GUIAS ESPIRITUAIS
Nunca se cansam de inspirar e socorrer. Jamais abandonam os seus pupilos ou desistem da ação de beneficência ao lado deles...
Não estimulam a insensatez, nem emulam  à vaidade ou ao orgulho venenoso. Discretos, passam, às vezes, despercebidos, poré...
...São os Guias Espirituais da criatura humana. Ninguém, na Terra, que se encontre sem  a proteção deles em nome de Deus. ...
Assumem o compromisso de apoiar, antes  que se inicie a experiência carnal do tutelado, e não o encerram, sequer, quando s...
Haja o que houver, mesmo que repelidos e maltratados, não desprezam os protegidos rebeldes, que mais amam, propiciando-lhe...
Sabendo que a dor é o método mais eficaz  além do amor, propiciam-na, confiando que o  buril lapidador realizará o  milagr...
Se pretendes alcançar as estrelas, voar livre na amplidão, sonhar e viver o amor sem limite, faze silêncio interior e ouvi...
Autor: Joanna de Ângelis/Divaldo Franco Formatação M.Eliza PROJETO 1868 Coordenação: Walter Peçanha LEIA KARDEC Clique no ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Guias Espirituais

3,462 views
3,262 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
3,462
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
19
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Guias Espirituais

  1. 1. GUIAS ESPIRITUAIS
  2. 2. Nunca se cansam de inspirar e socorrer. Jamais abandonam os seus pupilos ou desistem da ação de beneficência ao lado deles. Sempre se utilizam das menores ensanchas para incutir as idéias felizes e o bem operante. Vigilantes, são o apoio no desfalecimento, a coragem no receio e a força no momento do desânimo.
  3. 3. Não estimulam a insensatez, nem emulam à vaidade ou ao orgulho venenoso. Discretos, passam, às vezes, despercebidos, porém, estão sempre presentes. Generosos, não descuram a disciplina ou a energia. Gentis, invectivam contra o erro, admoestando com carinho, todavia, com decisão. Caridosos, perseveram até a exaustão que não atingem, porque se renovam no amor de Deus, que nunca Ihes falta.
  4. 4. ...São os Guias Espirituais da criatura humana. Ninguém, na Terra, que se encontre sem a proteção deles em nome de Deus. São anjos guardiães, operosos e nobres, que intercedem, respaldam e guardam os homens, protegendo-os das imperfeições que Ihes afeiam o caráter e para cuja purificação retornaram à reencarnação.
  5. 5. Assumem o compromisso de apoiar, antes que se inicie a experiência carnal do tutelado, e não o encerram, sequer, quando se rompem os liames corporais. Alteram as técnicas de socorro, conforme a ocasião e as necessidades. Repetem o discurso de amor e de proteção mil vezes, apresentando entonação nova e cordial. Não se exasperam, tampouco mantêm-se em conivência.
  6. 6. Haja o que houver, mesmo que repelidos e maltratados, não desprezam os protegidos rebeldes, que mais amam, propiciando-lhes, em diversas ocasiões, o benefício do sofrimento que os desperta para as realidades maiores.
  7. 7. Sabendo que a dor é o método mais eficaz além do amor, propiciam-na, confiando que o buril lapidador realizará o milagre de limar as arestas e liberar a gema preciosa, que é o Espírito adormecido na ganga da ignorância e da perversidade.
  8. 8. Se pretendes alcançar as estrelas, voar livre na amplidão, sonhar e viver o amor sem limite, faze silêncio interior e ouvirás os teus abnegados Guias Espirituais, que vêm aguardando a tua decisão de felicidade, desde há muito, e estão prontos a distender-te as mãos angélicas e salvadoras.
  9. 9. Autor: Joanna de Ângelis/Divaldo Franco Formatação M.Eliza PROJETO 1868 Coordenação: Walter Peçanha LEIA KARDEC Clique no endereço abaixo salvar mensagens. www.projeto1868.org

×