01ppt fluidos biologicos

689 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
689
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
24
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

01ppt fluidos biologicos

  1. 1. 1Colheita e manuseamentode fluidos biológicos1. Importância da análise de amostras biológicas comoferramentas de diagnóstico2. Composição dos dois fluidos mais analisados:sangue e urina3. Colheita para análise e manuseamento de amostrasde sangue e urina:• Condições de colheita• Regras de segurançaNa aula de hoje, vamos falar de:
  2. 2. 21. Importância da análise de amostras biológicas comoferramentas de diagnóstico2. Composição dos dois fluidos mais analisados:sangue e urina3. Colheita para análise e manuseamento de amostrasde sangue e urina:• Condições de colheita• Regras de segurançaNa aula de hoje, vamos falar de:Análises clínicas como método auxiliarde diagnóstico:Detecção e ou quantificação de determinadassubstâncias ou microorganismos em amostras deprodutos biológicos (sangue, urina, líquido céfalo-raquidiano, fezes, saliva, etc).
  3. 3. 3Quais os fluidos corporais mais frequentemente analisados?Sangue• papel de transporte através doorganismo → resposta rápida emtermos de flutuações metabólicas• detecção de alterações de pH,metabolitos, enzimas, etc (ou deníveis destes) que sejam indicadoresde situações patológicasQuais os fluidos corporais mais frequentemente analisados?Sangue Urina• papel de transporte através doorganismo → resposta rápida emtermos de flutuações metabólicas• detecção de alterações de pH,metabolitos, enzimas, etc (ou deníveis destes) que sejam indicadoresde situações patológicas• papel de excreção → detecçãode variações de pH, existência desubstâncias anormais (oualterações dos níveis dedeterminados constituintes)Métodos de colheita simples e(relativamente) não invasivos
  4. 4. 41. Importância da análise de amostras biológicas comoferramentas de diagnóstico2. Composição dos dois fluidos mais analisados:sangue e urina3. Colheita para análise e manuseamento de amostrasde sangue e urina:• Condições de colheita• Regras de segurançaNa aula de hoje, vamos falar de:
  5. 5. 5SANGUE responsável por :• transporte de oxigénio absorvido dos pulmõese nutrientes do tracto gastrointestinal para as célulasdo corpo.• transporte de CO2 e produtos tóxicos produzidospelo metabolismo celular para os pulmões, pele,fígado e rins onde são eliminados.• transporte de hormonas e anticorpos dos sítios deprodução para os sítios de acção.• contribuir para a Homeostase, auxiliando nadistribuição de água, solutos e calor.Mistura HETEROGÉNEA, em que se distinguem duas partes:Células: Glóbulos sanguíneos (cerca de 45% do volume)Parte líquida: PLASMA (cerca de 55% do volume)SANGUESangue colhido comanticoagulante
  6. 6. 6CélulasHematócrito• é a % de sangue composto por células após centrifugação• varia em função sexo, altitude, grau de actividadeHomem = 40 - 50 %Mulher = 38 - 40 %
  7. 7. 7Principais proteínas:-albumina: manutenção da pressão osmótica dosangue, transporte (p.ex de ácidos gordos)-imunoglobulinas: sistema imunitário-Fibrinogénio: coagulação do sanguePlasma sanguíneo:• 7% de proteínas• 0,9% de sais minerais• 2,1% de compostos orgânicos (aminoácidos,vitaminas, hormonas e lipoproteínas153Total de Aniões:16Proteínas6Ácidos Orgânicos1Sulfato2Fosfato27Bicarbonato101CloretoAniões:153Total de Catiões:2Magnésio5Cálcio4Potássio142SódioCatiões:Plasma, (mEq/L)ElectrólitoElectrólitos do plasmaRecordando:• A concentração de umião em equivalentes éigual à sua molaridadea multiplicar pelo nº decargas por molécula• É portanto uma medidada concentração dascargas
