Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais - Paula Diniz e Kalyl Rachid -
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais - Paula Diniz e Kalyl Rachid -

on

  • 4,056 views

Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais - Paula Diniz e Kalyl Rachid. Atividade realizada na #HubEscola de Inverno 2011. ...

Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais - Paula Diniz e Kalyl Rachid. Atividade realizada na #HubEscola de Inverno 2011.
http://www.hubescola.com.br

http://www.kalylrachid.com

Statistics

Views

Total Views
4,056
Views on SlideShare
3,723
Embed Views
333

Actions

Likes
5
Downloads
175
Comments
1

3 Embeds 333

http://marketingdigitall.com.br 256
http://www.marketingrede.com.br 51
http://www.digrado.pro.br 26

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • Oi tudo bom, sou mairton vieira da silva sou mobilizador social na cidade de Guaraciaba do norte ceará, tenho como visão ao bem estar de minha cidade detalhes de populantes em questão de melhorias para o povo, a secretaria municipal de relação institucional de minha cidade esta aberta para o povo resulmir detalhes e informaçoes, fico satisfeito em saber que a popolação esta por dentro de situaçoes e duvidas...
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais - Paula Diniz e Kalyl Rachid - Presentation Transcript

  • 1. Mobilização de Pessoas pelas Mídias SociaisPaula Diniz j.mp/MobRedes Kalyl Rachid
  • 2. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 3. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 4. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 5. Ferramentas interativas e Estrutura social composta por pessoas oudescentralizadas. Compartilham organizações conectadas por um ou váriosinformações de muitas pessoas para tipos de relação e que partilham valores emuitas pessoas neutralidade. objetivos em comum. Redes sociais são umInteração social a partir do exemplo de mídia social, assim como:compartilhamento e da criação Twitter (microblogging), YouTubecolaborativa de informação nos mais (compartilhamento de vídeos), SlideSharediversos formatos. (compartilhamento de apresentações), Flickr (compartilhamento de fotos). Facebook e Orkut = Redes sociais ou sites de relacionamento *Fonte: Wikipedia Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 6. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 7. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 8. 4,2 bilhões 700 milhões 100 milhões 90 milhõesmensagens de usuários de usuários de check-ins por mês cadastrados cadastrados por mês 1 em cada 10 habitantes do planeta = 75% dos brasileiros postando ao menos 1 comentário a cada 24 horas. *Fonte: Info Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 9. -Criação de riquezas;-Educação;-Cuidados com a saúde;-Cadeias de suprimentos;-Comércio;- E + 1001 utilidades (ao gosto do freguês!). Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 10. Maioria Silenciosa => Massa de Manobra Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 11. Ganha mais amplitude e alcance de voz, de poder e de cidadania => POVO Empoderamento (Empowerment) Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 12. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 13. Cases Mídias Sociais como ferramenta política• Paris - França Um dos primeiros episódios relatados de mobilização de pessoas pelas mídias sociais para uma manifestação coletiva. Em 2002, movimento antipublicidade invade Metrô “Don‟t hate the media. em Paris tomando de assalto Be the media.” os anúncios no Metrô em IMC – Independent Media defesa do espaço público e Center. Coletivo de contra a mercantilização da organizações independentes de mídia e jornalistas vida. (Seattle – EUA) Munidos de tintas e cartazes (armas simbólicas), São convocados pelo “Stopub”, conjunto de “guerrilheiros urbanos” cobrem as marcas e os organizações que reúne ativistas no visuais publicitários com mensagens. “Guerrilha combate ao desmonte do serviço público na França. urbana sem líder”. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 14. Cases Mídias Sociais como ferramenta política• TunísiaEstopim: Suicídio em dez./ 2010Fato: Mohamed Bouazizi, 26 anos, formado em informática e vendedor ambulante (desemprego!), ateou fogo nopróprio corpo. Protesto contra corrupção policial e maus tratos.Motivo: carrinho de verduras confiscado pela polícia.Repercussão: Indignação e protestos em todo país – Twitter como ferramenta para organizar manifestações einformar o mundo.Resultado: – Ex-presidente Zine El Abidine Ben Ali, ditador, é deposto e condenado à prisão (porte de drogas earmas, desvio de fundos...)Conquista: Novo ministro de infraestrutura e transporte, Yassine Brahim, reconheceu a importância das redessociais, Twitter e mensagens de texto para a revolução e estimula as mídias sociais para construção dedemocracia horizontal. