0
Didática• Acadêmico: Rodrigo de Matos• Prof. Gilberto Borges de Sá
Antonio Gramsci• 23/1/1891, Ales, Sardenha, Itália  27/4/1937, Roma
• Antonio Gramsci foi uma das referências  essenciais do pensamento de esquerda no século  20, co-fundador do Partido Comu...
• Gramsci frequentou os círculos socialistas e  entrou para o Partido Socialista em 1913.  Transformou-se num jornalista n...
• Gramsci foi à Rússia em 1922, onde representou o  novo partido e encontrou Giulia Schucht, uma  violinista com quem se c...
• Um projeto para trocar prisioneiros políticos entre a  Itália e a União Soviética falhou em 1932. Dois anos  depois, bas...
• Suas noções de pedagogia crítica e instrução popular  foram teorizadas e praticadas décadas mais tarde  por Paulo Freire...
• Defendia a socialização da educação e da cultura  intelectual sugerindo que os intelectuais  tradicionais contribuíssem ...
• . Essa escola, dizia ele, não deveria “hipotecar o  futuro do jovem e não constringir a sua vontade, a  sua inteligência...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Antonio gramsci

1,974

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,974
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
7
Actions
Shares
0
Downloads
43
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Antonio gramsci"

  1. 1. Didática• Acadêmico: Rodrigo de Matos• Prof. Gilberto Borges de Sá
  2. 2. Antonio Gramsci• 23/1/1891, Ales, Sardenha, Itália 27/4/1937, Roma
  3. 3. • Antonio Gramsci foi uma das referências essenciais do pensamento de esquerda no século 20, co-fundador do Partido Comunista Italiano.• Nascido em Ales, na Sardenha, em uma família pobre e numerosa, filho de Francesco Gramsci, Antonio foi vítima, antes dos 2 anos, de uma doença que o deixou corcunda e prejudicou seu crescimento. No entanto, foi um estudante brilhante, e aos 21 anos conseguiu um prêmio para estudar Letras na universidade de Turim.
  4. 4. • Gramsci frequentou os círculos socialistas e entrou para o Partido Socialista em 1913. Transformou-se num jornalista notável, um escritor articulado da teoria política, escrevendo para o "LAvanti", órgão oficial do Partido Socialista e para vários jornais socialistas na Itália.• Em 1919, rompeu com o partido. Militou em comissões de fábrica e ajudou a fundar o Partido Comunista Italiano em 1921, junto com Amadeo Bordiga*.
  5. 5. • Gramsci foi à Rússia em 1922, onde representou o novo partido e encontrou Giulia Schucht, uma violinista com quem se casou e teve 2 filhos. A missão russa coincidiu com o advento do fascismo na Itália. Gramsci retornou com a missão de promover a unidade dos partidos de esquerda no seu país.• Em 8 de novembro de 1926, a polícia fascista prendeu Gramsci e, apesar de sua imunidade parlamentar, levaram-no à prisão. Recebeu uma sentença de cinco anos de confinamento e, no ano seguinte, uma sentença de 20 anos de prisão em Turi, perto de Bari.
  6. 6. • Um projeto para trocar prisioneiros políticos entre a Itália e a União Soviética falhou em 1932. Dois anos depois, bastante doente, ganhou a liberdade condicional, para tratar-se em hospitais. Morreu em Roma, aos 46 anos.• Gramsci escreveu mais de 30 cadernos de história e análise durante a prisão. Conhecidas como "Cadernos do Cárcere" e "Cartas do Cárcere", contêm seu traço do nacionalismo italiano e algumas ideias da teoria crítica e educacional. Para despistar a censura fascista, Gramsci adotou uma linguagem cifrada, em torno de conceitos originais ou de expressões novas. Seus escritos têm forma fragmentária, com muitos trechos que apenas indicam reflexões a serem desenvolvidas.
  7. 7. • Suas noções de pedagogia crítica e instrução popular foram teorizadas e praticadas décadas mais tarde por Paulo Freire no Brasil. Gramsci desacreditava de uma tomada do poder que não fosse precedida por mudanças de mentalidade. Para ele, os agentes principais dessas mudanças seriam os intelectuais e um dos seus instrumentos mais importantes, para a conquista da cidadania, seria a escola.• Gramsci promoveu o casamento das ideias de Marx com as de Maquiavel, considerando o Partido Comunista o novo "Príncipe", a quem o pensador florentino renascentista dava conselhos para tomar e permanecer no poder.
  8. 8. • Defendia a socialização da educação e da cultura intelectual sugerindo que os intelectuais tradicionais contribuíssem para a extensão do conhecimento à população geral através das parcerias com universidades.• Havia na época dois tipos de escola: a clássica(voltada para a classe dominante) e a profissional(voltada para a classe trabalhadora). O teórico defendia uma única escola que aliasse o conhecimento do trabalho manual e capacidade intelectual: a escola única ou elementar
  9. 9. • . Essa escola, dizia ele, não deveria “hipotecar o futuro do jovem e não constringir a sua vontade, a sua inteligência, a sua consciência em formação a mover-se dentro de um trilho com direção pré- fixada; uma escola de liberdade e de livre iniciativa e não uma escola de escravidão e mecanicidade” (Gramsci, 1975). Primava pelo principio da igualdade, base da filosofia de Karl Marx, defendendo que o trabalho e seu aperfeiçoamento eram o ponto de partida para essa conquista. A escola única realizaria o processo de igualdade, pois como instituição ativa mesclaria teoria e prática nas atividades laborativas dos homens com o objetivo de educar as classes subordinadas para o cumprimento de seu papel na sociedade em seu caráter coletivo e não apenas individual.
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×