• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Núcleo interfásico e mitose
 

Núcleo interfásico e mitose

on

  • 9,241 views

 

Statistics

Views

Total Views
9,241
Views on SlideShare
9,191
Embed Views
50

Actions

Likes
1
Downloads
73
Comments
0

1 Embed 50

http://aprendabiologia.tumblr.com 50

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Núcleo interfásico e mitose Núcleo interfásico e mitose Presentation Transcript

    • Núcleo Interfásico e Divisão Celular CFCM Prof(a). Gilmara Lopes Biologia
    •  
    •  
    • Núcleo Celular Portador dos fatores hereditários e controlador das atividades metabólicas.
    • Núcleo Celular Uma célula em intérfase, isto é, que não está se dividindo, apresenta os seguintes componentes : ·1. Carioteca - envoltório nuclear, formada por duas membranas com poros, onde há intercâmbio de substâncias entre o núcleo e o citoplasma. ·2. Nucleoplasma, Cariolinfa ou Suco Nuclear- é uma massa incolor constituída principalmente de água e proteínas. ·3. Nucléolo - Trata-se de um corpúsculo esponjoso e desprovido de membranas, que se encontra em contato direto com o suco nuclear, rico em RNA ribossômico.
    • Núcleo Celular · 4. Cromatina - representa o material genético, com proteínas e moléculas de DNA. Têm aspecto emaranhado de filamentos longos e finos, denominados cromonemas. Esses apresentam regiões condensadas chamadas de heterocromatinas, e regiões distendidas chamadas eucromatinas. Durante a divisão celular, os cromonemas espiralizam-se, tornando-se mais curtos e mais grossos e passam a ser chamados de cromossomos.
    • Cromonema = Cromossomo
        • Durante a divisão celular, os cromonemas espiralizam-se, tornando-se mais curtos e mais grossos. Podem, então, ser vistos individualmente e passam a ser chamados de cromossomos .
    • Cromatina = Cromossomos
      • O material genético descondensado – cromatina - é ativo, pois pode ser transcrito mais facilmente nesse estado. Ao se tornar condensado – cromossomo – a transcrição é dificultada, mas por outro lado a divisão celular ocorre com maior precisão.  
    • Cromonema = Cromossomo http://www.universitario.com.br/celo/aulas/DNA.exe
    • Cromossomo é uma única molécula de DNA
      • O DNA (do inglês DesoxirribuNucleic Acid) é como uma escada retorcida ou uma dupla hélice e é composta por inúmero genes, os quais tem a função de determinar as características de cada um de nós.
      • O Cromossomo é formado por cromátides ligadas pelo centrômero. Quando a célula está prestes a se dividir, as cromátides se duplicam formando cromátides irmãs (que até que ocorra a separação final, ficam ligadas pelo centrômero).
      • Todas as células do nosso corpo (exceto as dos gametas) são diplóides, ou seja, possuem dois cromossomos de cada tipo (no caso, 23 pares de cromossomos homólogos ). Quando uma célula possui apenas um cromossomo de cada tipo (no caso os gametas, com 23 cromossomos), dizemos que ela é haplóide.
      HOMEM 2n=46 n=23
    • Cariótipo
      • É o estudo da constituição cromossômica dos seres vivos. Na espécie humana, é composto de 46 cromossomos, em 23 pares (22 pares de autossomos e o par sexual), permitindo a análise das anomalias numéricas ou estruturais dos cromossomos.
    • Cariótipo
      • É o conjunto de todos os cromossomos presentes no núcleo da célula de um organismo. O estudo do cariótipo (forma, tamanho e número de cromossomos de uma pessoa) pode ajudar no diagnóstico pré-natal ou pós-natal de aberrações genéticas.
    • Ciclo Celular
      • Período G1: intensa síntese de RNA e proteínas e aumento do citoplasma.
      • PERÍODO S: Este é o período de síntese,duplicando seu DNA.
      • PERÍODO G2: tempo adicional para o crescimento celular assegurando completa replicação do DNA antes da mitose.
      • MITOSE : Divisão equacional da célula.
