Your SlideShare is downloading. ×
Visão Geral do MDOP 2012
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Visão Geral do MDOP 2012

407
views

Published on

Published in: Technology

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
407
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
25
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Virtualizar App-V | UE-V | MED-VGerenciar RestaurarMBAM | AGPM DaRT
  • 2. MDOP 2008 R1 • DART 6.0 MDOP 2011 R2 MDOP 2010 • DEM SP1 Atualização de • App-V 4.6 MDOP 2008 R2 Idioma (Cliente) • AGPM 3.0 • Localização MDOP 2010 • App-V 4.5 MDOP 2012 Refresh • Localização • UE-V • App-V 4.5 SP2 MDOP 2008 (Servidor) • App-V 5.0 2007 • AIS 1.5 2009 • MED-V 1.0 SP1 2011 • DaRT 8MDOP 2007 R1 MDOP 2009 R1 MDOP 2011• SoftGrid 4.1 2008 • MED-V 1.0 2010 • App-V 4.6 SP1 2012MDOP 2007 R2 • App V 4.5 CU1 • MED-V 2.0• DaRT 5.0 MDOP 2009 R2 MDOP 2011 R2• AGPM 2.5 • AGPM 4.0 • AIS 2.0• DEM 3.0 • DEM 3.5 • DaRT 7.0• SoftGrid 4.2 • DaRT 6.5 • MBAM 1.0MDOP 2007 • App-V 4.5 SP1• AIS 1.0
  • 3. VirtualizarApp-V | UE-V | MED-V
  • 4. Tenha no Windows umaexperiência consistente e “…o UE-V funcionoupessoal, que corresponda ao seu perfeitamente. Os funcionáriosestilo único de trabalho podem facilmente alternar entre dispositivos e manterFacilita a entrega de uma suas experiências pessoais.”experiência pessoal, definidapelo usuário, através de váriosdispositivos Rand MorimotoIntegra e escala através da Presidenteinfraestrutura e ferramentas Convergent Computingexistentes de gerenciamento
  • 5. Introdução ao UE-V Nova Oferta!  Personalização de Aplicações e Windows em diferentes dispositivos  Sincronização inteligente e logon rápido  Reconfiguração da Aplicação ou Sistema Operacional não é necessáriaPessoal & Flexível  Modelos automatizam a identificação do local das configurações  Modelos personalizados definem quais aplicativos devem sincronizar suas configuraçõesSimples & Versátil  Capacidade de reverter as configurações ao estado inicial  Usa as ferramentas existentes para simplificar a implementação  ConfigMgr 2012 config pack para manter consistente a configuração do clienteIntegrado &  Integra-se perfeitamente aos produtos de virtualização de desktopEscalável Microsoft
  • 6. Microsoft User State Virtualization Servidor de Arquivos PC virtual Produtividade em Qualquer Lugar Acesso aos dados e configurações a partir de qualquer dispositivo Evita interrupções ao negócio Logon para recuperar seus dados e recuperar sua produtividade Logon xxx Logon xxx*Inclui User Experience Virtualization (UE-V), Redireçãode Pastas e Arquivos Offline Dispositivo Local Thin client
  • 7. Usuários produtivos em qualquerlugar com aplicações sob “O App-V o custo dedemanda que funcionam como se empacotamento de aplicações em 80% e permite que oestivessem instaladas localmente usuário consiga com facilidade as aplicações de que precise”Estender os benefícios davirtualização para aplicaçõesaltamente integradas Olivier Dury Gerente Senior, The Merck GroupGerenciamento facilitado permiteimplementação e manutenção deaplicações ao longo do seu ciclode vida
  • 8. Nova Versão!  “Virtual Application Extension” permite que os aplicativos funcionem como se estivessem realmente instalados  Facilidade de diagnóstico e reparo das aplicações virtuaisPlataformaIntegrada  Não requer unidade de disco dedicada (ex.: Q)  “Virtual Application Connection” permite que vários aplicativos virtuais trabalhem em conjunto  Projetado para suportar aplicações altamente integradasVirtualizaçãoFlexível  Baseado nos investimentos das versões anteriores do App-V  Otimizar o espaço em disco em VDI através do “Shared Content Store”  Interface gráfica web permite ao professional de TI descobrir e usar os recursos de gerenciamentoGerenciamentoPoderoso  Gerenciamento centralizado da interação entre aplicações
  • 9. Microsoft Application Virtualization PC VirtualProdutividade em qualquerlugarAcesso aos aplicativos a partir dequalquer dispositivo sem instalaçãoEvita interrupções ao negócioLogon para recuperar aplicativos erestaurar a produtividadeAcelera a implementação Logon xxx Logon xxxProvisionamento rápido deaplicações virtuais sob demanda Dispositivo Local Thin Client
  • 10. Uma experiência simplificadaajuda os usuários sem experiênciano empacotamento de aplicações “Mesmo pessoas sem experiência com virtualizaçãoConverter aplicações para App-V podem sequenciar aplicações.”através dos “Package Accelerators”reduz ou elimina a curva deaprendizado Holger BrinkIntegra melhores práticas para Consultor de Gestãotornar do empacotamento um Login Consultantsprocesso consistente ereproduzível
