Your SlideShare is downloading. ×
Sintra
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Introducing the official SlideShare app

Stunning, full-screen experience for iPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Sintra

911
views

Published on

Published in: Education

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
911
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
11
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Geografia Professora: Maria Manuela Santos (Departamento Ciências Sociais e Humanas) GUIÃO DA VISITA DE ESTUDO GEOGRAFIA 11º ANO"Todo o estudo em Geografia começa com alguém, nalgum lugarà superfície, partindo à descoberta de onde e do porquê de umaou mais componentes da paisagem" (Departamento de Educação Básica, 2001:5)A tua visita de estudo no âmbito da disciplina de Geografia começa emVendas Novas e termina em Vendas Novas. Pretende-se que observes apaisagem durante toda a visita de estudo e a interpretes à luz dosconhecimentos adquiridos na disciplina de Geografia no 10º e 11º anos.No trabalho que deverás elaborar e colocar no webfólio da turma –GEOTEMÁTICAS- deverás fazer referência a algum aspecto que queresdestacar de toda a visita. (seria interessante colocares alguma fotografiaretirada durante a visita).Está atento à paisagem e Bom Trabalho!(Nota: a data limite para colocares o trabalho no webfólio é 30 Março)Alguns dados sobre Sintra:
  • 2. Geografia Professora: Maria Manuela Santos (Departamento Ciências Sociais e Humanas)SintraSintra é uma vila portuguesano Distrito de Lisboa, na regiãode Lisboa, sub-região daGrande Lisboa e na ÁreaMetropolitana de Lisboa.É sede um município com 317km² de área e 445 872habitantes (2008), subdivididoem 20 freguesias. O municípioé limitado a norte pelomunicípio de Mafra, a leste porLoures e Odivelas, a suestepela Amadora, a sul por Oeirase Cascais e a oeste pelo oceanoAtlântico.A Vila de Sintra inclui o sítioPaisagem Cultural de Sintra,Património Mundial daUNESCO e tem recusado serelevada a categoria decidade, apesar de ser sede dosegundo mais populosomunicípio em Portugal,segundo a Câmara Municipalde Sintra.
  • 3. CLIMA E PAISAGENSAMBIENTE - CARACTERIZAÇÃO DA PAISAGEM Geografia Professora: Maria Manuela Santos (Departamento Ciências Sociais e Humanas)A Paisagem do Concelho ao Longo dos TemposA paisagem do concelho de Sintra tem sofrido alterações mais ou menos profundas aolongo dos séculos. Assim, em tempos remotos, as árvores dominantes eram os carvalhos.Nas zonas mais húmidas corria o Carvalho-alvarinho ou o Carvalho-cerquinho, enquantonas áreas mais soalheiras evidenciava-se o Sobreiro, em solos siliciosos, ou o Carrasco e oZambujeiro, em solos calcários.A destruição do coberto vegetal iniciou-se na época pré-romana, dando lugar a umaestrutura agrária muito parcelada resultando num mosaico de culturas, terrenos baldios,pastagens, matos, etc., delimitados por muros de pedra solta. Nas zonas mais pedregosascomo a própria Serra, a destruição da Floresta climática deu lugar a uma vegetaçãocomposta por matos expontâneos que abrigavam uma diversificada e rica fauna. Estesforam os locais mais procurados para a realização de montarias e outras caçadas.Mais recentemente operaram-se duas mudanças radicais que marcaram profundamenteesta área:· a primeira deu-se no século passado e consistiu na florestação da Serra com o aproveitamento de muitas árvores autóctones e a introdução de outras vindas dos mais diversos pontos do globo;· a segunda é bastante próxima e tem tido resultados desastrosos para o património natural deste concelho - a explosão urbanística e demográfica.A Serra de Sintra, que tomou corpo no Cretácico, há mais de noventa milhões de anos, é oacidente geomorfológico mais importante de toda esta região. De origem eruptiva(granitos e rochas afins) atinge o seu ponto mais elevado na Cruz Alta (528 metros) esobressai da paisagem circundante, mais ou menos plana a monótona com uma altitudemédia que ronda os 150 metros, assente em calcários e arenitos do Jurássico e Cretácico.No Noroeste da autarquia encontranos pequenas bolsas de terrenos de aluvião(Plistocénico e Holocénico) e, na zona do Banzão, dunas e areias eólicas do Holocénico.Existem ainda pequenas zonas de basaltos na área de Montelavar.Condições ClimáticasDois factores contribuem decisivamente para as condições climáticas que se fazem sentirna região sintrense: · o primeiro tem a ver com a situação do concelho em relação ao Oceano Atlântico; · o segundo com a barreira de condensação que a Serra de Sintra constitui.Desta maneira podemos observar que os níveis de radiação diminuem de Sudeste paraNoroeste, isto é, à medida que nos aproximamos da costa. A insolação apresenta o mesmotipo de variação mas, na zona da Serra registam-se valores tão baixos como aqueles quese verificam na Assafora e território adjacente, o que se deve à nublosidade aí existente.Quanto à temperatura, ela tem os seus valores mais baixos na zona da Serra e noextremo Nordeste do concelho; no primeiro caso devido à altitude e no segundo àscondições de relativa continentalidade. Finalmente, quanto à precipitação, verificam-seduas situações bem diferenciadas: uma mais seca, junto ao litoral, e outra mais húmida,que abrange a zona de influência directa da Serra (onde a precipitação atinge o seumáximo) e toda a área oriental do concelho.Os diferentes tipos de solos estão intimamente com as características litológicas egeográficas já referidas. Podemos classificá-los em 3 grandes grupos: · os solos derivados das rochas eruptivas;
  • 4. Geografia Professora: Maria Manuela Santos (Departamento Ciências Sociais e Humanas)A península de Lisboa é dominada pela Serra de Sintra, um fenómeno denominado porbatólito, enrugamento pela subida de rochas magmáticas, que foram sendo erodidas.Esta formação teve grande impacto sobre grande parte da geologia da região, daí em tão curtoespaço territorial poderemos visitar uma grande variedade de fenómenos geológicos,geomorfológicos e consequentemente compreender os micro-climas, habitat e ocupaçãohumana desde a pré-história.As imponentes arribas rochosas de formações geológicas diversas ao longo de dezenas dequilómetros, caso do Cabo da Roca, Praia da Adraga, Praia Grande do Rodízio, Praia doMagoito.
  • 5. Geografia Professora: Maria Manuela Santos (Departamento Ciências Sociais e Humanas) Cimo da Arriba. António Tavares. 2009Serra de Sintra onde um microclima que propiciou o desenvolvimento de um coberto vegetalsoberbo de entre o qual se observam formas arredondadas de grandes rochas de granitos esienitos no que se designa por amontoado caótico . Sienitos entre o arvoredo. António Tavares. 2009Informação retirada de :http://www.cm-sintra.pt/Artigo.aspx?ID=4373