    • FASES DO CICLO CELULAR G 0 G 1 S 12h 8h 4h 1h G 2 M
    • Ciclo Celular
      • Na interfase - Há duplicação do DNA, sem o qual não se completa o ciclo celular.
    • Ciclo Celular
      • O ciclo celular : processos que ocorrem desde a formação de uma célula até sua própria divisão em duas filhas, tendo natureza cíclica. A célula se divide originando duas descendentes, com divisão do núcleo (mitose ) e divisão do citoplasma (citocinese). A etapa seguinte, é compreendida no espaço entre duas divisões celulares sucessivas e foi denominada de intérfase.
      http://www.cellsalive.com/cell_cycle.htm
    • DURAÇÃO DOS PERÍODOS DO CICLO
      • Existem diferenças notáveis quanto à duração do ciclo celular segundo o organismo que está se observando.
      • O ciclo dura de 12 horas, em tecidos de mamíferos com crescimento muito rápido, e 24 horas em outros com crescimento mais lento.
      • De todas as fases que compõem o ciclo, G1é a mais variável na maioria das células animais e plantas.
    • Em função das variações apresentadas quanto à proliferação as células animais podem ser classificadas em três grandes categorias Células embrionárias, as do epitélio do intestino delgado(renovação de três em três dias), as dos folículos capilares, as do sistema linfático e as da medula óssea. As células que se dividem continuamente:
    • Células que podem permanecer por longos períodos em um estado não proliferante, um estado de dormência ou quiescência com relação ao crescimento - permanecem no período G0 Células que ordinariamente não se dividem, mas que podem fazê-lo em resposta a estímulos; Hepatócitos, fibroblastos, células renais, células do músculo liso, de pâncreas, de ovário, de pulmão, células endoteliais dos vasos sangüíneos, células ósseas.
    • Células altamente diferenciadas Há tecidos cujas células, ao cessarem suas divisões e se tornarem diferenciadas, perdem permanentemente a capacidade reprodutiva, não podendo se novamente chamadas ao ciclo. Neurônios, Células musculares esqueléticas e cardíaca.
    • Teor de DNA 2C 4C G 1 S G 2 intérfase M G 1 mitose intérfase Prófase-anáfase telófase tempo Evolução do teor de DNA (C) no núcleo de uma célula, ao longo do ciclo celular.
    • Aparelho Mitótico.
      • É constituído pelos fusos, centríolos, ásteres e cromossomos. O áster é um grupo de microtúbulos irradiados que convergem em direção do centríolo. As fibras do fuso são constituídas por microtúbulos(proteínas especiais). Cada cromossomo têm duas cromátides ligadas entre si através do centrômero, que é uma região que se liga ao fuso mitótico, e se localiza num segmento mais fino denominado de constricção primária.
    • http://www.johnkyrk.com/mitosis.html
    • Mitose
      • Divisão celular de todas as células somática vegetais e animais. É um processo continuo que é dividido didaticamente em 5 fases: Prófase, metáfase, anáfase, telófase, nas quais ocorrem grande modificações no núcleo e no citoplasma.
      http://www.cellsalive.com/mitosis.htm
    • Mitose : Funções
      • Mitose relaciona-se com a reprodução assexuada de seres unicelulares, crescimento e regeneração de tecidos de seres multicelulares.
    • Mitose
    •  
    • Mitose em célula vegetal
    • Mitose e Câncer
      • Mitoses anormais e aceleradas podem originar tumores malignos (Neoplasia/Câncer). Muitos tipos de câncer não têm causas conhecidas e outros estão associados a drogas, radiação e certos vírus.
    • O que são células-tronco?
      • São células indiferenciadas capazes de realizar inúmeras mitoses e que podem originar todos os demais tipos de células do organismo (TOTIPOTENTES) ou alguns tipos diferentes (MULTIPOTENTES), encontradas em embriões, medula óssea, encéfalo e na pele de adultos.
      http://gslc.genetics.utah.edu/units/stemcells/