  • 11. Contornar as barreiras de compatibilidade de aplicações ao adotar um Sistema Operacional “Com o MED-V, nós podemos endereçar problemas de moderno compatibilidade que nós nem Migrar legado de aplicações no sabíamos que existiam. Se a seu cronograma* sem perder a aplicação roda no Windows XP ela pode rodar no Windows 7. produtividade Simples assim.” Usar as mesmas ferramentas de James Van Ryn gerenciamento e implementação Engenheiro de Sistemas em Windows que você usa atualmente. Não Applied Materials requer infraestrutura dedicada* o fim do suporte ao Windows XP termina em Abril/2014
  • 12. GerenciarMBAM | AGPM
  • 13. Simplificar a implementação doBitLocker e integra seu “Nós podemos usar o MBAMgerenciamento às ferramentas para explorar melhor oatuais Bitlocker. Nós podemos garantir que o Bitlocker estáConsultar a situação de habilitado e dentro das regrasconformidade corporativa de conformidade daatravés dos relatórios do MBAM empresa, sem onerar nossa equipe de TI”Oferecer aos usuários um portal Bob Johnsonde autoatendimento para Diretor de TI BT nos Estados Unidos e Canadárecuperar chave de acesso àsunidades protegidas
  • 14. Introdução ao MBAM 2.0 Atualmente em Beta!  Simplifica o processo de provisionamento do BitLocker em escala  Implementa o BitLocker de maneira independente ou como parte daManter e impor a migração para Windows 7 ou Windows 8conformidade  Relatório sobre criptografia nos dispositivos e auditoria no acesso às chaves  Gerenciamento e Relatórios centralizados com o System Center Configuration Manager 2007 e 2012Integração e  Gerencia centenas ou centenas de milhares de dispositivosEscalabilidade  Os usuários podem consultar a chave de recuperação através de portal de autoatendimento  Console de recuperação pelo time de TI permite auxílio ao usuário finalRedução deCustos  O usuário pode trocar seu próprio PIN e iniciar criptografia das unidades
  • 15. Fornecer uma maneira simples,fácil e configurável para delegar “O Advanced Group Policymudanças nas Diretivas de Management tem sido comoGrupo uma bala de prata para nós. Seu controle de mudança, fluxo dePermitir verificação e aprovação aprovação e capacidades dedas mudanças, reduzindo custos delegação são impressionantes.e o tempo de parada Eu não seria capaz de gerenciar GPOs sem ele”Escalar para prover controle de Michael Wilcox Supervisor de Serviços paramudança e relatórios em Desktopgrandes ambientes corporativos Forsyth County
  • 16. Restaurar DaRT
  • 17. Identifica a causa, repara oproblema, e recupera aprodutividade “Esse conjunto de ferramentas nos permite recuperar PCs instantaneamente sem fazer suaMuda o plano de reparo de reinstalação – economizando atéPCs, de reativo para proativo seis horas por ocorrência.” David SmithCriação e implementação simples Centro de Suporte Técnico,da imagem de recuperação UMC Health System
  • 18. Introdução ao DaRT 8 Novidade!  Suporta Windows 8 e Windows Server 2012  Suporta tabelas de particionamento GUID (GPT)Suporte ao  Integração transparente em boot UEFIWindows 8  Suporte nativo a dispositivo USB de armazenamentoAssistente de  Suporta formato .WIM e .ISOcriação  Cria imagens 32/64 bit a partir de um único PCreimaginado  Assistente construído com base em cmdlets PowerShellFuncionalidade de  Quatro novos cmdlets DaRT integrados com o DISM para facilitar scriptscript melhorada
  • 19. O que os clientes, O UE-V é a peça final do quebra-cabeça da experiência da virtualização do estado do usuário. Quando combinadoimprensa e analistas com recursos como arquivos off-line e redireção de pastas, uma solução completa aparece.”dizem a respeito Paul Thurrott, Supersite for Windows [Com o App-V] a Microsoft está removendo algunsUsando o App-V, nós podemos reduzir o prazo de inibidores sobre virtualização de aplicações. Eleimplementação de aplicações – da solicitação até a deixa as suas aplicações funcionando como seentrega – em mais de 80%; de 30 dias para apenas 5 dias.” estivessem instaladas nativamente.”Stephen Dula, Qualcomm IDC CorpO MBAM cumpriu nossas três necessidade: uma interface O MED-V ajuda a garantir que podemos avançar naintuitiva para nossos funcionários, relatórios funcionais adoção do Windows 7 em toda a organização semque mostram status de conformidade, e recuperação impactar o cronograma por causa derobusta da chave que permite auditoria.” compatibilidade de aplicações.”Bernard Carter, General Mills Alex Ramos, Royal Caribbean Cruises Ltd.O custo em não ter um diagnóstico efetivo e planode recuperação foi devastador. Tudo isso foi Com o AGPM o que antigamente levava um dia inteiro,resolvido além de uma redução geral de custos em agora é feito de 5 a 10 minutos.”10% ao usar uma suíte unificada.” Simon Boxall, London Borough of Camden, U.K.Ram Reddy P., Aurobindo Pharma
  • 20. 69% 64% 29% 13%Tempo de Parada Help Desk Gerenciamento de Implementação de PC PC
  • 21. Homepage MDOP Techdo MDOP Center BlogTech Center WindowsdeVirtualização para seusde Desktop negócios

×