Saúde do trabalhador et sus

2,486 views
2,242 views

Published on

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,486
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
164
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Saúde do trabalhador et sus

  1. 1. Saúde do Trabalhador Enf Mary de Cássia
  2. 2. Legislação e Política Nacional doTrabalhador Trabalho: Compreendido como toda transformação da natureza para beneficio do homem, alem de necessidade para manutenção da vida humana, é importante fator na definição das condições de saúde de cada indivíduo
  3. 3.  A incorporação de novas matérias-primas aos processos de trabalho têm repercussão direta sobre a morbimortalidade dos trabalhadores
  4. 4. Saúde do trabalhador: Constitui uma área da Saúde Pública que tem como objeto de estudo e intervenção nas relações entre o trabalho e a saúde; Tem como objetivos a promoção e a proteção da saúde do trabalhador, por meio do desenvolvimento de ações de vigilância dos riscos presentes nos ambientes e condições de trabalho, dos agravos à saúde do trabalhador e a organização e prestação da assistência aos trabalhadores, compreendendo procedimentos de diagnóstico, tratamento e reabilitação de forma integrada.
  5. 5.  Saúde do Trabalhador- ações desenvolvidas pelo SUS; Constituição Federal de 98; Artigo 200, inciso II define ao SUS execultar ações de saude do trabalhador de modo a:
  6. 6.  Implementar medidas preventivas gerais e especificas no ambiente de trabalho de SUS e em todos os ramo de atividade com discriminação de prioridade para os de maior risco; Propor risco de superação e atenuação do fatores de risco como produtos, insumos, equipamentos, ambientes e/ou comportamentos em todos os setores de atividades humanas;
  7. 7.  Estabelecer cooperação com os organismos estaduais e federais do campo do trabalho para sinergia de esforços e recursos; Aproximar e integrar as instituições e as unidades de promoção prevenção, assistência e reabilitação em saúde do trabalhador.
  8. 8. Política de Segurança e Saúde doTrabalhadorPortaria nº 3214/78 Esta portaria aprova as Normas Regulamentadoras - NR do Capitulo V, Titulo II, da consolidação das Leis do Trabalho, relativas à segurança e medicina do trabalho.
  9. 9. NR 04- Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho- SESMT Estabelece a obrigatoriedade das empresas publicas e privadas, que possuem empregados regidos pela CLT, de organizarem e manterem em funcionamento, SESMT com a finalidade de promover a saúde e proteger a integridade do trabalhador no local de Trabalho. Artigo 162 da CLT
  10. 10. NR -05 Comissão Interna dePrevenção de Acidentes- CIPA A CIPA tem contribuição colaborar no desenvolvimento e implantação do PCMSO( Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional e PPRA( Programa de Prevenção de Risco Ambientais)- e outros programas –participar anualmente, em conjunto com a empresa, de campanhas de prevenção.
  11. 11. NR- 06 Equipamento de ProteçãoIndividual Estabelece e define os tipo de EPIs a que a empresa estão obrigados a fornecer a seus empregados, sempre que as condições de trabalho exigirem, a fim de resguardar a saúde e a integridade física dos trabalhadores . Artigo- 166 e 167 da CLT.
  12. 12. NR -07 Exames Médicos Esta norma estabelece a obrigatoriedade de elaboração e implantação, por parte de todos o empregados e instituições que admitem trabalhadores como empregados , do PCMSO( Programa de Controle Medico de Saúde Ocupacional)
  13. 13. NR- 09 Riscos Ambientais Programas de Prevenção de Riscos Ambientais, visando à preservação da saúde e da integridade física dos trabalhadores, através da antecipação, reconhecimento, avaliação e conseqüente controle da ocorrência de riscos ambientais existentes ou que venham a existir no ambiente de trabalho, tendo em consideração a proteção do meio ambiente e dos recursos naturais.
  14. 14. NR- 15 Atividades e OperaçõesInsalubres Esta norma descreve as atividades, operações e agentes insalubres, inclusive seus limites de tolerância, definindo, assim, as situações que, quando vivenciadas nos ambientes de trabalho pelos trabalhadores, ensejam a caracterização do exercício insalubre, e tambem os meios de proteger os trabalhadores de tais exposições nocivas à saúde.
  15. 15. NR- 16 Atividades e OperaçõesPerigosasNR- 17 ErgonomiaÉ o estudo do relacionamento entre o homem e o seu trabalho, equipamento e ambiente com a aplicação dos conhecimentos de anatomia, fisiologia e psicologia na solução dos problemas que possam vir a surgir desse relacionamento. (Ergonomics Research Society, Inglaterra) Adaptação das condições de trabalho às caracteristicas psicofisiologica dos trabalhadores.
  16. 16. NR- 32 Segurança e Saúde noTrabalho em Estabelecimento deSaúde Tem por finalidade estabelecer as diretrizes básicas para a implementação de medidas de proteção à segurança e a saúde dos trabalhadores dos serviços de saúde, bem como daqueles que exercem atividade de promoção e assistência à saúde em geral.
  17. 17. Vamos Pesquisar No serviço de saúde que você trabalha existe CIPA? Existe CCIH? Você já se acidentou no trabalho? O que você fez?

×