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 15. Cases Mídias Sociais como ferramenta política• EgitoEstopim: Espancamento em dez./2010Fato: Khaled Said, comerciante de 28 anos, espancado até a morte por policiais.Motivo: Publicação de um vídeo em que policiais são flagrados vendendo drogas.Repercussão: Dias depois, ativista dos direitos humanos, anônimo (executivo do Google), cria página noFacebook “Todos Somos Khaled Said”, com fotos do corpo espancado no necrotério e vídeo com flagrante dospolicias corruptos. Atingiu meio milhão de amigos.Resultado: Governo bloqueou a internet e cortou acesso a Twitter, Facebook e You Tube e vetou mensagens detexto pelos celulares. Bloqueio alimentou revolta. Egípcios saíram às ruas.Conquista: Página serviu como ponto de aglutinação para os protestos. Facebook – mais de 5 milhões deusuários no Egito. Ferramenta colabora com a luta pela democracia. Ex-presidente Hosni Mubarak, ditador,renunciou juntamente com o vice em 11 de fevereiro, após 18 dias de protestos em massa, encerrando mandatode 30 anos. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 16. Cases Mídias Sociais como ferramenta política• São Paulo Estopim: Aumento do preço do pão de queijo da cantina. Fato: Estudante sugeriu, no Twitter, que alunos do colégio Arquidiocesano passassem a levar lanche de casa para boicote cantina. Motivo: Aumento dos preços dos pães de queijo na cantina do colégio após as férias. Repercussão: Forte adesão dos alunos. Assunto passou 24 horas entre os tópicos mais comentados da internet brasileira. Resultado: Boicote ganhou ares de manifestação política, inclusive com cobertura da imprensa. Demonstração da capacidade de mobilização dos alunos. Conquista: Alunos com mais consciência da liberdade de expressão e do poder de mobilização que têm através das mídias sociais. Até o dono da cantina elogiou a iniciativa. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 17. Cases Mídias Sociais como ferramenta política• Londrina - PR Estopim: Assassinato em maio/2011. Fato: Mulher foi assassinada em seu carro por um menor no centro da cidade às 11h. Motivo: Impunidade, polícia apática e ineficiente (ou corrupta?), corrupção política (desvio de verbas públicas), população conformada e descrente. Repercussão: Milhares de posts no Facebook, Twitter e Orkut (principalmente). Foi criada uma página no Facebook “Londrina Acorda. Segurança Já!” (hoje com quase 2 mil seguidores) que se tornou o principal ponto de reunião, troca de ideias e organização de manifestações relacionadas a segurança, corrupção de políticos (incluindo o prefeito) e outros assuntos coletivos. “Essa é uma página criada para conseguir mais segurança para a nossa amada Londrina. Não podemos mais ter medo de sair nas ruas, pensando que seremos assaltados, sequestrados, e até baleados! CHEGA de VIOLÊNCIA! CHEGA de CORRUPÇÃO! Nosso governantes têm que saber que estamos Preocupados e Queremos MUDANÇAS JÁ!” Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 18. Cases Mídias Sociais como ferramenta política• Londrina - PR Resultado: Mobilização, manifestação e união de parte da população (inclusive de londrinenses que não moram mais lá). Faixas em casas e prédios exigindo segurança, punição e justiça; cobertura da imprensa estadual. O menor assassino foi encontrado (em Recife - PE) e capturado. Conquista: Mobilização e protestos da população, antes apática, conformada e desunida. Empoderamento da população, que, em parte (uma parcela da população), saiu do comodismo e da descrença, se mobilizou e se manifestou. Foi criado um sentimento de mobilização entre as pessoas. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 19. Cases Mídias Sociais como ferramenta política• Londrina - PR NOTA: “Pessoal de Londrina, aqui vai um desabafo.”BLOG: http://londrinasegura.blogspot.com/ Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 20. Cases Mídias Sociais como ferramenta política EgitoPaizão queria inovar e se inspirou na web. Agora, muita gente está curtindo o novo bebê Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 21. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 22. O futuro é de quem influencia (e o presente também).“O importante não é mais estar conectado. Mas o valor de cada pessoa nas redes sociais”(Alessandra Lariu, publicitária e guru dos geeks) REDES DE INFLUÊNCIA Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 23. Alessandra Lariu, publicitária brasileira criadora da She Says, empresa virtualque reúne mulheres da área de publicidade digital para ajudá-las a conquistaruma posição no mercado.29ª pessoa + criativa do mundo em 2010 – revista americana Fast CompanyColuna na revista INFO“A década passada foi das Redes Sociais. Nos próximos 10 anos, nossa vida online seráregulada pelas nossas Redes de Influência. Até agora usamos a internet para cria conexãoentre amigos, colegas de trabalho, família... De agora em diante, o mais importante não é aconexão em si, mas o valor (e a influência) de cada pessoa nas redes sociais. O que cadaum pode acrescentar ao(s) grupo(s). Agora que todo mundo está conectado, o passo ésaber quem são as pessoas com poder de influenciar e colaborar com outras.” Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 24. ERA DA VERDADE e TRANSPARÊNCIAERA DA COLABORAÇÃO E DA COLETIVIDADE (fazer juntos, somar forças) CO LABOR AÇÃO Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 25. Quando é requisitado, o líder não vê obstáculos. É solidário e está sempre pronto.