Idosos

1,760 views

Published on

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,760
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
116
Actions
Shares
0
Downloads
52
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Idosos

  1. 1. Idosos Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro Professor Carlos Ubaldo Disciplina: Psicologia Trabalho Realizado Por: Daniela cascão nº2 TCM Diogo Costa nº3 TCM Liliana Félix nº7 TCM
  2. 2. Introdução <ul><li>Este trabalho foi desenvolvido no âmbito da disciplina de Psicologia. </li></ul><ul><li>Este tema de trabalho que vamos abordar mais à frente pertence ao ciclo de vida humano; com este trabalho pretendemos estudar a vida de um idoso. </li></ul>
  3. 3. O que é ser Idoso? <ul><li>Idoso é uma pessoa considerada de terceira idade. </li></ul><ul><li>As pessoas idosas têm habilidades regenerativas limitadas, mudanças físicas e emocionais que expõem a perigo a qualidade de vida dos idosos. </li></ul><ul><li>Podendo levar à síndrome da fragilidade, conjunto de manifestações físicas e psicológicas de um idoso onde poderá desenvolver muitas doenças . </li></ul>
  4. 4. Atuais características dos idosos <ul><li>Idosos: com 65 anos ou mais.  21% da população total são idosos. </li></ul><ul><li>Tendência de envelhecimento • 2002 -  23,63milhões  - 18,5% • 2025  (projeções)        - 28,7% • 2050  (projeções)        - 35,7%  </li></ul>
  5. 5. Tendências de Consumo dos Idosos <ul><li>Experiência na seleção de produtos : Compra o que necessita e agrada. </li></ul><ul><li>Produtos menos superficiais e mais autênticos. </li></ul><ul><li>Produtos que podem convergir em felicidade. </li></ul>
  6. 6. O mercado Emergente de idosos <ul><li>Mercado de surpresas (emoção). </li></ul><ul><li>Mercado de reabilitação (recuperação). </li></ul><ul><li>Mercado de renascença (nostalgia). </li></ul><ul><li>Mercado de diversão (agradável). </li></ul>
  7. 7. Idosos do Século XXI <ul><li>Idosos atuais são diferentes dos idosos tradicionais. Pensam e comportam-se de diferentes maneiras. </li></ul><ul><li>A concepção de valores também mudou. </li></ul><ul><li>Ao responderem a uma pesquisa, 94,4 % dos idosos responderam que não querem nem necessitam de ajuda financeira dos filhos e que 66,9 % não pensam em deixar herança para os filhos e para os seus netos. Ou seja, esses novos idosos têm dinheiro e tempo. </li></ul>
  8. 8. Dez características dos Idosos do Século XXI <ul><li>1) Dão prioridade à vida particular, antes prioridade era o trabalho. </li></ul><ul><li>2) Têm estilo de vida de jovens.   </li></ul><ul><li>3) O estilo de vida é a qualidade mais importante que títulos, classe social ou hierarquias. </li></ul><ul><li>4) Gostam de estar elegantes, não se importam em pagar mais por um produto que valha a pena.  </li></ul><ul><li>5) Imaginam-se e aparentam ser mais jovens do que na realidade são.  </li></ul>
  9. 9. <ul><li>6) São sempre atuantes.  </li></ul><ul><li>7) Comportam-se de acordo com as suas próprias motivações.  </li></ul><ul><li>8) Apegam-se às suas próprias concepções de valor.  </li></ul><ul><li>9) São sociáveis.   </li></ul><ul><li>10) São pessoas admiradas pelos mais jovens, que se imaginam como elas quando envelhecerem. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>O idoso moderno tem o seu comportamento profundamente modificado em função do progresso e das constantes e rápidas inovações tecnológicas ocorridas. </li></ul>Só compra o que necessita ; Produtos menos superficiais e mais autênticos; Só compra o que os agrada;
  11. 11. Em quais os segmentos os idosos do século XXI gastam mais? <ul><li>Viagens : há uma grande variedade de produtos e serviços relacionados a esse segmento, tais como: câmaras de fotografia, filmagem, roupas (por exemplo para uma viagem a local com clima diferente), cosméticos, alimentação... </li></ul>
