Introdução a Lógica e a Algoritmos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Introdução a Lógica e a Algoritmos

on

  • 7,981 views

 

Statistics

Views

Total Views
7,981
Views on SlideShare
7,977
Embed Views
4

Actions

Likes
1
Downloads
177
Comments
0

1 Embed 4

http://www.slideshare.net 4

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Introdução a Lógica e a Algoritmos Introdução a Lógica e a Algoritmos Presentation Transcript

  • Desenvolvendo o Raciocínio Lógico e Pensando em Algoritmos para Solução de Problemas. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 1
  • Introdução a Lógica  Lógica, palavra originada do grego logos, que significa linguagem Racional.  Lógica: É a analise das formas e leis do pensamento, mas não se preocupa com a produção do pensamento, mas sim com a forma.  Existem dois tipos de argumento:  Dedutivo  Indutivo Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 2
  • Lógica Aplicada à Informática  Na informática assim como na Computação, a lógica, está presente na construção e funcionamento do hardware e do software.  Na construção de software, é por meio de raciocínio lógico que o homem constrói algoritmos que tornar-se-ão programas de computador para solucionar problemas.  Nota: Algoritmo – Seqüência de passos ordenados para realização de uma tarefa. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 3
  • Lógica Aplicada à Informática  Na construção de algoritmos utilizaremos a lógica formal dedutiva.No entanto, para que reunido dados para solução de problemas, muitas vezes utilizaremos o raciocínio lógico Indutivo.  Exemplo de Dedução: Gerson é um Cientista.  Todo Cientista é Estudioso.  Logo, Gerson é Estudioso.  O raciocínio Lógico nos conduz a somente duas respostas: “Verdadeiro” ou “Falso”. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 4
  • Lógica Aplicada à Informática  Exemplo: A é maior do que B? Se a resposta é ‘verdadeiro’, A é o Maior Valor. Se a resposta é ‘falso’, B é o Maior Valor. *Desconsideraremos a possibilidade dos valores serem iguais, por se tratar de um simples exemplo. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 5
  • Introdução aos Algoritmos  O que é Algoritmo?  R.:É seqüência de passos ordenados para realização de uma tarefa.  Os algoritmos são amplamente utilizados na computação, seja na elaboração de soluções voltadas à construção de interfaces, software e hardware, seja no planejamento de redes. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 6
  • Tipos de Algoritmos  Pseudocódigo  Descrição Narrativa  Fluxograma  Diagrama de Chapin. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 7
  • Pseudocódigo  Utiliza linguagem estruturada  É Também como denominado Português Estruturado  Muito Utilizado na resolução de Problemas. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 8
  • Descrição Narrativa  Utiliza linguagem natural para especificar os passos.  Dá margem à más interpretações e ambigüidades.  Não é muito utilizada. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 9
  • Fluxograma  É uma forma Universal de representação.  Utiliza-se de figuras geométricas para ilustrar os passos.  Bastante utilizado.  Também chamado de Diagrama de Blocos. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 10
  • Diagrama de Chapin  Também conhecido como Diagrama N-S.  Apresenta a solução do problema por meio de um diagrama de quadros com uma visão hierárquica e estruturada.  Não é muito utilizado pela dificuldade de representar recursividades. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 11
  •  Pseudocódigo significa “falso código”;  Todo algoritmo representado por um pseudocódigo deve ser, primeiramente identificado.  Para identificá-lo é importante:  Não utilizar espaço entre as letras;  Não iniciar o nome com algarismos (números);  Não utilizar palavras reservadas  Não utilizar caracteres especiais, como acentos, etc.  Ser sucinto e utilizar nomes coerentes. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 12
  •  Declaração de Variáveis  As Variáveis que serão utilizadas devem ser declaradas previamente.  Corpo do Algoritmo  É a área do algoritmo reservada para a resolução do problema.Nesta área todos os passos lógicos deverão ser descritos, tais como:  Entrada de valores para as variáveis;  Operações de atribuição, lógicas e aritméticas;  Laços de repetição;  Exibição dos resultados; entre outros. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 13
  •  Cada instrução a ser executada deve ser representada por meio de um símbolo gráfico;  Símbolo normalmente utilizados:  Terminal – Inicio e Final do Programa  Processamento – Execução de operações  Teclado – Entrada de dados por teclado  Vídeo – Saída de informações por Vídeo Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 14
  •  Decisão – Ação lógica de Decisão;  Preparação – Ação de preparação para processamento;  Conector – Interliga partes do Fluxogramas ou desvia o fluxo corrente;  Conector de Páginas – Interliga o fluxograma em paginas distintas;  Seta de Orientação de Fluxo – Indica a seqüência do fluxograma. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 15
  • 1. Qual é a principal função dos algoritmos? 2. Quais os tipos de Algoritmos? 3. Represente em Fluxograma um algoritmo que leia o nome e a idade de uma pessoa e mostre na tela. 4. Desenvolver um fluxograma para ler o nome, a idade, o cargo, e o salário de 50 pessoas e verificar quantas tem idade inferior a 30 anos e um salário superior a R$ 3000,00. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 16
  • 5. Escreva os passos necessários para uma pessoa efetuar um saque em um caixa eletrônico. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 17
  • Deitel, H. M.; P.J. Deitel. Java : Como Programar. Tradução Edson Furmankiewicz. Revisão Tecnica Fabio Lucchini – 6. ed. – São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2005. Puga, Sandra; Rissetti, Gerson. Lógica de Programação e estrutura de dados, com aplicações em Java. São Paulo. Pearson Prentice Hall, 2003. Projeto Info. e Cidadania - Micael Coutinho - UESB 18