“Liderar é mobilizar pessoas em direção a um destino comum.” O que envolve umsem número de pequenas ações.Para ser líder é necessário:- Ser bom estrategista;-Cercar-se das “pessoas certas” => influenciadoras, formadoras deopinião, “evangelistas”, boas propagadoras de uma ideia ou causa;-Inspirá-las com os valores de uma causa.Fonte: EugênioMussak – Revista Você s/aEstilo Visionário: Canaliza as pessoas para visões e sonhos partilhados a partirde argumentos positivos. É apropriado para situações em que ocorremmudanças que exigem uma nova visão. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 26. *Fonte: Revista Galileu Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 27. Vídeo - Percepción de la realidad http://www.youtube.com/watch?v=AbOmED-UWso Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 28. Geração Y (sociologia e psicologia)Nascidos entre o final da década de 70 até meados de 90, são jovens com:- Autoestima alta;- Seguros de seus pensamentos e conhecimentos (acesso a informações não é problema);- “8 ou 80” – não existe o “morno”- 100% digitais;- Não reconhecem e não valorizam hierarquia;-Relações horizontais, de respeito mútuo e de troca;- Multimídia;-Multitarefa;- Dispersos (muitos estímulos);- Super protegidos pelos pais (“pais helicóptero”);- Buscam significado p/ vida e trabalho;- Valorizam transparência e sinceridade nas relações;- Querem ser felizes e fazer a diferença;- Paradigma do excesso de opções: onde se pode tudo, não se pode nada.- Desejo de cuidar do planeta / interesse na sustentabilidade;- Crença na construção de um planeta mais “legal”;- Os resultados precisam ser mais rápidos e os desafios, constantes;- Querem aprender o tempo todo, com alguém ético e competente;-Praticam o engajamento sutil (que traz a mudança radical);-Não são revoltados e têm valores éticos muito fortes, priorizam o aprendizado e as relações humanas;-Rumo à economia mais criativa, equilibrada e sustentável .Preocupados com o meio ambiente e as causas sociais, têm um ponto de vista diferente das gerações anteriores, que viveramépocas de guerras e desemprego. Questionando o que é a realização pessoal e profissional e buscando agir de acordocom seus próprios interesses, os jovens estão levando a sociedade a um novo estágio, que será muito diferente do que conhecemos.(Anderson SantAnna, professor de comportamento humano da Fundação Dom Cabral – Revista Galileu) Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 29. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 30. "Esse ambiente onde qualquer um pode ser desmascarado com uma simples busca no Google ensinou aos maisnovos que a clareza e a honestidade nas relações é essencial. O respeito em relação aos superiores ou iguaisexiste, mas é uma via de duas mãos. Eles só respeitam aqueles que os respeitam, e veem todos em uma situação de igualdade", (Ana Costa, pesquisadora da FIA).“Eles estão customizando a própria existência, impondo seus valores e criando uma sociedade mais voltadapara o ser humano, que é o que realmente importa no mundo.“ (Tânia Casado)*Fonte: Revista Galileu Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 31. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 32. Em quais situações vale a pena / adianta mobilizar pessoas?-Causa relevante;-Interesse comum (de todos ou, pelo menos, da maioria);-Quando você não vai se expor demais e ser prejudicado por isso.*As mesmas regras e leis do mundo offline valem para o mundo online.Portanto, conheça seus direitos e deveres!“O mix entre o real e o virtual não tem mais fronteiras. Não existe mais marketing digital,e sim marketing para o mundo digital, por exemplo.Antes a interatividade estava só na web. Agora o mundo inteiro está mais interativo.”(Alessandra Lariu - publicitária) Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 33. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 34. Manifesto / mobilizo POR QUÊ?Para exibir a diferença ou a semelhança.Coluna do psicanalista Contardo Calligaris, “Passeatas Diferentes”, na Folha de S. Paulo de 30/06/11.“Para ter proteção e respeito, nenhum cidadão deveria ser forçado a mostrar conformidade aos ideaisestéticos, sexuais e religiosos dominantes. Se você precisa parecer “comum” para que seus direitos sejamrespeitados, então você está sendo discriminado: você não será estigmatizado contanto que camufle a suadiferença.”Categorias de manifestações:1) as mais generosas, que pedem liberdade para todos e, sobretudo, para os que, mesmo distantes e diferentes de nós, estão sendo oprimidos;2) aquelas em que as pessoas pedem liberdade a si mesmas;3) aquelas em que as pessoas pedem repressão para os outros.Maria vai mesmo com as outras?*Filme “Homens e Deuses” – importância do fator “pertencimento ao grupo” para tomar decisões, se expor ecorrer riscos.
  • 35. Objetivo das manifestações-Proteger os direitos dos que não são e não topam ser “comuns”, aqueles cujos comportamentos “caricaturais”testam os limites da aceitação social-Manifestações libertárias, em busca de sua própria liberdade, sem concessões estratégicas.- Lição cívica: com o direto deles à diferença, o que está sendo reafirmado é o direito à diferença de cada um denós.Marcha para Jesus-Para muitos, momento de afirmação positiva de seus valores e estilo de vida: vontade de amar e seguir Cristo.-Para outros, crítica à decisão do STF de reconhecer a união estável de casais homossexuais e autorizar asmarchas pela liberação da maconha.- Portanto, a marcha não foi por Jesus, mas contra homossexuais e libertários.