  12. 12. <ul><li>Saúde : para os idosos, a primeira preocupação é a saúde. Dão mais importância para a qualidade, querem dietas mais saudáveis e medicamentos para dores, diabetes, pressão alta; realizam caminhadas, e praticam esportes para se manterem saudáveis. </li></ul>
  13. 13. <ul><li>Entretenimento : visitam museus, assistem a concertos de música, óperas, filmes. Também podem se enquadrar nesse segmento por exemplo, o consumo de home-theatres para assistirem aos espetáculos em casa comodamente. </li></ul>
  14. 14. <ul><li>Gastos com as relações humanas : Como têm mais tempo livre, dão mais importância ao estreitamento de suas relações (cônjuges, amigos, vizinhos, etc…) e para tal aumentam seus gastos com comunicação. </li></ul>
  15. 15. Principais setores de consumo <ul><li>Alimentos: há o crescimento do consumo dos produtos relacionados com a saúde. </li></ul><ul><li>Casas: Por causa do envelhecimento da população, há menos jovens e há um excesso de moradias. Essas moradias são ocupadas pelos mais velhos, sendo pagas com as reformas destes. Começa a haver uma adaptação nessas moradias. </li></ul><ul><li>Por exemplo, se há escadas que dificultam o acesso do idoso em cadeira de rodas, são substituídas por rampas. </li></ul>
  16. 16. <ul><li>Bem-estar; </li></ul><ul><li>Paz, sossego e afeição; </li></ul><ul><li>Saúde; </li></ul>
  17. 17. Manifestações físicas <ul><li>Rugas; </li></ul><ul><li>Algumas manchas na pele; </li></ul><ul><li>Mudança da cor do cabelo para cinza ou branco; </li></ul><ul><li>Alopécia*; </li></ul><ul><li>Diminuição da capacidade visual e auditiva; </li></ul><ul><li>Diminuição dos reflexos; </li></ul><ul><li>Perda de habilidades e funções neurológicas diminuídas, como raciocínio e memória; </li></ul><ul><li>Podem desenvolver doenças como a incontinência urinária e Alzheimer. </li></ul><ul><li>* Perda de cabelo ou pelo em algumas partes do corpo </li></ul>
  18. 18. Produto : Bengala de Bolso <ul><li>Este produto consiste numa bengala automática, com o botão para se encolher, com uma fivela na pega onde os idosos podem enrolar na mão ou pôr no bolso. </li></ul><ul><li>Facilidade em agarrar, não fazendo muito esforço e não perdendo esta bengala em vários sitios, podendo guardá-la antes de entrar em algum local. </li></ul>
  19. 20. Envelhecer em Portugal
  20. 21. <ul><li>Em Portugal, quando se coloca a questão do </li></ul><ul><li>envelhecimento bem ou mal sucedido estamos a </li></ul><ul><li>definir padrões de adaptação do idoso às suas actuais </li></ul><ul><li>capacidades de funcionamento, no seu contexto de </li></ul><ul><li>vida, implicando com isso quer critérios externos sociais </li></ul><ul><li>(relativos ao que se espera do idoso em cada </li></ul><ul><li>cultura), quer critérios internos-individuais (o sentir e a </li></ul><ul><li>vontade subjectiva). </li></ul>
  21. 22. <ul><li>Retrato dos idosos portugueses quanto à qualidade </li></ul><ul><li>de vida </li></ul><ul><li>27% “boa” / “muito boa” </li></ul><ul><li>41% “nem boa nem má” </li></ul><ul><li>32% “má” / “muito má” </li></ul><ul><li>Retrato dos idosos portugueses quanto à satisfação de vida </li></ul><ul><li>58% “insatisfeito” / “muito insatisfeito” </li></ul>
  22. 23. Velhice em Risco <ul><li>Resportagem VELHICE EM RISCO - OS IDOSOS EM PORTUGAL - YouTube.flv </li></ul>http://portaldoenvelhecimento.org.br/contato.html http://www.iasfa.pt/idoso.html http://www.portaldoavo.com.pt/artigosa.php?id=2 http://www.min-saude.pt/portal/conteudos/informacoes+uteis/comparticipacoes/beneficios+adicionais+saude+idosos.htm Alguns sites

×