Like this? Share it with your network

Share

Teorias contemporâneas da aprendizagem

on

  • 6,150 views

 

Statistics

Views

Total Views
6,150
Views on SlideShare
6,150
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
390
Comments
2

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Teorias contemporâneas da aprendizagem Presentation Transcript

  • 1. Prof. Carlos caldas
  • 2. Jean Piaget 1896 - 1980 Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano Estuda o desenvolvimento do ser humano em todos os seus aspectos: físico-motor, intelectual, afetivo- emocional e social — desde o nascimento até a idade adulta.
  • 3. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano Significa conhecer as características comuns de uma faixa etária, permitindo-nos reconhecer as individualidades, o que nos torna mais aptos para a observação e interpretação dos comportamentos. Refere-se ao desenvolvimento mental e ao crescimento orgânico. Trata-se de uma construção contínua, que se caracteriza pelo aparecimento gradativo de estruturas mentais.
  • 4. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano FATORES QUE INFLUENCIAM O DESENVOLVIMENTO HUMANO Hereditariedade — A carga genética estabelece o potencial do indivíduo, que pode ou não desenvolver-se. Crescimento orgânico — Refere-se ao aspecto físico. Engatinhar , andar e etc. Maturação neurofisiológica — É o que torna possível determinado padrão de comportamento. A alfabetização das crianças, por exemplo, depende dessa maturação. Meio — O conjunto de influências e estimulações ambientais altera os padrões de comportamento do indivíduo.
  • 5. Psicologia do Desenvolvimento Humano Objeto do conhecimento Assimilação Objeto do conhecimento Acomodação Equilibração
  • 6. Psicologia do Desenvolvimento Humano ASPECTOS DO DESENVOLVIMENTO HUMANO Aspecto físico-motor — refere-se ao crescimento orgânico, à maturação neurofisiológica, à capacidade de manipulação de objetos e de exercício do próprio corpo. Aspecto intelectual — é a capacidade de pensamento, raciocínio. Aspecto afetivo-emocional — é o modo particular de o indivíduo integrar as suas experiências. É o sentir. A sexualidade faz parte desse aspecto. Aspecto social — é a maneira como o indivíduo reage diante das situações que envolvem outras pessoas.
  • 7. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano TEORIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO PERÍODO SENSÓRIO-MOTOR (o recém-nascido e o lactente — 0 a 2 anos) No recém-nascido, a vida mental reduz-se ao exercício dos aparelhos reflexos, de fundo hereditário, como a sucção. Por volta dos cinco meses, a criança consegue coordenar os movimentos das mãos e olhos e pegar objetos. No final do período, a criança é capaz de usar um instrumento como meio para atingir um objeto.
  • 8. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano TEORIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO PERÍODO PRÉ-OPERATÓRIO (a 1ª infância — 2 a 7 anos) O aparecimento da linguagem irá acarretar modificações nos aspectos intelectual, afetivo e social da criança. Como decorrência do aparecimento da linguagem, o desenvolvimento do pensamento se acelera. Período em que a criança transforma o real em função dos seus desejos e fantasias (jogo simbólico). No final do período, passa a procurar a razão causal e finalista de tudo (é a fase dos famosos “porquês”).
  • 9. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano TEORIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO PERÍODO DAS OPERAÇÕES CONCRETAS (a infância propriamente dita — 7 a 11 ou 12 anos) Período caracterizado pelo início da construção lógica, isto é, a capacidade da criança de estabelecer relações que permitam a coordenação de pontos de vista diferentes. No plano afetivo, isto significa que ela será capaz de cooperar com os outros, de trabalhar em grupo e, ao mesmo tempo, de ter autonomia pessoal. No plano intelectual, é o surgimento de uma nova capacidade mental da criança: as operações, isto é, ela consegue realizar uma ação física ou mental dirigida para um fim (objetivo) e revertê-la para o seu início.
  • 10. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano TEORIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO PERÍODO DAS OPERAÇÕES CONCRETAS (a infância propriamente dita — 7 a 11 ou 12 anos) Em nível de pensamento, a criança consegue: •Estabelecer corretamente as relações de causa e efeito e de meio e fim; •Sequenciar ideias ou eventos; •Trabalhar com ideias sob dois pontos de vista, simultaneamente; •Formar o conceito de número (no início do período, sua noção de número está vinculada a uma correspondência com o objeto concreto). O grupo de colegas satisfaz, progressivamente, as necessidades de segurança e afeto. O grupo estabelece suas próprias regras.
  • 11. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano TEORIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO PERÍODO DAS OPERAÇÕES FORMAIS (a adolescência — 11 ou 12 anos em diante) Neste período, ocorre a passagem do pensamento concreto para o pensamento formal, abstrato, isto é, o adolescente realiza as operações no plano das ideias. O adolescente domina, progressivamente, a capacidade de abstrair e generalizar, cria teorias sobre o mundo, principalmente sobre aspectos que gostaria de reformular. Do ponto de vista de suas relações sociais, também ocorre o processo de caracterizar-se, inicialmente, por uma fase de interiorização, em que, aparentemente, é antissocial.
