• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
O marceneiro e as ferramentas
 

O marceneiro e as ferramentas

on

  • 6,010 views

Quando se procura com sinceridade os pontos fortes dos outros, florescem as melhores conquistas humanas.

Quando se procura com sinceridade os pontos fortes dos outros, florescem as melhores conquistas humanas.

Statistics

Views

Total Views
6,010
Views on SlideShare
5,974
Embed Views
36

Actions

Likes
1
Downloads
20
Comments
1

8 Embeds 36

https://cursosrapidosonline.com.br 12
https://www.cursosonlinecursos.com.br 10
https://www.xn--cursosonlinedaeducao-7yb1g.com.br 5
http://cesbonline.com.br 4
https://cesbonline.com.br 2
http://www.slideshare.net 1
http://www.linkedin.com 1
http://www.docshut.com 1
More...

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

11 of 1 previous next

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    O marceneiro e as ferramentas O marceneiro e as ferramentas Presentation Transcript

    • O MARCENEIRO E AS FERRAMENTAS
    • Contam que, numa marcenaria, houve uma estranha assembleia . Foi uma reunião onde as ferramentas se juntaram para analisar e discutir suas diferenças.
    • Um martelo exercia a presidência, mas os participantes exigiram que ele renunciasse . A causa? Fazia demasiado barulho e além do mais, passava todo tempo a dar golpes.
    • O martelo aceitou sua culpa, mas pediu que também fosse expulso o parafuso, alegando que ele dava muitas voltas para conseguir algo. Face ao ataque o parafuso concordou, mas por sua vez pediu a expulsão da lixa.
    • Disse que ela era muito áspera no tratamento com os outros, entrando sempre em atritos.
    • A lixa acatou, com a condição de que se expulsasse o metro, que media sempre os outros segundo a sua medida, como se fosse o único perfeito .
    • Nesse momento entrou o marceneiro, juntou todos e iniciou o seu trabalho. Utilizou o martelo, a lixa, o metro, o parafuso...
    • Quando o marceneiro se foi embora, as ferramentas voltaram à discussão. E a rústica madeira converteu-se em belos móveis.
    • Mas o serrote adiantou-se e disse : - Senhores, ficou demonstrado que temos defeitos, mas o marceneiro trabalha com nossas qualidades, ressaltando nossos pontos valiosos... Portanto, em vez de pensar nas nossas fraquezas, devemos concentrar-nos nos nossos pontos fortes.
      • Então a assembléia compreendeu que:
      • o martelo era forte
      • o parafuso unia e dava força
      • a lixa era especial para limpar e afinar asperezas
      • o metro era preciso e exato.
    • e uma grande alegria tomou conta de todos pela oportunidade de trabalharem juntos. Sentiram-se como uma equipe, capaz de produzir com qualidade;
    • O mesmo ocorre com os seres humanos. Quando uma pessoa procura defeitos noutra, a situação torna-se tensa e negativa. Ao contrário, quando se busca com sinceridade os pontos fortes dos outros, florescem as melhores conquistas humanas.
    • É fácil encontrar defeitos... Mas encontrar qualidades? Isto é para os sábios !!! Qualquer um pode fazê-lo !