Segurança de Medicamentos Antiinflamatórios inibidores da Cox 2

11,479 views

Published on

Published in: Health & Medicine
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
11,479
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
113
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Segurança de Medicamentos Antiinflamatórios inibidores da Cox 2

  1. 1. Segurança de medicamentos: Antiinflamatórios inibidores da COX 2 Safia Naser Syntia Policena Rosa
  2. 2. Antiinflamatórios não esteróides (AINEs)É uma classe de medicamentos largamente utilizada no tratamento de dor pós- operatória, osteoartrite, artrite reumatóide e dores músculo-esqueléticas, entre diversas condições.
  3. 3. Fisiopatologia da resposta inflamatória e dolorosa Estímulo lesivo celular (físico, químico, biológico) Liberação e ativação de mediadores endógenos Febre cininas: hist, prost, 5-HT Lesão celular e peptídeos: angiot, subst P e BKAtivação do sistema liberação de acidose tecidual do complemento enzimas intracelulares produção de íons K+ e H+ Reação inflamatória aguda alterações morfofisiológicas vasculares, infiltrado celular Sensibilização seletiva por substâncias algésicas durante a inflamação: BK, 5-HT e PGs* Resolução Cronificação
  4. 4. As ciclooxigenases COX-1 enzima essencial constitutiva encontrada na maioria das células e tecidos produção de PGs para manutenção de funções fisiológicas
  5. 5. As ciclooxigenases COX-2 formação induzida processo inflamatório e interleucinas -IL1, IL2 e TNFα prostaglandinas que mediam inflamação, dor e febre
  6. 6. Desenvolvimento dos AINEs AINEs não específicos; Inibidores específicos da COX-2
  7. 7. FosfolipídiosFosfolipase A2 cicloxigenases Ácido aracdônicolipoxigenases Ácido 5-hidroxiperoxi eicosatetraenoico PGH2/PGG2 5-HEPTE 5-HETE leucotrienos TxA2 PGE2, PGF2 PGI2
  8. 8. Classificação dos AINEs antes da COX-2Ácido Ácido Propiônico FenamatosCarboxilicoAspirina Ibuprofeno MeclofenamatosDiflunisal Naproxeno Ácido mefenâmicoSalsalatos FenoprofenoTrissalicilatos de CetoprofenoMg + Flurbiprofeno Axaproziona
  9. 9. Reclassificação dos AINEsInibidores Inibidores Inibidores InibidoresSeletivos da não Seltivos Seletivos da AltamenteCox -1 da Cox -1 Cox-2 Seletivos da Cox-2Aspirina Aspirina Meloxicam Eterocoxib (Altas doses) Indometacina Etodalaco Rofecoxib Piroxicam Nimesulida Lumiracoxib Diclofenaco Salicilato Parecoxib Ibuprofeno Nabumetona
  10. 10. Benefícios dos seletivos COX-2 Inibidores seletivos da COX-2 não têm efeito sobrefunção plaquetária uma vez que esta está sobrecontrole da enzima COX-1. Em estudos o celecoxib foi comparado com outrosAINEs (naproxeno, ibuprofeno e diclofenaco),mostrando-se praticamente não-atuante sobre atromboxana produzida pela COX-1.Outro ponto de destaque dos inibidores seletivos deCOX-2 é a baixa incidência de úlceras gastrintestinais.
  11. 11. RAMs Diarréia e hemorragia gastrointestinal; Antiiflama- dispepsia e úlcera péptica; disfunção tórios e falência renal; inibição da agregação plaquetária e aumento do tempo de sangramento. Alterações cardiovasculares e AVCs; expressão elevada de COX-2 emSeletivos para artérias ateroscleróticas; suprimem a produção de PGI2 pelas células COX-2 endoteliais; retardam o processo de cicatrização de úlceras; hepatite; falência renal.
  12. 12. Reações adversas dos principais medicamentos da COX-2Medicamento Principais usos Reações adversasARCOXIA Crises de gota, Eleva o risco de(etorocoxibe) inflamação na coluna infarto e derrame e nas articulaçõesBEXTRA (parecoxibe) Osteoartrite, cólicas Reações menstruais dermatológicasPREXIGE Osteoartrite, dores Hepatite,(lumiracoxibe) agudas, cólica hemorragias, menstrual insuficiência renal, infartoVIOXX (rofecoxibe) Cirurgias Infarto, derrame e odontológicas, artrite problemas renais reumatóide, tendinites
  13. 13. Novas decisões da Anvisa 3 de outubro de 2008
  14. 14. Suspensão da comercialização e uso, em todo o país, daapresentação de 400 mg do antiinflamatório Prexige(Lumiracoxibe), do laboratório Novartis, e da apresentação de120 mg do medicamento Arcoxia (Etoricoxibe), da Merck Sharpe Dohme.A partir de agora, os antiinflamatórios seletivos da COX-2 sópoderão ser vendidos com retenção da receita médica(receituário C1 – branco) pelo estabelecimento farmacêutico.As apresentações de 60mg e 90 mg do medicamento Arcoxiasofrerão adequações nas respectivas bulas para que sejamincluídas advertências de segurança quanto aos níveispressóricos e cardiovasculares.
  15. 15. Celebra (Celecoxibe), da empresa Pfizer também sofreráalterações em sua bula, com novas restrições relativasao tempo de tratamento e à utilização durante a gravidez e operíodo de amamentação.Bextra(Parecoxibe),da Pfizer, terá seu uso restrito aosambientes hospitalares. Fonte:Anvisa
  16. 16. Prexige Entre julho de 2005 e abril de 2008: 3.585 casos; 35% dos casos aconteceram no Brasil; A maior parte das ocorrências diz respeito a problemas hepáticos graves, como hepatite; Em janeiro de 2007, haviam sido notificados 16 casos. Em agosto, o número subiu para 93 e chegou a 211 em abril deste ano; 30 mortes no mundo sendo estas 6 no Brasil;
  17. 17. Conclusão Apesar de acreditar que os seletivos da COX-2 seriam menos invasivos e trariam menos efeitos colaterais, observou-se que estes desencadeiam efeitos adversos graves, por isso devem ser administrados com cautela analisando o risco-benefício.
  18. 18. Bibliografia H. P. Rang et al .Farmacologia. 5° edição 2003 http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S .Acesso 01/10/2008 as 15:44. http://images.google.com.br/images?gbv=2&hl=pt- BR&q=MEDICAMENTOS&btnG=Pesquisar+imagens

×