  • 12. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano TEORIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO PERÍODO DAS OPERAÇÕES FORMAIS (a adolescência — 11 ou 12 anos em diante) No aspecto afetivo, o adolescente vive conflitos. Deseja libertar-se do adulto, mas ainda depende dele. Deseja ser aceito pelos amigos e pelos adultos. O grupo de amigos é um importante referencial para o jovem, determinando o vocabulário, as vestimentas e outros aspectos de seu comportamento..
  • 13. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano
  • 14. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano 1896 – 1934 Lev Semenovitch Vygotsky O Homem é um ser social formado dentro de um ambiente cultural historicamente definido. Esse é o ponto fundamental da teoria de Vygotsky.
  • 15. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano Constitui-se de três ideias centrais que podem ser consideradas como os “pilares básicos” do pensamento de Vygotsky: 1. As funções psicológicas têm suporte biológico, pois são produto da atividade cerebral;  O cérebro é um sistema aberto, de grande plasticidade, cuja estrutura e modos de funcionamento são moldados ao longo da história da espécie e do desenvolvimento individual.
  • 16. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano 2. O funcionamento psicológico fundamenta-se nas relações sociais entre o indivíduo e o mundo exterior, as quais desenvolvem-se num processo histórico;  O fundamento sócio-histórico do funcionamento psicológico é o conceito de mediação. Mediação, em termos genéricos, é o processo de intervenção de um elemento intermediário numa relação. 3. A relação homem / mundo é uma relação mediada por sistemas simbólicos.  A relação do homem com o mundo não é uma relação direta, mas uma relação mediada por símbolos.
  • 17. Psicologia do Desenvolvimento Humano A mediação simbólica “[...] o processo simples estímulo-resposta é substituído por um complexo, mediado, que representamos da seguinte forma: S---------------------------------------R X Vygotsky distinguiu dois tipos de elementos mediadores: os instrumentos e os signos.
  • 18. Psicologia do Desenvolvimento Humano O uso de instrumentos É o trabalho que pela ação transformadora do homem sobre a natureza, une um homem e natureza e cria a cultura e a história humana. É, pois, um objeto social e mediador da relação entre o indivíduo e o mundo. O uso de signos Os signos são considerados por Vygotsky como “instrumentos psicológicos”. São ferramentas que auxiliam nos processos psicológicos e não nas ações concretas, como os instrumentos.
  • 19. Psicologia do Desenvolvimento Humano Numa primeira fase do experimento havia um conjunto de figuras e a cada figura correspondia uma tecla de um teclado. Atividade mediada Atividade direta Percepção da figura escolha da tecla
  • 20. Psicologia do Desenvolvimento Humano Atividade mediada Percepção da figura escolha da tecla marcas nas teclas Numa segunda fase do experimento os pesquisadores introduziram marcas identificadoras nas teclas, que auxiliavam sua correspondência com figuras (por exemplo, a figura de uma faca para lembrar pão...).
  • 21. Psicologia do Desenvolvimento Humano Os sistemas simbólicos e o processo de internalização A utilização de marcas externas vai se transformar em processos internos de mediação; esse mecanismo é chamado por Vygotsky, de processo de internalização. Ao longo do processo de desenvolvimento, o indivíduo deixa de necessitar de marcas externas e passa a utilizar signos internos, isto é, representações mentais que substituem os objetos do mundo real.
  • 22. Psicologia do Desenvolvimento Humano O processo pelo qual o ser humano internaliza a matéria prima fornecida pela cultura não é, pois, um processo de absorção passiva, mas de transformação, de síntese. Esse processo é, para Vygotsky, um dos principais mecanismos a serem compreendidos no estudo do ser humano. O processo de desenvolvimento do ser humano, marcado por sua inserção em determinado grupo cultural, se dá “de fora para dentro”.
  • 23. Psicologia do Desenvolvimento Humano Pensamento e linguagem A principal função é a de intercâmbio social: é para se comunicar com seus semelhantes que o homem cria e utiliza os sistemas de linguagem. O conceito de casa pode ser traduzido por essa palavra e será adequadamente compreendido por outras pessoas, mesmo que a experiência concreta com essa palavra seja diferente da do indivíduo que a utilizou. É essa função de pensamento generalizante que torna a linguagem um instrumento de pensamento: a linguagem fornece os conceitos e as formas de organização do real que constituem a mediação entre o sujeito e o objeto do conhecimento.
  • 24. Psicologia do Desenvolvimento Humano Fase Pré-linguística do Pensamento •Utilização de instrumentos •Inteligência prática Pensamento Verbal e Linguagem Racional • Transformação do biológico no sócio-histórico Fase Pré-intelectual da Linguagem •Alívio emocional •Função social
  • 25. Psicologia do Desenvolvimento Humano O nível de desenvolvimento real caracteriza o desenvolvimento mental retrospectivamente, enquanto a zona de desenvolvimento proximal caracteriza o desenvolvimento mental prospectivamente." Vygotsky, In A Formação Social da Mente: O Desenvolvimento dos Processos Psicológicos Superiores Zona de desenvolvimento proximal - ZDP
  • 26. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano Vygotsky
  • 27. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano Edgar Morin
  • 28. Psicologia do Desenvolvimento Humano Psicologia do Desenvolvimento Humano Gardner