  • 36. Marcha da Liberdade Marcha da Maconha Parada Gay
  • 37. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 38. Tenha estratégia-Conheça a sua rede- Mantenha contato freqüente com elaTenha cautela-Mídias sociais são fáceis de rastrear.-Fenômeno novo – pessoas ainda não sabem como levar suas vidas online.Ou aprendem bem rápido, ou podem se encrencar.-Pesquisa da agência de recrutamento Robert Half com 2.500 executivos => 44% dos executivos brasileiros desclassificariamo candidato em processo de seleção por seu comportamento no Facebook e no Twitter.-92% das empresas americanas já usaram ou planejam usar as redes sociais no processo de contratação (e não só o LinkedIn).-60% das companhias pesquisadas assumem bisbilhotar no Facebook e metade, no Twitter (*Jobvite – rede social de recrutamento).-Nos Estados Unidos, 1 em cada 5 divórcios traz a palavra Facebook, e 81% dos advogados dizem que esse número tem crescidonos últimos anos. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 39. Cuidados na WebPessoasRESOLUÇÃO / Não poste fotos em alta definição. Elas podem ser usadas emmontagens.PRIVACIDADE / Informações pessoais apenas para amigos.AMIGOS / Adicione e aceite apenas conhecidos.IMPULSO / Pense bem antes de postar, ainda mais em momentos de nervosismo edescontrole.FILHOS / Eduque as crianças para evitar que passem informações particulares.CUIDADO / Frases ou fotos fora do contexto podem ficar sem sentido e/ou ofensivas.VOCÊ S/A / Empresas procuram informações em redes sociais. O eu você colocar nasua página define quem você é. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 40. Empresas PROIBIÇÃO / Com o uso institucional das redes sociais, não dá para proibir que funcionários acessem o Facebook e o Twitter no trabalho. FUNCIONÁRIOS / Seminários sobre o assunto e manuais de comportamento ajudam a conscientizar os funcionários de como usar as redes sociais. RECLAMAÇÕES / Cuide da imagem da empresa na rede. Tente resolver os problemas em vez de reprimir as críticas.*Fonte: Revista Info – Julho/2011 Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 41. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 42. 15/6/2011 Vancouver Canucks X Boston BruinsAdotaram as Mídias Socias para combater o crime Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 43. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 44. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 45. 2008 Baseada na Constituição Dinamarquesa – 1944 – Independência CrowdsourcingO crowdsourcing é um modelo de produção que utiliza a inteligência e osconhecimentos coletivos e voluntários espalhados pela internet pararesolver problemas, criar conteúdo e soluções ou desenvolver novastecnologias. Fonte: Wikipedia Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 46. Site - O HubMobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 47. Página do Facebook - O CRMMobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 48. Twitter – Link e RespostaMobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 49. Youtube Transparência Flickr Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 50. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 51. Acesse: http://www.blogger.com/Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 52. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 53. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 54. Chamar atenção Pesquisa Identidade Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 55. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 56. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 57. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 58. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 59. Deslogado LogadoMobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 60. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 61. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 62. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 63. (http://dicastwitter.blogspot.com/2010/05/linguagem-do-twitter.html) Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 64. Acesse: http://www.twitter.com/Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 65. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 66. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 67. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 68. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 69. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 70. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 71. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 72. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 73. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 74. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 75. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 76. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 77. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 78. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 79. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 80. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 81. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 82. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 83. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 84. