A celula
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

A celula

on

  • 1,665 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,665
Views on SlideShare
1,266
Embed Views
399

Actions

Likes
2
Downloads
54
Comments
0

3 Embeds 399

http://nonio.ese.ipsantarem.pt 388
http://adaciencia.blogspot.com.br 10
http://adaciencia.blogspot.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

A celula Presentation Transcript

  • 1. A CÉLULA – UNIDADE NA CONSTITUIÇÃO DOS SERES VIVOS -Como são constituídos os seres vivos. -A célula como a unidade básica da constituição e funcionamento de todos os seres vivos. -O microscópio: --constituição -- cuidados a ter; -- funcionamento -Como são constituídas as células
  • 2. A Descoberta da Constituição dos seres Vivos Robert Hooke, Cientista Inglês (1635-1703)  Imagem da cortiça observada ao microscópio. …Pude aperceber-me, claramente, que esta era toda perfurada e porosa, assemelhando-se a um favo de mel … Esses poros ou células consistiam num grande número de pequenas caixas …. 2
  • 3. O Microscópio Instrumento ótico com a capacidade de ampliar a imagem. Microscópio ótico de Hooke  Microscópio ótico vulgar Microscópio e o sistema de iluminação aumentava a imagem 270 X 3
  • 4. Teoria Celular Mathias Schleiden Theodor Schwann Botânico Zoólogo Entre 1838 e 1939, os dois cientistas alemães enunciaram a Teoria Celular: ” A Célula é a unidade básica da constituição e do funcionamento de todos os seres vivos. “ 4
  • 5. Constituição do Microscópio Ocular – amplia a imagem Tubo ótico – Suporta a ocular Braço Revólver Objetiva – Amplia a imagem Platina Pinça Diafragma Parafuso Macrométrico – Movimentos rápidos na platina Parafuso Micrométrico – Movimentos lentos na platina Espelho Base 5
  • 6. Quanto à sua função, as peças do microscópio podem classificar-se de: Parte Óptica Sistema de Ampliação - Objetiva - Ocular Sistema de Iluminação - Espelho - Diafragma - Condensador - Base Parte Mecânica Sistema de Focagem - Parafuso macrométrico - Parafuso micrométrico Sistema de Suporte - Base - Braço -Tubo ótico - Revólver - Platina 6
  • 7. Cuidados a ter com o microscópio No Transporte: - A caixa deve ser transportada sempre fechada à chave. - Retira-o com as 2 mãos: uma na base e a outra no braço do microscópio. Na Colocação Sobre a Mesa: Coloca-o na mesa afastado do bordo, para não cair 7
  • 8. Após a utilização do microscópio: Limpeza Limpar a lente e o espelho com um pano apropriado Verificações Deves rodar o revólver para colocares a objetiva de menor ampliação alinhada com a janela da platina Não esqueças de tapar o microscópio com o guarda-pó e fechar a caixa à chave. 8
  • 9. Regras para fazer uma observação ao microscópio 1. Como iluminar o campo do microscópio 1. Colocar a objetiva de menor ampliação na direção da janela da platina Olhando através da ocular, devemos abrir o diafragma e orientar o espelho 2. 9
  • 10. 2. Depois de iluminado o campo do microscópio, o que devemos fazer 1. 1.Colocar a preparação sobre a platina A preparação deve ser colocada na platina, centrada com o orifício 10
  • 11. 2.Focar e Observar 1. Aproximar a platina da objetiva. (Utilizar o parafuso macrométrico) 2. Olhando através da ocular, utilizar o parafuso macrométrico até à visualização do objeto. 3. Focagem final, utilizando parafuso micrométrico. o 11
  • 12. Caraterísticas da imagem ao microscópio Objeto O poder de ampliação de um microscópio determina-se multiplicando o poder de ampliação da objetiva pelo poder de ampliação da ocular. Objetiva 40X Ocular 15 X Ampliação = 40X15= 600 X Imagem Ampliada Invertida Simétrica 12
  • 13. Como se Faz uma Preparação Temporária Deita-se uma gota de água no centro da lâmina. Coloca-se o material a observar na gota de água. Encosta-se uma lamela à gota de água e deixa-se cair lentamente Coloca-se um corante junto da lamela e na outra extremidade, com papel de filtro, absorve-se o excesso de corante 13
  • 14. Observação da película das escamas do bolbo da cebola Retira-se uma película fina Coloca-se dentro de água 14 Coloca-se uma gota de corante sobre a lâmina Tapa-se com a lamela
  • 15. Tecido da película das escamas da cebola 1 4 2 3 1- Núcleo 2- Citoplasma 3- Membrana Celular 4- Parede Celular 15
  • 16. Observação das células da mucosa bucal Uma gota de azul-de-metileno sobra a lâmina Raspa suavemente a língua com uma espátula. 16 Coloca o conteúdo da espátula no corante Coloca a lamela suavemente sobre a lamela com a ajuda
  • 17. Observação das células da mucosa bucal 17
  • 18. Observa as diferenças entre uma célula vegetal e animal Célula da mucosa bucal 1 1 - membrana celular 2 - citoplasma 3 - núcleo 18
  • 19.  Células da folha da erva da fortuna 1 – membrana celular 2 – citoplasma 3 – núcleo 4 – parede celular 5 – cloroplastos 6 - estomas 19
  • 20. Observação, ao microscópio, de seres vivos unicelulares 1. Infusão  2. Preparação É necessário um frasco de boca larga, água, palha, salsa, alface … Deixar repousar às escuras durante uma semana. 20
  • 21. Alguns seres vivos unicelulares que se podem observar numa infusão 21
  • 22. Morfologia da Célula  As células adaptam-se a uma função específica As células nervosas são As células musculares são estreladas, para transmitir alongadas para poderem mensagens em várias contrair e distender. direções. 22
  • 23. Organização das células num ser pluricelular As células idênticas reúnem-se em tecidos. Os tecidos agrupam-se e formam os órgãos. Os órgãos agrupam-se para realizar uma tarefa específica e formam o sistema. O conjunto de todos os sistemas formam o organismo. 23