Your SlideShare is downloading. ×
0
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Esqueleto e Locomoção de Bivalvia

2,867

Published on

Esqueleto/Locomoção de Bivalvia...

Esqueleto/Locomoção de Bivalvia...

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
2,867
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
21
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Locomoção/Esqueleto de Bivalvia
  • 2. Bivalvia: → Inclui cerca de 8.000 espéciesrecentemente descritas, das quaisaproximadamente 1.300 vivem emágua doce e as demais sãomarinhas. → Ostras, mexilhões, vierias eteredos.
  • 3. Bivalvia: a) c) → a) concha dividida em duas valvas; b) perda darádula; c) um par de brânquias.
  • 4. Bivalvia: Três grupos morfológicosProtobrânquios Lamelibrânquios Septibrânquios→ Utilizam às brânquias para obtenção de alimento
  • 5. Estrutura →Achatamento lateral do pé e da concha facilita aescavação em sedimentos moles. A filtragem do alimentopermite a alimentação enquanto o bivalve está enterradono sedimento, e os sifões permitem acesso à água limpacontendo O2 e alimento sem que o animal tenha que deixaro sedimento.
  • 6. Concha →Duas valvas calcárias que se articulam ao longo deuma charneira dorsal. As duas valvas estão unidasdorsalmente pelo ligamente da charneira.
  • 7. Concha →Dois músculos adutores transversais, um anterior eoutro posterior estendem-se de uma valva à outra.
  • 8. Concha →Os ligamentos da charneira e os músculos adutores antagonizam uns aos outrose atuam em conjunto para abrir (abduzir) e fechar (aduzir) as valvas. Quando as valvas sãofechadas pelos músculos adutores, o ligamento externo da charneira é esticado e, o interno,comprimido.
  • 9. Concha →Quando as valvas estão abertas, os ligamentos estão relaxados, isto é, nem sobtensão, nem sob compreensão. Contudo, quando os músculos adutores contraem-se, oligamento externo é estirado e mantido sob tensão, enquanto o ligamento interno écomprimido.
  • 10. Estrutura da ConchaInserir imagem 19.91 (página 429)
  • 11. Pé → É uma adaptação para a escavação em sedimentosmoles;Uma combinação da pressão sanguínea e da ação dosmúsculos retratores pediosos produzem o movimento do pé;
  • 12. Mecanismo de escavação →A)Sifão se abre e a agua flui pela cavidade do manto. Os musculos adutores e pediosos estão relaxados e a concha se alargapara gerar ancoragem para a penetração.Contração dos músculos circulares pediosos estendem o pé para dentro do semdimento.B)Contração do músculo circulares pediosos fazem com que o sangue se estenda para o pé e esse sirva como ancora terminal.Os sifõesfecham – se e os musculos adutore contraem- se expulsando a água para fora da abertura entre as valvas para revolver os sedimentos aoredor.C)O músculo retrator pedioso anterior contrai- se puxando a concha para dentro do sedimento afrouxado.D)O músculo retratorpedioso contrai- se e isso se repete até que o bivalve alcance a profundidade desejada.

×