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 85. Acesse: http://www.bit.ly• Twitter = se vira nos 140 caracteres• Número de cliques que seu link recebeu• Local do mundo eles vieram• bit.ly j.mp•Personalizá-los: http://www.mobpessoas.blospot.com http://j.mp/mobpessoasMobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 86. Acesse: http://www.webdoc.comhttp://www.youtube.com/watch?v=hFFDnM32Fww Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 87. • Fácil de usar;• Intuitivo;• Arrastar e Soltar;• Incorporado e Compartilhado em diversos lugares da web 4 5 2 1 3 Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 88. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 89. Acesse: http://www.webdoc.comMobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 90. Outros exemplos: http://vimeo.com/21397003Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 91. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 92. Offline Online Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 93. App – Leitor de QR CodeMobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 94. Como fazer? Acesse: http://www.google.com •Gerador de QR Code Exemplo: http://qrcode.kaywa.com/ http://www.mobpessoas.blogspot.comMobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 95. Acesse: http://www.picbadges.comMobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 96. Para que serve?Sentimento de Desperta Vestir a camisapertencimento curiosidade pela causa à um grupo Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 97. Como fazer?http://www.youtube.com/watch?v=wuGTOo0k-yM Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 98. Colocando no blog?Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 99. • Resumo diário de posts do Twitter/ Facebook em formato de jornal• O site mostra o que foi publicado, de mais relevante, em 24 horas Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 100. Qual é a fonte? Para que serve?Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 101. Como fazer?http://www.youtube.com/watch?v=wpW23rhdYAw Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 102. Acesse: http://www.peticaopublica.com.br/ / http://www.abaixoassinado.org Hospedagem Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 103. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 104. Estabeleça um relacionamento, responda Tuíte e não abandone a sua conta Não apenas retuíte Mas não tuíte demais Não „mendigue‟ retuítesNão „mendigue‟ para que as pessoas te sigam #Não #use #hashtag #para #todas #as #palavras Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 105. Quais os horários de maior volume nas Mídias Sociais? Scup Oficina da Net Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 106. Quais os horários de maior volume nas Mídias Sociais? Detalhado Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 107. Qual o melhor horário para postar nas Mídias Sociais? Conheça se targetNos horários de pico, assim como vc, há Planeje suas ações de vários tentando comunicação chamar a atenção Faça testes Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 108. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 109. Tuitaço #EuVotoMarina Online - Offline Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 110. I PASSEATA NACIONAL POR UMA EDUCAÇÃO MELHOR https://www.facebook.com/event.php?eid=134576049950807 Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 111. I PASSEATA NACIONAL POR UMA EDUCAÇÃO MELHOR Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 112. I PASSEATA NACIONAL POR UMA EDUCAÇÃO MELHOR Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 113. I PASSEATA NACIONAL POR UMA EDUCAÇÃO MELHOR Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 114. I PASSEATA NACIONAL POR UMA EDUCAÇÃO MELHOR Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 115. I PASSEATA NACIONAL POR UMA EDUCAÇÃO MELHOR Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 116. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 117. “Eles podem desligar nossos computadores e celulares, mas não desligaram nossas mentes”. (Tamer Nabi , manifestante egípicio)Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 118. “O que quer que você possa fazer ou sonhe que possa, comece. Faça.Coragem contém gênio, poder e magia” (Johann Goethe) Bote a boca no trombone, faça e aconteça! Mas, siga pelo caminho do meio. Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 119. Paula Diniz – paulagdiniz@gmail.com @paulagdiniz Kalyl Rachid – kalylfr@gmail.com @kalylrachid j.mp/MobRedes Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais
  • 120. FontesRevista InfoRevista Você s/aResults On PocketE-book “Para Entender as Mídias Sociais”Revista Interesse NacionalRevista Estudos em Comunicação (número 8)Revista Lola MagazineRevista GalileuLivro “A Bíblia das Mídias Sociais” – Lon Safko e David K. BrakeSite IDG Now: www.idgnow.uol.com.brIndicaçõesLivros “Macro Wikinomics”, “Wikinomics” e “A Hora da Geração Digital” –Don TapscottLivro “A revolução das mídias Sociais” - André TellesMídia Boom – Coletivo sobre Comunicação Digital: http://midiaboom.com.br/Marketing Rede: http://www.marketingrede.com.brContribuições:@GilGiardelli@RichMartelli@RodrigoFuruta j.mp/MobRedes Mobilização de Pessoas pelas Mídias Sociais