  8. 8. 8Funções do sistema urinário• Remover produtos residuais do sangue e eliminá-los docorpo• Regulação do volume, equilíbrio ácido-base ecomposição electrolítica dos fluidos do corpo.• Produção de hormonas: renina e eritropoetinaAproximadamente 1.200ml de fluido passa, porminuto, através dos nossos rins.Trata-se de umgrande fluxo se considerarmos as dimensõesanatómicas destes órgãos.• volume Normal - 1 a 2 L/dia• Poliuria > 2L/dia• Oliguria < 500 mL/dia• Anuria - 0 a 100 mLUrina:
  9. 9. 9Órgãos do sistema urinário
  10. 10. 10Composição de um litro de urina:• Água (maioritariamente)• 10 mg de NaCl• 25 g de Ureia• 0,5 g de ácido úrico• HCO3-• Outros produtos de excreção (ex., xenobióticos e seus metabolitos)• Creatinina• potássio, fosfato, sulfato• pH: 4.5 - 8.2, em geral 6.01. Importância da análise de amostras biológicas comoferramentas de diagnóstico2. Composição dos dois fluidos mais analisados:sangue e urina3. Colheita para análise e manuseamento de amostrasde sangue e urina:• Condições de colheita• Regras de segurançaNa aula de hoje, vamos falar de:
  11. 11. 11Colheita de sangue para análises• Para a maioria dos testes ao sangue: 12 a 16 horas de jejum (glicémia,triglicéridos, colesterol, etc)• Recolha com material estéril, descartável• Quase todos os testes são feitos em soro ou plasmaSem anticoagulante: soroCom anticoagulante(heparina, EDTA): plasma
  12. 12. 12Colheita de urina para análises• Em muitos casos é necessário colher toda a urina eliminada durante operíodo indicado (ex., 24h)• Existem consideráveis variações na excreção de algumas substânciasao longo do dia• Certos doseamentos, por exemplo o das catecolaminas, implicamtratamento da urina com um estabilizador1. Importância da análise de amostras biológicas comoferramentas de diagnóstico2. Composição dos dois fluidos mais analisados:sangue e urina3. Colheita para análise e manuseamento de amostrasde sangue e urina:• Condições de colheita• Regras de segurançaNa aula de hoje, vamos falar de:
  13. 13. 13http://www.who.int/csr/resources/publications/biosafety/BisLabManual3rdwebport.pdfRISCO BIOLÓGICOrisco de quê?BactériasVírusFungosEctoparasitasProtozoários
  14. 14. 14RISCO BIOLÓGICOrisco de quê?HIV Hepatite BHepatite CTuberculoseVírus herpes Staphylococcus sp.MeningitesOutros
  15. 15. 15
  16. 16. 16No nosso laboratório:• Lembre-se: não temos informação acerca de eventuais doenças –SIDA, hepatite B, etc - dos indivíduos a quem pertencem as amostras desangue• O mais sensato é tomar precauções para evitar problemas para nós epara os restantes utilizadores do laboratórioUm descuido momentâneo pode resultar nocontágio com uma doença incapacitante oumesmo MORTAL• O material deve ser manuseado com os cuidados necessários paraproteger o operador de qualquer tipo de contágio• Utilização de luvas; as luvas nãodevem tocar nas bancadas,aparelhos, etc• Depois de utilizar, colocar asluvas num recipiente próprio(serão destruídas porincineraçãoou autoclavagem)• O material utilizado deve ser descontaminado (p.ex., por imersão emlixívia diluída durante pelo menos 24h)• Ao fim de 24h:• o material reutilizável é esterilizado (por autoclavagem) e lavado• o material descartável é eliminado (incineração)
  17. 17. 171. Importância da análise de amostras biológicas comoferramentas de diagnóstico2. Composição dos dois fluidos mais analisados:sangue e urina3. Colheita para análise e manuseamento de amostrasde sangue e urina:• Condições de colheita• Regras de segurançaFalámos de:

×