O Que é CurríCulo1
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

O Que é CurríCulo1

on

  • 18,964 views

Esta apresentação aborda aspectos relacionados ao currículo escolarizado ao longo da História até os dias atuais.

Esta apresentação aborda aspectos relacionados ao currículo escolarizado ao longo da História até os dias atuais.

Statistics

Views

Total Views
18,964
Views on SlideShare
18,925
Embed Views
39

Actions

Likes
9
Downloads
634
Comments
2

5 Embeds 39

http://fatimavilhete.blogspot.com 19
http://www.slideshare.net 8
http://emefodilamaia.blogspot.com.br 7
http://fatimavilhete.blogspot.com.br 4
http://emefodilamaia.blogspot.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

O Que é CurríCulo1 Presentation Transcript

  • 1. O que é currículo Sob qual concepção você quer que se defina currículo?
  • 2. É importante refletir que :
    • O currículo constitui significativo instrumento utilizado por diferentes sociedades tanto para desenvolver os processos de conservação, transformação e renovação dos conhecimentos historicamente acumulados como para socializar as crianças e jovens segundo valores tidos como desejáveis.
    • (Moreira, Antonio Flávio Barbosa pág. 11, 2003)
  • 3.
    • Não há consenso acerca do que se deve entender por CURRÍCULO
  • 4. DIVERGÊNCIAS E COMPLEXIDADES
    • a) É uma construção cultural, histórica e socialmente determinada;
    • b) Se refere a uma “prática” condicionadora do mesmo e de sua teorização
  • 5. Pode-se definir como:
    • Conhecimento escolar
    • e
    • experiência de aprendizagem
  • 6. Conhecimento escolar ( Vigente ao longo do tempo na História )
    • O currículo é visto como o conhecimento tratado pedagógica e didaticamente pela escola e que deve ser aprendido pelo aluno
    • O que deve um currículo conter? Como organizar os conteúdos?
  • 7. Experiência de aprendizagem
    • Conjunto de experiências a serem vivenciadas pelo estudante sob a orientação da escola
    • Como selecionar as experiências de aprendizagem a serem oferecidas? Como organizá-las relacionando-as aos interesses e ao desenvolvimento do aluno?
  • 8. Experiência do aluno Delineamento - Séc. XVIII visões de escola e pedagogia
    • Mudanças sociais, econômicas, políticas e culturais
  • 9. Experiência do aluno Delineamento - Séc. XVIII (cont.)
    • Currículo como a totalidade das experiências vividas pelo aluno como o próprio ambiente em ação
    • (Objetivo: compreender as experiências que ocorrem no ambiente escolar buscando considerá-las e aproveitá-las em atividades pedagógicas que promovam crescimento individual e social)
  • 10. Influência da psicologia comportamental (1970)
    • Currículo = Plano
    • O que deve um plano conter?
    • Como elaborá-lo?
  • 11. 1970
    • Currículo = objetivos escolares
    • Currículo é uma série estruturada de resultados pretendidos de aprendizagem. O currículo prescreve (ou pelo menos antecipa) os resultados do ensino. Não prescreve os meios, isto é as atividades, os materiais ou o conteúdo do ensino que devem ser utilizados para aa consecução dos resultados. Johnson (1980, apud Moreira, 2003, 13)
  • 12. Currículo em ação/oculto
    • A partir da década de 70, Inglaterra e Estados Unidos
    • Contradições, conflitos e resistências desempenham papel relevante
  • 13. Imagem-Metáfora
    • Dom Quixote e o Moinho de Vento
  • 14.  
  • 15.
    • De quem são os significados reunidos e distribuídos através dos currículos declarados e ocultos nas escolas? (Apple, 1982)
  • 16. Década de 1980
    • Teoria crítica do currículo: compreensão das conexões entre currículo e relações de poder na sociedade;
      • Giroux (os professores como intelectuais);
      • Apple
      • Young
  • 17. Década de 1990
    • Expansão e reestruturação do trabalho iniciado na década anterior;
    • Influência do pensamento pós-moderno:
    • Mudança em direção a um conjunto de condições sociais que estão reconstituindo os mapas social, cultural e geográfico do mundo e produzindo, ao mesmo tempo, novas formas de crítica cultural;
  • 18. Influência do pensamento pós-moderno
    • Analisam-se as questões de significado, identidade e política sob novo prisma;
    • Acentua-se o caráter socialmente construído da linguagem;
    • Passa-se a interpretar os objetos culturais como textos;
  • 19. Na pós-modernidade
    • Quem é o sujeito do currículo?
    • Alunos,
    • Professores,
    • Gestores, pais
    • Visibilização do aluno – produtores de conhecimento
    • Visibilização da escola – de sua identidade
    • Fortalecimento dos pais e aproximação de pais, filhos, escola;
  • 20.
    • Currículo: concebido como um todo significativo, como um texto , como um instrumento privilegiado de construção de identidades e de subjetividades;
    • Essa nova visão inclui: Planos e propostas (o currículo formal);
    • O que de fato acontece nas escolas e nas salas de aula (o currículo oculto)
  • 21. Formas de sistematização/documentação do currículo :
    • Registros, desenvolvimento de pesquisas acerca da própria prática, reflexão na ação; documentários, produção de conhecimento por parte de alunos e professores;
  • 22. Como se trabalha o currículo na pós-modernidade
    • Memória
    • Cartografias da sala de aula (Amaral, 2007)
    • Auto-Biografia, História de vida; registros; narrativas de formação
    • Pesquisa-ação/participante tanto para o aluno quanto para o professor e gestores: Problemáticas da vida cotidiana.
    • Reflexão e intervenção na realidade
    • Interdisciplinaridade;
    • Abordagem Rizomática (Deleuze e Guatari)
    • Eixos de significado: realidade local, global, histórica
  • 23. Currículo
    • Deve integrar um projeto emancipatório, no qual a luta contra a dominação constitui parte de um projeto educacional de cunho político
    • (Moreira, Antonio Flávio Barbosa, p. 11, 2003)
  • 24. (Algumas) REFERÊNCIAS
    • APPLE, M. Ideologia e Currículo. Brasilense, São Paulo, 1982.
    • GIROUX, H. O Pós-Modernismo e o Discurso da Crítica Educacional. IN: T. T. Silva (org.) Teoria Educacional crítica em Tempos Pós-Modernos. Artes Médicas. Porto Alegre, 1993
    • MCLAREN, P. Pós-Modernismo, Pós-Colonialismo e Pedagogia In: T. T. Silva (org.) Reoria Educacional Crítica em Tmpos Pós-Modernos. Artes Médicas, Porto Alegre, 1993.
    • MOREIRA, A. B. (ORG) Currículo: Questões Atuais. Papirus, 2003, Campinas, SP.
    • SANTOMÉ, Jurjo Torres. Globalização e Interdisciplinaridade: O Currículo Integrado. Artes Médicas, Porto Alegre, 1998.