores interagem com o sistema por meio de listas de trabalho; Apresenta medidas de desempenho e estatística sobre o processo como o tempo de execução de cada atividade por cada usuário; Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • GESTÃO DE CONHECIMENTO POR MEIO DE PROCESSOS    É o conjunto de procedimentos e métodos para capturar a experiência coletiva de uma organização e disponibilizar este conhecimento para alcançar e apoiar melhores resultados; O objetivo é que as pessoas registrem e compartilhem conhecimento em vez de registrarem apenas dados; Além do armazenamento de conhecimento, no trabalho em grupo deve existir um canal que possibilite a socialização e discussão entre os membros do grupo para que possam compartilhar experiências, idéias, fatos ou pontos de vista, o que permite o compartilhamento do conhecimento tácito. Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • GESTÃO DE CONHECIMENTO POR MEIO DE PROCESSOS  Gestão de Conhecimento e Gestão de Processos de Negócio podem ser combinadas por meio dos ciclos de vida, o que resulta em uma gestão de conhecimento orientada a processos (Jung et al,2007); Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • Referência MARIANO PIMENTEL E HUGO FUKS - Sistemas Colaborativos; Mozart Claret UNIRIO - 2012
  • Mozart Claret UNIRIO - 2012