Apresentação fibromialgia

2,197 views

Published on

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,197
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
53
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Apresentação fibromialgia

  1. 1. Fibromialgia
  2. 2. INTRODUÇÃO A fibromialgia é uma síndrome dolorosa não inflamatóriaque se caracteriza por dores muscularesgeneralizadas, muitas vezes associada a cansaço. Compromete cerca de 5% da população mundial, sendomais frequente em mulheres entre 35 e 50 anos.
  3. 3. CAUSAS Ainda sem causas estabelecidas, os mecanismos prováveisde origem da fibromialgia seriam as lesõesmusculoesqueléticas acumuladas através do tempo etraumatismos por causas diversas. Alguns estudos sugerem que problemas emocionais ealterações hormonais podem desencadear as crises de dor.
  4. 4.  Os sintomas incluem:Dor generalizada, associada ou não a fadiga;Depressão psíquica;Ansiedade;Dormência de pés e mãos;Alterações do humor. É comum o indivíduo queixar-se de sonolência, uma vez quea qualidade do sono também é prejudicada pela dor.SINTOMAS
  5. 5.  A Associação Brasileira de Reumatologia recomenda que sejamexcluídas outras doenças ao se proceder ao diagnóstico de fibromialgia: Em 18 pontos dolorosos a serem avaliados, a incidência em 10 delesconfirma o diagnóstico de fibromialgia.miopatiasendócrinashipertireoidismosíndrome da dormiofacialoutros reumatismosextra-articulareshipotireoidismopolimiosites edermatopolimiositesinsuficiênciaadrenaldoença de Parkinsonefeito colateral dedeterminadosmedicamentos(cortocoides, estatinae drogas ilícitas).DIAGNÓSTICO
  6. 6. TRATAMENTO Procurar um médico com regularidade e, principalmente, aosprimeiros sinais da doença é fundamental para que se possaindicar o melhor tratamento para cada caso. Somente o médico deverá orientar o paciente em relação aosprocedimentos adequados e ao uso de remédios. O tratamento da fibromialgia se volta para a redução da dor e amelhora geral das condições de saúde do paciente. Entre osmedicamentos aprovados temos os antidepressivos, osanalgésicos e os relaxantes musculares.
  7. 7.  A atividade física moderada é essencial. A fisioterapia ameniza as dores e o relaxamento colabora paraa melhora do estado geral. Há casos em que a acupuntura pode ser útil. A escolha dotipo de tratamento deve levar em conta a adesão do paciente ea melhora na qualidade de vida.TRATAMENTO
  8. 8. PREVENÇÃOEm se tratando de um acometimento musculoesqueléticonão articular que se manifesta na mulher cinco a novevezes mais que no homem, a atenção se volta mais aosexo feminino, na observação quanto ao inicio dasintomatologia, quando o atendimento correto podemelhorar de forma significativa a qualidade de vida.
  9. 9. Procure sempre o seu médico.Fontes:Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia. <Disponível em>:www.sbot.org.br/portal//PDFs/OrtopediaFamiliar/fibromialgia.pdfDra. Anna Gabriela Fuks (CRM 677680-RJ)Editora médicaRoberto Maggessi (MTE 31.250 RJ)Jornalista responsável

×